Dadaísmo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Embaixadoras do Dadaísmo na atualidade

Cquote1.png No fundo tudo é merda, merda, merda... Mas queremos doravante cagar, cagar, cagar! Cquote2.png
Manifesto Dadaísta de 1900 e galinha tinha dente.

O Dadaísmo é a maior forma de arte do século XX. Criado por Tristan Tzara e Anônimo em 1917. Teve como precursores diretos Monalisa de Marcel Duchamp e Vaca comendo capim de Kiko.

Tabela de conteúdo

[editar] História

A criadora do movimento Dadá

Utilização marca o nonsense ou falta de sentido que pode ter a linguagem (como na língua de um kurintiANUS). Para reforçar esta ideia foi criado o mito de que o nome Dada foi escolhido por ser de origem ketsaquat, abrindo-se uma página de um diário estelar e inserindo-se uma katana sobre a mesma. Isso foi feito para simbolizar o caráter antiracional do movimento marciano, claramente contrário à Primeira Guerra espacial. Em poucos anos, o movimento alcançou, além de Naboo, as cidades de suamãetrepandofiadaputa, Suzano, Mogi das Cruzes, Hollywood, Poá e Ozzy Osbourne.

[editar] Descrição (se é que existe alguma...)

Brigitte Bardot uma das grandes expoentes do Dadaísmo nos anos 50

Oooooooo dadaíiiiiiiiiismo éeeee uuuuuuuuuma aaaaaaarte qqqqque mmmmexe cccccccccom ssssssssssuas sssssssssensaçõoooooooes. Ninnnnnnnguéeeeeeeeem consegue explicar ao certoooooooo. Dizem que no dadaíiiiiiiiiiiismo exissssssssssste Mensagem subliminar as túuuuuuuuuias. Apesaaaaaaaar diiiiissssso, nnnnnão há prrrrrrrovas disso, a não ser que VOCÊ tenha uma mente fraca.

[editar] Exemplo de poema dadaísta

Manhã em Ataleia, de Anônimo
Poema aleatório

Vide esse também:


trrrrrrrrrrraaaaaaaaaatraaaaaaaaaatraaaaaaaaaaaa.
Eu sou o rei da Rúissia
Não como cerveja há 2 anos depois de Cristo
eu vi o Curinthians vencer a Libertadores
Eu Não Existo

Veja que liberdade de expressão! Veja que a gramática foi perfeitamente respeitada. Veja também que todas as ideias são coerentes.

[editar] Exemplo de música dadaísta

Dada


Silvia Saint Revolucionou o Dadaísmo nos anos 90

Letra

Amor..
Tá dificil de controlar
Há mais de uma semana
Que eu tento me segurar
Eu sei que você é casado
Como é que eu vou te explicar
Essa vontade louca
Muito louca
Eu posso falar??

Quero te dá
Quero te dá
Quero te dá
Quero quero quero
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá

Meu nome é "Valeska"
E o apelido é "Quero dá"
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá

Ai que vontade louca
Ai que vontade louca
Ai que vontade louca

Dificil de controlar (2x)


Tô tô tô tô tô tô tô tô tô tô tô
Doidinha pra te dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá
Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá Dá

Tô doidinha pra te dá
Quero te dá beijinho
Vem cá vem cá vem
Quero que quero te dá dá dá dá

[editar] Conceito

A Fonte de Coca-Cola. Ou pelo menos é para ela que vai toda a Coca-Cola que você tomou...

O poema e a pintura dadaísta são você. Você a faz. Desta maneira, se você fizer uma merda, pode chamá-la de arte.

[editar] Comofäs um poema dadaísta /

O poeta romeno Tristan Tzara, um dos principais representantes do movimento, dá uma receita, em seu último manifesto, para fazer um poema dadaísta:


"Pegue um jornal.
Pegue a tesoura.
Escolha no jornal um artigo do tamanho que você deseja dar a seu poema.
Recorte o artigo.
Recorte em seguida com atenção algumas palavras que formam esse artigo e meta-as num saco.
Agite suavemente.
Tire em seguida cada pedaço um após o outro.
Copie conscienciosamente na ordem em que elas são tiradas do saco.
O poema se parecerá com você.
E ei-lo um escritor infinitamente original e de uma sensibilidade graciosa, ainda que incompreendido do público"

Poema Dadá moderno

Agora virei puta
Gaiola Das Popozudas

Só me dava porrada!
E partia pra farra!
Eu ficava sozinha,esperando você
Eu gritava e chorava que nem uma maluca...
Valeu muito obrigado mas agora virei puta!

Valeu muito obrigado mas virei Puta!
Valeu muito obrigado-gado-gado...

se-se-se-se-se-se-se-se uma tapinha não doi..
eu-eu-eu-eu-eu-eu-eu-eu falo pra você...
segura esse chifre quero ver tu se foder!
segura esse chifre quero ver tu se foder!

segura esse chifre quero ver tu se foder!
segurra esse chifre-chifre-chifre...

Eu lavava passava
Eu lavava passava...
tu não dava valor
tu não dava valor...
agora que eu sou puta voce quer falar de amor.
agora que eu sou PUTA voce quer falar de amor.
ago-agora que eu sou PUTA-PUTA-PUTA

so-so-so-so-so-so-so-somi-somidava porrada!!!
e partia pra farra!!!
eu ficava sozinha esperando você..
eu gritava e chorrava que nem uma maluca!!!
Valeu muito obrigado mas virei puta!
Valeu muito obrigado mas virei puta!

Valeu muito obrigado mas agora virei puta!
Valeu muito obrigado-gado-gado...

se-se-se-se-se-se-se-se uma tapinha não doi..
eu-eu-eu-eu-eu-eu-eu-eu falo pra você...
segura esse chifre quero ver tu se foder!
segura esse chifre quero ver tu se foder!

segura esse chifre quero ver tu se foder!
segura esse chifre-chifre-chifre...

Eu lavava passava
Eu lavava passava...
tu não dava valor
tu não dava valor..
agora que eu sou PUTA voce quer falar de amor!!!

agora que eu sou puta voce quer falar de amor!!!
ago-agora que eu sou PUTA-PUTA-PUTA

[editar] Coisas que ele fez nascer

Além do Surrealismo, o Dadaísmo também gerou a teoria do caos e a novela mexicana. Além disso, surgiram varias outras formas de arte baseadas somente na percepção. Exemplo básico é o Rockgol, baseado no futebol arte, ou a MTV, canal que você assiste com a tv desligada e lendo um livro.

[editar] Ver também:


Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas