Deslivros:Manual do puxa-saco profissional

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Este deslivro é parte do acervo de desmanuais Nuclear-explosion.jpg

Deslivros4.png
Nuvola apps bookcase.png
Este artigo é parte do Deslivros, a sua biblioteca livre de conteúdo.

Olá odiado querido leitor, caso você seja uma pessoa muito inocente e burra que não sabe absolutamente NADA, e vive desconfiando das piadas da Desciclopédiaera de se esperar, o puxa-saco a que nos referimos não é o que você está pensando... Neste deslivro, nos referimos às pessoas que pagam pau!
Caso você ainda, idiota querido leitor, ache estranho a explicação acima, e continua achando que queremos nos referir a coisas maliciosas, você está errado mais uma vez, estamos nos referindo a pessoas que vivem atrás de outro...
Caso você leitor, ainda continue desconfiado das frases acima, vai lavar a sua mente, seu malicioso, porque não estamos aqui para enganar ninguém (pelo menos agora) e na frase, puxa-saco nos referimos a famosa gíria de "pagar pau", "viver atrás do outro", "cheirar o focinho do cachorro"... Enfim, não vamos dar mais exemplos para não confundir a vossa perturbada mente, porque até eu já estou desconfiado do conteúdo... Portando, segue o deslivro abaixo, e uma péssima boa leitura.

Introdução da Introdução[editar]

Ei, você!

Se você respondeu sim para as 3 perguntas, você é, de fato, um puxa-saco em potencial! Através deste livro de autoajuda, você poderá ser um puxa-saco bem-sucedido.

Introdução[editar]

Nesta edição será abordada a arte do puxassaquismo. Existem várias regras e conceitos para ter sucesso nesta maravilhosa arte que se chama bajulação, conhecida popularmente como chupação de ovos e pagação de pau. Geralmente os puxas-sacos têm o mesmo grupo sanguíneo dos carrapatos e das sanguessugas, sendo que alguns puxa-sacos são parentes das lombrigas e das solitárias. Esta edição faz parte do livro Como ser um zé-mané em apenas 37824 passos, separada especialmente para você, que deseja subir na vida parasitando alguém. Franklin Martins e Celso Portiolli recomendam.

Prólogo do puxassaquismo[editar]

A partir de hoje, meu caro, você tem um dono (ou donos). Suas emoções serão as mesmas de seu dono. Todos seus sentimentos são pertence ao seu dono. Esqueça o que você aprendeu, esqueça o que você sabe; a partir de hoje, você segue apenas seu dono. Esqueça seus gostos, esqueça suas predileções; a partir de hoje, você gosta do que seu dono gosta. Se você odeia repolho mas seu dono adora, hoje você passa a gostar também. Se você odeia pagode mas seu dono gosta, a partir de hoje, você é fã número 1 do Molejo e do Belo. Se você é corinthiano e seu chefe palmeirense, hoje você é palmeirense desde leitãozinho. Se você gosta de mulher e seu chefe não, você já sabe...

Características de um bom puxa-saco[editar]

Em primeiro lugar, um puxa-saco nunca é bom. Lembre-se disso. Você faz o que faz por não ter opção mesmo, afinal, sua vida não tinha sentido nenhum antes de seguir esta notável carreira. Mas existem puxa-sacos amadores e puxa-sacos profissionais. Um puxa-saco profissa é aquele que consegue sobressair aos demais puxa-sacos. Lógico que o saco é igual ao coração de uma mãe, onde sempre cabe mais um, mas no saco sempre vai existir aquele que agarra mais saco que os demais. Em outras palavras: Enquanto o puxa-saco amador elogia o terno do dono, o puxa-saco profissional abana o rabinho e se enrosca nas pernas do dono. Um puxa-saco profissional deve ser mais sem personalidade que os demais puxa-sacos, ou melhor, deve ter personalidade nula. Um puxa-saco amador ainda possui um pouco de personalidade, e isto é ruim, muito ruim. O puxa-saco profissional é aquele que consegue eliminar qualquer traço de personalidade. Para ser um puxa-saco de sucesso, não pode ter opinião própria. Aliás, para ser um puxa-saco de sucesso, não pode nem ter opinião; o puxa-saco profissional deve apenas concordar. É isto que caracteriza um puxa-saco de respeito. Um puxa-saco profissional nunca afirma e confirma ser um puxa-saco. Um puxa-saco de talento, por mais sanguessuga que possa ser, detesta quando alguém lhe chama de puxa-saco.

Motivos que levam uma pessoa ao puxa-saquismo[editar]

Vários fatores levam uma pessoa de bem ao mundo do puxa-saquismo. Na maioria das vezes é uma vontade excessiva de ser alguém, já que, nestes casos, a pessoa não possui uma personalidade e deseja absorver a personalidade de alguém, no caso o dono. Porém, em muitos casos de puxa-saquismos, a pessoa faz coisas boas na vida, e não é uma pessoa inútil. Estas pessoas não deveriam ter a necessidade de se vender. Estas normalmente se vendem para conseguir poder. Já que ser uma pessoa de boa índole não costuma dar resultados satisfatórios para quem deseja poder, esta pessoa costuma se prostituir ao mundo do puxa-saquismo. Parasitando o dono da empresa, estas pessoas conseguem chegar ao tão sonhado poder, mesmo que sacrifiquem seu caráter.

Puxando o saco com naturalidade[editar]

O puxa-saco amador é afobado e segue o futuro dono como uma cachorra Poodle no cio. Isto não pode acontecer. O puxa-saco deve agir como uma cachorra buldogue preservada, ou seja, primeira o puxa-saco deve esperar o futuro dono acariciar sua cabeça, dia após dia, até que a relação entre as duas partes esteja evoluída. Trocando em miúdos, primeiro o puxa-saco faz algo que chame a atenção do futuro dono. O futuro dono percebe e elogia seu puxa-saco. Surge então a relação. A partir deste momento, o puxa-saco já pode fazer outra coisa pra chamar a atenção. Outro elogio e um novo degrau na relação. A relação afetiva estará em seu degrau mais alto quando o (agora) dono defender seu puxa-saco. Você, pequeno gafanhoto, agora aprendeu a estratégia (em grego strateegia, em latim strategi, em francês stratégie...) do puxassaquismo ideal.

Habilidades do puxa-saco[editar]

Exemplo de puxa-saco mal sucedido na vida!

O puxa-saco profissional deve seguir o espírito olímpico ("Mais rápido, mais alto, mais forte"). O puxa-saco deve ser o mais rápido, para puxar o saco do dono antes dos outros, deve ser o mais alto, pra puxar o saco sem precisar esticar muito o braço e correr o risco de adquirir uma tendinite e deve ser o mais forte, pra puxar o saco com mais força, mas também não pode exagerar porque o saco não é brinquedo não; uma puxada um pouco mais forte pode causar um estrago feio no saco.

O preparo físico do puxa-saco profissional deve ser em nível atlético. Ele deve conseguir seguir o dono por toda a empresa, sem mostrar cansaço. Os chefes não gostam de puxa-sacos que se mostram cansados e sem chances de darem uma boa puxada em seus sacos. Os puxa-sacos devem ter uma excelente destreza e coordenação motora, conseguindo acariciar, puxar, fazer cócegas e pentear o saco do dono, ao mesmo tempo, com uma única mão. Há um ditado antigo no mundo dos bajuladores que diz o seguinte: Cquote1.png A mão que balança o saco é a mesma que segura a prancheta. Cquote2.png

Apesar de ser um animal alfa, que disputa a bajulação com outros, o puxa-saco também deve saber trabalhar em equipe. O livro A Arte da Bajulação, de Sun-Tzu, já citava o trabalho em equipe dos puxa-sacos. Um dono nunca terá apenas um puxa-saco, portanto, sempre haverá briga para ver quem puxa mais o enrugado do dono. Para que não haja disputa territorial no saco do dono (e eventuais marcações de território com urina), uma boa saída é o trabalho em equipe. O dono gosta de bastante gente puxando seu saco e sempre vai haver espaço pra outro puxa-saco. Com o trabalho em equipe, um rodízio de bajulações pode acontecer, assim, o puxa-saco pode tirar algumas horas de folga para fazer outras coisas, como trabalhar, por exemplo.

Relação entre o dono e os puxa-sacos[editar]

O dono dos puxa-sacos normalmente sabem amaciar os egos. Os puxa-sacos adoram ter seus respectivos egos afagados. É uma relação de afeto mútuo. O puxa-saco sabe que o dono gosta de uma boa massagem nas costas e o dono sabe que os puxa-sacos gostam de um carinhozinho no pescoço. Donos e puxa-sacos se completam. Quando o amor acaba, o puxassaquismo também acaba. Trate sempre seu dono com carinho, respeito e honra. Enquanto você for carinhoso com seu dono, ele sempre afagará seu ego.

Abordagem[editar]

Depois do sucesso de Jeremias em Formando Equipes Cabra Ômis agora chegou a vez de Gonçalo Roque com seu livro Formando equipes de Bajuladores

Nesta etapa você irá abordar seu pretendente, o momento da abordagem deve ser o mais discreto possível.

Para alcançar êxito no ramo do puxassaquismo, você fingirá ser um tapete, um pano de chão, ou seja, você fingirá ser um capacho para que seu dono possa limpar os pés com conforto em cima de você. Na abordagem do puxassaquismo é muito importante apresentar elogios a todo instante, mas seja moderado. Em alguns casos a pessoa bajulada desconfia de suas intenções, pois, quando é feita de maneira errada, você será rejeitado na hora.

Antes de tudo tem que pegar no zip da calça, caso haja cinto tire-o e desabotoe o botão da parte superior; a pegada no zip deve ser feita com cautela; você deverá puxar vagarosamente o zip da calça da sua pessoa amada. Puxe devagar sem provocar solavancos bruscos, depois puxe com leve toque de mão a aba da cueca por dentro do jeans, tente descer a calça até altura dos joelhos. Agora pegue vagarosamente na pele do saco, não de puxões fortes, geralmente puxões fortes podem assustar seu bajulado. Acaricie com carinho o saco de seu querido dono, use palavras doces para ele possa sentir arrepios com sua presença, tente passar a mãos em baixos dos ovos também, de leves sopros na ponta do saco. Cuidado, não arranque os cabelinhos! Isto dói muito.

Pare por alguns instantes, veja a satisfação de seu dono, tente medir seu sorriso e procure ser o mais atencioso possível. Encha o saco de elogios dizendo que ninguém poderá superar seu poder, deixe um pouco a sós para que não fique de saco cheio com sua presença .

Cquote1.png Lembrem-se disso, em muitos casos o saco puxado já se encontra inchado por causa de outros puxassacos do passado Cquote2.png Cquote1.png (CUIDADO), não seja guloso e não meta a boca de forma apressada Cquote2.png Cquote1.png Seja moderado quando for chupar, não confunda saco com sorvete Cquote2.png

A origem do puxa-saco[editar]

Capa da Revista Superinteressante fala sobre a origem das lombrigas e seu grau de parentesco com os puxas-sacos

Física[editar]

Segundo estudos científicos realizados em 1810, descobriu-se que a origem do puxa-saco é bem mais antiga que a própria existência do planeta terra. Friedmann-Robertson-Walker observou que esputos espectrais observados em nebulosas se deviam a expansão do universo, que por sua vez seria o resultado da "explosão" de um "átomo de saco inchado".

Estes sacos de luzes inchados eram grandes bolas incandescentes que brilhavam quando eram bajuladas por outras estrelas menores, este feito era do 1ºpuxa-saquismo nos inícios dos tempos. Muitas vezes a reação era positiva quando a estela menor puxava o saco moderadamente, as vezes a reação era negativa quando a mesma acabava enchendo muito o saco.

A reação negativa muitas vezes provocava choques com positiva provocando uma reação de inchaço da massa da estrela maior, até o inchaço explodir por completo provocando o Big Bang

Albert Einstein, por exemplo, usou a teoria do puxa-saco dentro da reação nuclear. Em 1941 tem início o Projecto Manhattan, neste projeto Albert Einstein usou a teoria do saco inchado, para da potência na reação em cadeia da bomba (o desenvolvimento de uma bomba atômica de saco inchado ). Albert Einstein afirmou que nesta equação complexa seria possível simular um big bang deixando um rastro de destruição em massa de grandes proporções.

O físico Albert provou que o bajulador descarado provoca explosões em fúria no sistema nervoso das pessoas, e que esta fúria poderia ser simulada em forma de energia nuclear alternativa para fins pacíficos ou não.

Albert Einstein isolou o núcleo da fúria que é causada pelo puxa-saquismo e fundiu a mesma com prótons de fosfato de magnésio, nesta experiência Albert conseguiu um feito já mais visto dentro da sociedade cientifica mundial, ou seja, ele conseguiu achar alguma utilidade para puxa-saquismo.

Biologia[editar]

Na biologia o puxa-saquismo é toda a informação hereditária de um organismo que está codificada em seu DNA (ou, em alguns vírus, no RNA). Isto inclui tanto os genes como as sequências não-codificadoras, cadeia de genomas puxa-saquianas são formadas por emoções genéticas que saltam de uma ponte para outra procurando alguma outra célula mais influente para poder bajular.

O sangue de um puxa-saco ativo geralmente ganha uma textura mais grossa devido ao alto teor de bajulação hereditário.

Seus globos brancos são de coloração roxa de tanto chupar saco, isso por que o movimento da puxação é continuo nunca tem fim.

Tratamentos terapêuticos para puxa-saquismo[editar]

Genérico de Puxasaclorex 600ml para reduzir inchaços

Nos dias atuais o ato do puxa-saquismo é bem mais intenso do que há 80 anos, devido ao constante e intenso ato de puxar o saco muitos problemas de saúde surgiram, um deles é o hematoma do saco inchado, muitos donos e patrões sofrem com o intenso ato de ser bajulado.

O hematoma do saco inchado surge quando o patrão ou cultivador de puxa-sacos recebe a visita de inúmeros bajuladores agarrados a pele de seu saco, isso acaba provocando inchaços e dores na cabeça do saco.

Em muitos casos o saco acaba sendo amputado devido a penduração de vários puxa-sacos ao mesmo tempo e de uma vez só. Existe no mercado técnicas de massagens antiestresse e antidormência trazendo relaxamento no nervo dos músculos; existem também pomadas antibajulação que alivia a dor do puxa-saquismo.

No caso do puxa-saco, ou seja, aquele que puxa o saco; também existem tratamentos farmacêuticos para eles, os cremes dentais para higiene bucal é um deles, eles agem quando se usa a boca no ato do lamber saco, onde o mesmo traz frescor e hálito puro. Para as mãos existem cremes hidratantes e pomadas para reduzir calos nas palmas das mãos, estes cremes tens composições de pau de aroeira com essências de Pau Brasil, eles agem deixando as mãos suaves e macias proporcionando conforto para ambas as partes. Outro remédio são os antiinflamatórios da castanha de mandioca que reduz cãibras e dores musculares nos braços, dedos e mãos.

Simpatias para se torna um puxa-saco profissional[editar]

Nesta simpatia procure usar o sapo cururu, pois ele é o ideal!

Aqui vai algumas simpatias para você se torne um "puxa-saco profissional", muitas vezes o puxa-saco não consegue ser visto, em muitos casos o puxa-saco acaba sendo desprezado, com estas simpatias você terá seu dono aos seus pés em apenas sete dias.

Simpatia do sapo[editar]

Cquote1.png Antes de tudo, pegue um cabelinho do saco de seu dono, pegue um pedacinho de papel e escreva o nome da pessoa de trás pra frente, enrole o papel com cabelinho, faça uma trouxinha bem pequena, agora vá ao brejo e escolha um sapo da espécie cururu, escolha um bem gordo, pegue a trouxinha de papel e coloque dentro da boca de um sapo cururu, caso não encontre a especie cururu, tente arranjar um sapo boi que serve também, costure a boca do sapo e aplique um nó cego na ponta da linha, agora puxe o saco do sapo para que a simpatia surja efeito, espere sete dias que a pessoa desejada irá te dar toda atenção. Cquote2.png

Macumba da galinha preta[editar]

Use uma galinha bem pretinha

Aprenda a fazer uma Macumba infalível para ter sucesso na hora de puxar o saco da pessoa querida.

Cquote1.png Pegue uma galinha preta para representar seu desejo de bajulação, use um saco preto para representar o saco de seu dono, (ingredientes), use: Uma garrafa de pinga, um maço de vela preta e vermelha, dois maços de cigarros do Paraguai, 1 charuto, e uma toalha de mesa, arranje uma encruzilhada próximo a casa de seu dono, coloque a galinha preta dentro do saco preto e amarre a boca, toque fogo nas velas e fume os maços de cigarros, puxe o saco da galinha e tome toda garrafa de pinga, depois, de vários saltos para atrás e elogie o saco onde esta a galinha gritando pelo nome de seu desejado. Cquote2.png

Cquote1.png Atenção IMPORTANTE, grite o nome de seu desejado bem alto! Grite sete vezes seguidas... Cquote2.png

"É bater e valer, no dia seguinte seu bajulado irá procura por você!"

Simpatia da cueca[editar]

Tome posse de uma cueca usada, IMPORTANTE, ele deve pertencer a pessoa que você deseja bajular

Esta simpatia é forte, se não a mais infalível de todas, nela você terá que conseguir uma cueca usada da pessoa desejada.

Siga os seguintes passos:

Cquote1.png Tome posse de uma cueca usada, IMPORTANTE, ele deve pertencer a pessoa que você deseja bajular, após tomar posse lave a cueca com mel e açúcar, jogue também uma lata de Leite Moço, deixe-a por meia hora em banho Maria. Passado meia hora tire-a ainda molhada com mel e leite e vista-a cueca. Sirva-se do mel e do leite que sobrou da lavagem da mesma. Force uma dor de barriga comendo do doce que foi batido na maquina de lavar, depois use uma laxante para que você sofra uma diarréia, IMPORTANTÍSSIMO, jamais USE o vaso sanitário. Tente cargar na cueca deixando uma freada de bicicleta bem no meio da mesma, agora vale com água e sabão e tente devolve-la para dono. Cquote2.png

Cquote1.png OBSERVAÇÃO MUITO IMPORTANTÍSSIMA , esta simpatia só irá funcionar se a sua pessoa desejada, ou seja, seu bajulado chegar a usar a mesma cueca da simpatia, quando o bajulado usa da cueca de mel, ele irá te dar atenção pro resto da vida Cquote2.png

Como ser o puxa-saco preferido[editar]

O dono pode não confirmar mas ele sempre tem um puxa-saco preferido. O puxa-saco preferido do dono é aquele que mais o agrada, em todos os sentidos. Na maioria das vezes (99,9999999.......9999999% das vezes), o puxa-saco é do sexo masculino. As mulheres nunca se rebaixariam, por isto é difícil de encontrar puxa-sacos de salto alto e saia. Por causa disto, o puxa-saco não pode agradar seu dono com luxúria, a não ser que o dono seja uma mulher, ou alguém que joga nos 2 times, ou então alguém que joga no mesmo time do Clodovil. Portanto, não apele para o sexualismo nas suas operações de bajulação. Seu dono pode não gostar disto. Talvez pode gostar, porque isto mostra que você é um puxa-saco perseverante, mas, se você já tem uma moral alta com seu dono, melhor não arriscar. Comece a trabalhar suas habilidades.

Você deve ter em mente o que será melhor para seu dono. Há donos e donos, cada um com sua característica e necessidades. Concentre-se nestas questões. Se o seu dono gosta de elogios, use seu poder de puxa-saco para suportar o ego imenso dele. Se seu dono tem sede de poder, faça coisas que ajude seu dono a conquistar mais poder nos lugares onde ele tem presença. Siga aquela regra olímpica e seja sempre o mais rápido, nos momentos de alegria e de tristeza, na saúde e na doença, até que a morte, a demissão ou a aquisição de um caráter os separe. Chegue junto ao seu dono quando ele fizer uma cara e dúvida, pronto para resolver esta dúvida. Fique perto de seu chefe como uma rêmora em um tubarão. Mesmo que tenha uma legião de puxa-sacos pronto para fazer a mesma coisa que você, tente se impor a estes. Se der mole, neguinho rouba sua vaga. Não pode relaxar quando se quer ser o puxa-saco preferido do dono. Seja ativo e conquiste a preferência de seu dono.

O que o puxa-saco não deve fazer[editar]

Puxe o saco com carinho sempre que possível, mas não se exceda muito!

Repetindo mais uma vez, porque isto é importante: Você não deve puxar com fraqueza, pois isto é sinal de fraqueza (Um pouco óbvio isto), nem com força excessiva, porque o saco do chefe não é de ferro. Puxar com um pouco de força, suficientemente moderada para não arrancar o saco de seu dono, mostra vontade por parte do puxa-saco e os donos gostam disto. Os donos não gostam que seus puxa-sacos oficiais discordem de suas opiniões. Jamais faça isso. Entendeu? Jamais discorde de seu chefe! Por mais idiota que seu chefe possa ser, nunca discorde de suas opiniões.

É ele que sustenta o seu ego, faz carinho em seu pescoço e te dá leitinho quentinho na boquinha, portanto, nunca contrarie seu dono. Esta é a regra principal e, levando isto em consideração, o puxa-saco se dá bem com o dono.

Se você quer ser um puxa-saco profissional, nunca deve confirmar ser um puxa-saco para as outras pessoas. As pessoas começam a perceber que você é um puxa-saco, mas, mesmo que elas tenham 300% de certeza de seu puxa-saquismo, nunca confirme a hipótese destas pessoas. Se alguém perguntar o porquê de você ter se vendido, dê uma de Lula e diga que não sabe de nada. Se a pessoa citar o fato de você concordar com as idéias estúpidas de seu chefe, diga que é apenas coincidência. Nada além de coincidência.

Puxa-saquismo & Tecnologia[editar]

GPS Puxa-saco Navigator um sucesso da navegação contemporânea!

Febre da internet vem auxiliado as pessoas em muitas coisas, uma delas é a comunicação instantânea através de sites de relacionamentos e comunicadores instantâneos do tipo (Messengers), muitos puxa-sacos tem o hábito de fazer plantão na frente do computador a espera que seu dono aparece para um breve papo.

Geralmente o puxa-sacos mais entusiasmados costumam passa a madrugada toda de plantão a espera incansável pela entrada on-line de seu bajulado. Isso vem provocando males do sono mal dormido em muitas pessoas; soluções vêm sendo criadas para revolver estas esperas.

A tecnologia avançada vem fazendo toda diferença nos dias atuais, no mercado de softwares várias novidades vêm surgindo para aperfeiçoar na arte do puxa-saquismo. Uma delas é novo MSN A Live-Bajuleitor, este sensacional programa vem com sistema bluetooth, conexão via bluetooth sem fio.

  • Como funciona:

1º passo

Para que o MSN A Live-Bajuleitor, funcione basta instalar uma antena via bluetooth na USB do computar de seu bajulado, depois instale o MSN A Live-Bajuleitor, depois configure no painel de controle a ativação do MSN A Live-Bajuleitor com a antena.

2º Passo

Abra uma conta na Wikipédia, adicione o email de seu bajulado novamente. Pronto, agora toda vez que seu bajulado passar próximo a computador o MSN A Live-Bajuleitor, irá ti avisar mandando um sinal sonoro, ele irá identificar a presença de seu dono quando estiver entrando no escritório o quarto, mesmo que o MSN dele esteja no modo off-line ou mesmo desligado da tomado o sistema ti avisará sobre a presença da pessoa querida. Feito isso basta você mandar recados para seu querido dono antes mesmo que ele perceba.

Despertador de puxa-saco on-line[editar]

Despertador de puxa-saco on-line com sistema de conexão via bluetooth!

Outro invento incrível é o despertador de bajulador on-line, ele usa o mesmo sistema de conexão via bluetooth sem fio.

Este vem pra resolver noites de sono mal dormido, ele ajudará te alertar no meio da noite quando seu dono aparece de surpresa .


  • Como funciona:

1º passo

Instale o programa do despertado em seu computador usando seu CD-ROM

2º passo

Ele funciona em sincronismo com MSN A Live-Bajuleitor Configure o sistema com seu MSN, vá à barra de ferramentas e encontre o relógio de seu computador, ajuste à hora do despertado com a hora do time.nist.gov ou time.windows.com, agora, abra painel de controle e ajuste Despertador de puxa-saco on-line para que ele desperte.

3º passo

Agora é só espera o MSN A Live-Bajuleitor identificar a presença de seu dono, mesmo que ele more do outro lado do mundo, coloque o Despertador de puxa-saco on-line debaixo de seu travesseiro para que ele possa te acordar durante a noite.

Caso seu dono aparece, o Despertador de puxa-saco on-line irá tocar a campainha na hora, proto, é só pular da cama e ir correndo ligar seu computador para uma noite de bajulações.

GPS Puxa-saco Navigator[editar]

GPS Puxa-saco Navigator, custa em torno de 5.000 reais, ele localiza seu dono em qualquer parte do planeta, ele usa um sistema integrado via satélite onde você jamais irá perde seu bajulado de vista. GPS Puxa-saco Navigator foi desenvolvido pela NASA e vem conquistando mercados do mundo inteiro. Ele também tira fotos, filma, envia mensagens de voz, torpedos e serve como TV digital portátil.


Ver também[editar]