Ceticismo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikisplode.gif
Para os fanáticos religiosos entre nós que escolhem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Ceticismo.

Cquote1.png A cética de boca fechada é uma poetisa Cquote2.png
Romário sobre ceticismo

Cquote1.png Você traiu o movimento crente, véio! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre ceticismo

Cquote1.png Na União Soviética, o ceticismo não acredita em VOCÊ!!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre ceticismo

Cquote1.png Estou certo de que isto non ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre ceticismo

Cquote1.pngVocê quis dizer: Pseudo-intelectualCquote2.png
Google sobre Ceticismo

Tabela de conteúdo

[editar] Definição

Ceticismo é um ismo como qualquer outro, algo para quando alguém te perguntar "o que você é?" você não ficar hesitando e dizer idiotices como nihilismo. Mania de levantar bandeiras sobre coisas vazias e inúteis. Resumindo, são analfabetos que duvidam de tudo.

Ceticismo do latim (Ceti = cocô de pomba, ismo = adoro comer). O Ceticismo é uma filosofia grega e foi criado por Pirro de Ellis (mais um "famoso quem?"), mas quem a divulgou para o mundo foi o Padre Quevedo (humorista da MTV).

[editar] Cético

O termo cético é usado atualmente para se referir a uma pessoa que tem uma posição crítica em determinada situação, ou seja, o babaca do contra.

Um cético pode ser identificado pelas seguintes características:

E, com menos frequência, afeminado.

James Randi

Os céticos questionam a veracidade de tudo, e para isso usam a ciência instrumental, mesmo que nunca tenham visto uma lente de aumento em sua frente, ou seja, são charlatões que entre si se alimentam da charlatanice alheia.

Contudo os céticos científicos constantemente recebem também acusações de terem a "mente fechada" ou de inibirem o progresso científico, o que seria verdadeiro se alguém desse ouvido a esses babacas.

[editar] Considerações Finais

Os céticos são o exemplo de inutilidade glamurisada, eles tratam da sua inutilidade com uma empáfia que quem está despercebido até os confundem com seres humanos. Um humano dizendo: "O criacionismo não existe", Um cetico tentando agregar valor à sua inútil emanação de som pela boca: "a teoria religio-espírito-meta-sophidíaca é um equivoco socio-cultu-igno-plástico". O Cético é um Neologista por natureza, se algo não tem nome ele começa a salivar!!!!! como um produtor agrícola encontrando uma mata virgem.


[editar] Ligações externas


Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas