Chico Xavier

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuvola apps core.png Chico Xavier
Xeco.jpg
Chico Xavier em sua cadeira flutuante.
Origem Bandeira do Brasil Brasil link={{{3}}} Minas Gerais Pedro Leopoldo
Sexo Viado Místico
Ocupação Macumbeiro
Profissional
Profissão anterior Professor de Balé (Meta-Dança), Macumbeiro (médium)
Maior aparição Teve um programa de TV
Conchavo É parente de Alan Kardec com Chico Xavier
Maior escândalo Incorporou Judy Garland aos 13 anos de idade
Perfil
Nível de inteligência Icon 33 percent.png A culpa é das estrelas
Plásticas Diz que o amam como ele é
Vícios Cocaína e Tang
Emissora atual Rede TV. (foi demitido)
Preferências
Livro Nuvola apps bookcase.png A hora de dar
Música Emblem-sound.svg.png La Vien Rose - Edith Piaf
Prato Petit Gateau
Filme Musicais, Todos de Judy Garland

Cquote1.png Você quis dizer: Professor Charles Xavier Cquote2.png
Google sobre Chico Xavier
Cquote1.png Você quis dizer: Chico Bento Cquote2.png
Google sobre Chico Xavier
Cquote1.png Você quis dizer: Zé Bonitinho Cquote2.png
Google sobre Chico Xavier
Cquote1.png Você quis dizer: Paulo Coelho Cquote2.png
Google sobre Chico Xavier
Cquote1.png Psicografador virtual frustrado. Cquote2.png
Chico Xavier sobre Google
Cquote1.png ... Cquote2.png
Doutor Roberto sobre Chico Xavier
Cquote1.png EU NÃO SOU MEDIUM, CARALHO! NEM SEI QUEM É ISSO DAÍ! É REFRIGERANTE, PORRAAAAAA? Cquote2.png
Logotipo da Copa de 2014 sobre Chico Xavier
Cquote1.png Recentemente, perdi um dos meus melhores editores. Cquote2.png
Oscar Wilde sobre Chico Xavier
Cquote1.png Adoro passar férias em Marte, um planeta agradável e galera descontraída. Cquote2.png
Chico Xavier sobre suas férias
Cquote1.png Com certeza, existe sim vida lá em Júpiter!! Cquote2.png
Capitão Sarcasmo sobre as suas merdas obras literárias do Chico Xavier
Cquote1.png Chiquinho tem um corte de cabelo chiquérrimo! Cquote2.png
Porta-voz da Comunidade Gay sobre Chico Xavier
Cquote1.png Que nada amigas! Só imito o corte de vocês! Cquote2.png
Chico Xavier respondendo a Comunidade Gay


Francisco Cândido Xavier, também conhecido como Chico Peruquento é um renomado conhecido mutante psicógrafo e também o líder dos X-píritas.

Xavier é um dos mutantes macumbeiros mais poderosos da terra, devido aos seus poderes psicográficos. Xavier pode ver mortos, ouvir mortos, conversar com eles via WhatsApp, adicioná-los no [[|Facebook|Microsoft Facebook]] e mandar e receber mensagens escritas dos mesmos. Ele também é capaz de detectar outros mutantes. Sendo naturalmente um gênio, ele também é uma autoridade em espiritualismo, mutações, estudo de poderes espirituais e possui domínio considerável do conhecimento de áreas relacionadas em ciências ocultas e letras apagadas.

Sendo um visionário, Xavier devotou a sua vida a ensinar os mutantes vivos a conviverem com os seus poderes e a ajudar os mutantes mortos humanos normais a conviverem sem medo.

Biografia[editar]

Como toda pessoa - de preferência famosa - Chico xavier montou sua biografia, através de muita luta e lágrimas... Vamos ver um pouco mais sobre a vida dele aqui.

Infância e Adolescência[editar]

Chico Xavier em sua fase de adolecente rebelde.

Chico Xavier nasceu no buraco de Minas Gerais, Pedro Leopoldo, na data de 1° de abril de 1910. Filho de João Cândido Xavier e Maria João de Deus, ele viveu uma infância difícil na pobreza. Aos 0 anos descobriu por acaso que era gay, viado, biba mesmo, pois era visitado por trás do armário por um tio desconhecido (posteriormente cognominado Emmanuel (não era o Mário, o do armário?) pelo próprio Chico Xavier, já que era traveco e parecia com Emanuelle - porém já bem mais velha!) que dizia que ele não podia contar para ninguém o acontecido pois era invisível. As visitas noturnas de Emmanuel deixavam Chico muito cansado e com fortes dores no olho, fato que prejudicou muito seus estudos. Além disso, como era favelado, Chico precisava trabalhar no DURO diariamente para ajudar seus 11 irmãos, não sobrando muito tempo para os deveres de casa. Por isso só chegou a cursar mesmo os primeiros meses do antigo primário. Entretanto, sendo um puta nerd brasileiro, lia e relia tudo o que ele mesmo escrevia nas horas vagas, demonstrando previamente a sua genialidade, que mais tarde o permitiria fundar a "Fundação X-pírita".

Aos 16 anos, certo que nasceu para ser gay e muito revoltado contra o Sistema Brasileiro de Televisão que não permitia o casamento de bibas, Chico Xavier toma uma decisão ousada e funda a banda Ramones (nome este baseado em RAMON, seu cachorro vira-lata, e na crença do cachorro: o ESperitismo). Juntando todo dinheiro conseguido com anos de shows, Chico e sua banda viajam o mundo em um enorme pau de arara, divulgando a paz e o amor homossexuais de suas músicas pelo Brasil.

Por onde passa Chico Xavier deixa muitos namorados, apesar das reclamações de Emmanuel que nem por isso deixou de visitá-lo por trás do armário todas as noites. É nesse período que a visão sobrenatural de Chico se alarga e as dores em seu olho só pioram. Bengalelê Motumbo, namorado que Chico conhece na Bahia, é quem o presenteia com aqueles rídiculos óculos de Elton John e também com uma belíssima saia rodada de baiana, devido a agradável noite que passaram juntos. É como lembrança dessa noite e em homenagem ao negão Motumbo que Chico nunca deixou de usar os malditos óculos, embora todas as suas "amigas" estilistas dissessem que eram óculos cafonérrimos, que não eram para doentes dos olhos e sim da cara. A verdade é que Chico Xavier nunca ligou para esses comentários, dizia que eles eram um uó e não os tirava nem para tomar banho.

Mas a vida é uma caixinha de surpresas, como diria Joseph Climber, e numa bela manhã de sol, 2 anos e 24 meses depois, mais dando do que recebendo, o desafortunado Chico Xavier enche o saco desse papo revolucionário e cai fora da banda dando a desculpa: "Morri... queridos, vou ali tirar a manhã para fazer as unhas com um amiguérrimo que conheci ontem... fui!", a banda até pensou em fazer a egípcia, mas responderam "Aloka! Se joga, pintosa!". Chico até achou graça, mas mesmo assim foi dar um trato nas unhas (na cor garota verão da Colorama, claro!), gostou tanto que depois depilou as sobrancelhas, alisou as madeixas já que o picumã tava devendo, e aí foi fazer compras já que estava "toda montada, com o look de botar o Axl Rose no chinelo", e para não estragá-lo resolveu fazer a Angélica para a padaria do outro lado da rua, e porque também não estava com vontade de encontrar uma Ana Cláudia.

Mas, como a vida é uma caixinhas de surpresas, aos 24 anos seus poderes mutantes se manifestaram pela primeira vez, permitindo com que ele falasse com os mortos, com aqueles que ainda iam morrer e com o Bozo de quem era fã. É de sua autoria a famosa frase: "Tô beje amiga, eu vejo gente morta!", mais tarde traduzida para o inglês: "I see dead people" pelo grande cineasta indiano estadunidense M. Night Shyamalan, que, inclusive, fez um filme homenagem denominado O Sexto Sentido, "The Sixth Sense" para os íntimos.

