Eldorado do Sul

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gauchodanc.jpg Mas bah, tchê!

Este artigo buenaço e tri-legal é do mais puro humor gaudério dos pampas, vivente, então veste tua bombacha, recolhe teu pelego no galpão e toma um mate amargo com a gente, macanudo!

Chima.jpg
A cidade de Eldorado do Sul e seu portal.

Eldorado do Sul, carinhosamente chamada de Helldorado é uma cidade que de Eldorado só tem o nome, já que muitas pessoas procuravam (e ainda procuram) há centenas de séculos e anos e quando encontram esse pedaço de vila que pertenceu a Guaíba, entram em depressão.

Não se assuste com o amor da cidade pelo seu próprio nome, tudo aqui se chama "Eldorado": a cidade, o mercado, o colégio, a fruteira, o bazar, o bar, o puteiro... Assim podemos reconhecer a enorme criatividade de seus moradores.

História[editar]

Antigamente, muitos exploradores que queriam ganhar dinheiro falaram que existia uma cidade cheia de ouro, em que os habitantes o usavam até mesmo em utensílios do dia-a-dia. Bem... Nunca acharam essa cidade... Até agora.

Acontece que as pessoas que achavam Eldorado não estavam literalmente vendo Eldorado, mas sim uma cidade que parecia ser Eldorado... Na verdade, no dia em que um explorador em especial chamado Velásquez chegou em Eldorado do Sul, descobriu que poderia ficar ali e enriquecer!

Mas... A vida é uma caixinha de surpresas, e não havia nenhum ouro, muito menos algum método para ele enriquecer lá. O único jeito é abrir mais um entre os 1289463910 bazarzinhos existentes.

Colonização[editar]

A colonização ocorreu quando mais exploradores chegaram com suas famílias, imaginando que realmente havia Eldorado lá. Quando chegaram, como não havia ouro e eles haviam vendido tudo que tinham, acabaram ficando lá, fazendo sua agricultura e aos poucos construindo uma cidade (até que meia boca, ao meu ver).

Quando começaram a surgir mais cidades na região, as pessoas começaram a ir para as outras cidades, deixando Eldorado do Sul meio largada e esquecida.

Re-erguendo[editar]

A cidade se re-ergueu em 2009... Como você não sabia disso? Você é um desaculturado mesmo! Só não irei até a sua casa para te dar um cascudo por causa que estou com preguiça, e outra pessoa certamente fará isso por mim...

Outra coisa importante é o turismo. Todo ano Eldorado do Sul vira Atlântida e fica submersa, ou seja, você só verá essa cidade na TV quando acontece desgraça.

A cidade atrai muitos turistas por causa de deu nome. Sim, é a mesma situação que Chuvisca... Não é a palavra, e sim a cidade de Chuvisca: as pessoas só a visitam para poderem fazer alguma piadinha infame com os habitantes da cidade.

Bairros[editar]

- Sans Souci: até aparecerem os Mega Resorts of Fuckin Assis, Sans Souci era o metro quadrado mais valioso e desejado de Helldorado, chegando a custar milhões de sabugos sem milho o punhadinho de terra. Tem praia mas não é balneável,tem industria mas o emprego é escasso,tem campo de futebol mas não tem time.A única coisa que presta na Sans Souci é a Estrada do Conde,pois ela é a única saída do bairro.

- Vila Progresso:também conhecido como o beco dos carrapatos.É usado pela prefeitura como depósito de gente,ao invés de construir moradias dignas para os pobres-coitados que usam a vila como dormitório.Tinha maconha bo.Não tem mais.

- IPVDF:o maior centro de pesquisas veterinárias da América Latrina.Lá são pesquisadas a cura para a baitolagem dos porcos e a fórmula da criação de Nescau direto na teta da vaca.

- Vila da Paz: tem que ser muito macho para entrar lá, já que de paz não tem nada. É uma concentração de bocas de fumo e na enchente, some.

- Cidade Verde: é a cara da ostentação um lugar de pessoas transonas humildes e a maior parte dos zueros da cidade são de lá. São temidos. Na enchente, quase some.

- Centro: são poucos, são únicos. geralmente foram os primeiros a chegar na cidade e portanto, são velhos. É lá onde o núcleo da cidade fica; são inatingíveis.

- Loteamento: ninguém se importa. A única coisa importante que tem lá é um postinho de saúde e o fim da linha do ônibus Eldorado.

- Medianeira: a maioria são velhos. Não passa em branco mas também não é tão importante assim.

- Chácara: é onde moram os pobres com cara de rico.

- Itaí: ninguém se importa. Só tem autossustentação para o povo de lá.

- Residencial: área nobre da cidade, a maioria das casas são grandes, mas nem todo mundo é rico.

- Guaíba Country Club: equivalente a Área 51.

- Parque Eldorado: isso existe?

- Irga: quer estourar as molas do carro? vai pra lá!

- Centro Novo: é um bairro novo, com casas iguais, gente igual, ruas iguais ordenadas de A-Z então, não importa.

- Delta: uma versão 10x pior da Vila da Paz, um lugar cheio de tráfico e invasões, não queira colocar os pés lá.

- Bom Retiro: Ao chegar lá, esqueça o celular!


Eldorado contém outros bairros, outras invasões que se você conhecer, não irá querer nunca mais ouvir o nome Eldorado do Sul.

Pontos Turísticos[editar]

Para turismo, encontramos a Prainha da Itaí, um lamaçal espaço para diversão e pesca dos pobres moradores. Reza a lenda que uma moradora tomou banho e na primeira vez pegou micose, mas mesmo assim é um ponto turístico. A Enchente de Setembro ocorre todo ano, trazendo o Rio Guaíba mais perto de quem não pode ir na Prainha vê-lo, além da micose, a leptospirose, a gripe, a AIDS, a gonorreia, a diarreia, a herpes, a toxoplasmose, a hepatite e a peste bubônica são brindes ao contemplar esse evento que transporta multidões para o esgoto. Helldorado também possui sua própria triste desculpa de marca de supermercado, chamado Codebal, que funciona similarmente a farmácia São João: tem 9741792513169759 na cidade e todo mundo que mora na cidade já foi escravo funcionário. Cuidado ao sair de casa,pois pode ter um Codebal no lugar da sua casa quando você voltar. Temos o Túnel Verde e a antiga Fábrica de Papel, mas ficam tão longe da população quanto o outro ponto turístico citado a seguir. Então, para deleite dos estudantes que todo dia têm que se locomover para, em alguns casos, mais de 2 km existe um suposto colégio. Seu nome é Eldorado do Sul e é conhecido como "Carandiru" ou, carinhosamente, "Carandi" ou "Colejão". É difícil citar todos os pontos turísticos, não por serem muitos, mas sim or não serem explorados.