Escola Técnica de São Paulo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Nerd.jpg

>Este artigo é coisa de NERD, portanto, seja bem-vindo._

>Aqui falamos sobre coisas que você se interesse, como RPG e computador e até mesmo sobre Você. Caso você seja um Valentão, não leia este artigo!_

Hammer and sickle.png
Este artigo foi aprovado pelo Conselho de Proteção a Moral da Família Soviética como sendo livre de conteúdo subversivo.

O Diretor da ETESP irritado com um aluno que aprontou na sala.

Cquote1.png Você quis dizer: FFLCH Cquote2.png
Google sobre Etesp
Cquote1.png É O CÂNCER DA FATEC!!! Cquote2.png
aluno invejoso da Fatec sobre a ETESP
Cquote1.png Detonem com esse puxadinho! Cquote2.png
Diretor da Fatec sobre ETESP
Cquote1.png A semana inteira/fiquei estudando/pra passar na Etesp/e acabei bombando/e como eu sou burro/vou fazer Mackenzie/e eu vou pagar, eu vou pagar, eu vou pagar ♪ Cquote2.png
aluno de escola particular sobre ETESP
Cquote1.png Ah foda-se. O conselho me aprova Cquote2.png
etespiano recebendo nota vermelha no boletim
Cquote1.png Conselho filho da puta!!! Cquote2.png
aluno que repetiu de ano sobre ETESP
Cquote1.png Vestibulinho foi muito facil! Cquote2.png
Nerd japonês que roubou sua vaga sobre ETESP
Cquote1.png Creo que he visto una luz/al otro lado del metrô río ♪ Cquote2.png
Aluno do Liceu sobre ETESP
Cquote1.png Quiseram passar aqui mas não coseguiram hahahaha Cquote2.png
Aluno da IFSP sobre etespianos
Cquote1.png Aqui não tem uma gostosa, só nerd! Cquote2.png
aluno da IFSP, 6 meses depois, arrependido por não ter escolhido a ETESP
Cquote1.png Aqui só tem menina canhão Cquote2.png
Você depois de passar na ETESP
Cquote1.png Escola Tática de Ensinamento de Canhões Cquote2.png
Eu sobre a ETESP
Cquote1.png Meu, bora beber no parque da Luz??? Cquote2.png
etespiano cabulando aula
Cquote1.png Po czara, vvozze é bonito pra caraleeo, Heeim? Cquote2.png
etespiano bêbado sobre mendigo da praça
Cquote1.png Tá dominado, tá tudo dominado! Cquote2.png
PSTU sobre ETESP
Cquote1.png Na União Soviética, a ETESP passa em você! Cquote2.png
reversal russa
Cquote1.png Bando de burguesinhos mal agradecidos! Cquote2.png
Deputado desconhecido do PP sobre alunos da Etesp

Você, feliz quando descobriu que passou.
A Escola técnica São Paulo, conhecida internamente pelos nerds do Centro Paula Souza pela acunha ETESP, é uma instituição pública de ensino médio e tecnico bancada pelos impostos dos pretos fodidos do estado de São Paulo afim de ensinar a jovens braquinhos e ricos cursos inúteis que possivelmente eles nunca exercerão fora da vida academica, se é que podemos considerar isso.
Não adianta insistir: os asiáticos sempre passarão na lista de chamada na sua frente.
Na verdade, seguindo a mesma linha educacional flha da puta e pê-éssi-dê-bista de IFSP e outras escolas técnicas, a ETESP é basicamente constituida de alunos da classe média decadente cujos pais podiam pagar uma escola particular de segunda pros filhos, mas acharam melhor fazer com que o moleque se matasse de estudar num cursinho para passar no vestibulinho e ficar numa escola pública boa.Uma engenhosa forma de dizer que se preocupa com a educação dos filhos e ainda assim não pagar nada.
Logo, todo o etespiano foi o melhor aluno de suas respectivas escolas provincianas e são o orgulho de suas família que não fazem a menor ideia da pindaíba que seu filho ingressou. Exemplo muito proximo seria a USP, o caminho natural de todo o etespiano que conseguiu concluir o ensino mérdio. Não porque ele seja mais inteligente e sim, ele sai da ETESP conhecendo todos os esquemas universitários para passar sem estudar e todas os custumes depravados e degenerados da universidade, em parte pelos anos a fio de convivência com a Fatec, mas principalmente por um dom natural de ser cuzão e passar em vestibular sem estudar. Enfim, eles saem no ponto pra se tornar um da USP.


Tabela de conteúdo

[editar] História

Um tucano ancestral, bravo pela ETESP falar a verdade.

Fundada em 1809 por Simón Bolívar, a então 'Escuela Bolivariana Técnica San Pablo' ficava numa provincia distante pertecente a Bolivia e tinha função de ensinar bolivianos pobres (pleonasmo) a ler e escrever, função que até hoje ela é obrigada a exercer devido a qualidade dos ingressantes. Apesar das perdas territoriais que a Bolivia sofreu para a república de São Paulo, a escola continuou existindo, ganhando seu atual nome. Mas muitos traços culturais típicos da presença dos antigos colonizadores continuam nos arredores do famigerado colégio.

A partir de 1900, grandes levas de imigrantes europeus começam a chegar na cidade. Eles formariam nas décadas seguintes as famílias de linhagem nobre da classe-média e de cidadões de bem, e passou a ser o grande nicho de novos alunos da escola. A partir daí, a ETESP ganha o perfil que tem hoje: uma escola de cunho judaico-cristã-branco-patricinha-burguesa.

Em 1939, Hitler invade São Paulo e transforma o campus da ETESP num gueto. 15.000 judeus foram amontuados lá dentro nesse período. Foi nessa época que abriram as incrições do novo curso técnico de Sionismo e Cabala. Assim, os judeus incrementaram ainda mais a gororoba étnica que a escola estava se transformando.

Em 1945, o exército vermelho desmantela o gueto e junto com ele vem uma nova corrente política que passou a conquistar os jovens coraçõesinhos etespianos: o comunismo stalinista! Stalin ordenou que se criasse um novo soviete na região com base na escola. Esse foi o berço daquilo que seria mais tarde o Gremio da ETESP Berthold Brecht e o partidão pé no saco PSTU.

Em meados da década de 50, vem para o campus a FATEC, uma maldita instituição cujo proposito é formar mão-de-obra quebra-galho e barata para as indústrias de encanamento , bem como técnico que ajuda donas de casa que não sabem instalar um cabo de TV. Esta nova ameaça do capitalismo-financeiro-monopolista-tucano-global obrigou as autoridades comunistas agirem. Foi constrido então o famigerado 'muro da ETESP'. Foi durante o período Stalinista também que se introduziu a Vodca nas rodas estudantis, com efeitos avassaladores na já fraquinha sanidade dos etespianos.Nessa época vieram aqueles que seriam a marca registrada de uma escola de nerd, os 'asiaticos' , na maioria vindos da também comunista mão-de-ferro Coréia do Norte.

Durante anos os etespianos foram privados das maravilhas alienantes de Wall Street, porém, na décado de 80, o regime começa a entrar em decadência. Atraso tecnológico(as provas eram escritas à mão pelos professores),seguidos resultados pífios na olimpiada brasileira de matemática e -principalmente- o advento das novos jogos da nintendo,da abertura do bandejão, da criação de novas drogas sintéticas e shampoos para combater o frizz fizeram com que cada vez mais alunos fugissem para o lado tucano do muro. Não tinha como competir. O triovirato Gremio-PSTU-URSS já não se sustentava. O Golpe final veio com o super astro pornô Ronald Reagan, no seu famosos discurso Sr Gorbachev, derrube esse muro!!. Há quem diga que ouviu um pau no seu cú do outro lado, mas nada confirmado. O fato é que na madrugada de 15 de novembro de 1989 milhões de etespianos se dirigiram ao muro e o derrubaram com marretas até virar pó ou pedacinhos bonitinhos que podiam ser vendidos pra turistas.

Com o fim do império do mal(segundo a Veja), a ETESP se integrou ao mundo globalizado e se espalhou por cidades de todo estado e principamente na zona leste onde as escolas parecem postos de saude ou só tem 3 cursinhos inuteis. Hoje suas tribos se dividem em inumeras mas principalmente nerd,otakus,coss-play,patricinhas,pseudo-comunistas,evangélicos, junkies, indies, antisocias,cults, pseudo-intelectuais, metaleiros, fãs de axé, judeus , desmiolados , da área (moradores do bom retiro), fãs de J-pop e da pucca e vários outros.

[editar] O lugar

A Etesp é basicamente dividida em: Ari Torres, Maffei (malfeito), Hypolito e Praceta.

Ari Torres: Prédio menos degradado e inseguro, onde fica a secretaria e outras entidades minimamente relevantes. Lugar dos bixos, onde eles ficam la pra não serem mortos pelos veteranos jusebas. Você chega lá, acha que tudo é bom e assim te mandam, no 2° ano.

Malfeito: Prédio horrível, construído por um engenheiro formado pela FATEC, como foi dito, é horrivel, com salas pequenas, banheiros que poucos são usados, um bom lugar pra tocar um puteiro. Nota-se que os bebedores expelem diesel.

Hypolito: Último lugar da estadia de um etespiano (ou não). Prédio ruim, apertado e velho, onde ficam os veteranos maximum, os indivíduos que tocam sempre o terror e os nerds que querem passar na USP, tudo junto e misturado.

Praceta: Um lugar onde tem de tudo e todos estão sempre cabulando aula. Sempre vemos maconheiros, vagabundos, inúteis e idiotas lá. Quando você não tem o que fazer ou não quer ir pra aula, fique por lá, você vai gostar, muitas vezes há atrações, como músicos, babacas, bêbados ou pessoas do Grêmio em "reunião" (que, inclusive, tem todos dias)

Os grandes líderes fundadores da ETESP em seu esconderijo indecifrável no Centro Acadêmico. Porque socialista de verdade bebe até arma química.

[editar] Pessoas que estudam na ETESP

Você, na metade dos três anos, tacando um foda-se em tudo.

[editar] Cursos

Cursos à tarde exigem um lanche reforçado!! Por apenas 5 reais, você paga por um lanche saudável, e que reaproveita os recursos naturais disponíveis!!

Informática:

Curso básico onde qualquer babaca entra e que só possui gente metida a nerd que fica jogando Counter Strike e que nao aprende porra nenhuma e onde os estagiarios da etec Adolpho Berezin passam fome porque os filha da puta roubam seus marmitex. Lembre-se... se vc é um nerd filho da puta, nerd, otaku ou otário mesmo, siga nesse curso, onde todos acabam se formando de qualquer jeito mesmo, vai terminar, vc vai ganhar seu diploma idiota e tah tudo certo.

Eventos(recreação e lazer):

O TCM consiste numa visita ao asilo, preciso dizer mais alguma coisa?

Turismo:

Curso babaca onde um otário não te passa porra nenhuma e você mata aula a vontade, e no fim das contas, vc não ganhou nada com isso, perdeu algumas tardes (soh pra nao repetir por falta) e viu que soh tem babacas retardados (e sim, vc eh mais um deles). O que você pensaria sobre um curso que tem uma matéria chamada "Recreação"?

Administração:

Curso varzeado que faz quem não sabe o que quer fazer ou realmente nada quer fazer, você não faz porra nenhuma a tarde (ou noite) inteira e ainda aprende como ser um bom enrolador, isso é, como encher bem linguiça. Começa como todos os outros cursos, com 40 alunos, mas com o passar do tempo, os próprios alunos veem que não existe futuro com este curso inutil e desistem! *o que é perfeitamente aceitável.

Uma das poucas invenções úteis dos nerds japoneses alunos de eletrônica, comercializado na 25 de março.
Um dos trabalhos finais de Transporte Rodoviário era desenvolver uma linha que levava ao recanto de Dercy Gonçalves.

Eletrônica:

Curso que forma seus futuros eletricistas, onde só dá homem e as mulheres parecem homens. O que você espera disso?

Desenho de Construção Civil:

Curso onde um bando de idiotas aprendem a desenhar coisas inuteis e fazer coisas inuteis, pois quando vc vai construir sua casa você chama um técnico em desenho de construção civil ou um engenheiro? Melhor! Você chama logo um pedreiro pra não gastar dinheiro!

Transporte Rodoviário:

É um curso extremamente várzea. Ninguém de fora se importa com isso, todos os alunos são socialmente desalojados e tudo que é aprendido é extremamente útil para se estacionar um ônibus, ou fazer um Trabalho de Conclusão de Curso que nunca vai sair do papel. O curso é composto por professores avulsos dos outros cursos, professores fodões (que não precisam dar aula pra sobreviver porque já ganham muito mais que você),malandros, nóias, playboys (qual o sentido disso?) e, em ocasiões astrológicas, outros homens estranhos.

Transporte Ferroviário Hehehe:

É o rodoviário, só muda de nome para ferroviário, o resto é igual.


Igual. Igual... tudo igual...

Tumbleweed01.gif


[editar] Ensino médio

É o curso clássico de um etespiano. Todo nerd de sua região (e de outras regioes, como Embu, Guarulhos, Meio do mato e Onde Judas bateu as botas)vem pra ETESP com o intuito de ser mais um nerd etespiano, ou vira um nerd, ou um vagal. Desde os primóridos, esse curso é o que recebe mais atenção e é o de maior prestígio, motivo maior da notória projeção internacional da escola.

E, somente para dar um tom de drama estudantilamericano maldito, (onde todo mundo se importa com qualquer coisa menos estudar), vejamos algumas perspectivas dos novatos:

[editar] O malandro recém-chegado

[editar] A romântica recém-chegada

[editar] Diversidade etespiana

Marombeiros: São os mais bonitos da escola, são aqueles que todas as garotas sonham e desejam, eles normalmente são do 3° ano (época de seu auge), sempre estão falando sobre treino e alimentação pela escola, fazem de tudo por alguns quilos de massa magra. Nao passam de monsters que se acham frangos, mesmo estando com bf abaixo de 5% e mais de 45 cm de BRAÇO!

Smeagol: Aquele sujeito estranho que fica senta na primeira fileira (provavelmente usa óculos, aparelho, e leva pêra na lancheira dos Power Rangers dele), chama a lição de preciosa e não divide com ninguém. E sabe aquele trabalho em dupla que você não fez? Ele fez tudo perfeito e sozinho. Mas ele vai colocar seu nome? Não. Por que? Por que ele é um filho da puta que depois acha que toma tapa na orelha por inveja dos outros.

Pitbull: O grandão repetente que intimida todo mundo, também conhecido como Urso: É maior que você, corre mais que você e pode (e vai) matar você. Seu habitat natural: O fundo da sala. Ps.: Tente não sentar perto dele. O alvo dele pode ser o smeagol, mas ele vai ter que passar por você pra chegar até ele, e duvido que ele vá pedir licença.

Cheira nem fede: O quietão da sala que ninguém zoa simplesmente porque não tem graça. Ele não demonstra nenhuma expressão, passa despercebido por qualquer um e pode ser considerado um peso morto. Não representa mais do que uma das carteiras da sala, o típico cara objeto que o pitbull costuma lançar em direção ao smeagol.

Advogada : A interesseira que nem sabe seu nome mas quer a cola da lição que você provavelmente também copiou; Ela que curiosamente só fala com você quando você tá na fila da cantina. Sabe como as empresas só ligam pra oferecer um produto no fim ou no começo do mês? Então, eles fazem isso por que eles sabem que você tem dinheiro nessa época. Não adianta insistir em um negócio quando você não tem dinheiro.

Na ETESP, todo mundo tem que fazer parte de uma panelinha roseta turma de amigos que se amam muito. Não estranhe deles piadinhas de creminho e descrições muito bem detalhadas em voz alta.

Fantasma: Ele é aquele cara que aparece do nada.Você provavelmente nunca viu ele antes, mas alguns disseram que ele sempre esteve por perto. Tem uma leve tendência para ser igual o cheira nem fede pois passa despercebido em vários lugares, porém, esse fala pra cacete, tipo, muito meeesmo. Uma sessão de despacho é o suficiente para expulsar o sujeito.

O Chato: Então, você acorda e pensa: "Afe, eu queria ir na escola e descobrir fases secretas e modos mais faceis de dar level up no tibia"? Nem eu, mas esse cara acha que tá te fazendo um favor falando isso. Sim, é aquele lazarento que senta atrás de você e fica te chamando toda hora pra falar de algum game online que ele com certeza joga faz 2 anos ou mais.

O Cafetão: Tipo, o cara acha totalmente normal andar abraçado com cerca de 10 meninas em um braço, e 10 em outro (tenho inveja, confesso, mas mesmo assim não é normal). É um gerente nato. Ele não vai atrás de nenhuma, as garotas simplesmente aparecem pra ele à procura de um trabalho. Para ser um completo cafetão, só falta o casaco de pele e a aquela bengala à la Dr. House.

Cafetões são os que mais buscam por métodos inovadores de pagar seus materiais de estudo. Na imagem, um pôster despercebido no Centro Acadêmico.

Zé Mayer: Esse é o tipo de cara que você encara e sempre quer ao seu lado. Porque se ele estiver atrás de você prepare-se para entrar no fã clube do restart. Ele é um cara que todas as minas consideram "o bonitão", e talvez até alguns garotos. É o fodão que se bobear engravida a própria mãe. Ah sim, ele provavelmente anda com 14879281751 camisinhas na mochila, então, FAIL se essa for a desculpa pra evitar ir pra cama com ele.

Jim Carrey: O cara é um imbecil. Faz piada com tudo e todos, fode relacionamentos e amizades, mas todos adoram suas piadas. Ele sempre está andando com alguém diferente todo dia, porque as vezes suas piadas são tão destrutivas que ninguém aguenta por muito tempo. Se existissem risadas vindas do além, a presença dele seria como uma serie de tv.

Joselito: Ele tenta ser um jim carrey, mas as piadas dele são mais velhas que a virgindade da hebe. O tipico moleque que irrita todo mundo por uns 2 bimestres. Isso por que depois disso ele ja "se matou" com 17 facadas no rosto. Sem falar nos professores que dão aula pra ele: Todos sofrem de hipertensão e estão à um passo do suicídio. Por que? Porque o garoto é um capeta, simplesmente isso.

O Gordo: Esse tipo de aluno é divido em 3 partes: >Recalcado - É o que foi tão zuado, mas tão zuado, que acabou virando o tipo "valentão" da escola. Mal sabe ele que um dia as crianças perdem medo dele e ele acaba se fudendo. >Chorão - Foi zuado igualmente o recalcado, mas resolveu que a vida num se resume à porrada e passou a se esconder de todos que chegam perto dele, e se você força ele demais pra fazer alguma coisa, pode esperar, ele vai chorar. >Espelho - Se você quer zoar ele, prepare-se, vai ser zuado em dobro. Ele foi zuado normalmente, mas simplesmente soube ignorar a zueira. E hoje ninguém mais zoa ele porque ele desenvolveu a habilidade de retrucar os outros com suas palavras totalmente desmotivadoras.

Atleta: Leva todo tipo de equipamento pra escola, desde aquela bolinha que você taca pro chão e pula 10m, uma raquete de tênis talvez, até um kit pra escalada, nunca se sabe. Tem tendência a ser um Axe, pois fica fedido o dia inteiro na escola. Seu lema é: Tudo que faz suar, eu tô dentro!

Um turista (quando vem...)

Chado Idiota Aquele que acha que é um humorista, fala as mesmas frases idiotas sem motivo nenhum, acha que todo mundo é seu amigo e se mostra extremamente incoveniente, tentando realizar brincadeiras que ninguem acha graça e depois ri desesperadamente sozinho delas.

Turista: Ele vai na escola um dia, falta um mês, vai mais um dia e quando vai, age como se não tivesse perdido nada. Uma vez na escola, você acha que ele faz lição? Errado! Ele dorme, ou vai pra comer a merenda. Em alguns casos, o Turista pode ter lá pelos 20 anos e ainda estar na 5ª série, porque ele também nunca ouviu falar de supletivo no calabouço onde vive.

Musical: Esse tipo de aluno é divido em 4 sessões: >Emo - Fica no canto ouvindo sua música sussegado, desligado do mundo, e se você olhar bem, poderá jurar que ele estava chorando... >Carrasco - Quanto mais ruim a música que ele ouve, mais alto ele deixa. Tá ligado aquele Funk lazarento que fala a mesma frase umas 12489516097 vezes? Então. >Rockeiro - Periodicamente leva o violão pra escola (nos dias de hoje alguns emos crentes também fazem isso), e se não estivesse na escola, provavelmente iria estar inteiro de preto e de coturno. Só ouve música barulhenta. Tá, ele costuma andar de preto e coturno mesmo na escola. a espécie está em risco de extinsão já que os crentes andam alugando os violões antes deles para cantar numa rodinha da paz em nome de Jesus >Stephanie - Acha que sabe cantar e usa toda a força dos pulmões para acompanhar sua música favorita. É tão desafinada que vidros racham quando ela começa a cantar.

Coroinha: Também conhecido pela maioria como “viadinho”. Em alguns casos ele também dá em cima de você (se você for homem, lógico). Mas agora, tente perguntar se ele é viado. Ele nega até a morte! Mas todo mundo sabe que ele é viado desde que ele tinha 6 anos de idade, quando brincava de médico com o Joãozinho, e nunca tinha sequer mencionado alguma menininha.

Siameses: Aquele grupinho que está sempre junto, não se separam nem sequer pra ir no banheiro. Sempre costuma variar a formação desse grupo, dependendo da escola. Mas na maioria das vezes o grupo é formado por 4 Smeagols fêmeas, e em outros casos, um Coroinha está envolvido no grupo.

Ipatinga: Assim como o time de futebol o Ipatinga, esse aluno é baixinho, fraco, magro e só tem uma missão no mundo: Fazer com que alguns garotos se sintam fortes ao bater nele. Você é chamado de fracote, gay, viadinho e etc na escola? Não tem problema, sempre vai ter alguem menor e mais fraco pra você bater. Aumente sua auto estima fazendo com que a dele diminua.

Boleiro: Aquele que acha que qualquer coisa é motivo para jogar bola, acha que a aula de educação fisica devia ser exclusivamente futebol, joga futebol no intervalo, mata aula para jogar, joga em outros colégios depois do almoço, e costumam carregar separadamente as chuteiras e outros materiais para poder jogar. Eles tambem podem se confundir como Funkeiros.

RESUMINDO TUDO:

Pronto, perfeito!! Mais onze anônimos nesse quadro e temos uma sala de aula padrão na ETESP.

[editar] Nostalgia Epiléptica

Um raro vídeo, com os estranhos hábitos dos antepassados etespianos:


'''ETESP 1991'''


Estrelinha.jpg
ETESP Ganhou uma estrelinha, pois:
É a melhor escola técnica do estado, melhor ainda do que a que você estuda!
Vivaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
Ela vai continuar se esforçando (ou não) para que nunca perca suas estrelinhas, e consiga sempre outras como esta!
Lula-7.jpg
Estrelinha.jpg
ETESP Ganhou uma estrelinha, pois:
Hammer and sickle.png É a nossa escolinha comunista!Hammer and sickle.png
Vivaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
Ela vai continuar se esforçando (não precisa se esforçar) para que nunca perca suas estrelinhas, e consiga sempre outras como esta!
Lula-7.jpg

[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas