Disquete

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
1centavotriste.png
Testeparaloira2.jpg
Esse artigo não serve pra porra nenhuma!!!


Se você estiver disposto a perder seu tempo e ler essa porcaria, siga em frente. Porém se ainda insiste em ler esta merda, não venha reclamar dizendo que perdendo tempo da sua vida, porque se não chapa esquenta, morô ?!
60px-Bouncywikilogo.gif
Para os fanáticos religiosos entre nós que escolhem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Disquete.
O Disquete! Agora... faça alguma coisa com esta porra.
Certas pessoas insistem em usar tecnologia passada.

Cquote1.pngVocê quis dizer: Panqueca técnológicaCquote2.png
Google sobre Disquete

Cquote1.pngExperimente também: Pen-drive Cquote2.png
Sugestão do Google para Disquete

Cquote1.png Prefiro CD. Cquote2.png
Nerd sobre Disquete

Cquote1.png Icsto non ecziste. Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Disquete

Cquote1.png Exagero, prescisamos apenas de 640K. Cquote2.png
Bill Gates sobre Disquete

Cquote1.png Você traiu o movimento armazenamento, véio! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Disquete

Cquote1.png Disquetes são pequenos e armazenam pouca coisa. Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre Disquete

Cquote1.png Na União Soviética, quem armazena pouca coisa é VOCÊ! Cquote2.png
Reversal Russa sobre Disquete

Cquote1.png Disquete é passado. Agora vamos nos importar comigo. Cquote2.png
CD sobre Disquete

Cquote1.png Disquete é pendrive de pobre Cquote2.png
Pobre sobre Disquete

Cquote1.png O disco na unidade A não está formatado. Deseja formatá-lo agora? Cquote2.png
Windows sobre Disquete

Cquote1.png O Windows não conseguiu completar a formatação. Cquote2.png
Windows dois minutos após a citação acima

Cquote1.png Fico impressionada com tamanha tecnologia! Cquote2.png
Carla Perez sobre Disquete

Disquete foi o primeiro disco de armazenamento de dados feito pra CPU.

Tabela de conteúdo

[editar] História

Uma das utilidades de um Disquete: "Disqueto-Bola".

Em 1971, qualquer empresa de CPUs tinha que resolver o problema do fato de, naquela época, os computadores serem grandes merdas que, apesar de serem inovações (só naquela época), eram realmente porcarias em armazenamento de dados. A única coisa que não piorava a preocupação é o fato de naquela época os comuptadores terem lixos arquivos muito pequenos e realmente monótonos e chatos, como por exemplo livros, livros, livros, banco de dados, livros e... ãã.... LIVROS (coisas que só teu pai gosta)!! Então, eles decidiram criar algum troço pra poder armazenar dados, só pra fazer o comprador achar que pode dar mais espaço pro computador poder fazer computadores terem mais espaço dentro. A primeira tentativa foi fazer uma coisa-técnológica-removivel-que-armazena-dados. A ideia até foi boa, mas o problema é que nenhum computador daquela época tinha suporte pra resistir aquele peso todo, já que se utilizavam de Windows 95 e MS-DOS. Portanto, descartaram a ideia e fizeram a mesma merda de antes, só que desta vez como coisa-técnológica-removivel-que-armazena-dados-e-é-super-pequena. A ideia foi ótima e renovou o mercado, com o nome de Disquete.

[editar] Caratcerística dos Disquetes

A Desciclopédia cabe em um disquete!
É esta coisa que fica dentro de um Disquete.

Disquetes contém o formato de uma coisa quadriculada de cores, geralmente, pretas e brancas, e muito finas, que na qual parecem mais "panquecas técnológicas", compostos também de coisas como coberturas magnéticas (aquele troço prateado/preto que fica na parte superior do disquete). Mas na verdade, isto só presta pra esconder o que realmente armazena os discos; um simples disco magnético que fica dentro do disquete e é lá em que se armazena os dados. A estrutura de fora só serve pra poder estragar e abafar o disco magético esconder o disco magético e fazer o vendedor ser enganado proteger o disco magnético de estragos (ainda mais que mesmo a estrutura exterior possa também estraga-lo). O disco é em maioria das vezes preto e parece na maioria dos casos um CD super pequeno e feito de metal negro. Antigamente disquetes eram feito apenas de uma face. Quando as empresas finalmente se tocaram que o disquete esta começando a ficar monótono, eles então ciraram discos dupla face, aonde se pode gravar dos dois lados apesar de isto não mudar em nada, pois mesmo assim continua com espaços pequenos. Ele é composto por várias outros troços que ficam no interior, mas isto só presta mesmo pra proteger o interior do Disquete, e como você não esta interessado em ciência, então apenas se utilize desta porcaria coisa mesmo.


[editar] As grandes novidades que Disquetes trazem

Amostra de falta de utilizagem do Disquete, mostrando uma criação que não ajudará em nada com Disquetes (note o cliente escolhendo "Não").

Os Disquetes, geralmente, cotném inacreditáveis espaços pra caber dados. Nas primeiras versões, eles tinham apenas quase 1,20MBs de espaço. Mais tarde, eles inovaram o Disquete criando o "Dupla Face", fazendo com que o espaço aumentasse incrivelmente pra 2,88MBs. Sua outra inovação é o fato de ele facilmente se estragar, desde quedas super altas até o simples fato de você tirar manualmente o Disquete do Disco Rígido. Por causa disto, foi necessário criar um botão que retira automaticamente o Disquete do Disco Rígido. Mas uma exeção disto é o sistema operacional o ejetar automaticamente sem a necessidade de se utilizar aquele botão e perder simples 2 segundos de sua vida inútil. Sua outra inovação é sua grande "vida útil", podendo resistir até 6 anos, coisas que nem os CDs conseguiriam, já que resistem até 20 anos. Outra coisa também é o fato de o Disquete ser o primeiro troço a transmitir vírus pro computador, que aonde contamina não só o computador, como todos os outros disquetes que são encaixados no computador (não diga). O unico meio de se proteger disto era colocar um selo ou alguma outra coisa no lacre do Disquete (geralmente uma camisinha), ou então ativar a trava de proteção contra escrita que vinha nos Disquetes atuais, fazendo assim o Disquete apenas ser de leitura e o protegendo conra edições (apesar de, no processo, o Computador já ter ficado contaminado pelo vírus, já que o comprador não sabia que tinha vírus no troço).

[editar] As suas utilizações

Outra grande utilização pra Disquetes.
  • Drivers de disquete podem ser usado como instrumento musical.
  • Disquetes armazenam, como dito antes, até 2MB de coisas.
  • Disquetes podem ser utilizados pra poder enxer sua prateleira com mais lixaria.
  • Você pode jogar Disquetes na cara de algum otário(ou de um emo).
  • Quando você vai abrir qualquer programa com coisa pra salvar, geralmente aparece um Disquete azul indicando poser salvação rápida do seu arquivo.
  • Você pode utilzar um Disquete pra segurar por 1 milimetro de altura uma câmera ou parecido.
  • Pode-se usar Disquetes pra poder mandar vírus pro computador do melhor amigo.
  • Disquetes são ótimos objetos para serem jogados no ventilador.
  • Disquetes são ótimos pesos pra papeis e protetores inúteis.

E muitas outras possibilidades.

[editar] Estudo de seu interior

Floppy disk internal.png

Se você ficou cansado de ler tudo escrito em cima, então se utilize da imagem ao lado pra estudar um interior de um Disquete. Legenda dos números:

1.: A trava que faz o Disquete se proteger contra escrita.
2.: A base central do Disquete. Se eu me lembro bem, isto serve pra porra nenhuma porra nenhuma.
3.: Uma cobertura movel que fica na frente do disco. Geralmente se utiliza disto só pra saber a direção certa pra botar o bagaço na máquina, ou só pra você se divertir um pouco movendo aquela porcaria pra lá e pra cá.
4.: Se chama "Já Ví"; o corpo do Disquete.
5.: Um disco de papel que fica no interior do Disquete. Só presta pra protegter o Disco Magnético e pra dar mais trabalho pra você abrir esta porra.
6.: O nada tão esperado Disco Magnético, o verdadeiro lugar aonde você grava seus dados.
7.: O Setor do Disco, conhecido por ser, talvez, o lugar aonde se grava os dados realmente.

[editar] A falta de seu uso

Disquete versão "Big-Ultra-G-Grande" (a compradora na verdade teria que estar com raiva, pois não muda em nada com este disquete).
Disquetes aparecem em todos os lugares mas não ajudam em quase nada.

O Disquete, antigamente, foi considerado um grande dispositivo de armazenamento, devido ao fato de os arquivos serem horrivelmente pequenos, o que na qual eles só gravavam na maioria dos casos livros. Só que depois, pelo fato de os arquivos começarem a ficar maiores, e depois serem criados mídias de armazenamento com maior capacidade, como por exemplo, CDs, CD-Rs, CD-RWs, DVDs, cartões de memória, e depois de serem criados mais lugares pra armazenar, como a Internet e E-mail, o Disquete foi considerado obsoleto. As empresas já consideram isto uma grande merda e também que os computadores do futuro não teram mais nenhuma porcaria haver com Disquetes. Existe inúmeros problemas e respostas pra poder dizer o quão Disquetes estão obsoletos e que não servirão pra mais nada. Se você, mesmo assim ainda gosta de Disquetes, se livre logo desta merda pois isto já esta totalmente obsoleto e arruinado aproveite antes que as Forças Especiais venham pra sua casa e se livrem desta lixaria coisa.

Novo lançamento do Microsoft Windows Vista em disquete de 8 polegadas.

[editar] Veja Também

O que dá pra gravar em um disquete?

.

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas