Cura gay

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Quevedo25on.gif Este artigo se trata de coisas que nón eczisten!!

Este artigo se trata de algum mito, lenda, conto, história de pescador ou desculpa esfarrapada e provavelmente contém informações sobre animais grotescos que capturam sua alma.

Cquote1.png Quero isso longe de mim. Cquote2.png
Você sobre cura gay

Cura gay é um projeto criado pelo governo para reduzir o número de cirurgias de mudança de sexo e assim economizar o dinheiro do país que é usado para operar os gays de graça. Um bando de gayzistas pink bloc estão protestando contra a criação do projeto porque querem cortar o pinto seus direitos garantidos e não querem ser chamados de "Doente", pois acreditam que a gayzice não é uma doença e não querem cura.

Eu sei que você quer uma dessas

Tratamento[editar]

Os gays são tratados na Área 51 como cobaias. Os gays são chamados de "Bibas de laboratório" e passam por um rigoroso processo de cura.

  • Fase 1: é feita a lobotomia intracraniana na biba e eles espetam o cérebro minúsculo dela.
  • Fase 2: é aplicado o eletrochoque na biba até ela soltar purpurina dos olhos, nariz, boca e mucosas.
  • Fase 3: é feito o teste para diagnosticar se a gayzice já foi embora. Eles perguntam coisas héteros e esperam ouvir respostas héteros e não respostas gays como: "macho lindo" ou "meu negão".
  • Fase 4: é feito um desfile de mulheres gostosas e o gay deve apresentar melhoras em seus sintomas de gayzice. Espera-se que o gay chame uma mulher de gostosa ou fique com o pênis ereto.
  • Fase 5: é feito uma suruba bissexual com um homem e uma mulher. Primeiro o homem encocha o gay, depois o gay encocha a mulher, e assim o gay experimenta os dois sabores da fruta.
  • Fase 6: a primeira relação héterossexual é realizada. O gay inicia a vida hétero com uma transexual, para não ir contra os ideais dele de comer só homem. Emfim, ele pode gostar da fruta e passar á comer mulheres também.

A cura[editar]

Muitos gays acabam como um bissexual, o que já é um bom progresso, e outros continuam sendo gays e são submetidos á "Solução final". Depois de se curar, o gay recebe um diploma de hétero e passa á ser ex-gay.

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Cura gay no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg