Charlize Theron

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
ESTE ARTIGO É SOBRE UMA GOSTOSA!!

Ela provavelmente não sabe atuar, dançar, cantar, desfilar, praticar esportes, fazer cálculos matemáticos ou qualquer coisa de útil para a humanidade. Mas quem liga? Todo mundo a conhece apenas porque ela é uma baita duma

GOSTOSA

Morena a toa.jpg
Charlize Theron
Charlize Theron kiss ass.jpg
Charlize Theron e o típico cumprimento de sua tribo sul-africana
Nascimento 7 de Agosto de 1975
Benoni, Gauteng, África do Sul
Ocupação Assasina psicopata, Prostituta e esposa de dezenas de atores (atuando em filmes)
Olhos Azuis
Cabelo Loiros
Principais trabalhos sósia de Aileen Wuornos
Prêmios Oscar melhor atriz como maluca desfigurada em Monster (Prêmio de consolação)

Cquote1.png Você quis dizer: Chatize Theron Cquote2.png
Google sobre Charlize Theron
Cquote1.png Você quis dizer: Putize Theron Cquote2.png
Google sobre Charlize Theron
Cquote1.png Você quis dizer: Puta Paga Cquote2.png
Google sobre Charlize Theron
Cquote1.png Você quis dizer: Péssima Atriz Cquote2.png
Google sobre Charlize Theron

Charlize Theron é uma pseudoatriz de Hollywood, logo alguma daquelas loiras gostosonas, que só sabe tirar a roupa (fez isso em praticamente todos os filmes), tanto que já perdeu a graça e nem tem mais o que mostrar, nos próximo filmes ela pretende mostrar o útero para chamar mais atenção. É uma espécie de Scarlett Johansson melhorada, pena que já esteja ficando véia com mais de 40 anos, porém ainda está bem bonita e boa de carcaça: sabe que Aeon Flux sendo um fluxo é mais maleável que o normal. Charlize é famosa no cinema pelos inúmeros papeis que fez como "esposa chata do protagonista que só serve para dar uma trepadinha e relaxar o cara dos problemas da vida", mas seu grande papel de destaque foi interpretando uma maluca lésbica serial killer.

Biografia[editar]

Um dos raros casos em que já era gatinha e gostosa entes da fama... mas e dái? Nem eu nem você comemos.

Charlize Teron nasceu naquele lugar da África, que faz parte 5% da população africana, em que se preservam espécimes de pessoas brancas, talvez por ser tão pouco é que se apartem preservem tanto. Nascida por lá e tendo sido criada por bonobos, ela desenvolveu sua capacidade de fazer de conta muito cedo, pois não pode ser criada pelos pais, que ao brigarem faziam voar banana pra todo lado, sua mãe vivia mais roxa do que branca, apesar de ser igual à Charlize, mas vivia roxa. Só não vivia mais roxa a mãe de Charlize porque o marido algumas vezes ao invés de estar bêbado, estava sim trêbado, ficando mais fácil da mãe dela se defender, então ele quem acabava por adquirir a coloração arroxeada.

Charlize Teron perguntando por que não avisaram que ela tinha que falar merda.

Como nenhuma assistência social achava inadequado uma criança ser mantida com os pais nessas condições, Charlize aceitou a oferta de seus, então como ela achava animais de estimação que eram um casal de bonobos que já criavam cerca de 15 bonobinhos, criarem Charlize Teron, também sem problemas. Dessa forma ela desenvolveu sua habilidade de fazer de conta, fingindo que os bonobos eram seus pais verdadeiros. Como foi criada à base de banana, água de coco e beluga assada na fogueira, saudavelmente cresceu gostosa e lisinha, melhorando o que a natureza já lhe havia proporcionado no nascimento.

Atuando já nesse tempo, ela mantinha umas conversas formais e informais com seus pais e outros macacos bem como a fauna toda. Já era atriz nessa época e gostava mesmo da história de fazer de conta. Até mesmo se curou do trauma das brigas dos pais verdadeiros, depois voltou para ajudar seu pai a sair do álcool com uma receita que levava cocô de chimpanzé, banana e um ingrediente secreto que passaria, após passar para seu pai, ao resto do mundo.

Chegando ao seu antigo lar porém, teve uma surpresa desagradável: seu pai havia tentado matar a mãe dela, mas quem se fudeu foi ele, pois tentou atacar a esposa em um dos dias que passava do habitual bêbado, para o estado trêbado e, sua mãe então levou a melhor, mas teve que matar o pai de Charlize... que por sua vez ao saber ficou desolada dizendo após um estalinho com a boca: ah, então agora já foi, melhor levar minha fórmula pra outra pessoa - ao que sua mãe disse: É mesmo.

Ela fica muito boa fazendo cara de má.

A fórmula já não existia mais, pois os bonobos não queriam que ela fosse embora e, haviam jogado toda a porcaria em um poço muito fundo. Charlize não lembrava dos ingredientes todos a não ser do cocô gentilmente cedido dos chimpanzés para os bonobos mais a parte da banana. O outro ingrediente da fórmula antialcoolismo, ela não lembrou mais, ficando assim perdido pra sempre. Pena, pois dava sempre certo para os macacos quando eram bêbados incuráveis.

Restante da juventude[editar]

Charlize Theron durante a época do treinamento militar.

Charlize Theron, loira e bonita, logo não tinha talento para trabalhos convencionais que exigem um mínimo de inteligência (isso ela nunca teve ou sim). Já sabendo disso desde muito jovem, na sua tribo onde nasceu na África do Sul, procurou logo ganhar concursos de beleza e assim fugir de ter o seu clítoris mutilado ao completar 18 anos. Entrou clandestinamente em um avião e foi tentar ganhar a vida com sua beleza nos Estados Unidos. Tentou a sorte como garçonete, como dançarina, como prostituta, mas nada dava certo, então foi à Los Angeles, a cidade onde todo mundo consegue algum emprego.

Carreira[editar]

Charlize no tempo que se divertia subindo nas bananeiras.

Charlize queria apenas uma chance de por em prática tudo que havia aprendido com seus pais bonobos, principalmente a arte de fazer de conta, então tentou a carreira como dançarina, uma das coisas também que aprendeu em meio à macacada e que mais gostava de fazer, principalmente quando acorria chuva de bananas, em que a macacada toda ficava doida e ela mais se divertia.

Ao fazer seus testes para dançarina, porém algo a atrapalhava: uma lesão que havia acometido seu joelhinho numa ocasião em que foi pular de cipó ainda na adolescência e caiu, não por falta de habilidade, mas porque naquele dia havia resolvido experimentar a manguaça pra ver o que seu pai tanto achava naquilo. Não gostou nem da manguaça, nem de cair do galho.

Certa vez(e dessa vez o joelhinho nem ajudou nem atrapalhou), Charlize Theron deu um calote no banco, e quando recebeu a notícia de que o seu saldo estava negativo, ela rodou a baiana na agência bancária, e assim chamou a atenção de Tom Hanks que estava preso naquele Terminal, e ele decidiu chamar aquela louca gostosa para atuar em seu filme de baixíssimo orçamento. Dessa forma, o sucesso de Charlize Theron foi alavancado, porque Tom Hanks tem o "toque de Midas" de Hollywood, qualquer porcaria que ele faz vira sucesso inexplicavelmente. Dessa forma Charlize Theron foi sendo chamada para ser namorada, amante, esposa, puta paga de protagonistas em mais de 30 filmes.

Um deles, O Advogado do Cão - nesse último ela fez par romântico com o bonequinho vivo Keanu Reeves, melhor assim, pois ela não precisou dar, já que não fazia par com um homem mesmo e, com demônios pra todo lado, do tipo que até Sam e Dean ririam deles, daí é que ela não iria mesmo fazer nada.

Após exorcizar os demônios deixando-os calminhos, ela investigou o roubo do Banco Central de Fortaleza, aonde os bandidos deram "Uma saída de mestre" (The Brazilian Job), usando o codinome Æon Flux, ela pretende acabar com essa máfia.

Com a carreira mais estabilizada, começou a protagonizar alguns sucessos e ser o nome famoso de peso em outros filmes meia-boca, como por exemplo, ser a única atriz conhecida, e de apelo sexual no filme Prometheus, e no mesmo ano ser a Rainha Má em Branca de Neve e o Caçador, onde é impossível não acreditar que ela estivesse mais bonita que a Branca de Neve do Crepúsculo.

Vida Pessoal[editar]

A segunda personalidade maligna de Charlize Theron: a sem maquiagem

Charlize Theron no início da carreira começou a namorar um baterista de banda de garagem inglesa mas com a vinda do sucesso começou a deitar com Al Pacino, o Advogado do Diabo, mas num certo novembro traiu o marido para ir se aventurar com John Constantine e centenas de outros homens e mulheres também.

Atualmente trabalha como agente secreta da KGB como Æon Flux.

Curiosidade[editar]

  • Poucos sabem (poucos sobreviveram para contar), mas Charlize Theron tem uma segunda personalidade chamada Aileen Wuornos.