Deslistas:As doenças mais imbecis e raras já catalogadas

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Deslistas.gif

Este artigo é parte do Deslistas, o sumário livre de conteúdo.

Certas doenças ou enfermidades são tão comuns que qualquer pessoa sabe o que fazer quando é "atingido" por uma dessas, porém, algumas doenças são tão escrotas que poucos livros especializados têm coragem de descrever. Como a Desciclopédia é mais especializada que os livros médicos, eis aqui a lista das doenças mais imbecis e raras já catalogadas.

Tabela de conteúdo

[editar] Avaliação das doenças

Caveirinha perigo.jpg - Doença que não faz mal a uma pulga.

Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg - Enfermidade sem muito perigo.

Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg - Não recomendado para menores de 16 anos.

Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg - Ih, FUUUUU....

Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg - Pode enterrar o defunto. Não adianta resistir.

Caveirinha perigo variavel.jpg - Variável. Tudo pode acontecer!

[editar] Doenças catalogadas

[editar] Síndrome da imuno-aquisição deficiente

Mais conhecida como DIAS (ou SIAD), esta síndrome afeta o sistema aquisitório dedicado à imunidade da pessoa, ou seja, o dinheiro que a pessoa normalmente gastaria comprando remédios. A DIAS é transmitida através de relações sociais, por exemplo, happy hour onde discute-se muito sobre grana. Se a pessoa não usar preservativo quando vai a happy hours com gente mais rica (tampões de ouvido), a inveja monetária começa a crescer e a pessoa adquire a síndrome. Também pode ser transmitida através de transfusões de salários infectados.

[editar] Sintomas

A DIAS faz a pessoa ficar com imunidade mais baixa por falta de remédios. Também deixa a pessoa cada vez mais avarenta. Em alguns anos, a pessoa fica com uma boa economia, mas sofrendo muito com as doenças.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

O problema não é a síndrome, em si. O grande perigo desta doença é que ela serve como uma janela para doenças posteriores. Uma simples gripe, por não ser tratada, pode virar algo maior.

[editar] Febre afetosa

Surgiu em bandos de cervídeos perto dos rebanhos de Chesterperdigan, na Inglaterra. Alguns seres humanos também começaram a ser atingidos pela febre afetosa.

[editar] Sintomas

A pessoa afetada pela febre afetosa começa a se sentir mais fresca do que o normal. A temperatura do corpo fica em torno de 30 graus. Nesta fase, o termômetro retal não deve ser usado pois a pessoa atingida pela doença poderá sumir com o aparelho. A febre afetosa pode vir a ser acompanhada pelo mal da bicha louca.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

Não tem cura. A pessoa afetada pela febre afetosa fica afetada pra sempre. Muitos destes podem ser encontrados no estádio do Morumbi ou em shows do Restart.

[editar] Hansoníase

Era conhecida como lepra cerebral. Hoje este é um termo pejorativo para esta doença causada pela bactéria MMMbop.

[editar] Sintomas

A pessoa infectada pela Hansoníase acredita que faz parte do trio Hanson, que nem deve mais existir. Inicialmente, a infecção da Hansoníase surge em forma de fanatismo, deixando a pessoa fã da banda. No estágio final da doença, a pessoa faz turnês pela Europa, Ásia e Américas.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpg

Felizmente, esta doença já tem cura. A pessoa infectada só precisa ouvir Johann Sebastian Bach por algumas horas para se livrar deste mal.

[editar] Síndrome da combustão espontânea

A síndrome da combustão espontânea é o mal menos raro da lista mas ainda sim são pouquíssimos os casos já registrados.

[editar] Sintomas

O enfermo começa a sentir queimações no estômago. Muitos confundem este sintoma inicial com uma pequena gastrite. Poucos dias depois, o enfermo vira cinzas. A transformação de pessoa em cinzas acontece muito rapidamente, não dando tempo para os médicos fazerem algo.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

Quando a pessoa adquire a síndrome de combustão espontânea, fica com poucos dias de vida. A combustão é tão rápida que a vítima nem sente nada. A maioria das pessoas sofrem a combustão espontânea enquanto estão dormindo, mas há várias excessões. Soube-se de um jogador de futebol que, enquanto estava em campo e partia para um contra-ataque fulminante, sofreu uma combustão espontânea mais fulminante ainda e seu time ainda perdeu o jogo.

[editar] Doença do achismo de adoecimento

Muitas vezes confundida com hipocondria, a doença do achismo de adoecimento realmente afeta o paciente de tal forma que ele não consegue ter uma vida sadia e normal.

[editar] Sintomas

A pessoa que adquire a doença do achismo de adoecimento começa a acreditar que possui uma doença, quando na verdade não tem, a não ser a própria doença do achismo, mas a pessoa não imagina que está infectada pela doença do achismo de adoecimento, acreditando estar doente de alguma outra coisa, normalmente gripe ou cancro mole e, por causa disso, surgem várias preocupações. Quando a pessoa vai ao médico fazer o tratamento da suposta doença, os médicos não encontram nada e a pessoa não consegue se livrar da doença que acha estar carregando, mas que na verdade não existe, só que ela não sabe, e a gente sabe que a pessoa tem a doença do achismo de doença porque foi escrito aqui, senão acharíamos que a pessoa está apenas com alguns parafusos soltos e, por causa disso, a doença do achismo de adoecimento se torna um fardo na vida das pessoas que sofrem disto.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

A doença do achismo de adoecimento na verdade é inútil, mas pode ter o perigo de a pessoa que acha estar com alguma doença começar a tomar remédio para tratar desta doença que não existe e acabar se intoxicando.

[editar] Palhacismo

O palhacismo transforma uma pessoa sadia em um contador de piadas, na maioria das vezes sem graça, dependendo do estado da vítima. Apesar do nome, esta doença é séria e não deve ser ridicularizada.

[editar] Sintomas

Quando aquele sujeito que normalmente é sério começar a contar piadas, suspeite! Ele pode estar com o vírus do palhacismo. Os sintomas iniciais da doença são piadas copiadas de site. Quando menos se espera, ele já está inventando piadas novas (e sem graça) e trabalhando no Zorra Total.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

O vírus do palhacismo já possui vacina para o combate. Após o tratamento do palhacismo, a pessoa voltará a ser a pessoa séria de sempre.

[editar] Disfunção mental acompanhada de enciclopedismo virtual

A disfunção mental acompanhada de enciclopedismo virtual é uma doença raríssima e faz uma pessoa criar uma enciclopédia virtual insana.

[editar] Sintomas

No princípio a pessoa começa a sofrer a fase da rebeldia. Depois, ela se isola do mundo, como uma esquizofrenia. E, a partir deste momento, cria um enciclopédia insana que qualquer um pode editar mas que apenas ela edita. Na fase terminal da doença a pessoa começa a achar graça das bobeiras que escreve.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

O maior perigo é para a pessoa que lê as bobagens escritas pela pessoa que sofre deste doença. Não tem cura, infelizmente.

[editar] Mal da quina de mesa

Esta doença faz a pessoa sofrer dores terríveis. Felizmente não é contagiosa.

[editar] Sintomas

A pessoa atingida pelo mal da quina de mesa acerta partes do corpo nas quinas da mesa. Dedinhos, canelas, joelhos, cotovelos e até queixos encontram quinas despercebidas por pessoas não-infectadas.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo variavel.jpg

Não há como fazer uma avaliação consistente da doença. Muitas pessoas atingem apenas o joelho nas quinas enquanto outras acertam pancadas fortes com o cotovelo, bem naquele nervinho escroto que dói pra carvalho. O nível de periculosidade pode chegar a 4 caveiras se a parte que tocou a quina for o saco.

[editar] Bactéria Bacillus minibilaus

Uma descoberta recente dos cientistas de Nagoya. Ficou comprovado que o mal do pinto pequeno é causado por uma bactéria, o microbacilo vivo Casei Shirota minibilau que infecta o feto no ventre da mãe. Perceba que até o bacilo é micro.

[editar] Sintomas

Os sintomas são bem óbvios.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

É um perigo para a auto-estima.

[editar] Magentose

A magentose é uma doença psicológica, ao contrário da prima cianose.

[editar] Sintomas

A magentose faz a pessoa acreditar que está ficando cor-de-rosa. A pessoa costuma tomar banho várias vezes ao dia, tentando eliminar a cor rosada que não existe, usa bombril e lixas e até mesmo bronzeamento artifical. A pessoa que sofre de magentose normalmente é vista com a pele arranhada devido às tentativas de eliminar a cor rosa.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

Recebe 2 caveiras por fazer a pessoa se arranhar toda para eliminar a cor rosa, mas a doença é bem babaca.

[editar] Deficiência matemental

A deficiência matemental é uma condição raríssima, que atinge 1 em cada 10 bilhões de pessoas. Ela faz com que as pessoas fiquem matematicamente ineptas.

[editar] Sintomas

O deficiente matemental não consegue realizar nenhum cálculo matemático. Isto é perceptível quando a criança não consegue realizar cálculos simples como 1+1, 2+2 ou t=(x/8+r/3)²+(15+2i/6-r). Porém, não se esqueça, esta é uma condição raríssima. Se o seu filho estiver mal em matemática na aula é porque ele é burro e não porque é deficiente matemental.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpg

Ser ruim em matemática nunca matou ninguém. Se fosse o caso, todo aluno de escola pública brasileira já estaria comendo grama por baixo da terra.

[editar] Síndrome da Masturbação em Público

Esta síndrome vem incomodando os estudiosos há décadas. Ninguém conseguiu descobrir o agente causador desta síndrome, que faz o portador se masturbar em público.

[editar] Sintomas

O portador da síndrome da masturbação em público é uma pessoa com vida normal, mas com movimentos incontroláveis. Quando está em meio a uma multidão, começa a se masturbar sem perceber. Esta pessoa pode estar conversando com outra pessoa, envolvida no assunto, e estar se masturbando simultaneamente. Quando você vir uma pessoa se masturbando em público, não julgue esta pessoa. Ela pode estar sofrendo deste mal que assola dezenas de pessoa pelo mundo.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo variavel.jpg

Dependendo do país onde o portador da síndrome da masturbação em público demonstre seus sintomas básicos, ele pode até ser apedrejado (em público, óbvio).

[editar] "Maldição de Losterruister" (Síndrome da catástrofe genealógica)

Descoberta pelo psiquiatra Quarão Losterruister, a síndrome da catástrofe genealógica é uma condição psiquiátrica que faz com que uma pessoa acredite que seus parentes estão sofrendo doenças. É uma espécie de doença do achismo de adoecimento ao inverso. Na doença do achismo de adoecimento a pessoa acredita estar doente. Já na maldição de Losterruister, a pessoa acredita que seus parentes estão sofrendo doenças.

[editar] Sintomas

A pessoa que sofre da síndrome da catástrofe genealógica começa a falar que um de seus parentes está adoecendo. No princípio da síndrome, o parente que está sofrendo a doença é mais distante, como um primo de segundo grau ou um tio que mora em outro estado ou país. A doença que o parente recebe de "presente" também costuma ser mais leve, como anemia, gripe ou caganeira. Conforme o grau da síndrome da catástrofe genealógica aumenta, os parentes vão se aproximando e as doenças ficando mais terríveis. Chega uma hora que o desesperado portador da síndrome da catástrofe genealógica acredita que sua mãe possua a síndrome de combustão espontânea, uma das piores doenças já catalogadas. A tensão fica grande e o portador da síndrome da catástrofe genealógica demonstra também sintomas de paranoia.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpg

Todo mundo sabe que isto é besteira de gente querendo se aparecer. E existe tratamento também - umas boas porradas na cara de um sujeito assim.

[editar] Crise de Saci-Pererê

Desfunção mental que faz a pessoa cortar uma das pernas, normalmente a esquerda, para destros, e a direita, para canhotos.

[editar] Sintomas

A pessoa começa a achar que é o Saci-Pererê. Primeiro começa a andar apenas de cueca e gorro vermelhos. Depois entra no vício da nicotina. No fim, a pessoa amputa a própria perna. Esta doença mental é causada por uma mutação do cromossomo 10. Ela só atinge pessoas com origens africanas.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

A pessoa pode sofrer uma hemorragia ao decepar a própria perna. Pode ser infectada com tétano caso use uma ferramenta enferrujada para cortar o membro.

[editar] Crise de Saci-Pererê Cotoco

É quase a mesma coisa que a doença acima, mas caso a pessoa seja ambidestra.

[editar] Sintomas

Vide os sintomas da doença acima e substitua uma perna por duas pernas.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpgCaveirinha perigo.jpg

O nível de periculosidade é semelhante à da crise de Saci-Pererê para destros e canhotos, mas no caso de duas pernas decepadas, os riscos de hemorragia e tétano são maiores. Duplica o perigo.

[editar] Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose Eyjafjallajökulliana

Recebe o nome de pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose eyjafjallajökulliana a pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose causada pela inalação das cinzas do vulcão Eyjafjallajökull, durante aquele problema que parou os aeroportos da Europa.

[editar] Sintomas

Dificuldades de respiração, tosse, irritação na garganta, dificuldade para pronunciar o nome da doença que atingiu seu pulmão.

[editar] Análise da Doença

Nível de periculosidade: Caveirinha perigo variavel.jpg

O grau de perigo é imensamente proporcional ao número de vezes que os médicos precisarão para pronunciar o nome corretamente da doença pulmonar causada pelas cinzas do vulcão islandês. O tratamento da pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose eyjafjallajökulliana não pode ser confundido com o tratamento de uma pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose comum, pois as cinzas do Eyjafjallajökull possuem propriedades diferentes. Se a pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose eyjafjallajökulliana for tratada como uma simples pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose, o paciente corre o sério risco de falar cuspindo pelo resto da vida.

[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas