Diorama

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Diorama é mais uma cidade mínima com nome de objeto localizada em Goiás. O grau de estranheza de seu nome combina com a pobreza de seus habitantes.

Etimologia[editar]

Segundo o Dicionário Aurélio, Diorama é um espetáculo de ilusão óptica por efeito de jogos de iluminação sobre grandes quadros pintados, semelhante ao que John Lennon via quando usava LSD.

História[editar]

Diorama, muito bem representada em um diorama.

Diorama foi criada em 1946, quando fazia parte do Reino de Goiás Velho. Era uma roça nos arredores da cidade que foi sendo povoada pelos ilustres peões Berlusconi, o primeiro comerciante de produtos agropecuários, e Antônio Mendes, o parente de Chico Mendes que era o ex-prefeito de Iporá e uma turma de fazendeiros que passaram a desenvolver atividades rurais (aka roça de milho) na região. Diorama teve vários prefeitos conhecidos, como o português Joaquim da padaria e o noveleiro Manoel Carlos.

A localidade inicialmente recebeu o criativo nome de Aropi, Iporá de trás para frente, que era o município dominante em atividades como o tráfico de drogas. Pela lei municipal Nº 163/51, Diorama se tornou distrito com o não menos pior nome de Mendelândia, que logo foi mudado para o nome atual, uma homenagem ao estilista gay Christian Dior.

Em 1958, Diorama conseguiu a sua independência de Goiás Velho, tornando-se um (sub) município.

Um fato que marcou a história da cidade foi a pavimentação da GO-174, a estrada que conecta Diorama até Iporá, a Nova Iorque dos cidadãos dioramenses.

Geografia[editar]

Como um legítimo município do interior, Diorama é dividido em 359 propriedades rurais, sendo que a maior delas pertence ao prefeito.

A população de Diorama é de 2.269 habitantes, sendo a metade deles iporaenses.

Economia[editar]

Não há economia em Diorama, mesmo porque lá não há qualquer agência bancária. O que obriga seus felizes cidadãos a migrar para a cidade mais próxima (Iporá), onde gastam o dinheiro nos bares de lá mesmo, deixando a mulher e seus 21 filhos vivendo na base do leitinho.

Cultura[editar]

Diorama ficou conhecida após o lançamento do CD Diorama, da também desconhecida banda Silverchair. O divertimento preferido em Diorama é ouvir CDs piratas dessa banda dia e noite, nos carros de som dos agroboys do local.