Poema das Cores

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Poema das Cores


Este artigo é parte do Despoesias. O seu Cancioneiro/Romanceiro livre de conteúdo.
Bocage-2bus.png
Gregorio-de-matos.gif


Rosas são vermelhas;
Violetas são azuis;
Margarida é amarela e gosta de patos;
Hortência é rosa e joga basquete;


Bananas são douradas;
Pepinos são verdes;
Mandiocas são marrons;
Nabos são brancos;


Baratas são pretas;
Elefantes são cinzas;
Porcos são rosas;
Baleias são azuis;


Laranja é laranja;
Lima é lima;
Essa poesia está muito chata;
Porque não tem nenhuma rima;
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas