Desnotícias:Cédulas de R$ 200 são vazadas e BCB perde a moral

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

A nova cédula com o feio e medonho lobo-guará foi vazada.

HELL DE JANEIRO, Corruplândia

Servidores públicos petistas terceirizados do Banco Central do Brasil (BCB) vazam a nova cédula de 200 reais em 5 de agosto de 2020 em protesto contra o Presidente Jair Bolsonaro devido à sua postura diante da pandemia de COVID-19.

Os patrões dos servidores, e consequentemente a empresa e o Ministério da Economia também, ficaram desmoralizados e querem que os supostos criminosos sofrem as devidas punições judiciais.

Cquote1.png Isto é um crime e isso não deve ficar impune! Cquote2.png
Paulo Guedes

Os ousados servidores públicos se defendem com o falho argumento de "protesto contra o Governo Bolsonaro", já que o presidente e seus ministros estão supostamente sendo irresponsáveis com a pandemia de COVID-19 e o desmatamento ilegal. Eles chegaram a ser presos pela Polícia Militar do Rio de Janeiro, mas suas fianças foram pagas pelo Partido dos Trabalhadores.

Cquote1.png A Constituição protege os protestos políticos mesmo que sejam cometidos crimes. Cquote2.png
Líder do PT no Senado sobre a falha Constituição Federal

Enquanto a crise política esquenta em Brasília (de novo...), as novas cédulas estão circulando livremente pelas ruas do bairro da Madureira, na cidade do Rio de Janeiro. E até milicianos bolsominions estão aproveitando a festa do tráfico de dinheiro.

Fontes[editar]

Compartilhe
essa desnotícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram