David Villa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Futebolista chaves22.JPG Este artigo é sobre um futebolista

Ele é caneleiro, vive levando cacetadas e é melhor que o Eto'o!
Se você torce pra esse perna de pau analfabeto, o problema é seu.

Veja outros futebolistas aqui.

Pele33.jpg
Trevo de Quatro Folhas.jpg Sacode essa cueca, Anônimo!

Este artigo é sobre alguém mais feliz que pinto no lixo! Se um gato preto
atravessa o caminho dele, o bichano fica branco.

Se vandalizar, jogaremos um monte de ferraduras na sua cabeça!


David Villa
Villaap0204 468x437.jpg
Nascimento 3 de dezembro de 1981
Nacionalidade Bandeira da Espanha Espanha
Altura Entre 1m e 3m
Peso 69 Kg
Clubes Sporting de Gijón, Zaragoza, Valencia, Barça, Atlético de Madrid e New York City FC
Estilo de Jogo Chutar do jeito que der
Gols De canela


Cquote1.svg Você quis dizer: Dabid Bilha Cquote2.svg
Google sobre David Villa
Cquote1.png Experimente também: Raúl Cquote2.png
Sugestão do Google para David Villa
Cquote1.png Ahnn... Ótimo atacante esse Deivide Vilha. Cquote2.png
Casagrande sobre Villa.
Cquote1.png 92 no FIFA, vou comprar ele para o meu time... AHHHHHHH! Mais caro que o Messi! Cquote2.png
Jogador de FIFA sobre Villa.
Cquote1.png 92 no PES, vou comprar ele para o meu time... AHHHHHHH! Mais caro que o Messi! Cquote2.png
Jogador de PES sobre Villa.

David Villa Sánchez é mais um jogador de futebol espanhol centroavante grosso que por alguma razão acabou se tornando um jogador valorizado, campeão do mundo e rico, portanto, atraente para as mulheres. Villa é mundialmente conhecido por sua barbicha estranha e pelo hábito de fazer gols da forma mais feia possível.

Infância, vida pessoal e afins[editar]

Seria David Villa pai de Drake Bell?

Para evitar problemas na justiça com advogados raivosos e sedentos por sangue inocente é melhor não se aprofundar muito nesses detalhes afinal segundo o código penal difamação é crime então falemos apenas o necessário sobre ele.

Villa nasceu. Melhor não citar nomes para evitar problemas com o direito de imagem. Ele cresceu, qualquer detalhe sigiloso pode ser considerado como injúria então para não ter problema com os adevogados que o cara é capaz de pagar é melhor omitir esse ponto da vida dele. David sempre gostou de futebol, ou não. E algum momento por alguma circunstância, que é melhor não ser falada por caracterizar violação de privacidade da pessoa, ele se tornou um jogador ruim de futebol profissional, mesmo tentando ele nunca alcançaria o nível Peter Crouch.

Carreira[editar]

Villa com a camisa da seleção, olhe o medo em seu olhar, provavelmente ele não tem a menor ideia do que fazer com a bola quando ela chegar.

Segundo o código penal em um dos infindáveis artigos "Não é crime a opinião desfavorável da crítica literária, artística ou científica" e sendo futebol uma arte, afinal aquelas pintiurinhas de caras de pinto pequeno não é arte de macho, artista de verdade é Sandro Goiano que não perdoava o joelho de absolutamente ninguém, o que interessa é que agora o artigo está livre para falar sem correr o risco do autor encarar 3 anos de prisão. A carreira de Villa começou no humilde langreo, o clube do fim da rua dele. E logo ele foi teletransportado para jogar num clube não muito maior, o Sporting Gijón, um time espanhol que perambla entre a 2ª e 3ª divisão com aparições esporádicas na divisão principal, mas presença garantida nas copas de verão que clubes brasileiros se vangloriam de já terem ganho.

Cquote1.png Uhnnn... Que dedo gostoso, é de quem? Cquote2.png

Com a crise vivida pelo Gijón, Villa teve de ser negociado e substituído por um croata de meia-idade. Assim ele foi parar no Real Zaragoza, um time classe B da Espanha onde o, então, promissor jovem ganhou seus primeiros títulos: uma Copa da Espanha, Uma Supercopa da Espanha e um bingo beneficente. Após uns dois anos o Zaragoza decidiu se livrar do centroavante e o despachou para Valencia onde ele poderia se matar de comer paella.

No Valencia[editar]

A carreira de Villa é resumida ao Valencia. Ninguém liga para o que ele fez antes. Nesse clube Villa foi abençoado por Odin e pelos deuses da mitologia de Ragnarök com uma sorte sobre-humana, por que a partir daí ele começou a fazer tudo quanto é gol, a bola após bater e ebater na zaga caía no pé dele com o gol livre, isso em média três vezes em um jogo, nessa época ele anotava algo em torno de 1 gol por jogo, já que as outras duas possibilidades ele ou isolava ou se atrapalhava com as próprias pernas.

Villa apontando para os cachorros que devem pegar o fotógrafo.

Após cinco temporadas com a setinha para cima Villa conseguiu de forma surpreendente ganhar fama e dinheiro, ele arranjou reputação no meio, mesmo sendo de um país pipoqueiro e sem camisa no mundo do futebol, ao menos até então. A época áurea de Villa foi o Valencia onde ele arranjou vaguinha na Seleção Espanhola de Futebol que com a ajuda de um polvo muy camarada sagrou-se a última campeã campeã mundial em 2010, visto que o mundo será consumido pelas chamas em 2012, agradeçam aos maias por isso.

Futuro[editar]

Villa mostrando que, na verdade, ele é holandês.

Villa, aos 28 anos, saiu do Valencia para ir para o super badalado FC Barcelona time conhecido por ter um ego maior do que o próprio futebol. Provavelmente ele fará um início de temporada sofrível e porá a culpa no período de adaptação, depois fará uns três gols e dirão que o grnde Villa está de volta, só que aí ele vai cair de rendimento ser xingado pelo pessoal do amendoim e terá de voltar com o rabo entre as pernas para o Valencia. Sendo algo similar ao Lukas Podolski e sua passagem pelo Bayern de Munique ou o Robinho que só joga em peixe pequeno.

Na seleção[editar]

Uma seção especial para essa parte da carreira dele, que tentará entender como o ser conseguiu ganhar uma Eurocopa, uma Copa do Mundo pela Espanha (!!!) e ainda ser artilheiro do campeonato ao lado de um holandês muito amado no Brasil, um guri que nem saiu das fraldas e um loirinho são-paulino.

Foto 3X4 de Villa, note a barbicha sexy.

Villa foi convocado para a seleção para a primeira vez em 2005, mas só começou a fazer gols em 2006, ano da Copa para a qual foi chamado e que na qual a Espanha para manter a tradição chegou com o favorita mas pipocou ante às cicatrizes de Franck Ribery e a reluzente careca de Zinedine Zidane que mais tarde se sujaria com sangue italiano.

Apesar de não ter feito nada de útil nessa copa, foram 2 gols na goleada de 4 a 0 na pobre Ucrânia. Ele permaneceu na seleção por falta de atacante melhor, ou ao menos, mais sortudo. Villa continuou perdendo gols e fazendo alguns quando era difícil demais perdê-los.

Figurinha de Villa no álbum da copa.

A próxima fase foi a Eurocopa de 2008, onde a Espanha faturou o título isso com 4 gols de Villa que foi o artilheiro o que demonstra a completa incompetência dos outros atacantes, Villa ao final acabou sagrando-se campeão, artilheiro e ainda foi mandado para a seleção do torneio.

O pico da carreira de David foi a Copa de 2010, no qual a sele ção espanhola ganhou fazendo 8 gols em 7 jogos, média ridícula, desses 8 gols, 5 foram de Villa o que prova que o ataque espanhol é uma completa merda, dependem de um jogador que tem mais força que técnica para fazer mais da metade dos gols, esse fato sozinho descredencia Fernando Torres, Pedro e companhia, igualando-os ao nível de um jogador do Vasco. Villa foi campeão com a Espanha na final dos dois times mais azarados da história, os dois não terminaram vices pois o polvo emprestou sua sorte ao time espanhol.

Só para o pessoal da EA Sports o Villa é apelão.

Villa no videogame[editar]

Tudo o que David Villa é incapaz de fazer em campo ele executa no preisteichon, faz gol de longe, dribla a zaga inteira, dá chapéu, carretilha, faz o Kama Sutra inteiro tanto no FIFA como no PES, isso sem falar que ele é um dos jogadores mais caros possíveis, mais que Ronaldinho, Rooney e Messi. Mas vale a aquisição, só no jogo, porque ele é o cara que você corre do meio de campo até o gol e chuta, isso tudo sem cansar.

Um dos motivos para ele ser algo tão apelão é provavelmente pelo fato de que a Europa não tem grandes atacantes e para sacanear os sulamericanos eles pões seus jogadores menos piores em níveis surreais, já que eles fazem o jogo, é mera questão de ego, pois é unanimidade de que Cristiano Ronaldo é muito bom na telinha da sua TV, com ele sendo controlado pelo seu joystick, porque na realidade ele está mais preocupado com o cabelo dele do qe com o jogo. Villa é o mesmo, ele é ótimo no jogo, mas na vida real ele é apenas uma versão menos horrenda do Finazzi.

Citações retiradas da Wikipédia[editar]

Na Wikipédia, provavelmente o autor do artigo,ou algum de seus editores é fão do Villa, pois não faltam adjetivos daqueles de efeito para descrever a carreira de Villa, as opções desse autor é de que ele deve ter o Villa super-upado no FIFA online e deve ficar trollando os outros por isso à cada gol que ele faz. Mas vamos aos casos gritantes:

Cquote1.png Destacando-se pelos seus gols, não demorou muito para receber sua primeira convocação para a Seleção Espanhola. Cquote2.png
Puxassaquismo 1
Cquote1.png Por conta de seu brilhante desempenho pela Valencia, na temporada 2005-06, acabou garantindo uma vaga no plantel para a disputa da Copa do Mundo de 2006. Cquote2.png
Puxassaquismo 2 e "pela Valencia"?

Wikipédia puxando o saco de David Villa. o caso mais gritante.

Vídeos sem noção[editar]

Ver também[editar]


Flag of Spain.svg
Flag of Spain.svg

Goleiros: ZubizarretaCañizaresCasillasValdésMiguel AngelZamoraArconadaBuyoRamalletsUrrutiIribar
Zagueiros e laterais: HierroFerrerMichel SalgadoNadalCamachoPuyolSergiGordilloPeriko AlonsoZocoChendoAlexancoCamarasaHelgueraIván CampoPiquéQuincocesAlba
Meias: XaviIniestaAmancioBasoraLuis Suárez dos anos 60GuerreroMendietaGerardAmorEtxeberriaFàbregasBusquetsCamineroPep GuardiolaCamineroLuis Enriquedel BosqueXabi AlonsoSenna do BrasilVíctorKiko
Atacantes: RaúlGentoTorresBakeroSantiago Bernabéudi Stéfano (argentino) • Paulino AlcántaraZarraPichichiDavid VillaDavid SilvaSalinasButragueñoMíchelSantillanaLángaraPirriBegiristainRexachPiru GaínzaAlfonso