Chiaki desu PUU!

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Loirastupidaaaa.jpg Hello, Honey! Este artigo é fashion!!

Este artigo é algo que eu e minhas amigas pink adoramos! Se você for nerd ou pobre, tipo, é melhor passar longe daqui, e se vier aqui pra arranjar confusão, nós vamos chamar a galerinha popular para humilhar você!



Loituma.gif Este artigo é sobre algo ou alguém que enche o saco e inferniza os outros por diversão. Se você vandalizar, ele será seu tormento pro resto da vida!
331px-Longcat.jpg Prepare-se para ler:
Esse artigo é muuuuito grande e pode causar cegueira.
Pense duas vezes e não seja tão idiota antes de ler algo assim

Cquote1.png Você quis dizer: Ex do Endo? Cquote2.png
Google sobre Chiaki Fujimoto
Cquote1.png Você quis dizer: Cyndi Lauper japonesa? Cquote2.png
Google sobre Chiaki Fujimoto
Cquote1.png Experimente também: Kyary Pamyu Pamyu daqui a alguns anos. Cquote2.png
Sugestão do Google para Chiaki Fujimoto
Cquote1.png PUU! Cquote2.png
Chiaki sobre qualquer coisa.
Cquote1.png Chiaki, eu te amo! Cquote2.png
Shozo Endo (anos atrás) sobre Chiaki
Cquote1.png Eu sou mais bonita do que ela Cquote2.png
Masami Ishida, atual esposa do ex da Chiaki sobre a ex de seu marido

Chiaki
Puu.jpg
Fazendo o seu gesto mais popular, o "puu", que mostra que ela é retardada mesmo!
Nascimento 26 de Outubro de 1971
Maizuru, Kyoto Bandeira do Japão Japão
Ocupação Tarento (artista japonês que faz tudo, mas na real não sabe fazer porra nenhuma)
Medidas 58cm de cintura (bem magra!), 80 de peito e 82 de bunda.
Altura 1,52m
Peso 40,2kg
Signo Escorpião
Cônjuge Endo Shozo (2002 - 2007) Outro japa que não sabemos o nome (2016-)

Chiaki Fujimoto (藤本 千秋 Fujimoto Chiaki, no Japão até os nomes são lidos de trás pra frente, seu burro!), também conhecida carinhosamente apenas como Chiaki (千秋) é só uma mulher chata pra caralho que ficou conhecida no Japão por ter se casado com um famoso comediante japonês da dupla Cocorico, Shozo Endo. Chiaki aparece inúmeras vezes no Gaki no Tsukai fazendo papel dela mesma: o de guria retardada! Chiaki é uma tarento, que é um artista japonês que faz de tudo, mas na real não sabe fazer nada direito! Ou seja, ela não é 9999 in 1.

Vida e carreira[editar]

Chiaki nasceu em Kyoto em uma família distinta,seu pai era presidente de uma fábrica de vidro temperado do Japão, ou seja, a Chiaki nasceu RYCA!, nem precisava trabalhar pois sua herança já garantiria sua aposentadoria na Riviera Francesa. Mas os pais de Chiaki perceberam que ela era uma menina prodígio, uma menina com vocação para a música, aprendera a tocar piano com 3 anos de idade. Agora que músicas ela tocava, ninguém sabe, nem teve coragem de perguntar e Chiaki não faz a menor questão de falar.

Os pais de Chiaki a inscreveram em um concurso de talentos e ela ganhou, se tornou dubladora de algum personagem de anime antigo pra criancinhas. Mais tarde, bem mais tarde mesmo, Chiaki foi chamada por um comediante chamado Teruyoshi Uchimura, da dupla Ucchan Nanchan, pra se juntar a ele e ao Chimbinha e formarem uma banda de Punk Rock chamada POCKET BISCUITS. Sim, o nome se escreve em caixa alta mesmo por causa do estilo musical de Chiaki, ela não cantava, mas sim gritava! E para uma banda de Punk Rock, principalmente japonesa, era mais do que perfeito.

POCKET BISCUITS
BLACK BISCUITS (pra ver como a Vivian era OUTRO NÍVEL!)

POCKET BISCUITS, ou Pokebi (que não é nome de Pokémon) para simplificar, foi criada para ser uma "rival" de uma outra banda chamada BLACK BISCUITS, criada por Kiyotaka Nanbara, o parceiro de Uchimura (pelamor de Deus, Nambara é parceiro de trabalho de Uchimura não sexual!!!). Burabi (também pra simplificar) era uma banda de black music, como o nome sugere, duh! O problema é que não tinha nenhum negro quebrando fizesse jus ao nome na banda, não tem negros no Japão e contratar uma americana da cor de pecado seria difícil demais, então contataram uma moça chinesa taiwanesa chamada Vivian Hsu. Muito mais gostosa e talentosa que a Chiaki. Mas por incrível que pareça, os japoneses preferiram a banda de Uchimura! Pokebi foi um sucesso nacional vendeu milhões de discos e até apareceram no Kohaku Uta Gaasen, o show da virada japonês, que mais pra frente teria um concorrente: o No Laughing, no qual Chiaki apareceria todos os anos até você não aguentar mais. Japoneses devem mesmo ser estudados... Mas com o tempo Uchimura enjoou da banda e investiu em outros projetos com o Nambara.

Chiaki então começou a fazer carreira solo e tentou fazer de tudo que um ser humano é capaz de fazer pra mostrar que ela tinha 1001 utilidades. Mas não adiantava muito, Chiaki estava mais esquecida que As Meninas do Bom Xibon Xibon Bom Bom. Bem de Vida!.

♡♡♡Casamento com o Endo #ChiEndo ♡♡♡[editar]

O casalzinho 20 do Nihon!

O ponto alto da vida da Chiaki, sem sombra de dúvidas, foi o seu casamento com Shozo Endo do Cocorico. Endo sempre foi popular entre as mulheres e Chiaki ganhou na loteria. Quer coisa melhor pra uma mulher do que ostentar o marido perfeito. Pois era o que Endo se mostrava na mídia: bonito, rico, famoso, romântico, educado e bem humorado... E, diga-se de passagem, andando com alguém como o Tanaka (isso era na época em que este nem sonhava em se casar), essas qualidades foram reforçadas (pelo menos antes do Tanaka virar modinha).

Tudo começou quando Endo estava em uma festa badalada só pra gente VIP na qual Chiaki também foi convidada, as roupas extravagantes da moça chamaram a atenção e Endo puxou conversa. Descobriram que os dois tinham muita coisa em comum, ela era de família rica e ele também, ela gostava de andar na moda e ele também, ela gostava de beisebol e ele também, ela era patricinha e ele playboy, ela gostava de romantismo e ele também... Só havia uma diferença: Endo era famoso e ela não. Isso fez com que Chiaki investisse nele fazendo a clássica técnica japonesa muito utilizada pelas idols, o amai no oshiri.

Endo, como todo macho alfa que se preze, sempre foi insistente e não sossegava até conseguir levar uma mulher pra cama, e quanto mais difícil a mulher era, mais ele queria. A intenção de Chiaki era fazer com que Endo visse os seus valores. Isso fez com que eles começassem a namorar e, mais tarde, se casassem. Chiaki conseguiu fazer com que Endo se casasse com ela sem ter sequer ido pra cama. Claro que na lua de mel, Chiaki se abriu pro Endo (se é que vocês entendem).

Mulheres (com exceção das que jogam no outro time) e Gays irão reconhecer que Chiaki tem um puta dum bom gosto.

Não foi fácil para a Chiaki se guardar, pois muitas mulheres diziam Endo era bom de cama. Chiaki morria de vontade de descobrir, mas queria fazer uma imagem de santa. Na sua primeira vez com o então marido, Chiaki viu que aquilo não era boato, o cara mandava bem mesmo. E Chiaki fez questão de fazer com que ele se sentisse o bonzão, enchia ele de elogios, e deixava ele dominar sempre. Com essa farra toda ela engravidou de sua primeira e única filha Iroha, que até hoje a acompanha nas comprinhas nos shoppings mais badalados de Tóquio. Se a princesinha não está na escola ou no shopping com a mãe está no golfe com o pai e os amiguinho ricos. Iroha é o orgulho da mamãe!

Mas voltando ao que interessa. Na sua vida de casada, Chiaki fazia inveja nas inimigas e alavancava novamente a sua fama, e as mulheres invejosas que diziam: "você é só a esposa do Endo", Chiaki respondia: "sou, e com muito orgulho, pois meu marido é MAAAARA!", deixando-as com raiva em dobro. Endo era basicamente o capacho da Chiaki, mas isso era resultado do amai no oshiri, tudo o que a Chiaki queria Endo dava. Sim, Chiaki é uma menina mimada...

O amai no oshiri foi eficiente durante anos. Não faltavam declarações de amor na televisão, reality shows com os dois juntinhos e tudo mais. O casamento de Chiaki e Endo era considerado por muitos absolutamente perfeito, de modo que os japas e até os gringos os shipparam fortemente e com isso Chiaki dava o seu ar da graça no Gaki no Tsukai, quando isso não acontecia, seu nome era citado. Isso fez com que Chiaki ficasse internacionalmente famosa! Fora a imagem de musa inspiradora do Endo que a moça ganhou, coisa que Masami Ishida (atual esposa do Endo) não conseguiu fazer ainda.

Divórcio com o Endo[editar]

Com tudo o que o casamento com o Endo proporcionou a Chiaki, o ego dela ficou nas alturas, mas infelizmente (ou felizmente se for pelo ponto de vista dos atuais de Chiaki e Endo) o continho de fadas teve fim. Endo não era de ferro e queria satisfazer seus desejos sexuais, mas era difícil fazer isso com a sua esposa, até pra beijar era uma batalha, com os tempos, Endo foi caindo na real e descobriu que se enfiou em uma cilada, tinha uma imagem de príncipe encantado na mídia graças a suas atitudes motivadas pelo amai no oshiri da Chiaki, ok, lindo! Mas sua vida sexual tava chegando a ser mais parada que a do Tanaka. Endo então resolveu, de maneira escondida, dar umas fugidinhas.

No começo deu pra enganar a esposa, mas mulher quando é traída, só Deus sabe como, sente o chifre e investiga o homem melhor do que os agentes do FBI e da CIA juntos. Chiaki descobriu a traição, mas foi aceitando, até que Chiaki percebeu que com as quengas da rua, Endo não cedia mais ao amai no oshiri e decidiu se divorciar, para a tristeza dos fãs de #ChiEndo.

Cquote1.png Esse arrocha é pra você que achou que eu tava aqui sofrendo Cquote2.png
Lucas Lucco sobre A fila do Endo andando

Se Endo achou que havia se livrado da Chiaki e que sua única ligação com ela era a sua filha, se enganou. Chiaki aparecia todos os anos no Gaki no Tsukai e Endo ainda fazia papel de ex marido arrependido (tudo pelo cachê). Essa imagem era fachada, mas pro o Endo conseguir provar que o focinho de porco não era tomada era difícil. Muitas mulheres achavam que o Endo tinha saudades da ex e se recusavam a ficar com ele durante anos. E essa foi a vingança da Chiaki.

Atualmente os dois arrumaram novos cônjuges e nada mais de ressentimentos (ao que indica).

As Aventuras de Chiaki no Gaki no Tsukai[editar]

A melhor coisa que o casamento com o Endo proporcionou a Chiaki não foi nem Iroha, mas sim suas inúmeras aparições no Gaki no Tsukai, o programa de humor mais famoso do Japão, o cachê de quem participa por lá é altíssimo! Fora que é uma maneira excelente de se divulgar pra mídia.

Já que tentar ser 9999 in 1 não adiantava muito para a sua fama, mas ser esposa do Endo a fazia conhecida, Chiaki resolveu reforçar essa imagem aceitando os convites para aparecer no Gaki no Tsukai. E Chiaki não só aparecia como era mencionada por Endo várias vezes, chegando a ser tema de um episódio em que ela nem aparecia.

No Laughing at the Police Station (não ria na delegacia de polícia)[editar]

A primeira aparição de Chiaki nos Batsu Games. Aqui Chiaki aparece na televisão fazendo o seu tradicional "puu" para dizer "em Brasília Tóquio dez é nove horas". Basicamente foi só isso, Endo, Masatoshi Hamada e Housei Yamasaki (que na época ainda não era Housei Tsukitei) riram daquilo. Por que? Ninguém sabe.

Os caras apanharam no final, pois naquele quadro, o No Laughing, se um dos cinco membros regulares e rir, será punido com uma paulada na bunda.

No Laughing at the Hospital (não ria no hospital)[editar]

Enfermeira Chiaki pronta pra curar sua dor.

Aqui Chiaki aparece vestida de enfermeira (fetiche de muitos homens) umas 500 vezes, na primeira vez desejando sorte pro marido e fazendo "puu" e mais pra frente cantando We Are The World com uns outros japas malucos. Escolheram essa música porque a Chiaki se parece com a Cyndi Lauper.

Endo riu bastante (e consequentemente apanhou), mas não porque a piada era engraçada, mas porque nunca tinha visto sua, até então, esposa com fantasia sexy... ok, nem era sexy, mas fez com que Endo ficasse com fome. Para a infelicidade do então marido, e como já foi dito várias vezes aqui, Chiaki era uma praticante do amai no oshiri. Não rolou porra nenhuma e Endo já estava ficando de saco cheio daquilo.

No Laughing at the Newspaper Agency (Não ria na agência de jornal)[editar]

Chiaki estava recém separada de Endo, e apesar de seus interesses, a moça amava o ex marido, não queria olhar para a cara dele, mas percebeu que aquela edição do no Laughing em particular lhe seria perfeita pois ela iria se vingar do Endo. Chiaki apareceu no No Laughing desejando felicidades para o ex marido, o que deixou este constrangido. Chiaki conseguiu fazer uma imagem de ex esposa compreensiva, mas no fundo ela queria que Endo ficasse encalhado... deu certo até chegar o dia em que Endo conheceu a atual esposa...

SugaStle[editar]

Cutie Moto Shikoku, pronta pra lavar roupa suja

Um dos papéis mais famosos famosos do Endo é um lutador de Lucha Libre chamado Dynamite Shikoku, conhecido por perder todas as lutas no quadro SugaStle. Suga resolveu fazer a ex esposa de Dynamite Shikoku: Cutie Moto Shikoku, que seria interpretado pela Chiaki. Quando Suga convidou Chiaki pra fazer esse papel ela aceitou mais rápido que o rap do outro Suga. Luta significa "porrada", e sabendo que o Gaki no Tsukai não tem limites, Chiaki viu uma oportunidade de espancar o ex marido e sair como inocente. Para a felicidade de Endo isso não ocorreu, Chiaki era uma espécie de heroína de anime maho shoujo que salvou Endo com o poder do pau de diamante (também conhecido como "Tynix").

DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...o repertório solo de Chiaki era tão reduzido e ruim que a produção teve que usar como tema da Cutie Moto Shikoku uma música do POCKET BISCUITS chamada Yellow Yellow Happy.

Endo ficou incomodado de novo, mas tinha que seguir o roteiro e no final gritar "Chiaki, eu te amo!", um de seus antigos bordões.

No Laughing at the Hotel (Não ria no hotel)[editar]

Chiaki de gueixa
Ogawa fazendo a "amiguinha" gueixa da Chiaki

Aqui Chiaki aparece em um comercial de um motel ♡ hotel com um "marido novo" (na verdade era só um ator, pois o cara tinha idade para ser o pai dela), primeiro pedindo a suíte presidencial do hotel, aquela que fica no último andar com vista privilegiada para o Fujiyama e pras lutas de Megazords e do Dragonzord. E convenhamos que ela pode se dar a esse luxo na vida real porque ela é RYCA.

Depois aparecem Chiaki e o "maridão" jogando tênis.

Mais ao final o "marido" some, ninguém sabe pra onde ele foi, mas o que interessa é que Chiaki dança com Natsumi Ogawa, esposa de Masatoshi Hamada e ex gravure idol, as duas vestidas de kimono tentando seduzir Endo e Hamada (e talvez alguém mais), Natsumi acreditava que Endo e Chiaki fossem se reconciliar com isso e sugeriu essa cena final para o Suga (produtor do Gaki no Tsukai, não aquele cara do BTS), que aderiu à idéia.

Mas o problema é que Natsumi queria fechar com um beijo yuri, mas ao invés disso as moças chamaram Endo e Hamada por apelidinhos idiotas: "Onii" para o Endo e "Piko-chan" para Hamada. Isso porque Chiaki fazendo isso, estaria acabando com a sua imagem de mina pura e santa, além do mais, ela não queria beijar outra mulher, a não ser se triplicassem o cachê dela. Claro que a produção não gastaria tanta grana assim e acabou dando no que deu.

Mas não foi de todo mal pra Natsumi, ela conseguiu apimentar a relação com o seu marido, já que o nome "Piko-chan" lembrava outra coisa.

No Laughing at the Airport (Não ria no aeroporto)[editar]

DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ... A novelinha da aeromoça desse No Laughing foi um dos raros momentos no Gaki no Tsukai que vemos várias mulheres bonitas juntas
Chiaki de aerovelha aeromoça tentando deixar o marido falso 2 nas alturas

A produção pegou pesado nessa aparição da Chiaki, resolveram fazer uma novela engraçada. Que era sobre uma aerogorda aeromoça que era travesti de aparência exótica. Chiaki tem uma participação bem ativa, seja sozinha, seja com o seu "marido de mentira 2", isso porque ela também estava encalhada, não havia conseguido ainda um novo marido de verdade. O povo achava que Chiaki sofria do mesmo suposto mal do Endo, resumindo: dor de corna arrependida. Foi a roupa mais sexy que Chiaki usou em toda a sua vida! Chiaki até tentou dar mole pro Endo no ano seguinte depois do No Laughing da virada daquele ano ter acabado. Ela perguntou: "eu fiquei bonita de aeromoça?", mas tomou uma patada do Endo, que respondeu, farto daquilo, a seguinte frase: "agora quem não quer sou eu".


No Laughing, Enthusiastic Teachers (Não riam, professores entusiasmados)[editar]

Chiaki disfarçada de samurai. Dessa vez não teve o maldito "puu".

O No Laughing de 2014 teve duas fases, uma com os comediantes vestidos de professores de uma escola japonesa comum da atualidade e outra no Japão antigo, era dos samurais. Sim, os caras literalmente viajaram no tempo. Chiaki veio a aparecer na segunda fase como um samurai que tentava ser macho, mas na verdade só tava lá pra praticar o shudou. Tanto que ela mandava mensagens de amor pro Endo. Endo nem ria mais, já deu, de tanta Chiaki, todo ano. Tava mais chato que a música de fim de ano da Globo.

Apesar de Chiaki ter chamado a atenção dos japas por estar vestida de homem, Shie Kohinata havia roubado cena, pois era a primeira aparição da ex do Tanaka, que era bem mais gostosa e talentosa. Além disso a reação de Tanaka com a aparição da esposa foi considerada kawaii♡

Bem... Chiaki nunca mais falou com Kohinata depois disso.

No Laughing Detectives (não riam, detetives)[editar]

Chiaki fazendo "puu" versão sexy. Até que aqui ela tá gatinha.

Chiaki fez o papel de várias entrevistadas, no estilo Linha Direta, só que sem a voz alterada em 3 tons mais fina, o que já seria uma piada ótima, mas a piada foi Chiaki pedindo pra que Endo se ferrasse. Em outras palavras, que Endo apanhasse. Endo sofreu um ataque furry e apanhou de um macaco enfurecido.

Cquote1.png Eu amo esse trabalho Cquote2.png
pensamento de Chiaki na hora em que mandou o Endo apanhar de graça.

Chiaki tentou sensualizar em uma de suas aparições pois queria mostrar que poderia ser mais gostosa que aquela magricela da Shie Kohinata ou do que a verruguenta da Masami Ishida, atual esposa do Endo.

Onde está Chiaki hoje em dia?[editar]

Uma mulher fashion

Chiaki tem uma vida parecida com a do Roberto Carlos, passa o ano inteiro sumida, os japas só lembram que ela existe no final do ano, quando tem o No Laughing (tirando os anos de 2012 e 2013 em que a Kohinata roubou cena). Mas tirando isso, Chiaki está muito bem, obrigada. Se casou novamente em 2016, a contragosto da filhinha, que além de ter que engolir uma madrasta nojenta, vai ter que aguentar um padrasto chato que ninguém conhece, mas fazer o quê? A fila anda.

Chiaki ainda tem muita grana pra ostentar com a sua filha. Ainda come bem, se veste com roupas de grife e tira fotos com o seu iPhone pra postar em seu blog. Chiaki atualmente é, como toda boa patricinha contemporânea, blogueirinha. Posta sobre coisas frívolas de sua vida que não vão mudar em nada a sua, mas ao menos não são só posts sobre cachorros, como no blog da Natsumi Ogawa.

Chiaki até superou seu sentimento de raiva que ela tinha pelo ex marido, mas depois dele emagrecer e fazer comercial sensual sem camisa, Chiaki ficou morrendo de raiva novamente.

Fatos sobre Chiaki[editar]

Chiaki posando pra uma capa de revista com a Shie Kohinata. Chiaki teve que subir em um banquinho pra não fazer papel de anão de jardim do lado da Kohinata, que é muito alta.
  • Ela odeia coisas apimentadas
  • Pimenta é afrodisíaca
  • Não é preciso falar mais nada
  • Ela ama morangos
  • Seu time de beisebol do coração é o Hanshin Tigers
  • Ela ama punk rock
  • Esses três fatos anteriores não interessam a ninguém, só estão aqui pra espichar a lista
  • Chiaki gosta de se vestir com roupas diferentes e extravagantes, ou seja, quando a Pamyu Pamyu tiver com seus 40 vai ser como a Chiaki
  • Chiaki é dona de uma grife de roupas para crianças e de uma marca de pulseiras de pedras preciosas
Chiaki não precisa bater continência, ela faz isso porque quer, pois é a rainha do universo (Segundo ela)
  • Ela se acha a rainha do universo, por isso sua foto de perfil no Twitter é uma caricatura dela usando uma coroa
  • Como Chiaki é uma "rainha", Iroha é uma princesa (já viu a merda pronta né?)
  • Percebendo que o casamento de Chiaki e Endo tava mais gelado que o seu casamento, Natsumi Ogawa, esposa de Masatoshi Hamada do Gaki no Tsukai, deu para a Chiaki brinquedos sexuais de presente para ela se divertir com o Endo. Não deu certo, apimentar as coisas não é com a Chiaki...
Chiaki aqui tinha 19 anos, mas aparentava bem mais!
  • Chiaki já trabalhou com a Shie Kohinata, a ex de Tanaka, no programa do seu marido, o Cocorico Miracle Type. Chiaki fez papel dela mesma e Shie de empreguete. A Globo, de maneira esperta, copiou esse quadro e misturou com a história da Cinderela pra fazer o núcleo da Cida na novela das Empreguetes.
  • O fato anterior só foi incluído aqui porque Tanaka é o parceiro (DE TRABALHO) e chefão do Endo.
  • Chiaki também já trabalhou como produtora musical, chamou meio mundo de cantoras que ninguém conhece para fazer covers da Seiko Matsuda, uma idol dos anos 80, famosíssima na época. Claro que Chiaki tinha que fazer um jabá e cantar (lê-se "gritar") também.
  • Chiaki não envelhece, mas sempre teve essa cara envelhecida.
  • Ela parece com a Cyndi Lauper.
  • Como uma boa escorpiniana, Chiaki curte ver o Endo se ferrando nos Batsu Games.

Ver também[editar]