E

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Discionario em png.PNG
O Descionário possui um verbete sobre E

E entre seus pares?[editar]

Aspecto de um maiúsculo, maduro e garboso E.

O E é a quinta letra do alfabeto latino, e a décima nona do alfabeto latino em português de trás para frente. Basicamente, pode ser apresentado de duas formas: a maiúscula (E) e a minúscula (e) - que nem é tão pequena assim. Sob o aspecto gráfico, e não sonoro, uma vez que não se enxerga, o E pode aparecer ainda com diversos adendos, usualmente classificados como acentos. Entre eles, temos:

Vista superior de um E. Deste ângulo não é possível precisar se é acentuado ou não.
  1. E Agudo (É) - Caracteriza-se por sua estridência e histeria. No normal dos casos, sua sonoridade se confunde com o E puro e simples (o E ideal ou E-em-si);
  2. E Circunflexo (Ê) - Entre todos os E's, talvez seja este o de aspecto mais sereno. Lido em uma palavra, destaca-se normalmente como a tônica. Lido separadamente, costuma indicar alguma patologia mental do emissor (experimente: êêêê....);
  3. E Tremado (Ë) - Elemento de som desconhecido entre os lusófonos, de maneira geral. Conta-se, entretanto, a avistamento de alguns deles vivendo e se reproduzindo em bosques de outras terras d'além-mar;
  4. E Grave (È) - Composição igualmente inexistente em língua portuguesa e no alfabeto que lhe cabe. Interessante notar a frequência deste na língua francesa, o que é um claro indício de seu afrescalhamento sonoro.
  5. E com Til (lamento, mas não tem nenhum exemplo disponível para colocar aqui) - Bem, se em algum momento da sua vida você já tentou escrever um E com Til, recomendo que volte às primeiras séries do curso primário. Para obtenção do som fanhoso e gribado que dessa composição seria resultante experimente escrever com um N depois. Em tempo: M também dá, mas só antes de P&B. É necessário notar que há em catálogo formatos maiúsculos e minúsculos para todas as variações acima descritas (para o til não!)
  6. E com cedilha (Ę) - Este çímbolo místico, ce corretamente pronunciado pode ativar uma ligação psicodélica o levando para uma viagem muito louca, além de também lhe dar algum çuperpoder aleatório, como açobiar e chupar cana até correr pra caralho.


E sobre o aspecto semiológico?[editar]

Muitos odeiam o E em algumas de suas aparições.

Dentre todas as letras disponíveis, percebe-se o E como uma das mais utilizadas, utilizáveis e versáteis. É usada em uma gama enorme de palavras, a começar pelas que iniciam com a letra E. Utilizada separadamente, tem dois usos. O primeiro deles é o que o pedantismo gramatical chama de partícula de conjunção (o que em si já é uma mancada por que "con-" já significa junto, ou coisa parecida), como por exemplo em "E?", que significa "o que é que você está tentando dizer com isso?". O outro, quando da presença de um acento agudo (É), significa uma conjugação verbal. Tal conjugação verbal de hábito tem um valor afimativo. Veja: "é.". Acrescido de uma partícula de negação ("não", por exemplo), costuma ter o valor contrário, ou seja, a afirmação de uma negação.

E seus usos através dos tempos?[editar]

A origem do E e seus usos não remontam a tempos tão imemoriais quanto algum incauto poderia crer. Pelo contrário, é uma letra ainda jovem e vigorosa, plena de usos, e agora em diversos sabores. Enquanto sua forma maiúscula ainda mantém suas vigorosas hastes estendidas para a direita e além, pode-se também encontrar engenhosas variações da letra, com os mais pitorescos usos.

  • &: antiga abreviação utilizada por copistas medievais, significando E. Provém do latim "et", que significa "e", sentido este mantido. Hoje em dia é usada para transformar nomes de corporações em algo um pouco mais palatável e em expressões pretensamente sofisticadas, como P&B.
  • e-: Fruto da Revolução Industrial, é hoje a substituição da antiga expressão composta por "m-", do inglês mechanical, e do termo também inglês ail, gerando a aglutinação mail, que significava correio (ou corrail, em português arcaico). Com o tempo e os desenvolvimentos tecnológicos providos pela mente humana e pela letra E, este último passou a ter a honra de significar a abreviação da nova maneira de comunicação, o e-mail, cujo "e-" é uma abreviação de eletronic, donde correio eletrônico. Na sequência deste novo uso, criou-se novas expressões, como e-book, um livro eletrônico, e o e-male, um macho eletrônico, ou seja, vibrador.
  • €: a partir de 2002, na União Européia o E passar a ter este aspecto. Inicialmente bolado como uma simples piada interna sobre os habitantes de países do terceiro mundo, por força de repetidas discussões diplomáticas passou a significar a moeda corrente do Mercado Comum Europeu (o que não impediu que continue significando uma piada).