Fundação da Macumba[editar]

Do período de 1927 a 1931, Chico Xavier usou os seus poderes demoníacos como mecanismo da sua primeira profissão: "Detetive Gay Sobrenatural". Ele obteve relativo sucesso na busca e captura de youkais, mas infelizmente, não foi capaz de desenvolver corretamente o Leigan. Toda vez que Chico concentrava poder espiritual na ponta do dedo, o mesmo começava a se mover por vontade própria, o que o levou a desconfiar da natureza psicográfica de seu poder espiritual. Vidente extraordinário, Chico previu várias vezes a quina da loto, entretanto jamais pegou o prêmio, pois este era "uma encarnação diabólica da natureza humana dos ETs Marcianos" e não era a mega-sena acumulada de fim de ano.

Em 1931, Chico Xavier entrou novamente em contato com uma entidade feita de pura energia espiritual, conhecida como Emmanuel, que desta vez se dizia um ser derivado do poder da Fênix oriunda do longínquo Travecoquistão, uma esquecida ex-república da antiga União Soviética. A entidade ao entrar em contato com a psique de Chico Xavier acabou amplificando muitas vezes o seu poder mutante, tornando-o um dos mutantes mais poderosos do planeta. No entanto, como Emmanuel era uma entidade derivada da Fênix, que por sua vez era uma entidade feminina, Chico Xavier acabou adquirindo um comportamento levemente efeminado (quando não de todo), algo que sempre o acompanhou até a sua morte (com exceção durante um período específico, como veremos adiante). Guiado por Emmanuel, Chico desenvolveu o sonho de permitir com que humanos mortos mutantes pudessem conviver sem medo uns dos outros. Nascia a Fundação X-pírita.

Viagens ao redor do mundo[editar]

Chico viajou o mundo em busca de mais mutantes como ele, que desejassem a união entre os humanos comuns e mortos mutantes. Na frança, ele encontrou o registro histórico e o espírito falecido de um poderoso mutante conhecido como Alan Kadélo mais conhecido como Allan Kardec - discípulo de Floyd. Kadélo ou Kardec era profundamente drogado aficcionado em LSD (mas, apenas pelos seus poderes psicográficos, dizia) que o ajudou muito a aprender sobre os seus próprios poderes mutantes fumando uns baseados aspirando um vapor encantado. Entre um baseado e outro enquanto apreciavam revistas pornográficas gays, mas só para abrir a mente, Chico ouviu de Kardec a lenda de um mutante viado muito antigo e poderoso, vivente desde o antigo reinado egípcio, conhecido como Mumm-Rá, o qual ninguém sabe se existe de verdade ou era mais um delírio pós-LSD de Kardec, além de colocar um monte de demônios dentro do corpo de uma pessoa.

Mas foi nas Espanhas que ele encontrou o mutante contra o qual iria lutar durante tantos anos de sua vida: Oscar González Quevedo, mais conhecido como Padre Quevedo. Inicialmente, o encontro entre ambos foi amigável e caloroso, mas com o passar do tempo, ficou claro que eles tinham sonhos distintos. Enquanto Chico Xavier desejava a paz entre humanos mortos mutantes, Padre Quevedo desejava a supremacia mutante. Essa divergência os levou a se separarem, mas não sem antes terem trocado conhecimento. Com a ajuda de Quevedo, Chico foi capaz de desenvolver o "Cérebro", uma caneta que o permite psicografar muito melhor do que quando se está sem ela. E Quevedo desenvolveu a "Cabeça-Dura", um item que o torna imune às psicografias de Chico. A separação foi um choque para o Chico, porém, não maior do que quando ele descobriu que Lenny Kravitz fazia chapinha, e chocado ele soltou o que se tornou a sua famosíssima frase: "brochei!", marca registrada que passou a identificar o fim de suas psicografadas.

Eventos com o Legião[editar]

Padre Quevedo

Após retornar de suas viagens pelo mundo, Chico Xavier retomou o comando da "Fundação X-pírita", delegado durante vários anos para o seu amigo e mutante "Divaldo Pereira Franco", conhecido como o Fera. Foi nesse período que Chico veio a conhecer o mutante que seria mais tarde denominado como Legião. Ele era "Amauri Xavier Pena", filho de "Dona Maria Xavier", irmã de Chico.

Assim como o tio, Legião desenvolveu poderes mutantes na adolescência, tornando-se um psicográfico muito mais poderoso do que o tio. Ele então foi treinado para entrar nos X-píritas, mas devido a instabilidade mental gerada pelo seu alto nível de poder, ele acabou se revoltando contra o X-piritismo. Ele acusou o tio de charlatanismo, "grande coisa" disse Chico, "Tá todo mundo ganhando dinheiro com essa merda ciência e a polícia nem liga", mas, mesmo assim, acabou diminuindo significativamente os poderes psicográficos dele. Nesse período, Chico teve que usar com frequência o cérebro para poder psicografar.


O conflito se resolveu durante a luta espiritual entre Chico e Quevedo, na qual Legião interveio e acabou esgotando os seus poderes espirituais numa luta contra todos os X-píritas e a Irmandade da parapsicologia. Isso o levou a loucura, a bebida e mais tarde, a morte. Chico Xavier se lamentou muito pelo incidente, pois desejava que o sobrinho fosse seu herdeiro.

"Dark Emmanuel" Saga[editar]

" Você quer a assinatura de Emmanuel, a sua, a minha ou a da Madonna?"

Chico Xavier não sabia o tamanho dos problemas que viria a enfrentar para conseguir realizar o seu sonho. Um deles foi o seu próprio mentor, Emmanuel (o tizinho visitante invisível oriundo da Fênix que levou Chico Xavier a concluir que era gay), no evento que veio a ser conhecido como a saga do "Dark Emmanuel". Emmanuel, assim como a Fênix, era uma entidade de interação humana. Era capaz, portanto, de aprender todas as manias humanas, todos as virtudes e vícios, embora não soubesse disso. Eventualmente, Emmanuel entrou em contato com o mutante Edir Macedo, que acabou fazendo com que ele aprendesse um dos piores vícios humanos, a ganância.

Uma vez tendo se tornado ganancioso, Emmanuel resolveu influenciar Chico para que os livros psicografados dele pudessem ser vendidos a um alto preço, enriquecendo rapidamente a ambos, além de querer incentivá-lo ao consumo de drogas tais como Cocaína, Crack, Ecstasy, Heroína, Maconha, Haxixe, Dengue, Aspartame, Remédios de emagrecimento, Anti-depressivos, LSD, Cachaça, Conhaque, Consumismo, Coca-cola do capiroto, folhas de sálvia mexicana, chá de fita e dvd, Revista Caras entre outras merdas, além de tudo quanto era erva-do-mato do capiroto ou entorpecente que se poderia pensar, sem contar o LSD. Chico Xavier, no entanto, tentou resistir a todas as tentativas de manipulação por parte de Emmanuel e no final acabou conseguindo embolsar sozinho todo o dinheiro. O mutante Edir Macedo revoltadíssimo com as perdas financeiras que teve lançou uma maldição que fez o cabelo do Chico Xavier cair todinho, o que o obrigou a usar aquelas perucas ridículas pelo resto de sua vida e no além.


Revoltado com isso, Emmanuel resolveu abandonar de vez Chico Xavier, deixando-o fudido fraco e quase sem poderes. A partir de então, Emmanuel se auto-denominou "Dark Emmanuel" e buscou um novo pupilo. A sua busca acabou quando ele finalmente encontrou "L. Ron Hubbard", um humano sem poderes escritor de ficção científica fracassado. A união entre ambos foi rápida, o processo tornou Hubbard num mutante, aliás, o único mutante capaz de pressentir "Xenu", um espírito maligno antigo muito poderoso. Enquanto isso, Chico Xavier se recuperava do seu fudimento enfraquecimento. Sem o apoio de Emmanuel, ele teve que utilizar o "Cérebro" e os X-píritas com frequência para psicografar. Hubbard expandiu a sua influência, rapidamente arrecadando dinheiro vil apostando na Bolsa de Valores brasileira.


Pequena participação de Chico Xavier em: "Chico Xavier, o Filme", neste instantâneo, o Chico tinha perdido a peruca num vendaval

Eventualmente, Chico Xavier descobriu que era Emmanuel que apoiava Hubbard, mas não queria se meter naquele relacionamento, até disse "qui bagaceira... nisso tô katia, me erra!", no entanto, pensou duas vezes pois percebeu que precisava evitar que a influência deles se espalhasse e atingisse a sua fortuna escondida, deixando-o fudido fraco de novo. Uma vez que ele não tinha poder para isso, Chico lembrou-se das asneiras palavras sábias que Kardec falava e resolveu pesquisar nas ruínas egípcias por informações sobre a múmia gay Mumm-Rá, e como absorver parte do poder dela. Depois de muito estudo, Chico conseguiu isolar o texto escrito em hieroglifos ilegíveis e apagados de como invocar parte do poder de Mumm-Rá"Mumm-Rá". Ele se cercou de amuletos desconhecidos e usando a sua psicografia leviana traduziu os ditos hieroglifos, e quanto teve coragem após tomar todas, finalmente os pronunciou:

Cquote1.png Antigos espíritos do mal, transformem essa forma decadente em Xavier-Rá, o de vida eterna!
Chico Xavier pronunciou em voz alta para expandir os seus poderes mutantes psico-pornográficos

Com esse novo apoio e várias garrafas de pinga um líquido mágico que dá coragem, Chico Xavier como "Xavier-Rá" foi capaz de deter a dupla antes que estragos fossem feitos a sua fortuna. Ele lutou contra Emmanuel, até que Hubbard estivesse fora do seu controle. Nisso, Hubbard usou os seus recém desenvolvidos poderes da "Dianética" para extrair a parte maligna de "Dark Emmanuel" e selá-la dentro de um vulcão de espuma de Coca-Cola light, é que "Dark Emmanuel" andava meio diabético. Chico Xavier voltou com o Emmanuel recuperado e cada vez mais gay, mas ainda diabético, enquanto Hubbard passou a aprisionar espíritos malignos em garrafas pet e vendê-los no mercadolivre.com.br a preços vis em tamanho pequeno, médio, grande e tamanho família com descontos.

Neste ínterim, Chico também percebeu que o encantamento de "Mumm-Rá" era poderoso demais e maligno demais, e acabou por selá-lo dentro de um sarcófago antigo, mas, antes o coloriu com o seu batom favorito. Mais tarde, o sarcófago foi roubado por Thomas Green Morton, THomas G. para os íntimos, conhecido posteriormente como o homem do Rá! Que também ficou rico com as visitas de um tio seu que também se dizia invisível mas assumia ser gay na frente de todos (mas, como se era invisível!!!), mas, o mais importante foi THomas G. passar também a psicografar e faturar uma nota com flashs de máquinas fotográficas antigas, bom, isso até a polícia por o malandro para correr. Hoje THomas G. anda por aí se dizendo Dalai Lama e cobrando um cachê para dizer lorotas palavras demoniacasfilosóficas.

Legado[editar]

O que o Chico Xavier tinha para deixar foi roubado pelo seu filho adotivo Eurípedes Higino e sua amante Christine Schultz, sobrando somente o seguinte decálogo para os seus fãs:

1 - Bondade no campo doméstico é a caridade começando em casa, mas nada o impede de dar fora também.

2 - Nunca fale aos gritos, abusando da intimidades com os entes queridos, a não ser que o puteiro permita.

3 - Utilize pertences caseiros sem barulho poupando o lar do desequilíbrio e perturbação, a não ser que você esteja puto.

4 - Haja com calma e naturalidade, tanto quanto possível, de modo a não agravar as preocupações da família, vai que não te deixam mais sair com o viado do vizinho.

5 - Colabore na solução do problema que surgiu, sem agravá-lo com queixas, caso não esteja a fim, mando todos para a pqp.

6 - A sós ou em grupo, tome a sua refeição sem alarde, assim ninguém levanta interesse no que você está a comer.

7 - Converse edificando a harmonia, mande todos se foder se ninguém entender a sua intenção.

8 - É sempre possível a porta do entendimento mútuo, quando voluntariamente nos dispomos a ceder em pequeninas demonstrações de renúncia de ponto de vista, mas se você não vencer a discussão, cuspa na sopa do seu adversário.

9 - Quantas vezes um problema aparentemente insolúvel pede tão somente uma palavra tranquilizadora para ser resolvido, caso não funcione, convide todos para tomar um suco de piroca maracujá.

10 - Abstenha-se de comentar assuntos escandalosos ou inconvenientes, liberado para a turma do babado.

Faixa bônus:

  • Em matéria de doença fale o estritamente necessário, pois, especula-se casos de cura.
  • Procure algum detalhe caseiro para louvar o trabalho e o carinho daqueles que lhe compartilham a existência, mas não vale exagerar senão vão te chamar de Seu Batista da Escolinha do Professor Raimundo.
  • Não se aproveite da conversação para fazer apontamentos de crítica ou censura, seja a quem for, vai que começam a falar dos teus podres também.
  • Se você tem pressa de sair, atenda a seu regime de urgência com serenidade e respeito sem estragar a tranquilidade dos outros, senão os outros vão ter certeza que você é uma bicha louca.

Fatos[editar]

Chico Xavier foi a fonte de inspiração do logo da Copa do Mundo de 2014.
  1. Os fios de cabelo de Chico Xavier são capazes de ressuscitar pessoas. É uma pena que ele seja careca, mas o pior mesmo é usar aquela peruquinha ridícula, mas, pior, pior mesmo do que ela só a sua chapa dentária.
  2. Na primeira vez que Chico Xavier participou do Pinga-Fogo, ele foi obrigado a se retirar, pois tinha psicografado todas as respostas antes das perguntas serem feitas, acabou banido de todos os Pinga-Fogos seguintes, mas pensam que ele ligou, até disse "vou fazer é a egípcia para isso! Essa turma está burning."
  3. Chico Xavier é capaz de psicografar 82 cartas do além, 23 romances e 34 poemas parnasianos enquanto come pipoca e assiste a um enfadonho jogo da seleção brasileira pois já sabe do resultado antecipadamente e os comentários merdas que o Galvão Bueno vai fazer.
  4. Bin Laden originalmente iria lançar os aviões contra o cristo redentor, mas mudou de ideia quando recebeu uma imagem psicografada dele mesmo num presídio brasileiro servindo de mulherzinha para outros presos.
  5. Chico Xavier era tão evoluído espiritualmente, que quando acordava de noite, não acendia uma vela, pois, precisava dela para outra coisa, o jeito era acender a sua aura e o ambiente ficava tão iluminado quanto de dia.
  6. Chico Xavier não morre, ele tira férias e nesse meio-tempo adivinhou a ascensão de Lady Gaga, é dele a expressão "Uh, Lady Gaga!"
  7. Chico Xavier era tão poderoso que fez com que o Brasil ganhasse a Copa de 2002, só para morrer em um dia que todo o povo brasileiro estivesse feliz, mas antes previu a existência dos emos, sendo ele mesmo o primeiro membro.
  8. Chico Xavier foi o primeiro dispositivo a receber spams.
  9. Chico Xavier foi o primeiro a publicar videos de pedofilia arte alternativa teen, mas, os concorrentes invejosos o denunciaram para a Polícia Federal, que o jogaram na prisão e ele serviu de mulherzinha para todos de lá. Quando perguntado porque andou desaparecido, Chico Xavier desconversava dizendo que andou tirando umas férias num lugar que não podia dizer onde ficava, pois, as acomodações eram um uó, só que a comida era maravilhosa!
  10. Psicografou o Big Bosta Brasil (BBB).

Ver Também[editar]

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Chico Xavier no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg
Artigos DORGADOS!
Anabolizado | Anestesiado | Bêbado | Chapado | Cheirado | Que tomou pinga com remédio | Dopado | Em bad trip | Frito | Fumado | Fumado de pedra | Injetado por via intravenosa | Em recuperação das dorgas | Internado numa clínica de dorgados classe A | Lisérgico | Louco | Sedado