Dúbnio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Dúbnio
Dubnio.jpg
Pedra de dúbnio, boa pra tacar na cabeça do amiguinho
Símbolo, número Db, 105
Série Transão
Principal isótopo 268Db
Propriedades atômicas
Massa atômica 268 cus
Dureza Desconhecida
Nível de radioatividade Altíssima nível Hulk
Nível de toxicidade Desconhecida
Propriedades físicas
Comestível? Não recomendado
Inalável? Não
Posso passar na pele? Só em Goiânia
Onde encontrar Rússia
ponto de fudição Dado irrelevante
ponto de rebuliço Dado irrelevante
Coisas de quadrinhos
Probabilidade de te transformar num super-herói Nula


Dúbnio é um elemento químico artificial e sem aplicação conhecida, feito para encher espaço na tabela periódica devido a físicos perfeccionistas que tavam incomodados com aquela linha 7 faltando tanto elemento.

História[editar]

O dúbnio foi sintetizado pela primeira vez pelo Instituto de Pesquisas Nucleares de Dubna, como continuação do plano comunista de dominação mundial que também gerou o rutherfórdio. Foi feito bombardeando amerício roubado dos porões de um McDonald's com neônio de um puteiro russo e essa mistura capitalista-comunista gerando um novo elemento, o 105.

Enquanto isso, os eternos invejosos da Universidade da Califórnia em Berkeley chegaram também no 105, combinando um burrito californiano-249 com nitroglicerina-15 num acelerador de partículas comprado do Perigo, tanto trabalho foi um grande desperdício porque o isótopo durou apenas 1,6 segundos, deu nem pra piscar o olho.

A polêmica dos nomes continuou aqui, com o dúbnio sendo o que mais nomes idiotas e sem originalidade teve, quatro no total. A treta sendo que cada centro de pesquisa queria um nome diferente e mais ridículo. Os russos querendo Nilsbohrium em homenagem ao físico coça-saco dinamarquês Niels Bohr (ideia que foi roubada pro bóhrio) e os estadunidenses sugerindo hahnium, nome que não teve muitos fãs pela sua semelhança com ranho.

A IUPAC, sem dó nenhuma dos estudantes de Química, adotou o complicado unnilpentium e foi adiando aquela zona até 1997, quando foram de dúbnio mesmo, em homenagem ao estilo jamaicano dub.

Características[editar]

O dúbnio é um elemento sintético e altamente radioativo como qualquer quinquilharia feita em laboratório. Tem uma elevada estabilidade comparada com a dos seus coleguinhas do mesmo período da tabela, e... nada mais se sabe sobre ele, tirando que é um elemento inútil que serviu apenas para causar tretas entre cientistas.

Aplicações[editar]

Elemento imaginário feito pra tapar buraco na tabela periódica e portanto, sem nenhuma aplicação prática. Porém seu isótopo mais estável tendo meia-vida de 16 horas, se for rápido dá para produzir, vender para algum cientista louco e fazer um raio da morte com ele em menos de 24 horas.