E.T. do Panamá

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de ET do Panamá)
Ir para: navegação, pesquisa
Artigomosthaha.png
Artigomosthaha.png
Este cocô artigo de maneira inacreditável


Foi eleito o artigo mais engraçado do ano de 2009!
Mas eu juro que eu nem ri desse artigo...

Dark-Art-Grim Reaper 01DesktopNexus.jpg
E.T. do Panamá já morreu!

Mas pode voltar como zumbi...

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Monalien.jpg ┘¶Æ╦Ù⌂ï◙ Ð˧©Î©£ØÞÉÐÎÅ !!!

Este artigo contém altas doses alienígenas! Não estranhe se encontrar uma sonda no cu dedão do seu pé ao terminar de ler este artigo. Se vandalizar, o Alien Hominid enfiará uma sonda em você!

Alienwantyou.jpg
ET do Panamá quando ainda era um astro de cinema

Cquote1.png Você traiu o movimento das preguiças vééééio Cquote2.png
Dado Dolabella sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Vejam! Uma criatura pacífica e estranha saindo de uma caverna! Cquote2.png
Guri retardado sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Sim! Vamos apedrejá-lo até a morte! Cquote2.png
Outro Guri retardado sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Plagiador do caralho!!! Cquote2.png
Boneco da Michelin sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Também acho! Cquote2.png
Stay Puft sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png A celebridade aqui no Brasil sou eu! Cquote2.png
Zé Gotinha sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Vamos processar e prender esses vagabundos! Cquote2.png
Defensores dos Direitos Animais sobre os dois guris retardados acima
Cquote1.png Que bicho escroto... Cquote2.png
Eu sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Povo do Paraná, ops, Panamá... Que VERGONHA! Cquote2.png
Alborghetti sobre terem matado o E.T. do Panamá
Cquote1.png E mais uma vítima da violência no Panamá... Cquote2.png
Telejornal do planeta do ET sobre morte do E.T. do Panamá
Cquote1.png Izto non ECZISTE! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png É uma Preguiça Bino Cquote2.png
Pedro sobre E.T. do Panamá
} Cquote1.png É uma vergonha o que fizeram com meu irmão Cquote2.png
E.T. de Varginha sobre E.T. do Panamá
Cquote1.png Ele nem é tão feio Cquote2.png
Mulher em seca terrível sobre E.T. do Panamá

ET do Panamá tentou a carreira no rodeio. Se saiu bem até...

O E.T. do Panamá é um bicho muito escroto, escroto mesmo, aff que bicho feio... Voltando ao assunto, um ser que não era conhecido dos seres terrenos até ser descoberto nas terras panamenhas.

O que poucos sabem é que o ser estranho tinha uma vida antes do incidente.

É isso aí. Tinha emprego, casa, esposa... Até que veio passar suas férias no Panamá e consequentemente foi descoberto pelos seres humanos e animais da Terra.

Há informações dando conta de que uns malucos mataram à pedradas no país latino, no entanto, há controvérsias que contestam a veracidade de tal versão, colocando que ele possa ter sido morto na realidade por mafagafos, Homens Palito, Gnomos e Duendes, dentre outros seres conhecidos das lendas e dos contos de fada.

O fato é que ao final o mesmo acabou se tornando famoso dada a sua semelhança com Michael Jackson, um outro ser extraterrestre que teria falecido dias antes e que tinha deixado orfãos os seus fãs, tais como o Pedo Bear por exemplo, coisa que ao final não vem ao caso aqui, uma vez que aqui estamos falando de um ET de cidadania supostamente panamenha (ou não), ao contrário do ser anteriormente citado que tem cidadania Yankee.

No entanto, consta que ambos teriam sido descendentes em comum do ET encontrado no famoso Caso Roswell, coisa que pode ser notada facilmente, dada a semelhança de tais seres.

ET do panamá em sua terra natal quando ainda tinha o casco

A Origem do Et de Panamá

ET em um momento intimo com uma terráquea. Momentos felizes para vida do ET, que infelizmente não voltam mais.
Aqui ele tinha sido vítima daquele ditado "quem nunca pecou que atire a primeira pedra"

Alguns dizem que o E.T. de panamá seria o filho de Michael Jackson com uma tartaruga, outros dizem que eh uma largatixa mutante, mas afinal, qual e verdade sobre ele??? de onde e como surgiu esse estranho ser que causou mais ibope que a Playboy do mês passado??? Caros senhores(as), nosso amigo E.T., como já foi dito veio de Plutão,mas o que poucos sabem é que em Plutão vive uma sociedade refugiada de Koopa's, seres que você não vai encontar em livros de biologia, mas sim em revistas de games. A muito tempo atrás, na época de Super Mario World, os koopa's, as famosas "tartaruginhas" do inicio do jogo sofreram um ataque em massa à sua raça por dois psicopatas da época conhecidos como Mário e Luigi.

Alguns sobreviventes fugiram para Plutão onde estabeleceram seus quilombos, mas um deles, acidentalmente ao tentar entrar em seu casco, pulou enquanto bocejava engolindo o mesmo (note o tamanho de sua barriga).
O momento em que o E.T. do Panamá deixou de ser um koopa e perdeu seu casco.
Quem tem fama dorme na cama, ou na rede mesmo. Foi por causa dessa imagem que o ET foi identificado como uma Preguiça.

Esse incidente impossibilitou nosso amigo de exercer qualquer atividade requirida de sua tribo, onde, devido às deformidades sofridas pelo seu corpo e pela sua palidez devido a dificuldade na digestão de alimentos, ele foi seriamente discriminado, sendo forçado a se separar de seu grupo no momento em que eles migraram para outros planetas, e veio para Terra, e achou que seria bem recebido. Entretanto, não foi o que ocorreu.

A vida do ET em seu planeta natal

E aqui ele descansava, eternamente

O ET veio de Plutão. Depois que desclassificaram Plutão, passando de planeta para plutóide (planeta anão), o turismo caiu e muitos aliens passaram a perder seus empregos, aumentando a imigração para os planetas vizinhos, mas Bob, o nosso personagem, não. Ele era empresário. Rico, famoso, bonito, malhado... Ele não! Ele tinha muito dinheiro, e enquanto seus amigos passavam fome, ele pensou: "Porra... Vou pra Terra passar minhas férias. Panamá parece uma ótima escolha". Mal sabia ele que essa aventura o levaria à morte! O ET então fez suas malas e partiu para a Terra, crente que teria momentos maravilhosos.

Sua levada infância

Diego Tardelli o ET do Panamá Brasileiro!

ET teve uma infância triste, sempre foi comparado com bicho preguiça da terra. Vivia sendo alvo de piadinhas na sala de aula porque era considerado feio, bobo e tinha cara de mamão! (Desconsidere essa provocação).

Mas o ET foi a luta, trabalhou desde pequeno para sustentar a família, estudou até a quarta série, e resolveu migrar para a cidade grande, de lá resolveu levar a vida na Terra, teve filhos, casou-se, participou de eventos históricos, é um guerreiro esse ET, eu não
E.T. do Panamá após nascer (no planeta das preguiças).
consigo mais escrever, estou emocionado, como pode tudo acabar desse jeito, hein? Assim, porque ele resolveu sair daquela caverna? Aqueles meninos malvados, não tiveram compaixão dessa criatura tão bonita, opa!!!, agora eu exagerei, tudo bem, mas não precisava matar o coitado.

O início dos problemas. A chegada na Terra

ET enquanto passeava em Paris.
ET tomando um ar na sua nave.

O ET teve alguns problemas na alfândega. Sua bagagem ficou presa no aeroporto durante um tempo, pois suspeitava-se a posse de maconha vermelha.

Sem bagagem, o ET tentou ir para seu hotel, estava hospedado em um hotel Hilton, porém, quando chegou lá, estava todo cercado pela polícia, pois Amy Winehouse havia acabado de dar um escândalo e esfaquear seu namorado.

O ET decidiu então ir a um puteiro. Bebeu, transou no pelo, dormiu. Acordou bem cedo, com uma puta a seu lado.

Assustado pela traição que cometeu com sua mulher, saiu correndo pelado mesmo do motel. Estava sem carteira, sem celular e sem a chave do hotel. Acabou dormindo em uma caverna.

Acordou tarde, de ressaca e nem dinheiro pra comprar ENGOV ele tinha. O ET só sabia falar inglês (como todo alien que se preze) e, ao sair da caverna, encontrou-se com alguns garotos que brincavam alegremente no local.

Cquote1.png Please kids, can you help m... Cquote2.png
ET tentando se comunicar
Cquote1.png Hey Chico! És el diabo! Vamonos a matar-lo! Cquote2.png
Moleque do Panamá sobre ET

E apedrejaram o pobre ET até a morte. O enterro foi triste, pois só alguns parentes puderam vir.

O ET do Panamá ainda deixou mulher e filhos.

E.T. Panamá & Eddie Van Halen

ET do Panamá, cansado de tanto trabalhar, espreguiça-se em seu luxuoso escritório.
David Lee Roth & ET Panamá no clipe Panamá de 1984.
Graças ao E.T. do Panamá Van Halen torno-se foda no roque
ET do Panamá se espreguiçando, ao acordar após uma noite de sexo com uma puta

Muitas pessoas não sabem desta história, mas o mundialmente famoso guitarrista Eddie Cometa Van Halen era péssimo na guitarra, além de ser muito desafinado faltava ritmo e talento para com a música.

Mas sua vida mudou completamente depois que conhecera o E.T do Panamá.

Tudo aconteceu quando o ETZÃO visitou o planeta Terra no inicio dos anos 60 onde o mesmo conheceu o jovem Eddie Van Halen e seu irmão baterista Alex Arthur Van Halen! Van Halen era ruim pra carai, ninguém suportava seus solos de guitarra, pois não tinha sentido a maneira de tocar, o jovem musico iniciante morava no estado da Califórnia, uma bela noite de sábado o ilustre guitarrista ensaia com seu irmão na garagem da casa da família, quando de repente apareceu do nada o E.T do Panamá na janela da garagem.

Nesse exato momento, Van Halen executava um solo chamado Erosão, o E.T do Panamá teve um torcicolo depois de ouvir o solo horrível e deu uma quebrada de espinha pro lado a fim de fugir daquele local.

Fragilizado e com dores nas espinhas o E.T. ficou horrorizado e resolveu tomar providencias. Depois passado o tempo e com os ouvidos ainda zunindo o E.T do Panamá resolveu voltar a garagem e tentar ajudar o jovem Van Halen com seu sonho de tocar guitarra.

E.T do Panamá é um ser dotado de poderes extraordinários jamais revelados pela ciência terraquiana, ele o E.T. têm diversos talentos e habilidades ocultas jamais compreendidas a olhos humanos. Dizem que ele adquiriu do Cinturão de Van Hallen, daí ter ajudado tanto os irmãos Hallen.

Um de suas habilidades é transformar um mudo, gago ou fanho em cantor de ópera, ou mudo em surdo, cego em aleijado, gordo em magro. Usando habilidade da telepatia dos dons, E.T do Panamá fez uma lavagem cerebral na família Van Halen onde ele introduziu com uma sonda anal toda noção e talento musical no cérebro dos irmãos Halen.

A sonda viajou pela veia bossal até atingir a medula cerebral espinhal nervosa. Van Halen recebeu toda velocidade, habilidade, melodia e teoria musical, adquiriram poderes nos dedos formando os mais diversos acordes, notas das mais simples desde as mais complexas já vistas.

Van Halen revolucionou o mundo do rock depois de receber os dons do E.T do Panamá, Van Halen foi o criador do solo mundialmente famoso: Two Hands!!! Nessa modalidade o músico executa um solo utilizando as duas mãos livres no braço da guitarra fazendo a bagaceira total.

Graças ao E.T do Panamá Van Halen hoje é foda no roque, no ano de 1984 Van Halen lançou o álbum "1984" onde as músicas Jump e Panamá vêm para homenagear o E.T do Panamá, onde nesse mesmo ano Van Halen grava o vídeo clipe da canção Panamá com participação especial do E.T do Panamá voando pelo palco ao lado de David Lee Roth (vocal).

Formação de 1984

Hooligans enfurecidos agridem o ET do Panamá após Liga dos Campeões, entre Liverpool e Chelsea
  • David Lee Roth (vocal)
  • Edward Lodewijk Van Halen (guitarra e teclado)
  • Alex Arthur Van Halen (bateria)
  • Michael Anthony (baixo)
  • E.T do Panamá (vocal, baixo, alto, sonda, sanfona, guitarra, bateria teclado e coreografia)
Veja Panamá

E.t. do Panamá na mídia

Foi só ficar famoso para o E.T. do Panamá aproveitar essa fama repentina e aparecer em vários comerciais

Depois do sucesso alcançado através de sua morte, o E.T. do Panamá participou de várias campanhas publicitárias, mesmo estando falecidamente morto. Rapidamente, após o incidente envolvendo pedras e crianças retardadas, o E.T. foi convidado para posar nu na G Magazine, convidado pela empresa Brasileirinhas para participar de um filme (porque segundo os médico-legistas viram que o instrumento dele era de outro mundo) e, entre outras coisas, para participar do reality show A Fazenda II.

Logo após seu sucesso nos jornais de todo o mundo, o E.T. do Panamá foi convidado pela Rexona para participar do comercial do novo desodorante. Ganhando um bom cachê, o E.T. aceitou e gravou no mesmo dia, mas já estava morto de cansaço após as gravações. 3 dias depois de aparecer na televisão, o comercial já foi removido pois as vendas do novo desodorante haviam caído bruscamente. O motivo disso é que os homens ficaram com medo de perder os pêlos ao ver o comercial do E.T. passando o produto em sua pele lisa e molhada. A Rexona decidiu tirar o comercial do ar. As empresas de produtos para depilação aproveitaram essa fama e contrataram o E.T. para atuar em seus comerciais. A Gillette também aproveitou o embalo e contratou o E.T. para uma grande campanha.

Pós fama

ET do Panamá em uma de suas ultimas propagandas para a mídia

Com tanto sucesso assim, o dinheiro começou a subir na cabeça da criatura, que logo depois foi preso várias vezes por tráfico de drogas, começou a se alimentar mal, o que resultou em uma barriga cheia de vermes, o excesso de drogas fez a língua do coitado inchar (ou outros motivos, como descrito mais abaixo).

ET do Panamá começou a se isolar do resto da população, onde então permaneceu escondido em uma gruta, até o dia que resolveu sair para cometer o tráfico. A droga, pela primeira vez, fez uma vítima não terráquea. Autoridades de Marte 5 (mesmo local de nascimento de Alf o Eteimoso) estão investigando o caso. O corpo do ET está no momento passando pelas mesmas autópsia que passou Michael Jackson para verificar o nível de drogas no organismo. Ambos tiveram seus fantasmas saindo de seus corpos para o estrelato pós-vida. Ao contrário de Michael, o fantasma do ET do Panamá não deu a ré no quibe no Além, mas ambos tiveram um sucesso absoluto depois da morte

E.T. e seu time do coração

ET líder de torcida em Boa Vista. Seu grito de torcida era "Levante a mão, vamos detonar, é o ET do Panamá!"

Como todos sabem, o ET do Panamá adora futebol, ele é torcedor inglês fanático, torcia para o Curintias de Londres e odiava o Manchester United, sempre freqüentava o estádio em dia de jogos, o problema era com a torcida rival, a qual o E.T sempre arranjava confusão quando seu time perdia. Era domingo onde acontecia uma partida na Liga dos Campeões, entre Liverpool e Curintias de Londres.

ET do Panamá em uma de suas apresentações olímpicas, repare em suas pernas saradas, nada semelhante a de uma preguiça

Na sua ultima ida ao estádio ele se envolveu com a torcida dos Hooligans, a qual o espancou até a morte, mas ele não chegou a morrer graças ao um traumatismo craniano que foi revertido a tempo na câmera médica recuperadora que ficava instalada no porta-malas de seu disco voador, nesta ocasião o E.T chegou a tempo, pois o disco estava parado em um estacionamento nas proximidades.

ET e suas conquistas na terra

Em homenagem ao ET, a rede Globo de televisão irá exibir em um domingo (não me pergunte qual) uma série com as conquistas que o ET fez na terra.

Nosso amigo ganhou títulos mundias no automobilismo representando o Panamá, infelizmente não foi considerado o título porque o ET não era considerado humano, e sim um bicho preguiça depilado, título que até poucos dias era dado ao piloto brasileiro Rubens Barrichello, a mesma coisa aconteceu com as olimpíadas. Mas nem tudo eram flores para o nosso amigo, tudo isso começou por baixo, como líder de torcida do time da cidade de Boa Vista. Além de participar de São Silvestre entre outros eventos. Mas suas conquistas só foram relembradas quando acabaram matando-o a pauladas, pedradas ou sabe lá Deus como ele foi morto.

ET é flagrado participando de protesto com os americanos em pleno Iraque. Ironia do destino, acabou morrendo violentamente nas américas mesmo.

Quando soube que sua vida na terra seria sombria, devido ao preconceito do homem, o et resolveu se isolar entrando em um momento depressivo.

ET e suas viagens pelo mundo

Não foi somente Panamá que o ET esteve lá (rima proposital). O ET do panamá passou pelos quatros cantos do planeta, mas infelizmente acabou apanhando somente em Panamá. No Brasil conheceu Varginha, onde tentou sem sucesso achar o et brasileiro. No México tentou procurar pelo Chupa-Cabra, também não obteve sucesso, mas em compensação conheceu o Quico. No Iraque participou de conflitos armados contra o governo Bush, e foi pra Paris apenas para não ficar com fama de turista de terceiro mundo. Foi para o Japão também só para conhecer de perto a sua semelhança com o personagem Mewtwo do Pokémon, mas saiu de lá o mais rápido quando possível quando descobriu a utilidade das Pokebolas

Um bicho preguiça jamais conseguiria descer as Cataratas do Niágara sem usar as mãos.
ET também correu pela São Silvestre em 1900 e guaraná com Rolha. Infelizmente o Galvão não filmou ele, mas bem que o pobre coitado tentou aparecer.

E.T. na cultura popular

ET do Panamá já teve participações importantes da mídia

Após o trágico assassinato do E.T., muitos pessoas se sensibilizaram. Vários escritores publicaram livros sobre a gloriosa vida do E.T. do Panamá, que saiu da vida para entrar na história. O cineasta Ron Howard se interessou pela vida do E.T. do Panamá e prometeu fazer, no ano que vem, um filme biográfico sobre a vida deste herói espacial.

No mundo inteiro, no dia 12 de setembro, data da morte do E.T. do Panamá, será feriado em homenagem a esta pobre criatura. Em memória do E.T., esta data será conhecida como "dia da consciência alienígena" e deverá fazer parte do manifesto da luta para o fim do preconceito contra visitantes espaciais. No auditório que criou essa data estavam presentes o ET de Varginha, o ET daquele filme, os Gremlins e Alf, o ETeimoso.

Bicho preguiça o caralho!

ET na seção de descarrego da Igreja Universal do Reino da Deu$.

Após a sua morte ser noticia mundial, biólogos do Fantástico começaram a chamar o pobre ET de bicho preguiça, o que gerou revolta em sua família que atualmente está morando próximo da Terra, a cerca de 2.000.000.000 (dois bilhões) de anos-luz daqui. A Rede Globo após chamar o bicho preguiça o ET de bicho preguiça, terá que pagar uma indenização milionária a família, além de pagar uma contia inderteminada de gasolina para que a família comparecesse ao enterro.

A Família do ET deixou claro que não existe quaisquer semelhança entre ela e Rubens Barrichello o tal bicho preguiça. Primeiramente que não existe bicho preguiça que se depila, se existisse, o ET estaria ganhando a vida como "garoto" propaganda da Gillete, e que o ET só conseguiu ser espancado porque estava sobre efeitos de DORGAS MANO, o que é visivelmente claro nas fotos que mostram o seu rosto.

A explicação para a barriga grande é a comida dos terráqueos, algo que constantemente gera verme em qualquer um, e aquela lingual grande inchada, bem, não se sabe porque uma língua daquele tamanho, e também nem quero saber, só de imaginar já é algo bizarro, mas deve ter gente que ia gostar de conhecer ele em vida.

E.T. do Panamá no cinema

E.T. do Panamá & Ghostbusters
Neste filme o Geléia ficou desempregado.
Cena final do filme Os caça fantasmas onde mostra E.T. do Panamá vestido de Stay Puft emputecido causando um pequeno alvoroço em plena Nova York

E.T. do Panamá teve uma participação especial no filme americano Ghostbusters (Os caça fantasmas) onde sua primeira aparição numa série de 3 filmes que foram lançados a partir do ano de 1984.

O filme arrecadou milhões de dólares em seu primeiro lançamento e depois bilhões com aparição do E.T. do Panamá.

Neste filme os Os Caça-Fantasmas tiveram muito trabalho para capturar o E.T. do Panamá, pois suas armadilhas não funcionavam na captura do bicho. Durante a caça os caça fantasmas acreditavam que o E.T. do Panamá era mais um fantasma devido sua cor branca e pálida, quando na verdade o E.T. do Panamá era totalmente de carne e osso, por esse motivo suas armas eram totalmente inúteis, até que o cientista Dr. Egon Spengler (Harold Ramis) descobriu que o E.T. do Panamá não possuía manifestações de ectoplasma em suas escapadas, ele constatou que o ET não fazia parte do mundo sobrenatural e fazia suas aparições de forma simples e terrena.

Egon concluiu que o E.T. do Panamá era na verdade uma espécie de bicho preguiça da barriga inchada e morta, além de tudo em estado de composição avançado.

Então Peter Venkman (Bill Murray) projetou uma nova arma especialmente para combate do ET. Utilizaram estilingues armados com liga de borracha e pedras.

Para alegria dos caça fantasmas finalmente o E.T. do Panamá foi derrotado na base da pedrada indo a óbito.

Neste filme os caça-fantasmas receberam como pagamento um cheque de $10,00 dólares, sendo pré-datado para trinta dias!

Tiveram um prejuízo de $2.200,00 dólares com reparos de vidraças e espelhos quebrados devido a varias más sucedidas pedradas fora do alvo.

Elenco

  • Bill Murray Peter Venkman
  • Dan Aykroyd Raymond Stantz
  • Harold Ramis Egon Spengler
  • Ernie Hudson Winston Zeddemore
  • E.T. do Panamá Bicho Preguiça
E.T. do Panamá Melhor É Impossível
Melhor É Impossível
Aqui Jack Nicholson se libertando do mal da maluquice e distúrbios com transtorno obsessivo-compulsivo, racista e homofóbo.

E.T. do Panamá também fez muito sucesso no filme "Melhor É Impossível" (As Good as It Gets), um filme norte-americano de 1997, dirigido por James L. Brooks estrelado pelo então famoso estadunidense Jack Nicholson.

Neste filme o E.T. do Panamá faz o papel de bicho de estimação de um artista gay, que é vizinho do maluco Melvin Udall (Jack Nicholson).

O filme expõe uma história de um escritor mal-humorado, Melvin Udall, nele, esse tal personagem de Jack Nicholson sofre de uma doença rara de maluquice e distúrbios com transtorno obsessivo-compulsivo, racista e homofóbo onde o mesmo fica com nojo de tudo e todos (aliás, ele sofre disso desde "O Iluminado").

O transtornado e obsessivo-compulsivo Melvin Udall sempre viveu sozinho em um apartamento isolado de tudo e de todos, mas a frente de sua porta fica localizada o apartamento do vizinho gay, que por sua vez pinta quadros de pintos nus e cria como bicho de estimação o E.T. do Panamá.

Melvin Udall morre de nojo do vizinho homossexual e seu bicho de estimação. Melvin Udall na verdade tem nojo de quase tudo e sempre gasta seu tempo lavando as mãos e desinfetando tudo dentro de seu apartamento.

Vivendo num mundo do tamanho de seu quarto, mas, apesar disso, sua amizade com uma mãe solteira e seu vizinho homossexual fazem-no passar a ver a vida de outra forma e a mudar sua personalidade excêntrica.

Um belo e lindo dia o vizinho homossexual foi totalmente espancado e linchado por um cliente tarado que estava sendo pintado pelo vizinho gay dentro de seu apartamento, depois de levar bastante porrada e murro no rabo o vizinho homossexual foi parar na UTI do hospital. Sem parentes e amigos e com seu bichinho abandonado, o vizinho gay implorou a Melvin Udall que cuidasse de seu etezinho de estimação.

Melvin Udall estava sempre com nojo do E.T do Panamá, na verdade ele estava sempre morrendo de nojo do bicho sem falar dos vômitos freqüentes e da língua inchada. Passado o tempo, Melvin Udall apaixonou-se com a presença do bichinho extra-terráqueo.

Um dia de repente o vizinho gay voltou para casa e exigiu a devolução de seu bichinho, mas era tarde demais, Melvin Udall recusou-se a devolvê-lo, ficou muito apegado a criaturinha, nervoso com seu vizinho homossexual enfiou a porrada no gay mandando ele novamente para UTI.

E.T. do Panamá e o golpe militar

Cquote1.png Olha lá! Eu vi... lá na frente, é ele o E.T. do Panamá Cquote2.png
Castelo Branco sobre E.T. do Panamá

Em mil novecentos e sessenta e quatro (1964) a capital Buenos Aires atravessava momentos tenebrosos em sua política (como sempre né?), muitos brasileiros, incluindo o jovem E.T. do Panamá, participaram desta bagaceira onde o Brasil era o campo de batalha.

Nesta adorável data o Brasil sofria com o Golpe Militar de Nintendo 64 em 1964, confrontos foram travados nas ruas da capital Salvador onde uma época terrível mutilava toda comunidade baiana, o jovem E.T. do Panamá fazia parte desta história, um conjunto de eventos ocorridos em 31 de março de 1964 no Brasil mudaria a vida da jovem preguiça.

O terrível Golpe de Estado, que cessou a gerência do presidente João Cade Belchior Marques Galocura Goulart, também conhecido como Jambo, que havia sido democraticamente eleito vice-presidente pelo Partido Puta que Pariu Trabalhista Brasileiro (PPQPTB).

Jânio Jambo renunciou ao mandato no mesmo ano de sua posse e quem deveria substituí-lo automaticamente e assumir à Presidência era João Goulart, segundo a Constituição, vigente à época e promulgada em 1946. Porém este se encontrava em uma viagem diplomática na República Popular do Panamá.

Cquote1.png Perna pra que ti quero Cquote2.png
E.T. do Panamá
E.T. do Panamá e um metalúrgico pinguço fugindo dos Militares de plantão

O E.T do Panamá levou muita taca dos militares devido seu comportamento nada censurado, compôs a música Pra Não Dizer Que Não Falei Das Flores, trazendo em sua letra mensagens subliminares contra os militares, depois de ser preso e levar meia dúzia de pedradas o E.T. acabou jogando a culpa no compositor Geraldo Vandré dizendo que a ideia da letra não era dele e sim de Vandré, depois de tirar o corpo fora.

E.T foi liberado e Vandré preso morto e torturado inocentemente.

Logo após o golpe de 1964 Buenos Aires sofreria uma ditadura violenta durantes 4 longos anos, no primeiro ano após o Golpe de Nintendo 64 o E.T. Panamá foi morto, espancado, torturado, apedrejado pelos militares diversas vezes, sem muitas opções de fuga e sem perspectiva nenhuma de melhoras o E.T. resolveu fugir do Brasil com seu disco voador da marca Chevrolet 1964, levando sob companhia de Roberto Carlos, Raul Seixas, Raimundos, Leonel de Moura Brizola e o grupo minerim Jota Quest.

Depois da morte de Herodes, Hitler, o general Ernesto Geisel infelizmente morreu deixando a paz voltar a reinar em Buenos Aires, anos mais tarde, depois da poeira baixada, levando sobe companhia de Roberto Carlos, Raul Seixas, Raimundos, Leonel de Moura Brizola e o grupo minerim Jota Quest o E.T. do Panamá não voltou para Brasil, isso porque foi morto vitima de turistas hondurenhos, morreu de apedrejamento em uma praia do Panamá.


Galeria do E.T. do Panamá

Ver também