Desnotícias:Trump começa guerra digital com ditador coreano

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Desnoticias logo.png

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

TWITTER, Um mundo fadado ao apocalipse nuclear

Como será que o também super diplomático e maduro Kim Possible irá reagir?

Tretar na internet é um esporte bastante comum. Há uma grande variedade de praticantes, desde os mais ocasionais, que encaram a atividade como uma forma de lazer, como você, até aqueles que têm toda uma rotina voltada para isso, como Felipe Neto.

Trump utilizando o Twitter para exibir toda diplomacia e maturidade que se espera do presidente dos Estados Unidos.

O presidente Trump já se mostrou por dentro dessa modinha e está utilizando a plataforma digital para aumentar resolver suas diferenças com Kim Jong-un. Enquanto o ditador norte-coreano se mostra ultrapassado, ameaçando os EUA em um discurso de final de ano (02/01/18), Trump se mostra ultra moderno e rebate à altura em seu twitter, ainda no mesmo dia - provando que o presidente dos EUA é eficiente. A treta foi mais ou menos assim:

Cquote1.png Eu tenho um botão nuclear na mesa do meu esclitólio. Cquote2.png
Disse o dono da Coréia em seu super motivacional discurso de ano novo.

Cquote1.png O meu botão nuclear é maior e mais poderoso o seu!! Cquote2.png
Rebateu magnanimamente Pato Donald no twitter.

"Essa EU NÃO DEIXAVA, hein Kim!" No entanto, o ditador norte-coreano ainda não se manifestou. Provavelmente ele está elaborando um textão de resposta no face, pra provar que também entende de discussões online.

Enquanto esses líderes ficam falando tanto de botões nas redes sociais, o twitter sofre pressão pra criar um novo: o "vergonha alheia", já que o "deseleger" "desver" infelizmente (para sanidade geral) ainda não parece possível.


Fontes[editar]