Compaixão

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Cquote1.png Você quis dizer: Ter pena Cquote2.png
Google sobre Compaixão

Cquote1.png Quem tem pena é galinha, mané! Cquote2.png
Idiota sobre ter compaixão de alguém
Cquote1.png ÓÓÓÓóóóóó, coitadinho, vamos dar um pouquinho de carinho pra ele... Cquote2.png
Seus 'amigos' com compaixão de você
Cquote1.png Vamos fazer um corte de pessoal. E não tenham pena se vierem aqueles dinossauros com 20 anos de trabalho aqui e 3 filhos dizendo que é uma puta falta de sacanagem demiti-los a essa altura do campeonato Cquote2.png
Abílio Diniz e sua compaixão para com os funcionários
Cquote1.png Cara, como você tá muito mal, nem vou te cobrar os 10% de juros daquele dinheiro que tu me deve. Só vou cobrar 8%... Cquote2.png
Outro 'amigo' seu tendo compaixão de você
Cquote1.png Coitadinhuuu do meu cachorrinhu! Cquote2.png
Patricinha sobre seu cachorro estar sendo esmagado por um rolo compressor
Cquote1.png Sinto pena daqueles atores dos jogos mortais Cquote2.png
Alguém sobre os atores de jogos mortais sempre morrerem de forma brutau e sem compaixão
Cquote1.png Me dá uns pão minha sinhora! Cquote2.png
Mendigo sobre dona de padaria
Cquote1.png Me dá um pão você quiz dizer, certo? Cquote2.png
Dona da padaria cobrando bom vocábulário
Cquote1.png Me dá um pãos pra mim sinhora! Cquote2.png
Mendigo voltando para a mesma padaria e pedindo pão
Cquote1.png Só por você ter falado errado, não vou te dar os pães! Cquote2.png
Dona da padaria não tendo compaixão
Cquote1.png Uma peergunta, eu te mando tomar no cus ou nos cu? Cquote2.png
Mendigo sobre dar o troco na véia da padaria

Compaixão é um sentimento que você tem principalmente quando você vê uma pessoa sofrendo (ou fingindo que está) e então decide ajudá-la de alguma forma (ou não). Geralmente pessoas racionais e egoístas não tem compaixão, mas as que se deixam levar só pelo choro falso de alguém acabam até dando dinheiro. É isso que dá o pão e o leite para os mendigos (senão dá a maconha e a cachaça mesmo)...

Vista como uma virtude, a compaixão é na verdade uma manifestação paradoxal, pois visa a supressão da dor alheia, a qual também é compartilhada por você. Em outras palavras, você ajuda uma pessoa que está sofrendo, não porque você é uma boa alma, mas para parar de sofrer também. Então, não tenha compaixão, porque de todo jeito estará sendo egoísta.

História da compaixão[editar]

Alguém tendo muita compaixão para dar

Desde muito tempo atrás, os homens da caverna começaram a fzer caçadas, e o primeiro caso de compaixão veio dessa época... Era um grupo de caçadores que estavam sendo atacados por tigres-de-dente-de-sabre, e bem na hora que os tigres encurralaram um homem, três caçadores sentiram duas coisas que o deixavam estranhos... A primeira era a compaixão e a segunda era segundas intenções.

Os caçadores salvaram aquele homem em troca de comida na mesa e massagem para eles. O caçador encurralado estava muito grato por terem salvado eles, mas os homens das cavernas não tinham compaixão com o salvado, e ele era tratado como a vadia mulher da casa.

Quando os homens migraram das cavernas para formar vilas, começaram a organizar grupos de caça maiores, o que deixava os animais pertos da vila muito assustados com as brutalidades que eles tinham. Os caçadores não tinham compaixão com os animais, e simplesmente rasgavam a carne do animal... E... Hã...O final você já sabe.

Quando os caçadores voltavam com a carne do animal, eles jogavam o que restava do animal para os arredeores da vila, até que todo aquele entulho foi atraindo lobos que queriam comida mais fácil. Os lobos que fugiam acabavam sem comida, mas os que ficavam tinham a compaixão dos humanos e acabavam recebendo comida deles. Aí nascia os cachorros que conhecemos hoje, que traíram seus ancestrais quando começaram a acompanhar os homens nas caçadas.

Mais tarde, na idade média a igreja não pregava muito sobre compaixão, já que o povo analfabeto não entendia nada, pois na época as missas eram rezadas em latim e de costas para o povo. Então o índice de compaixão era de -120% a cada quilômetro quadrado. Prova da falta de compaixão era que os reis tinham o direito de tirar a virgindade da sua filha com a simple placa "F.U.C.K" (Furror Under Concediment of King)...

Apenas após 100 anos essa filosofia mudou, e a compaixão começou a aparecer mais. Os reis e rainhas tinham misericórdia do país que atacavam e davam 5% do território para os donos e o restante era usado para pastagens e também foi nessa época que os mendigos começaram a usar (e abusar) da compaixão dos outros, pedindo dinheiro.

Na passagem para a idade moderna, a compaixão evoluiu e assim sua força e forma na sociedade mudou, fazendo ela ser algo bonito e que também pode ser considerado um valor na época.

Hoje em dia, a compaixão é algo não valorizado, já que quando você fala em "tenha compaixão" vão te chamar de hippie e além disso falarão que você fuma alguma coisa... Realmente, a compaixão não tem muito valor na sociedade atual que é movida pelo sistema monetário capitalista, em que você pode comprar uma esposa pelo tamanho do seu bolso e não pelo tamanho do seu... Hã... Continuando, as pessoas não tem mais compaixão pelo próximo e preferem gritar quando uma pessoa está se engasgando com um pedaço de carne ao inves de fazer a manobra haikönnen.

Como uma pessoa tem compaixão da outra?[editar]

Bom, só de eu olhar para você lendo a Desciclopédia, já tenho compaixão de você. Certamente você está desempregado, é vagabundo e ainda vive com a mamãe. Senão vive sozinho e nunca lavou roupa- deve estar com aquela cueca desde semana retrasada. Mas você deve sentir mais compaixão de mim, que perde ainda mais tempo editando essa porcaria, não é mesmo? Bom, Só nisso aí já dei dois exemplos...Você quando olha para alguém triste o que você faz? porrada nele e manda ele virar homem Vai imediatamente consolá-lo e tentar arrumar alguma maneira de fazer com que ele se sinta melhor(essa é a filosofia que a IURD usa para atrair lucros. A diferença é que faz uma lavagem cerebral na pessoa para ela se sentir melhor). Ora, realmente deve dar muita pena de algum cara que acabou de perder a sogra, não é!? Eeu tenho muita pena de sua mulher ter que aguentar essa coisa feia todos os dias ao lado dela...

O que a compaixão leva uma pessoa a fazer?[editar]

Pô, vamos pensar no coitado, não é porque ele é um idiota que vamos discriminá-lo

Dependendo do estado de compaixão que a pessoa tiver, ela pode até fazer algumas coisas para ajudar uma pessoa necessitada aos 40 anos, ou então pode simplesmente ignorar e deixar uma pessoa que estiver precisando de R$1,00 para não tomar um tiro, morrer. Normalmente a maioria das pessoas acaba mesmo ficando no meio termo disso, e assim acabam facilmente enganadas por mais espertos que usam disso pra viver(ou vagabundear).

Fazendo uma análise da palavra compaixão, podemos ver que "Com" é um prefixo de "Paixão" que é algo que vem antes do amor. Então se nós juntarmos o com com a paixão, vamos criar uma já citada maneira de lavagem cerebral que leva a gente ter paixão pelo próximo e sentir pena dele.

Mas como tudo nesse mundo não é perfeito, a compaixão falha no sentido de quantidade. Para exemplificar melhor, existem pessoas que tem mais hormônios e portanto, tem mais compaixão que as que não tem. Já foi feita uma pesquisa na noruega em que 2 pessoas entravam em uma pista de corrida e viam um carro em alta velocidade capotar e começar a pegar fogo, então o piloto do carro sai em chamas e pede ajuda.

A pessoa número 1 tinha mais compaixão e sentiu pena do cara, foi ajudá-lo e acabou morrendo queimada ao tentar ajudá-lo. A pessoa número 2 só foi até o piloto mascando chiclete e perguntando

Cquote1.png Aí, tudo em cima? Tá fazendo um calorzão né? Cquote2.png
Pessoa número 2 sobre não ter compaixão
Os cientistas tiveram duas conclusões: Primeiro é que existem pessoas com mais compaixão que as outras (e isso depende da genética) e a segunda conclusão é que compaixão pode fazer uma pessoa se matar, como o que aconteceu com o indíviduo número 1... Por isso, se quer viver, não tenha compaixão!

Compaixão segundo freud[editar]

Freud diz que a compaixão surgiu por uma necessidade que o ser humano deve sentir pelo outro. É simplesmente uma armadilha que o cérebro dos outros prepara involuntariamente para que outras pessoas vão e a ajudem. Entendeu?

Outra coisa é que freud sempre dava uma certa importância aos sentimentos da criança, o que pode revelar um lado desconhecido dele... Freud atribuía o sentimento de compaixão a sua mae que lhe deu tanto carinho e o dito cujo sentimento.

Ver também[editar]

  • Amor, é o que alguém sente quando tem compaixão (hmmm...)
  • Paixão, é a palavra que não muda e é precedida pelo prefixo "COM".
  • Feliz, é o sentimento que inventaram para dar sentido a compaixão.
  • segundas intenções, é a verdadeira coisa que a pessoa que tem compaixão procura.
  • Cérebro, o principal culpado.
  • Mendigo, é o que mais precisa de compaixão.
  • Dinheiro, algo esperado por quem tem compaixão e que tem o efeito mais eficiente.