Deslivros:Como Correr de Uma Gorda

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuvola apps bookcase.png
Este artigo é parte do Deslivros, a sua biblioteca livre de conteúdo.

Este deslivro é parte do acervo de desmanuais Nuclear-explosion.jpg

ATENÇÃO: Este manual é patrocinado pelo Ministério da Saúde
Exemplo de gorda
outro exemplo de gorda

São 4 da madrugada e, de repente, a noite começa a se tornar deprimente e mais deprimente. Você está alto e vai descendo às piores profundezas da dignidade masculina. As mulheres têm algo que você está ruim de querer, mas este presente elas continuam lhe negando. Sete tentativas esta noite, numa escalada descendente da humilhação. E eis que, no outro canto do balcão, lá está ela. Ela lhe manda um sorriso e você sente-se renascido: finalmente um anjo aparaceu para pôr em uma peça sua alma estilhaçada. E você sorri de volta. Quando ela fica de pé e se põe em sua em sua direção, você pode ver o que estava escondido: seu corpo inteiro, em seus 4 metros cúbicos de glória adiposa e uma lona de circo a encimar tal graciosidade. E essa carga massiva de carne feminina - vá lá, com uma cara bonitinha - aponta em sua direção a toda velocidade e a colisão parece inevitável.

Tabela de conteúdo

Primeiro passo: Sem Pânico!

Sejamos objetivos. Uma mulher gorda ainda é uma mulher. Não há nada que uma magrinha possa fazer que uma gorda não possa. Quer dizer, tirando amarrar os sapatos, usar biquíni, andar de moto e hmmm.. andar a cavalo. Ah, esquece!... Eu quis dizer que não há nada que uma gatinha possa fazer com um homem que a gorda não possa. Exceto ficar em cima - quer dizer, poder, pode, se você for do tipo aventureiro... Mas a visão daqueles volumes lipídicos ameaçando sufocá-lo podem lhe trazer pesadelos por uns bons anos. É, seus amigos irão cair no riso, mas pelo menos você não vai acabar a noite tendo dúvidas sobre sua orientação sexual. Exceto se você gostar ou pior... é melhor nem dizer mas... é, pode acontecer. Tem sempre um risco. Se apaixonar! Nesse caso - puta merda - você é um pervertido!

Quem a gente está tentando enganar?... Você está ferrado, cara!

Segundo Passo: Fique Bêbado

Uma coisa engraçada sobre a cerveja é que ela é o melhor composto emagrecedor do mundo: quanto mais você bebe, menores - e melhores - parecerão as mulheres. Agora o diabinho no seu fígado em está lhe gritando na orelha: "Vai fundo! Pelo menos você não vai passar essa noite fria sozinho!". Dependendo da dose, você ira precisar de muita força de vontade pra não atender à essa chamada de seu homem-das-cavernas interior. Levante a cabeça, respire fundo e prepare-se para uma guerra ferrenha contra o ridículo.

Terceiro Passo: Lide Com Ela

Lembre-se: foi você quem começou tudo e agora é a sua masculinidade que está em jogo. Xingar a gorda, correr pro banheiro, esconder a cabeça num saco de papelão, ou beijar o amigo homem mais próximo só vão piorar as coisas pro seu lado. Então converse com ela e veja se consegue fazer com que perca o interesse.
1. Seja chato: fale incansavelmente sobre seu emprego como funcionário do IBGE - minta, se necessário. Mais importante, se você é, digamos, vocalista de uma banda, está absolutamente proibido de dizer a verdade (a menos que seja banda de Igreja evangélica).

2. Seja nojento: conte a ela sobre como você está mal por causa daquela infecção intestinal que você pegou comendo aquele meio cachorro-quente que você achou no banco do metrô. Diga a ela como está com uma coceirinha chata desde que apostou com um amigo quem ficava mais tempo sem tomar banho.

3. Seja um homem, no mau sentido: fale sobre futebol e ria bem alto. Coce o saco. Use o palito de dentes. Cuspa no chão. Cante as amigas dela (as magras, por Santo Antônio do Bigode Roxo! Você não quer acabar essa noite como o queijo no Big Mac duplo, quer?). Em todo caso, se você perceber que ela está gostando do showzinho, mude de estratégia na hora. Incomode. Fale sobre baleias, elefantes, porcos e celulite.

4. Seja bizarro: não importa qual o assunto, aja como se fosse um maníaco-depressivo que esqueceu o Valium em casa. Pisque repetidamente, ora com o olho esquerdo, depois com o direito. Se encurve até ficar igual o Corcunda de Notre-Dame. E não olhe no olho dela enquanto fala: mantenha sua vista num dos botões da sua camisa, o qual você fica abrindo e fechando repetidamente.

5. Seja Implicante: quando ela pedir (e ela VAI pedir) uma porção de bata frita com catupiri, ou frango a passarinho com catupiry, ou mandioca com carne seca e bastante catupiry (gorda adora catuupeery), faça a contabilidade das calorias de cada mãozada que o mamute leva à boca.

Quarto Passo: Se Tudo Der Errado

Simule vômito. Simule um ataque epilético. Simule um ataque cardíaco. Sebo nas canelas, rapaz! A essa altura, você já está moralmente autorizado a fingir boiolice como tática de desespero. Se ela gostar de bissexuais, aí meu amigo, corra pra caralho, pois com certeza, ela é tão vagarosa quanto um elefante ( que ela tambem é. )

Quinto Passo: Se Tudo Der REALMENTE Errado

Se ela te alcançar(Segurando o riso... pffurrrff)tenha uma linda noite, meu chapa... Só cuidado com as câmeras ou este lindo momento será preservado para todo o sempre nos computadores dos seus colegas de trabalho. E, pelo amor de Deus, use preservativo: as antigas deusas da fertilidade não eram gordas sem motivo. Boa! Um eufemismo. No outro dia, conte aos seus camaradas: "Ontem, dormi com uma deusa da fertilidade/deusa da fartura! Caaara, me sinto abençoado!" (Segurando o ris... HAHAHAHAHAHA... Foi mal...).

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas