Dalton Trevisan

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Cquote1.png Um zumbi! AAAAAAAHHHHH!!!! Cquote2.png
Dalton Trevisan sobre zumbi.

Dalton Trevisan já sem forças no probóscide.

Dalton Trevisan é um espécime que prova ser possível a sobrevivência sem NADA de vitamina D, sem sofrer de albinismo nem nada do gênero, essa verdadeira múmia campeã, vive em paz com a depressão há nada menos do que 92 anos. Após enjoar de mentir, largou de vez sua carreira de advogado para dedicar-se apenas à descrever as coisas mais chatas de cenas cotidianas, o que lhe rendeu reconhecimento nacional, prêmios e homenagens póstumas das quais ele faz um ritual dando dez cuspidas em cima e mijando também em cima, para não se deixar apegar a coisas assim.

Pós Vida[editar]

Dalton não vive nem sobrevive, ele acha que sempre foi morto, por isso transformou sua casa em um caixão de defunto, não abre as janelas, muito menos cortinas e, não se sabe como o infeliz não morre sufocado lá dentro daquele museu encardido. Costuma sair à noite, mas não tem mais força pra sugar o sangue de nenhuma polaquinha desavisada, se é que um dia teve força pra isso. Não tem nenhum filhote, nenhum mal nisso, mas no caso dele deve ser por motivo de falta de óleo de copaíba ou de fotossíntese e não por algum tipo de princípio. Grande adepto da punheta, como eu e você, mas SOMENTE adepto da punheta, Darton alguns dizem que ele jamais deixou seu esperma num lugar perigoso.

Darton gosta apenas de luzes artificiais, tendo ojeriza de qualquer raiozinho solar de uma manhãzinha ou fim de tarde de inverno. Dalton é uma espécie de ser abissal que nasceu na superfície por acidente ou exceção. Ele admitiu ser vampiro, mas nunca se sabe de ter mordido ninguém, pode ser um tipo de cobra sem peçonha, mesmo tendo presas com preparo para morder e sugar, mas nunca se viu ele atacar, nem ter sido perseguido pelos Winchester ou correr de estaca, de alho... só se sabe mesmo dele fugir da luz solar.

Nascido em Curitiba, no meu Paranã, dizem ser isso já metade da explicação dele ser lesado das ideias, já ficava triste por ter que sair para a escola de dia, pois não é permitido pirralhos estudarem à noite e, lá ficou Dalton até o meio da adolescência, em sala de aula com a maior cara de bunda murcha e chorosa que alguém já havia visto, mas conseguia ao menos fazer a lição se a professora lhe permitisse colocar os óculos escuros.

Zumbis vs. Vampiros[editar]

Não tendo a mesma frescura de Edward Cullen, mas nem tão macho quanto Nosferatu, Darton é praticamente uma pulga que convive com anemia tão bem quanto convive com sua depressão crônica e com a ausência de luz. Pulga, carrapato, sanguessuga, pernilongo... Talvez qualquer desses alimente-se melhor do que o Dalton Trevisan, a não ser que alguns de seus fãs vão doar sangue diretamente pra ele, o que o mantém vivo por quase uma Era um século, mas atacar mesmo, até o rei do remorso Louis de Entrecosto com o Vampiro atacou mais tendo vivido um décimo do que Dalton tem de idade.

Dalton Trevisan aderindo à dieta vegan.

MAS O PIOR mesmo pro Dalton Trevisan e alguns outros vampiros brasileiros não é a falta de iniciativa para atacar, porque pescoços mesmo não faltam, como diz o Sérgio Moro, mas o pior não é serem vampiros sem iniciativa pro ataque, o pior na vida dos vampiros são os zumbis. Sim, amigão, zumbis sempre existiram, mas agora eles estão em alta e roubaram totalmente a cena dos vampiros aca em terras tupiniquins, principalmente no meu Paranã. Os vampirinhos de Curitiba ou de qualquer outro lugar do país, não deram conta dos zumbis e, nem à noite que era quando eles saíam para garantir o pão com margarina, conseguem ver um zumbi pela frente sem correr mais do que o diabo da cruz(sério que diabo não gosta de cruz?), sendo que nem velhinhas têm medo dos zumbis.

Não se explica porque os vampiros têm medo dos zumbis, quanto aos zumbis, eles continuam com aquele elegante andar de galinha com a asa destroncada, sem se incomodar com vampiros nem com ninguém... anão ser alguns daqueles zumbis que andam carregando coisas estranhas, esses fogem da polícia, mas os demais zumbis, não costumam ter medo de ninguém, e ninguém tem muito medo deles, porque é difícil alguém ter miolos pra ceder. Zumbis também passam fome pela dificuldade em encontrar miolos, tão em falta, mas continuam perambulando por aí.

Voltando ao vampiro que interessa que é o Darton, ele também não gosta dos zumbis, rezando com crucifixo e tudo, pra não encontrar nenhum desses em seu caminho noturno, pois se encontrar ele tem os mesmos sintomas que outros vampiros: Começa a soltar grunhidos, rodopiar no mesmo lugar e pode até morrer, embora isso fosse um milagre... Estranhamente, zumbi nenhum se interessa em miolo de vampiro, principalmente se os miolos estiverem cheios de contos, fruto de punhetagem acumulada ou descrições das cenas mais chatas do cotidiano, assim mesmo os vampiros viram morceguinhos e somem ou voam.