Chuvisca

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
Olha o que um chuvisco pode fazer...

Chuvisca é uma cidade muito popular no vocabulário brasileiro pois quando dizem que está "chuviscando" estão fazendo uma apologia a cidade que é muito famosa nesse quesito.

Colonização[editar]

A colonização ocorreu quando um historiador espanhol estava se aposentando e não tinha ainda cumprido seus objetivos na vida.

O último objetivo desse historiador era criar uma cidade com seu nome: Pablo Cresscerro Carrinõ Burrito Barcelona Real Madrid Margharetti.

Como ele sabia que o Brasil era um lugar onde davam terras de graça para europeus, ele não pensou duas vezes para vir para cá. Como era alguém hábil, escolheu a região sul pois sabia que lá ele tinha chances de achar amigos, algo que ele nunca teve... Sim essa história é muito triste, não?

Caprichos da cidade[editar]

A cidade foi um enorme sucesso e vendia frutas e verduras para viajantes e nômades que constantemente usavam uma estrada para fazer suas compras e etc.

Passou um tempo e a cidade estava no ápice de seu sucesso, e o historiador morreu. O novo prefeito vendo que o nome da cidade era muito longo decidiu trocar o nome para Chuvisco pois assim a cidade seria ainda mais conhecida.

O que aconteceu foi que a cidade após ter mudado de nome acabou perdendo viajantes e clientes e caiu no esquecimento.

Atualmente[editar]

Quando você pergunta para uma pessoa normal "O que é chuvisco" dificilmente você ouvirá que é uma cidade do Rio Grande do Sul e muitas vezes se você escrever "Chuvisco" com C maiúsculo sua professora de português irá dizer que Chuvisco não é nome próprio.

Também a cidade já organizou excursões pelas florestas e matagal que circundam a cidade alegando que lá tem tantas cobras que você ficaria enterrado até a cintura de tantos répteis que habitam lá. Claro que a excursão não funcionou e a secretaria do turismo teve que achar outra ideia para atrair gente para a cidade e convencer esses turistas idiotas a comprarem produtos da região.

Mesmo assim, mudando a excursão para os rios da cidade, não atraiu muitos interessados pois após terem gravado um vídeo de um cara que solta de bungee jump em uma das pontes da cidade e volta sem cabeça fez muitas pessoas ficarem com medo de ir até lá.

Até hoje a cidade continua tentando (ou não).