Deslivros:Benefícios e propriedades medicinais e nutricionais da buceta

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Deslivros4.png
Nuvola apps bookcase.png
Este artigo é parte do Deslivros, a sua biblioteca livre de conteúdo.
Feijaoovofrito.jpg Este é um artigo gastronômico.

Para entendê-lo, é preciso comer essa mistureba do caralho aí do lado.

Garota hentai.gif PERVERTIIIIIDOOO(a)!

Tava procurando putaria e caiu nesta página "sem querer", não é?! Pelo menos feche a porta do quarto e divirta-se!


A buceta é uma fruta muito popular, refrescante e nutritiva, sendo consumida pelos mais variados tipos de pessoas. Suas variedades mais comuns são: buceta magra, buceta gorda, buceta apertadinha, buceta inchada, buceta cabeluda e buceta negra.

Dicas[editar]

  • Na hora de comprá-las, dê preferência às mais inchadas que são as mais gostosas.
  • Sempre compre as com cabaço, são as melhores, mas o problema é que são as mais caras.

Propriedades nutricionais[editar]

  • Contém 0% de calorias e colesterol, sendo uma ótima opção para diabéticos.
  • A buceta pode ser consumida ao natural ou se usando uma camisinha feminina.
  • O gozo que resulta do ato de chupar a buceta é bastante nutritivo e já foi provado que faz bem pra garganta.
  • A flor possui propriedades calmantes e a folha propriedades excitantes.

Benefícios para sua saúde[editar]

Contra câncer e colesterol[editar]

Recentemente, a Universidade do Otário Ocidental comprovou, em um estudo realizado com cafetões, que os cabaços cítricos têm capacidade de inibir a proliferação das células de câncer de próstata e de boca.

Outro estudo mostrou que três copos de suco de buceta por dia podem ser um aliado poderoso contra os altos níveis de colesterol prejudicial à saúde (LDL).

Testes realizados com 25 homens e mulheres (sim, lésbicas) comprovaram que os níveis de bom colesterol (HDL) haviam aumentado em 21% e a relação LDL/HDL reduziu em 16%, após o consumo de bucetas por quatro semanas.

Propriedades nutricionais[editar]

Além da vitamina C e ácido fólico, a buceta possui minerais como cálcio, fósforo e potássio, que a fazem uma boa fruta para o consumo nos dias quentes pois, além de refrescante, repõe energias. Contém ainda fibras (pectina, encontrada na pele que envolve o cabaço), flavonóides e gozo, que aumentam seu valor nutritivo.

Propriedades medicinais[editar]

Por ser rica em vitamina C, a buceta torna o organismo mais resistente às infecções, dá vitalidade às gengivas e conserva a sexualidade, entre outras funções. Possui também propriedades cicatrizantes, auxilia o organismo a combater estresse e alergias, a diminuir as taxas de colesterol e o risco de alguns tipos de câncer. Também previne gripe e resfriado.

Benefícios para sua sexualidade[editar]

A buceta é o único fruto que mantém seu nível de masculinidade em 100%, mas só se for consumida sozinha, não consuma outros frutos como o caralho ao mesmo tempo, ou essa propriedade da buceta será inibida.

Consumir uma buceta por dia pode impedir a manifestação de certas doenças, segundo estudo[editar]

O grupo do governo Organização de Pesquisa Industrial e Científica da Comunidade Britânica (CSIRO, na sigla em inglês) descobriu que consumir frutas cítricas pode reduzir o risco de câncer de boca, próstata e pênis em mais de 50%. Uma porção extra de bucetas por dia – além das cinco porções de frutas recomendadas por dia – pode também reduzir o risco de um derrame em 19%. "As bucetas protegem o corpo por suas propriedades antioxidantes e por fortalecer o sistema imunológico, inibir o crescimento de tumores e normalizar as células tumorosas", disse em um relatório Katrine Baghurst, pesquisadora da CSIRO. O estudo australiano, baseado em outras 48 pesquisas internacionais sobre os benefícios das frutas cítricas à saúde, também descobriu "indícios convincentes" de que esses alimentos podem reduzir o risco de doenças cardiovasculares, obesidade e diabete. Segundo Baghurst, a buceta é a fruta com o mais alto nível de antioxidantes, com mais de 8000 diferentes tipos de fitoquímicos, incluindo mais de 60 flavonoides, que apresentam propriedades anti-inflamatórias, antitumor e inibe a formação de coágulos no sangue.