Desnotícias:Para evitar a transmissão anal, Eduardo Bolsonaro recomenda usar máscaras no rabo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

VARZÍLIA, Bananil

Como todos sabem, o corongavírus é um vírus mortífero que já acabou com a vida de milhões de pessoas e que cuja forma de transmissão mais eficiente é através do ar. Por isso, todos os buracos do nosso corpo são elementos de risco, pois são lugares por onde o vírus pode penetrar em nossas profundidades e de lá se espalhar até o nosso pulmão. Isso inclui as narinas, os ouvidos, a boca, os cortes e arranhados, a buceta e, por que não, o cu.

Sabendo da necessidade de evitar o contágio anal em um momento tão delicado de pandemia, o deputado federal do Rio de Janeiro Eduardo Bosta N'Água recomendou, em uma live nas redes sociais, que as pessoas "enfiassem a máscara no rabo", numa tentativa bem-intencionada de alertar as pessoas para protegerem seu ânus de se tornar um vetor de transmissão em potencial. Porém a iniciativa não foi muito bem-recebida pela imprensa e adversários políticos, que viram o gesto como uma incitação ao descumprimento das medidas de prevenção ao COVID.

Não se sabe se o Ministério da Saúde irá acatar a medida, mas fontes confiáveis apontam que o ministro Eduardo Pau no Rego gostou da proposta. A Comunidade LGBT já está se mobilizando pra não precisar adotar a nova regra, com a justificativa de que as camisinhas já protegem contra a entrada de ar.

Fontes[editar]

Compartilhe
essa desnotícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram