Criolo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
EMtv-755381.jpg ESTE ARTIGO FEZ PACTO COM A MTV!

Ele provavelmente foi criado por um VJ, finge que se importa com música e vai se mudar pra Record quando as coisas estiverem feias. Não vandalize, ou Paulinho Serra fará o penteado dele em você!

Irracionais.jpg Essi artigu é faveladu!

Nem por isso tá involvida cum droga, putaria ou ladruagi!

Não vandalize, senão num vai poder morar aqui na cumunidadi!


Emblem-sound.svg.png Criolo
Criolo4.jpg
Criolo logo após fugir da prisão
Nome Criolo Doido
Origem Marte
Sexo Unissex
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.png
Caixa de papelão, latas de refrigerantes, colher, garfo, etc.
Gênero Música Pornográfica Brasileira
Influências Mano Brown, MC Créu e Pepê e Neném
Nível de Habilidade Abaixo de zero
Aparência Drogado
Plásticas Fez no rosto inteiro mas não deu certo
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Sexo e drogas
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Computador emprestado do amigo

Cquote1.png Você quis dizer: Crioulo Cquote2.png
Google sobre Criolo
Cquote1.png Você quis dizer: Miolo Cquote2.png
Google sobre Criolo
Cquote1.png Você quis dizer: Criolho Cquote2.png
Google sobre Criolo
Cquote1.png Experimente também: Piolho Cquote2.png
Sugestão do Google para Criolo
Cquote1.png Experimente também: Sarará Crioulo Cquote2.png
Sugestão do Google para Criolo
Cquote1.png Mas não é "Criôlu" que se escreve? Cquote2.png
Carla Perez questionando a grafia correta do nome do cantor
Cquote1.png Eu tenho medo. Cquote2.png
Regina Duarte declarando seu pavor pelo aspecto físico de "Cricri"
Cquote1.png Mas ele não deixa. Cquote2.png
Barbeiro do Criolo justificando o fato de ele nunca ter cortado a barba
Cquote1.png Você quis dizer: Criolo Cquote2.png
Google sobre Criolo
Cquote1.png É isso aí muleque. Todo mundo doido aí nesse Brasil doidão. Cquote2.png
Criolo sobre o Brasil doidão
Cquote1.png Vocês traíram o movimento Hip-Hop, véio! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Criolo
Cquote1.png Foram eles os maconheiros que roubaram nosso feijão Cquote2.png
Mamonas Assassinas sobre Criolo

Criolo em contato com a civilização.

Criolo doido é um cantor paulista de rap e outros ritmos não identificáveis, conhecido por criar músicas tão boas quanto as do Restart. Percebe-se fortes influência do MC Créu, e junto com Luan Santana, Parangolé, Michel Teló e Valesca Popozuda, formam o grupo dos maiores ídolos atuais da boa música popular brasileira. Criolo é também lobisomem nas horas vagas, fato facilmente percebível pela sua aparência.Criolo Doido é um saudoso cantor de forró-core rap que mistura rock, [[[rap]], forró e hardcore.

Infância[editar]

Nos tempos de dificuldade criolo vendia tijolos de maconha para ganhar a vida na periferia

O infeliz viveu a infância em Grajaú, praticando naquele lugar tudo que lá há de melhor: drogas, prostituição e violência. Dizem que ele morava num bueiro, e que raramente davas as caras, só saindo de lá mesmo quando chovia, para não morrer afogado. Piolho, por conta de furtar e torturar sua mãe frequentemente, fo internado na Febém, não permanecendo lá por muito tempo, pois logo fugiu. Mas, devido às confusões que Criolo criava nesses locais, a direção da Febém ficou com medo dele e decidiu não tentar prendê-lo novamente.

Professor[editar]

Criolo em noites de lua cheia

Em 1994, Sarará foi convidado para trabalhar em uma escola. Lá conheceu o prazer de ser professor (aprendeu o Português e o maconhês), ajudando a formar os futuros traficantes e famosos criminosos do país. Nomes como Guilherme de Pádua, Wellington Menezes e o Goleiro Bruno já passaram por ele.

As disciplinas em que ele era responsável eram:

  • Armas I (Onde e como adquiri-las);
  • Armas II (Como usá-las);
  • Administração (Como controlar uma boca de fumo);
  • Drogas (Alucinógenos promissores para o mercado, onde consegui-los, etc.);
  • Como fugir da polícia e como escapar de uma prisão


Criolinho atuou nessa área por muito tempo, até que em 2000 teve que abandonar a brilhante carreira depois de ter sido espancado por um aluno que exigia nota 10 em uma prova que ele tirou 9,5. A partir daí, Criolo ficou oficialmente Doido e teve danos irreversíveis no cérebro. Foi internado num hospício, mas mostrou outra vez habilidade em fugas e hoje está solto por aí. A Justiça atualmente oferece uma recompensa de quase 10 reais para quem conseguir encontrá-lo.

Poetero[editar]

Fugido do hospício e sem ter o que fazer, Criolo tratou de virar MC. Em 2006, Criolo fundou a Rinha dos MC's, local em que os favelados poderiam apresentar porcarias como: exposição de graffitti, fotografias, shows e outras coisas do nível. Lá também servia como prostíbulo e local de encontro de diversos traficantes.

Criolho é autor de diversas frases notáveis, verdadeiras obras de arte. Eis aqui todo seu talento (ou a falta dele) como poetero traduzido em trechos de sua péssima música Subirusdoistiozin:

  • O baguio é loco
  • Os perreco vem, os perreco vão
  • As vadia quer, mas nunca vão subir

Carreira Musical[editar]

Depois que o NX Zero lançou seu primeiro cd, Criolo, revoltado, achou-se no direito também de lançar um cd, e em 2006 lança a primeira de suas bostas com o nome de "Ainda há tempo". As vendas foram um enorme sucesso. Logo na primeira semana foram vendidas 3 cópias, o que causou uma enorme inveja no Gustavo Lima. Até hoje já foram contabilizados 10 vendas do álbum, para o espanto da gravadora, que esperava bem menos do que isso.

Especula-se que todos esses discos vendidos foram comprados pelo próprio Criolo, que saía nas ruas implorando ao povo para que experimentassem seu material de divulgação, o que só foi aceito depois de ele pagar 20 reais para cada pessoa que ele entregasse o cd.

Criolo, o estilista, exibindo mais um de seus looks

Em 2007, o cancioneiro participou do Som Brasil para fazer uma homenagem a Vinícius de Moraes, achando ele que era capaz disso. No mesmo ano foi indicado ao Prêmio Hutúz (você já ouviu falar?) em "Grupo ou Artista Solo" e em "Revelação". Mas, como já era de se esperar, Criolo comprovou sua vocação para a derrota e perdeu os dois prêmios. Em 2008, finalmente, ganhou o prêmio de "Música do Ano" e "Personalidade do Ano" no respeitadíssimo evento "O rap é compromisso". Em 2009, mais uma vez Criolo Louco foi indicado ao Prêmio Hutúz em "Revelações da Década" e mais uma vez tomou lá dentro e perdeu. E, para a alegria de Rubinho Barrichello, que não admitia alguém perder tanto quanto ele, o Maluco finalmente desistiu de participar de outras edições da premiação.

Ainda em 2009, o Louco resolveu participar do filme " Profissão MC", plagiando o nome descaradamente do Profissão Repórter. Participou ainda do filme "Da Luz às Trevas", do valorizado diretor Ney Matogrosso. Não contente com tanto fracasso, gravou ainda em seu consagrado espaço, Rinha dos MC's, um DVD ao vivo intitulado "Criolo Doido Live in SP". No final do ano resolveu lançar duas novas faixas: "Grajauex" e "Subirusdoistiozin", sendo que esta última teve direito até a um clipe no youtube que já ultrapassou 20 visualizações, provavelmente o próprio Doido atualizando a página.

Depois de tamanha poluição sonora e visual, o Maluco ainda teve a audácia de lançar mais um cd em 2011. Tentando não ser mais visto como um drogado , Criolo muda o estilo de sua música para algo mais parecido com a MPB, julgando ele que assim poderia se tornar uma Maria Gadu. Serginho Groisman, após ouvir o cd, num verdadeiro ato de suicídio, chama Criolo para participar do seu programa, o Au Au Tá Zora.

Aproveitando-se do VMB para ficar famoso[editar]

Sarará não conseguindo esconder toda a sua alegria ao ser premiado no VMBBB

Não achando ninguém melhor, a MTV, provando que não está nem aí mais para a música, chama Criolo Doido para cantar com Caetano Veloso no VMBosta. Ao saber da notícia, Caetano recusou o convite e disse que não conhecia "Criolo" nenhum. Depois de muito bate boca, Caetano Veloso, numa prova que a caduquice já tinha chegado, sobe no palco do VMB com o Maluco, e dando uma de Diego Hipólito, cai do palco de 30 metros de altura. Logo após a queda, Caetano volta com uma cara de merda e, vendo que a apresentação estava com falhas técnicas, à beira de um ataque de nervos, mandou essa aqui: "EMETEVÊ, bota essa porra pra funcionar!". Logo depois Caetano teve um derrame e os familiares avisaram que ele se encontra em um estágio terminal.

Que momento de felicidade, hein?

Em troca da apresentação, o VMB premiou Criolo com os prêmios "Álbum do Ano, "Música do Ano" e "Banda ou Artista Revelação" . Mas só para não perder o costume, Criolo perdeu os prêmios de "Videoclipe do Ano" e "Artista do Ano" para seu compadre Suicida. Ao receber os prêmios, Criolo fez cara de bumba-meu-boi e não demonstrou nenhuma emoção, o que nos faz crer seriamente na existência de seres de outros planetas habitando a Terra.

Discografia[editar]

2006: "Ainda há tempo... de jogar este cd fora" - Com músicas que ninguém conhece até hoje, com exceção do próprio Criolo, o álbum prova que no mundo musical nada é tão ruim que não possa piorar.

Barulhos Faixas:

  • 1. Intro - Entrou bem duro
  • 2. É o Teste - Teste para ser garoto de programa, mas não passou
  • 3. RAP é Forte - RAP é morte
  • 4. Voz e Violão - Sem voz e só o boiolão
  • 5. Tô pra ver - Tô para morrer - TPM
Criolo e seu "cumpade" Miss Cida
  • 6. Chega - Chega! Doeu! Assim eu não aguento!
  • 7. No Sapatinho - Quero levar a sapatada que o Bush não levou
  • 8. Morto Vivo - Nunca neguei que sou.
  • 9. Ainda Há Tempo - Ainda há tempo de não ir assistir a meu show
  • 10. Sabedoria de Ébano - É o que me falta.
  • 11. Atenção - Atenção! Preparar, apontar, fogo... em mim.
  • 12. Demorô - Demorôôôôô para eu fugir da prisão
  • 13. Rádio Criolo - Rádio Pirata do Criolo
  • 14. Casca de Ovo - Sempre me alimentei disso
  • 15. Bréaco - Abre o cu
  • 16. Chuva ácida - Chuva de canivetes
  • 17. Roba a cena - Roubando sua carteira
  • 18. Aprendiz - Noob
  • 19. Na Real - Nota de um real
  • 20. Rádio criolo - Rádio pirata do Criolo agora invadindo a frequência de outra estação
  • 21. Até Emocionei (Part. Bastardo) - Chorei, sou emo, e daí? (Com participação de Retardado)
  • 22. Agradeço a Quem Devo (Escuta) - Devo não nego, pago se puder (Tem certeza que quer escutar?)
Criolo acenando para os fãs

2011: ´"Nó na Orelha" - "Tapando os ouvidos para não escutar esse disco" - Se o primeiro CD foi uma bosta, esse aqui é o penico cheio. Tem música falando até do lixão onde ele vivia.

Zumbidos Músicas:

  • 1. Bogotá - Num motel com Shakira...
  • 2. Subirusdoistiozin - Subindo em cima da Tiazinha
  • 3. Não Existe Amor em SP - Não existe paulista em São Paulo
  • 4. Mariô - Tiraram meu maiô
  • 5. Freguês da Meia-noite - Me esfreguei e sentei à meia-noite
  • 6. Grajauex - Galinha da granja
  • 7. Samba sambei - Tomar tomei
  • 8. Sucrilhos - Soca tudo!
  • 9. Lion Man Vem meu Leão!
  • 10. Linha de frente - Mete atrás!

Singles[editar]

  • Subirusdoistiozin - "Faltando os dois ~" - Uma música sem pé nem cabeça, que ninguém sabe onde começa nem onde termina. Supõe-se que ele estava maconhado quando a fez.

Videografia[editar]

2010: Criolo Doido live in SP - "Criolo Solto Leva droga para SP" - o único público presente era o cara que gravava o vídeo com uma Tekpisque. Até hoje não foi vendida nenhuma cópia, já que dessa vez Criolo não teve como comprar seus próprios produtos, já que teve vergonha de si no DVD e ficou com medo de não dormir à noite, devido às cenas fortes que ali constavam.

Lixos Canções:

Só mesmo uma chuva para fazer Criolo sair do buraco
  • 1. Até Emocionei - Até chorei de dor
  • 2. No Sapatinho - A Sapatona
  • 3. Chuva ácida - Chuva de vaias
  • 4. Rap é forte (Part. Terra Preta) - Rap é má sorte (Part. Terrena Branca)
  • 5. Selva Urbana (Part. MC Funkero) - Perdido na Selva (com participação de MC. Fuckeiro)
  • 6. Aprendiz - Calouro
  • 7. Cerol - Laranjinha e Acerola
  • 8. É o Teste - Minha testa é grande
  • 9. Ainda Há Tempo - Ainda há tempo de desistir
  • 10. Vasilhame - Vira Inhame

Ver também[editar]

Cantores na mesma sarjeta:

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Criolo no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg