Club de Deportes Iquique

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Club de Deportes Iquique
Escudo do DeportesIquique.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Club de Deportes E o Quico?
Origem Bandeira do Chile Chile - E o Quico?
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote dragão de Jake Long
Torcedor Ilustre
Estádio Tierra de Maricóns
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Chileno
Divisão Primera Divison
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Club de Deportes Iquique é só um desprezível time do Chile, que mesmo naquele país que mais parece uma tripa seca jamais conseguiu ser campeão de alguma coisa relevante, tendo em seu currículo mais rebaixamentos do que conquistas propriamente ditas. Usa como cores principais o azul-bebê. Por ser freguês de carteirinha de todos os times realmente tradicionais do Chile (Colo Colo, Universidad Católica e Universidad de Chile), o Deportes Iquique precisou procurar por um time bem igualmente peidorreiro para ser o seu rival, desenvolvendo rivalidade então com o San Marcos de Arica, outro time que também está direto indo para a segunda divisão, assim conseguindo ter um rival mais parelho.

História[editar]

Fundação[editar]

O seriado El Chavo del 8, conhecido como "Chaves" no Brasil, foi um programa de extremo sucesso em toda América Latina, cujo roteiro era escrito por Roberto Bolaños. Todavia, devido a disputas de ego e invejas, Carlos Villagrán (Quico) foi expulso da Televisa e do México e precisou pedir refúgio e asilo político no Chile quando criou o time de futebol Quico e sua Turma junto com Seu Madruga, equipe posteriormente denominada Deportes Quico. Fundado oficialmente em 1979, o time tinha como objetivo inserir crianças retardadas no mundo do futebol profissional, desenvolvendo times extremamente ruins para somente cumprir tabela e ser a equipe café-com-leite do campeonato chileno. Por ser um time novato, foi a zebra da Copa Chile de 1980, seguindo os exemplos de Santo André e Paulista de Jundiaí.

Década de 80[editar]

De 1980 a 1990 o Deportes Iquique estabeleceu-se do jeito que sempre se propôs a ser, como apenas um mero time secundário, medíocre e esquecível do futebol chileno, ficando por 10 anos consecutivos sempre no meio da tabela, com a terceira colocação de 1988 o máximo que já sonhou almejar.

Década de 90[editar]

Em franca decadência, o time passou os anos 90 estabelecendo-se como um time iô-iô, caindo e subindo de divisão frequentemente, numa tentativa frustrada de ganhar uma taça de qualquer jeito, mesmo que fosse da segunda divisão, mas nem isso conseguia direito, sendo campeão da segundona apenas de 1997.

Anos 2000[editar]

Nos anos 2000 o Deportes Iquique foi conhecer a terceira divisão do Chile, onde jogou por 4 anos (2003 a 2006) indo jogar nos maiores confins chilenos, até que um dia foi campeão daquela droga.

Primeiras participações internacionais[editar]

Por falta de times no Chile, o Deportes Iquique foi convidado a fazer participação na Segunda Divisão da Libertadores, por ser um time historicamente acostumado com competições de segundo escalão, estreando teoricamente em 2011, mas nem pode ir passear em outros países, pois já foi eliminado pelo Universidad Católica do próprio Chile. Em 2012 pelo menos pode ir passear e conhecer Montevidéu, quando foi eliminado pelo Nacional na Sul-Americana de 2012.

A estreia na Libertadores foi em 2013, mas serviu apenas para ser o time café-com-leite do grupo, pois ficou longe de qualquer chance de classificação, perdendo pra todo mundo e ficando em último, tornando-se um time esquecível.

Temporada 2016[editar]

Por ser um time com vocação de ser derrotado, mesmo em milagrosos anos em que conseguiu montar um time mais ou menos, como foi o caso em 2016, ficou apenas no quase, porque no Chile time pequeno não pode ser campeão. No Apertura de 2016, após liderar o campeonato inteiro, na penúltima rodada perdeu em casa por 6x2 para o Universidad Católica, provando-se um time pequeno e entregando o título para o adversário mais tradicional e mais qualificado, ficando com o vice, e uma vaguinha na Libertadores apenas como consolo.

Títulos[editar]

Nada importante, precisando considerar títulos irrelevantes, como: