Desnotícias:Nova ração de combate do exército brasileiro: chiclete com leite condensado

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

BRASÍLIA AMARELA, País da Putaria

Com um investimento modesto de R$ 15 milhões, em 2021 o governo brasileiro lança no mercado a sua própria marca de leite condensado.

Em decreto publicado nessa quinta-feira (28), as forças armadas brasileiras anunciaram a nova ração de combate que será digerida pelos soldados brasileiros em missões de campo: chiclete com leite condensado. De acordo com o comunicado, a decisão foi tomada levando em conta razões logísticas e de sobrevivência: as bolas de chiclete irão substituir os paraquedas usados pelos cadetes da Aeronáutica, além de ser usada para fazer reparos no lugar da fita isolante, muito mais cara. O leite condensado será matéria-prima para a fabricação de barracas, luvas, pneus e outras coisas que antes eram feitas usando látex. O governo federal irá custear as despesas da nova dieta com nossos impostos usando os 15 milhões que gastou em leite condensado no ano passado.


Fontes[editar]

Compartilhe
essa desnotícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram