Consumidor

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Que que é isso seu poliça!!! Eu só sô consumidor, morô??? Cquote2.png
Traficante sobre 2 kilos de erva,

Cquote1.png Cachaceiro uma óva! Cachaceiro é quem faz a cachaça! Eu sou consumidor. Cquote2.png
Canabrava sobre canha.

Cquote1.png Mas a vida é uma caixinha de surpresas... Cquote2.png
Narrador na página errada.

Cquote1.png Viva o lado coca cola da dívida. Cquote2.png
coca-cola sobre consumidor.

Cquote1.png COMPRE, COMPRE, COMPREEE!!! Cquote2.png
botini sobre consumidor

Cquote1.png Compre baton! Compre baton! Compre baton! Cquote2.png
Garoto sobre consumidor.

Cquote1.png Recessão é a doença consumidor é a cura. Cquote2.png
Marion 'Cobra' Cobretti sobre consumidor.

Cquote1.png Isso não é importante, o importante é que o banco real te dá dez dias sen huros para você se atolar em dívida e nunca mais pagar. Cquote2.png
Banco Real sobre consumidor.

Cquote1.png Comprô. Cquote2.png
Mininho vestido de bichinho da parmalat sobre consumidor.

Cquote1.png Se pudesse eu bibia mil. Cquote2.png
Jeremias José sobre ser um consumidor.

Um consumidor impressionado com a qualidade dos produtos.

Disposições Iniciais[editar]

Consumidor é toda pessoa fisicamente idiota e retardada e juridicamente imbecil e mongol capaz de torrar todo o seu salário com inutilidades e futilidades expostas em qualquer vitrine pelas nossas cidades.

Geralmente os consumidores são enganados por ilusões quanto ao conteúdo e a utilidade de algum produto, são levados ao gasto compulsivo por magias satânicas criadas pelos sacerdotes diabólicos que se autodenominam publicitários.

O consumidor foi criado por satã para alimentar a sede dos capitalistas, dos mercantilistas, dos calvinistas, dos parasitas e também dos socialistas.

Atualmente o mercado é tão dependente de consumidores que existem núcleos empresariais altamente especializados em treinamento e aperfeiçoamento. Estes grupos são utilizados para
Imagem ilustrativa de um típico consumidor de McDonald’s.
tornarem os consumidores cada vez mais imbecis e retardados. São eles: os caixas de banco, atendentes de telemarketing, vendedores ambulantes, vendedores de lojas e outros.

Os consumidores sustentam todos os setores da nossa economia, principalmente o setor alimentício – onde drogas pesadas e viciantes como os gatinhos são misturadas juntos aos alimentos para que os consumidores se tornem cada vez mais usuários dos respectivos alimentos. Grandes cadeias de fast food utilizam-se desta tática.

Tipos de consumidores:[editar]

Retardado básico: é o consumidor padrão, como você e sua mãe.

Retardado compulsivo: é o consumidor que não consegue parar de gastar, é aquele que compra toda a coleção de cds das tiquititas sem nem ao menos perguntar o preço.

Consumidor ecológico: é aquele consumidor que se preocupa com o meio ambiente, não consumindo mais que 200 caixas de hambúrguer por mês e reciclando todos os 100 palitos de picolés que chupou na semana.

Exemplo de um consumidor ecológico criando uma nova utilidade para a garrafa de vidro vazia.

Consumidor militante: ex integrante do PSTU, é aquele que não quer sustentar as grandes companhias de cigarro e por isso só compra maconha e crack.

Consumidor revoltado: é aquele que planta sua própria maconha e só bebe pinga produzida no seu próprio alambique.

Consumidor iniciante: é o feto ou o recém nascido, aquele que só usa sapatinhos de marca e macacões para criança da última moda, tudo comprado pelos pais que são retardados compulsivos.

Consumidor gourmet: é aquele que se diz inteligente e politizado que não quer gastar seu dinheiro com as grandes redes de lanchonetes e produz seu próprio churrasquinho de gato.

Consumidores e o Vendedor[editar]

O mais macabro e maquiavélico instrumento criado para a dominação dos consumidores.

Três amigos estavam conversando num bar, dois consumidores e um típico vendedor, quando começaram a falar dos presentes que iriam dar para suas namoradas. O amigo retardado compulsivo disse: -Vou dar para minha namorada um colar de ouro com brilhantes e um anel de rubis. Se ela nao gostar do colar, com certeza ela vai gostar do anel. O amigo retardado básico continuou: -Hoje a noite minha namorada vai ganhar um celular novo, o menor do mundo, e um aparelho de DVD. Se ela nao gostar do celular, ela vai gostar do DVD. E por último falou o amigo Vendedor: -Vou dar para minha namorada uma camiseta da Hering e um vibrador. Os amigos ficaram curiosos e quiseram saber porque um vibrador. E ele respondeu: -Se ela não gostar da camiseta, ela que se foda!