Dona Xepa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Êta Mundo BomBoogie OogieJoia RaraFlor do CaribeLado a LadoA Vida da GenteCordel EncantadoCama de GatoParaísoNegócio da ChinaO ProfetaAlma GêmeaCaboclaChocolate com PimentaCoração de EstudanteA PadroeiraEstrela-guiaO Cravo e a RosaMulheres de AreiaFelicidadeFera RadicalBambolêA Gata ComeuAmor com Amor se PagaParaísoMarinaCaboclaDona XepaEscrava IsauraVejo a Lua no CéuA MoreninhaHelena

Winner 2.jpg Este artigo é sobre um(a) VENCEDOR(A)

Ganhar medalha de ouro é rotina, pô!

Veja outros campeões aqui.
Pobrerica.jpg Esty artygo é dy pobry!

Esty artygo é sobry koyzas dy póbry, peçowas póbrys y o dono
taméyn dévy dy sê un pobretãwn do karáy!


Dona Xepa foi mais uma novela das 18 horas escrita por Gilberto Braga após o estrondoso sucesso da Escrava isaura. Exibida em 1977 durante exatos 5 meses, entre 24 de maio e 24 de outubro.

Enredo[editar]

Conhecemos Carlota Soares da Costa, a Dona Xepa. Dona Xepa trabalha há 30 anos com uma barraca de legumes nas feiras da Zona Sul carioca do Rio de Janeiro. Abandonada há anos pelo marido, continua cultuando sua memória e não admite que falem mal dele. Tem amizade com o vizinho Agenor, o seu porto-seguro, e futuro cafetão. A feirante se levanta todos os dias de madrugada para comprar mercadorias que ela cata da xepa (daí o nome da novela) para a feira. Tudo isso para que os filhos Edson e Rosália tenham as oportunidades de vida que ela não teve.

Edson estudou e pretende ingressar em uma faculdade de Comunicação. Quer ser escritor mas não consegue trabalho e, ao mesmo tempo, não aceita ser sustentado pela mãe, apesar do amor que nutre por ela. Com um prêmio de um concurso de contos, inicia sua escalada profissional – o que vai aumentar seus conflitos com a mãe a afastá-lo mais dela. Namora Helena, uma vizinha na vila onde vivem, mas tem medo de casar e perder a liberdade, e medo de descabaçá-la também.

Rosália é bem diferente do irmão. Aparentemente sensível e revoltada, é ambiciosa e interesseira e só tem um objetivo: a ascensão social para sair da vida pobre que leva. Para atingir essa meta, quer casar com um homem rico. É amada pelo vizinho Daniel, um fotógrafo amigo de Edson, mas não aceita a ideia de unir-se a um rapaz pobre. Só pensa na riqueza e rejeita a mãe, embora no fundo queira melhorar a vida dela pelo jeito mais fácil.

Elenco principal[editar]

  • Yara Côrtes – Dona Xepa, aka Carlota Soares da Costa
  • Nívea Maria – Rosália (a vilãzinha)
  • Reynaldo Gonzaga – Edson
  • Dionísio Azevedo - Agenor
  • Edwin Luisi – Daniel

Trilha sonora[editar]

Nacional[editar]

  1. Pensando Nela – Dom Beto
  2. Opus Dois – Antônio Carlos e Jocafi
  3. Pra Que Vou Recordar o que Chorar – Carlos Café Dafé
  4. Feira Livre – Ataulfo Jr.
  5. Dom de Iludir – Maria Creuza
  6. Tema da Vila do ChavesOrquestra Som Livre
  7. A Xepa – Ruy Maurity (abertura)
  8. Pela Luz dos Olhos Teus – Miúcha e Tom Jobim (tema de abertura da novela Mulheres Apaixonadas)
  9. Tudo Menos Amor – Martinho da Vila
  10. Um Caso Meu – Rosemary
  11. Dona Xepa – Elizeth Cardoso
  12. Eu Não Gosto de Você – Ricardão
  13. Tema do Assoviador – Sá & Guarabyra
  14. Chorei – Márcia

Internacional[editar]

  1. Save Your Kisses For Me – Brotherhood of Man
  2. When Forever Has Gone – Demis Roussos
  3. Heaven Must Be Missing an Angel – Tavares
  4. Let's Stick Together – Bryan Ferry
  5. It Should Have Been Me – Yvonne Fair
  6. If Not You – Dr. Hook
  7. Try to Feel Good – Paul Jones
  8. Show me The Way – Peter Frampton
  9. You'll Never Find Another Love Like Mine – Lou Rawls
  10. Sixteen Bars – The Stylistics
  11. Jolene – Dolly Parton
  12. Sunny – Boney M.
  13. Car Wash – Rose Royce
  14. Please, Please – Michael Sullivan

Letra do tema de abertura[editar]

Final de feira, legumes baratos
Meninos mulatos enrolam nos trapos
Os restos do prato
Que o dia a dia deixou pelo chão

Epa, mais vale uma xepa na boca da gente
Que o corpo doído, faminto, doente
E o amor esquecido de um coração

Que alegria!
Panela no fogo, barriga vazia
Que coisa boa!
Batata baroa, chuchu, agrião
Subiu ladeira moleque sabido, menino feliz
E quem é que diz
No bolso furado não leva um trocado
Nem vale um tostão

Curiosidades[editar]

  • Foi outro grande sucesso das 6, mas ficou abaixo de Escrava Isaura, do mesmo autor;
  • Rendeu dois remakes: Lua Cheia de Amor, de 1990, um grande sucesso de audiência, e uma novelinha de 2013 de bosta com o mesmo nome.