Desentrevistas:Anarco-capitalista

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Desentrevistas.gif

Este artigo é parte do Desentrevistas, a sua coleção de fofocas informações sobre as pessoas famosas.

Olá a todos. Estou muito empolgado hoje, porque vou desentrevistar um grande ícone para a história mundial, uma lenda, um homem adorado por todos. Hoje terei um imenso prazer de desentrevistar...

(Pausa dramática)

Um anarco-capitalista genérico!... Que? Espera, é sério, vou ter que desentrevistar um anarco-capitalista qualquer? Logo eu que já desentrevistei grandes figuras como Saladino, Eva e até Lorde Vader? Vou ter mesmo que fazer uma entrevista mata-carreira dessas? ENTÃO EU FIQUEI 2 SEMANAS NO CURSINHO DE JORNALISMO PRA PORRA NENHUMA? AH! VÃO SE FODER!

(Suspiro)

Caralho viu... Tá, vamos acabar com sáporra logo.

Bom dia Sr. Anarco-capitalista, é um prazer imenso poder desentrevistá-lo![editar]

O prazer é todo meu. Vocês da desciclopédia são os meus heróis! Vocês mantém os seus servidores em cada fim de mundo só pra sonegar impostos. Eu quero ser um de vocês quando crescer! (*-*) (Escorre uma lágrima de felicidade)

Espera, espera... quantos anos você tem?[editar]

13, por que?

Não, não. Por nada... Mas, não podiam colocar, sei lá... um anarco-capitalista adulto pra eu desentrevistar?[editar]

Ééééé... eu não conheço nenhum adulto que leva a sério o anarco-capitalismo.

É... faz sentido... Bom, continuando. Desculpe, mas não pude deixar de notar que você chegou um pouco atrasado, Sr. Anarco-capitalista[editar]

Sim, desculpa. É que tive que pegar um táxi. Esse maldito governo opressor queria que eu pagasse 1,90R$ na passagem de ônibus. Pago meia por sou estudante, sabe?
Mas mesmo assim, dei um jeito de enganar esses otários: Chamei um táxi e fiquei esperando por meia hora pra ele chegar, e enquanto isso ria dos trouxas que ficavam pegando os ônibus que passavam. E quando o táxi chegou, paguei 85R$ para ele me trazer aqui. Dei um verdadeiro golpe naquele governo imoral cobrador de impostos, não? Muahahahahahaha.

Sim, sim... você é muito inteligente. Mas, se você é menor de idade não deveria estar na escola?[editar]

Outro golpe que dei no desgraçado do Estado, hehe. Eles ficam forçando a gente a estudar, mas eu fico arrumando desculpas para poder protestar e faltar nas aulas. Eu nunca vou estudar, está me ouvindo? NUNCA! EU TENHO O DIREITO DE SER BURRO, E O ESTADO NÃO VAI TOMAR ESSE DIREITO DE MIM!

Certo. Então o que você faz o dia inteiro?[editar]

Eu estudo economia. Gosto muito das idéias da escola austríaca e tal.

Hum... e quem paga a sua faculdade?[editar]

Ninguém. É que eu tenho um seiscentos e sessenta seis avos de índio no meu gene, então ganhei vaga em uma federal mesmo sendo um analfabeto funcional.

Mas... mas... mas...[editar]

Mas o que? Os anarco-capitalistas precisam estudar economia para poderem conhecer a escola austríaca, então a gente presta vestibular.

Mas os vestibulares não são todos patrocinados pelo Estado?[editar]

SIM! ESSE ESTADO FILHO DA PUTA, AGRESSOR, IMORAL. SÓ SERVE PRA ROUBAR AS PESSOAS COM IMPOSTOS! QUE RAAAAAAIVA! ELE TEM QUE ACABAR!!

Olha... e-eu nem sei mais o que falar... Vamos pro bate-bola, ele ajuda a enrolar um pouco.[editar]

Tá certo.

Por que você acha que as crianças estão tão "maduras" nos últimos tempos?[editar]

POR CULPA DO ESTADO, QUE É IMORAL!

Por que você acha que está chovendo tanto esse mês?[editar]

POR CULPA DO ESTADO, QUE É IMORAL!

Por que você acha que as calças boca de sino saíram de moda?[editar]

POR CULPA DO ESTADO, QUE É IMORAL!

Por que existem os direitos humanos?[editar]

POR CULPA DO ESTADO, QUE É IMORAL!

Por que a galinha atravessou a rua?[editar]

POR CULPA DO ESTADO, QUE É IMORAL!

Tá... muito obrigado por sua presença aqui, Sr. Anarco-capitalista.[editar]

Eu que agradeço. Sou muito fã de vocês! Vocês são os sonegadores de impostos que eu sempre quis ser. Posso ganhar uma Nussako de pelúcia?

Se isso ajudar você a ir embora. Enfim... ficamos por aqui, esperamos que tenham gostado dessa desentrevista. Até mais.[editar]

(Silêncio)

EU NÃO ACREDITO QUE VOCÊ ME OBRIGARAM A FAZER ESSA ENTREVISTA DE MERDA! EU ME DEMITO, TÃO ME OUVINDO? ME DEMITO PORRA! NÃO FICO MAIS UM MINUTO NESSA BURUCA!!![editar]

Produtor: Ainda estamos gravando.

Ah!... Ééééééééé... Desculpe por isso, caro leitor. Como ia dizendo, ficamos por aqui. Espero que tenha gostado dessa desentrevista, até mais! (Sorriso falso)[editar]