Contrabando

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Juiz.jpg Certifico, a quem interessar possa e para os devidos fins, que este artigo trata de assuntos chatos jurídicos

Data venia, se você tiver alguma informação adicional a trazer aos autos, protocole uma petição solicitando a juntada de uma procuração que outorgue a você poderes para tanto, ou clique aqui.
Wikisplode.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Contrabando.

Nota: Se você está procurando pelo comércio ilícito de produtos de comercialização proibida e/ou animais, consulte tráfico


Cquote1.png Você quis dizer: Profissão do Teu Pai? Cquote2.png
Google sobre Contrabando
Cquote1.png Assista, agora a Tele aula de contrabando! Cquote2.png
Telecurso 2000 sobre Contrabandista
Cquote1.png Ih vai passar na TV, como contrabandear hehe! Cquote2.png
Contrabandista sobre Tele aula de Contrabando
Cquote1.png Faça o curso de contrabando pelo correio Cquote2.png
Curso de correspondência sobre Contrabandista
Cquote1.png Na Faetec tem curso pra ser contrabandista!? Cquote2.png
Contrabandista sobre Faetec
Cquote1.png Tem sim, eu faço esse curso lá Cquote2.png
Anônimo sobre sobre curso de contrabando
Cquote1.png Carinha, isso é bom de mais, pena que não tem carteira assinada, mas seguir eu consigo um carteira pelo contrabando também Cquote2.png
Carinha que mora logo ali sobre Contrabandista
Cquote1.png E porque você acha que sou fora da lei ? Eu apenas levo com mais facilidade os produtos para que não tem dinheiro pra compra um na loja, entendeu carinha!? Cquote2.png
Perigo (Everybody hates Chris) sobre contrabando
Cquote1.png Altas aventuras com essa galerinha da pesada que vai aprontar umas e outras nas fronteiras do Paraguai com o Brasil, México com os EUA e China com o resto do mundo! Vai sobrar confusão pra todo mundo! Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Contra bando

Cquote1.png A diferença entre tráfico e contrabando é que o tráfico acontece no Morro e o Contrabando em todos os lugares... Cquote2.png
Contrabandista sobre contrabando

Cquote1.png Malandro é malandro, mané é mané... Cquote2.png
Bezerra da Silva sobre Contrabando

Cquote1.png Filha da puta de motorista! Foi parar pra que? >.> Cquote2.png
Contrabandista se fodendo após o motorista do ônibus que saia do Paraguai para o Brasil ter parado na fronteira


Contrabando nada mais é do que uma coisa que é contra a banda. Todos odeiam a banda e vão contra ela, porém, com a Reforma Ortográfica de 2009 banda foi para o masculino, ficando "bando", ou seja: contrabando. Contrabando pode ser definido com o transporte de tudo que é ilegal (Ou não, como cigarros, perfumes, cds, aparelhos eletrônicos, armas e até mesmo humanos! Tudo começou lá quando Judas perdeu as botas aqui na América... Os Euroupeus começaram a contrabandear escravos e índios de todas as partes do mundo.

Contrabando no Brasil[editar]

Típicos contrabandistas sendo presos

Na primeira metade do século XIX as relações diplomáticas entre o Império Serrano do Brasil e a República do Paraguai eram amistosas pois, naquela época, os paraguaios contrabandeavam apenas crianças em perfeito estado de funcionamento. Foi então com a Guerra do Paraguai em que o Brasil invadiu a terra vizinha e descobriu uma farta quantidade de produtos muitos mais baratos. Porque lá não havia imposto e, tudo era fabricado por ali mesmo, mas era muita coisa mesmo, como por exemplo...

Certa vez, uma brasileira chamada Dalva de Oliveira, que era cantora e estava com seu marido na Guerra do Paraguai, resolveu fazer uma comprinhas por lá. Ela comprou 2 pares da Bota do Satanás, 5 quilos de Carne assada (artigo muito caro no Brasil), bracinho de tiranossauro (para um amigo que não tinha os braços), um Carro do Sonho e deu de presente ao seu cônjuge, chamado Caio Pinto, que usou o veículo para fugir de uma índia, que estava fazendo uso das tintas guaches que usa pra pintar corpos. Ela também foi roubada. Chegando no Brasil, o Governo do Estado de São Paulo quis saber de onde era tudo aquilo, porque o brasileiro vivia na época da inflação, e o policial queria ganhar um suborno em cima dessa história. Era um amontoado de coisa, e o policial disse que isso era um contrabando, pois era contra as leis brasileiras (que na época até funcionavam direito). Eles foram obrigados a vender tudo o que compraram e muito mais, pois a lista de produtos de compra era de mais de dezoito mil e 986 páginas frente e verso... pra você ter uma noção, tinha mais páginas do que a Wikipédia em livro (e era apenas o primeiro capítulo da versão de bolso).

Viram que essa ação gerava lucro para o Brasil, e a mesma começou a tirar o país da dívida. Os policiais que prenderam os contrabandistas, ainda deram uma grande indenização, pois não havia outra forma de agradecer por ter tirado o país da dívida, e os deu como prêmio a Rua 25 de Março em São Paulo, Madureira, onde se localiza o Mercadão de Madureira, Saara (centro comercial), CEASA, e a Rua Uruguaiana, todos esses no Rio de Janeiro, para os casais de brasileiros fazerem suas compras....[carece de fontes] Atualmente continua bastante comum, principalmente de produtos que chegam direto do Paraguai. Aqui, os contrabandistas são denominados de "formigas". Geralmente vêm em ônibus, ou embarcações pequenas que atravessam o rio que divide a fronteira. Quando os contrabandistas são pegos (se é que alguém consegue pegar formigas), geralmente nada acontece. É só eles "darem" um celular de graça pro fiscal ou pagar um pão com mortadela e café do outro lado da fronteira, que tá tudo resolvido. Ou, caso seja contrabando humano, dar a puta mais feia pro fiscal.

Contrabandistas e suas primeiras grandes lojas[editar]

Em 1400 e lá vai pedrada foi criada a APBCPP (Associação Paraguaia Brasileira de Contrabandista de Produtos Piratas) com o objetivo de criar lojas e vender produtos em shopping, praças, avenidas, cidades do interior; e fizeram uma parceria com o Movimento dos Sem Terra que ocuparam grande terreno em várias cidade e também terrenos virtuais veja alguns exemplos de contrabando legalizado ou não.