Colorado (Estados Unidos)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Colorado
Bandeira do Colorado
Bandeira do Colorado
Brasão do Colorado
Brasão do Colorado
Lema Nada nada nada nada
Apelido Estado quadrado
Gentílico coloradino
Localização
Localização do Colorado
Capital Dever
Maior cidade South Park
Estados limítrofes Wyoming, o grande rival quadrado
Características geográficas
Área 269 601,34 km bem quadrados
População 5 milhões[1] hab. 2011 IBGE
Densidade 18
Clima clima polar


Colorado é um dos 51 estados dos Estados Unidos, muito conhecido nacionalmente por ser um estado quadrado grandão e inútil no meio do país, só que mais conhecido mundialmente por ser o estado onde localiza-se a famosa e querida cidade de South Park, que em 1997 teve seus singelos cidadãos homenageados ao serem retratados num desenho animado que parece ser feito no Paint. O estado possui ainda uma intensa rivalidade com o Wyoming para saber quem é o mais quadrado. Como é um estado bem inútil, gosta de ficar chamando os demais estados norte-americanos para competições infrutíferas, como tentar disputar com Nevada qual é o estado que possui menos cidades, ou disputar com o Novo México quem tem mais imigrantes ilegais, ou disputar com a Dakota do Norte quem tem as montanhas geladas mais abandonadas, ou disputar com o Arizona quem tem o deserto mais inóspito, enfim, talvez até ganhe todas essas disputas idiotas. Sua capital é South Park Denver, maior produtora de nuggets do mundo. O estado é (quase) quadrado, devido aos pioneiros, que tinham como objetivo lotear os EUA, pensando nisso viram que a forma quadrada ficava mais bonita.

História[editar]

Região primordialmente habitada por índios nazis, uma tribo que por viver no meio do deserto escaldante do Colorado teve seus miolos fritados de maneira irreversível e de modo que se tornasse algo hereditário, por isso eram protagonistas desse paradoxo em que mesmo sendo índios eram nazistas e defendiam o extermínio de si próprios afinal não eram arianos, mas bem queimados pelo Sol. Numa tentativa desesperada de ficarem com a pele branca, como um gótico anêmico, estes índios criaram a cidade de Mesa Verde, uma extensão da Disney para representar a Cantina de Mos Eisley (Tatooine), e aproveitar o trabalho de semi-escravidão naquele parque temático para passar o dia na sombra e quem sabe perder o bronzeado. Infelizmente, o povo índio nazi acabou se auto-genocidando, deixando as ruínas desativadas por muitos séculos, recentemente reabertas com a ressuscitação da franquia Star Wars em 2015.

O Colorado foi descoberto pelos europeus no começo do século XVI, quando o famoso explorador da Frota Estelar Christopher Pike ali chegou, apesar do fato de que já haviam pessoas vivendo lá (que não contam) estas que foram capturadas heroicamente pelos espanhóis (o que também não conta). Pike pousou no Pikes Peak e o nomeou de si mesmo. Pike aproveitou a alta tecnologia de sua nave interplanetária e mapeou toda a área usando uma régua gigante extremamente longa, e chamou a vasta faixa retangular de "A incrivelmente incrível faixa retangular", que se traduz em espanhol como "Colorado", e depois foi embora, porque percebeu que ali só tinha deserto quente e seco e montanha gelada e inóspita. O Colorado só viria a ser oficialmente considerado como uma terra existente num documento assinado de 1803, quando a Inglaterra efetua a famosa compra da Louisiana dos franceses, território que foi adquirido pelo valor de 50 boinas, 300 bigodes postiços e 500 embalagens para queijo gorgonzola, porém como este não era o valor exato e os franceses não tinham o dinheiro para o troco, cederam o Colorado como troco. O governo espanhol, todavia, alegou que aquela papelada de troco de compra de Lousiania era um documento que não prova nada e alegou serem os donos do Colorado, embora nenhum anasazi tenha sido consultado nessa época. O que os espanhóis não previram é que mexicanos criariam seu país independente e que por não fazerem questão de um deserto doariam o Colorado para a União dos Estados Unidos em troca de oportunidades de emprego em Nova York.

Nos anos seguintes, quando os colonos mais indesejados das Treze Colônias originais foram expulsos do litoral com falta promessa de ouro existindo no Colorado, o Congresso dos EUA concedeu o status territorial de Estado de Deseret com a condição de que eles proibissem a escravidão e o casamento da mesma raça. Dessa raça de degenerados surgiu aquilo que seria a capital financeira e cultural do estado, a cidade de South Park. Enquanto esta capital não era ocupada por nazistas, a ideia original do governo de Washington era alocar a comunidade mórmon num local ditante e de difícil acesso, uma vez que já estava enchendo o saco em Nova York, caindo na porrada com testemunhas de Jeová na rua e batendo na sua porta, fazendo você sair da privada em que estava cagando, todo apressado e mal limpo, para descobrir que é uma dupla querendo falar de um ente imaginário qualquer. Por outro lado, na medida que os filmes de faroeste iam se popularizando o pedaço desértico do Colorado ficava lotado de cidades sem lei de má fama, sendo inclusive lar de seres traiçoeiros como Pernalonga, Pica-pau e Papa-léguas, os mórmons então perderam espaço e ficaram no final só com Utah.

Em 1859 aquele enorme retângulo foi renomeado para Território de Jefferson após a venda da região para uma banda de rock psicodélico de nome Jefferson Airplane, que transformou a região na capital mundial dos hippies, afinal nada mais justo pessoas que gostam tanto de natureza viverem logo no meio do nada precisando caçar cascavel para comer e sobreviver.

Um evento marcante durante a Guerra Civil Americana ocorre em 1862, quando a Batalha da Glória Pires ocorre no Novo México, momento em que a citada subcelebridade da dramaturgia brasileira foi escalada para substituir José Wilker na apresentação do Oscar em Hollywood, momento em que os conservadores dos Estados Confederados acharam essa escolha ridícula e inaceitável, quando iniciaram sua marcha rumo ao Projac, mas os revolucionários, todavia, defendiam que isso renderia bons memes e decidiram impedir a realização desse boicote, resultando numa intensa batalha de proporções épicas onde muitos colorados morreram. Sabe-se que nesse vácuo de poder Eric Cartman assume o governo e leva o Colorado a trilhar o caminho em que se encontra hoje.

Um grande fato histórico ocorreu na temporada da NBA de 1864-65, quando o time do estado, o Denver Nuggets, cujas principais estrelas eram os jogadores Cheyenne e Arapaho, perderam para o Los Angeles Lakers pelo placar de 150x2, num episódio que ficou eternizado como o massacre de Sand Creek ("areia quebradiça" em inglês, em alusão à fragilidade e fraqueza daquele time). Dizem que o time perdeu como se fosse composto apenas por garotinhas e idosos, embora especialistas digam que 2/3 dos presentes nesse massacre realmente eram garotinhas e idosos. O governo federal não gostou nada disso, afinal um resultado tão discrepante seria ruim para a popularidade da competição, e demitiu o governador do Denver Nuggets. Quanto ao local da tragédia, foi demolido por vergonha desse episódio lamentável da história do Colorado, todavia, virou até sítio histórico, o Sand Creek Massacre National Historic Site perto de Chivington, e lá tem um singelo memorial em homenagem às vítimas daquele massacre.

Em 1869 a Primeira Ferrovia Transcontinental cortava o Colorado bem no meio, algo que não é difícil de se fazer com apenas noções básicas de trigonometria, aqueles que achavam que era o enorme monumento de aço negro cuspindo fogo era magia, este fugiram para Utah, enquanto os que permaneceram ajudaram o Colorado a tornar-se o estado desenvolvido que vemos hoje, com belas cidades e um povo hostil. E assim, o Território do Colorado é em 1876 finalmente aceito pela União após acatar uma série de exigências, como a criação de um time de futebol e as vendas dos direitos áudio-visuais do cotiano de suas cidades para a Comedy Central, e assim Ulysses S. Grant, o mesmo que autorizou que jogassem as bombas atômicas no Japão para exterminar os animes, aceitou o Colorado como sendo o 38º estado dos EUA.

Eric Cartman quando assumiu a Casa Branca, primeiro presidente dos Estados Unidos nascido no Colorado.

O Colorado passou incólume a grande Crise de 1929, afinal grande parte de sua economia está atrelada a fabricação de humoristas, o que não é atrelado ao valor do dólar. A colaboração na Segunda Guerra Mundial foi estratégica e essencial para a marinha que lutou arduamente no oceano Pacífico, afinal os navios todos se chamavam USS Colorado, confundindo totalmente a Naicho (serviço secreto de inteligência otaku) que ao pesquisar no Google por Colorado eram direcionados para o meio do deserto. A estratégia deu tão certo que os japoneses atacaram apenas um ancoradouro de ferro-velho no Colorado chamado de Pé-Brabo no que ficou conhecido como "Ataque a Pé-Brabo", e o desfecho da guerra sabemos que foi vitória norte-americana graças ao japoneses ficarem tentando achar o Colorado.

O estado do Colorado chocou o mundo quando foi o único estado do planeta a recusar-se sediar uma Olimpíada de Inverno, após ter sido eleito e escolhido como sede. Naturalmente a indicação foi feita pelo Cartman numa de suas piadas de mal gosto. Quando os governantes do Colorado perceberam o tanto de coisa inútil que teriam que construir, como um tobogã gigante só para uns retardados de bobsled descer e ainda chamar aquilo de esporte, recusaram na hora, e a olimpíada de 1976 foi transferida para um país vassalo qualquer (Innsbruck na Áustria).

Em 1999, houve uma guerra entre o Colorado e Utah num evento chamado de "The Corner War". Esta guerra foi travada para decidir qual dos dois estados conseguiria ser um estado mais perfeitamente retangular de quatro lados. Obviamente, o Colorado ganhou a guerra devido ao seu padrão poligonal, embora Utah tenha contratado diversos cartógrafos para desenhar mapas dos Estados Unidos levando em consideração a ideia errada de que a terra é esférica, criando uma curvatura no formato do Colorado. Para vencer esta guerra, esta foi uma das poucas oportunidades na qual Colorado e Wyoming lutaram juntos, quando as cidades de Wyoming Rock Springs e Evantons fizeram questão de avançar sobre o território de Utah, deixando o estado inimigo num formato hexágono irregular, perdendo assim a guerra. Em 2002, Utah tentou invadir o estado do Colorado mais uma vez durante a Invasão Mórmon, estes que impedidos de fazerem sexo no seu estado de origem, buscaram desesperadamente a promiscuidade que acontece desenfreada em Colorado, mas o Colorado facilmente ganhou o conflito logo no primeiro domingo da guerra, já que os Mórmons estavam todos na Igreja. O governador de Utah foi punido pelo Governo Federal por este atrevimento e assim forçado a viver em Utah durante o resto de sua vida e apenas escutar Nickelback.

Nos anos seguintes os coloradenses tentaram, sem sucesso, libertar o Colorado das invasões californianas e texanas que arruinaram as rodovias, taxa de alfabetização, atração sexual e dignidade do estado. A tentativa mais recente envolveu atrair os texanos para longe do estado enviando grandes quantidades de armas e seguidores de George W Bushes para fora do Colorado, enquanto atraiam os californianos para longe com quantidades extensas de drogas e cassinos. Infelizmente, a cidade de Boulder fumou todo o estoque de drogas antes que o plano fosse implementado, e os texanos todos conseguiram resgatar suas armas e procederam a disparar uns contra os outros em escolas, universidades, cinemas e boates, o que, felizmente, levou à morte de milhares e milhares de texanos. Um plano alternativo e desesperado foi concebido para combater a invasão texana no Colorado: A colonização do Wyoming. Em 2010, os coloradenses planejaram uma invasão ao seu vizinho do norte na esperança de formar uma colônia turística de chamariz para seres indesejados e a colônia seria anunciada para texanos e californianos na esperança de que eles migrassem para lá, e uma vez que o plano lograsse sucesso, a fronteira seria militarizada (rivalizando com a fronteira da Coréia). Este plano falhou.

Geografia[editar]

O Colorado é teoricamente um retângulo perfeitamente reto, e em algumas épocas já até quis ceder um pedaço de deserto (local do massacre de Sand Creek) para o Kansas na esperança de tornar-se um estado perfeitamente quadrado. É claro que este formato, porém, só é possível na terra plana, o que explica porque as escolas da região ensinam isso, e que a terra-bola não passa de uma conspiração da NASA. Se a terra-bola realmente for verdade, então o Colorado não pode ser um retângulo perfeito, pois sua reta seria uma curva

É nas montanhas desse estado que se localiza a nascente do rio Colorado, que foi batizado com esse nome devido às suas águas turvas, que por carregarem o sangue de índios massacrados adquirem a coloração de um limo avermelhado. Este é o único rio do estado, também único ambiente onde é possível haver vida que não seja extraterrestre.

Em questão de relevo o estado possui duas topografias bem distintas. Numa metade localiza-se um deserto hostil onde nem cactos sobrevivem, sendo nesta paisagem desolada e infértil que os norte-americanos destinam para os pobres nativos americanos ficarem. A outra parte montanhosa é onde tem neve e está a South Park, um trecho final das Montanhas Rochosas, embora a parte mais bonita dessa cordilheira esteja toda no Wyoming e até a montanha mais legal, o Monte Rushmore, fica é na Dakota do Sul.

Estado também muito arborizado, sendo inclusive o terceiro maior produtor de lenha do mundo (Canadá e Sibéria são imbatíveis nessa produção) por ser também um estado muito seco (quase não vemos um episódio de South Park no qual chove), toda hora algum piromaníaco queima parques nacionais inteiros, criando incêndios que duram várias semanas, como o incêndio de Waldo Canyon de 2012 e o incêndio de Black Forest de 2013, percebendo-se que parece que isso é um ritual anual também.

Clima[editar]

O segundo círculo do inferno, no Colorado.

60% do território do estado, quase todo o leste, sofre com o clima semiárido e o clima desértico. O restante, nas montanhas, é influenciado pelo clima polar. Então não há meio termos.

O estado ainda está localizado em sua totalidade bem no centro de uma região denominada de "Tornado Alley", denominada na época de dominação japonesa narutard de "Vila do Vento". Como o nome sugere, é uma região de muitos tornados, porque lembrando-se da mania do Colorado de competir coisas inúteis com os outros estados, ele sempre teve inveja do Texas que era atingido por furacões todo o ano, então decidiu criar os tornados, para competir com o vizinho onde venta mais.

Economia[editar]

O Colorado é o principal fornecedor de feno, arbustos, capim e cinzas vulcânicas sem valor para o Wyoming, fazendo desse comércio o principal responsável pelo seu PIB no setor primário. O Colorado também tem alguns campos de milho, mas nada tão impressionante quanto os grandes campos de milho denominados de Kansas, Nebraska e Iowa que existem nas proximidades. O Colorado também apóia a indústria turística, atualmente em grande expansão, exportando seus próprios turistas para outros estados mais interessantes.

Política[editar]

Após a legalização da maconha no Colorado.

Politicamente o Colorado é considerado um swing state, ou seja, aquele estado que é a maior putaria e que nunca se decide, hora apoiando republicanos, hora apoiando democratas, o que gera situações únicas em que as vezes legalizam a maconha recreativa mas as vezes proíbem homens de usar banheiros femininos, o que o classifica como um estado bem caótico. Historicamente sempre teve governantes de todos tipos, desde nazistas que mataram todos índios até viados que foram flagrados em zoofilia gay, como foi o caso em que o estado teve três governadores em apenas um mesmo dia, no dia de 17 de março de 1905, quando o governador eleito Alva Adams foi desmascarado como sendo o Robin Williams disfarçado e portanto inelegível, e em seu lugar assumiu James Peabody, que em poucas horas revelou-se ser Robin Williams de novo em outro disfarce, para então Jesse McDonald assumir naquele mesmo dia.

População[editar]

Por causa de uma confusão bizarra no censo de 2000, o Colorado está atualmente representado no Congresso por três milhões de senadores, todos com o apelido de 'Nighthorse'. De acordo com esse censo a população do estado é composta por 10 milhões de ex-californianos, 6 milhões de ex-texanos, 5,8 milhões de cães noruegueses, 960 mil veteranos de guerra sem residência, 45 pintores nativos-americanos, 700 fugitivos do Wyoming, 14 comunistas russos, 2 pombas, 1 tartaruga e 1 perdiz.

Culinária[editar]

O café-da-manhã típico de um habitante médio de Colorado.

Não diferente dos demais estados norte-americanos, o Colorado caracteriza-se por sua culinária terrível com refeições baseadas em xarope de milho, açúcar invertido, gordura e barbecue, fazendo disparar a quantidade de gordos no estado e obesidade infantil. Os habitantes do Colorado insistem que eles foram os responsáveis pela invenção mais importante da história da América, o cheeseburger, embora o Texas diga que foram eles os inventores dessa especiária tão tipicamente norte-americana.

De toda forma, com grande medo de que o Texas roube sua invenção, todas as cidades do Colorado precisam obrigatoriamente ter uma lanchonete de fast-food junke-food a cada um quarteirão (daí o nome Quarteirão para um desses sanduíches). Sendo assim, é culturalmente normal e aceito comer cheeseburguer no café-da-manhã, no lanche da tarde ou antes de dormir, além de no almoço e jantar, claro. Outra especiaria muito tradicional é o nugget, que consiste em tripas e restos não aproveitáveis de frango (bico, unha, olho, pena, crista, cloaca, etc) processados, misturado com corante e empanados.

Esportes[editar]

O Colorado é um estado muito tradicional nos esportes, possui times em todas ligas esportivas dos Estados Unidos, embora não ganhe nenhuma. O Colorado Avalanche é como o nome sugere, só ladeira abaixo e nunca ganhou uma NHL. O Colorado Rapids no futebol com os pés jamais ganhou de um time mexicano. O Denver Broncos no futebol com as mãos é como o nome diz só um banco de bronco que não ganha. O Denver Nuggets jamais chegou a uma final de NBA. O Colorado Rockies que como o nome diz, jogam como iniciantes baseball e nunca ganharam uma MLB.

Referências