Ed O'Neill

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Essa é uma foto de Ed O'Neill mais novo. Vai dizer que isso lhe parece um comediante?

Ed O'Neill é um comediante ou humorista (se bem que as palavras são tudo farinha do mesmo saco) americano que nunca fez um stand-up na vida e faz piadas sem-graça, do tipo Zorra Total mas por se tratar de alguém com fama internacional deve ter sido piadas que ao menos prestassem. Como Ed foi considerado um humorista com essas piadas? Só deus sabe...

Infância[editar]

Era amiguinho de Will Ferrell isso explica o calibre das piadas de O'Neill. Passar tempo demais ao lado de Ferrel é o mesmo que enfiar a cabeça em ácido sulfúrico: começa a torrar o cérebro. A brincadeira favorita de Ed O'Neill e Will Ferrell era: torturar "Contar piadas".

Ed O'Neill rapidamente perdeu a noção do que era engraçado e teve seu cérebro corroído pelas piadas de Ferrell. Em menos de 1 ano o seu quadro piorou: começou a repetir as piadas de Ferrell, dizendo que ele era um gênio da comédia entre outras coisas. Após algumas semanas seus pais não tiveram dúvida: o levaram à um especialista que poderia concertar Ed O'Neill.

Tratamento[editar]

Quando o seu cabelo voltou a crescer, a aparência mudou um pouco mas ele ainda tem uma cara de psicopata.

Após seu tratamento de 10 anos com comprimidos diários para fazer com que a parte corroída do cérebro voltasse ao estado original e algumas sessões de hipnose para esquecer as piadas de Ferrell além da exposição de piadas marotas, algo que era preciso para que ele seja curado o seu diagnóstico é quase perfeito pois as piadas e a alta exposição à Ferrel tinha deixado sequelas.

Enfim, ele ainda achava as piadas de Ferrell engraçadas e não via que a cara feia de Will estragava filmes e assustava crianças.

Por ser uma cópia até um pouco melhorada de Will Ferrell (Se bem que ele deve ser o pior comediante dessa lista, então se ele é uma cópia melhorada não deve ter melhorado muito) ele não conseguiu alavancar sua carreira e ficou com o peso de ter falado um dia com Ferrell nas costas.

Carreira[editar]

Sua carreira se baseou em celebridades que abriram um espaço no elenco de seus filmes, que geralmente caberia a um figurante qualquer, para receber um doente mental em seu filme. Mike Myers foi o principal contribuidor pois colocou ele no papel mais importante de sua vida: cara que ficava fazendo várias perguntas a um gordinho.

Ele também fez a maior parte da carreira na TV também como personagem secundário ou sempre como "pai de alguém". É irônico que um cara com rosto de malvado tenha conseguido ser considerado um comediante ou um humorista. É até irônico! Enfim, a sua carreira acabou: hoje ele está em sua mansão que juntou com alguns trocadinhos de seus vários papéis secundários e com 65 anos com cara de Marcelo Gleiser.