Espanhola

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
El matador.jpg
Cervantes.jpg
¿¿¿POR QUÉ NO TE CALLAS???

Este artigo tem sangue espanhol! Por isso não se espante se você levar uma chifrada ou ver pingos de uma paella com azeitonas esparramadas. Um Picasso original pode estar por trás de Usted!

Cuidado! Si hablas mierda El Rey vá mandar usted callar la boca!!!

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Espanhola.

Cquote1.pngExperimente também: Cubana, Turca, Francesa e Russa Cquote2.png
Sugestão do Google para Espanhola

Cquote1.png Ninguém esperava pela espanhola! Cquote2.png
Inquisição Espanhola sobre Espanhola

Cquote1.png Hm... adoro PAIZURI no meu hentai! Cquote2.png
Otaku punheteiro sobre Espanhola

Cquote1.png Ffffffffuuuuuuu.jpg Cquote2.png
Otaku punheteiro ao ver que algumas japinhas não fazem espanhola porque tem peitinhos pequenos.

Cquote1.png Essa tá liberada! Cquote2.png
Padre sobre Espanhola

Espanhola ou espanholada é o nome dado a uma técnica sexual em que a relação ocorre com um parceiro sem que haja penetração. Nesse ato, o homem coloca o pênis entre os seios da mulher, onde este é, então, estimulado pela simulação de um sexo normal. Atualmente é uma das preliminares mais difundida no mundo, junto com a punheta, a siririca e a massagem anal.

Recentemente estudos comprovam que esse desvio ato é mais comum que o esperado, e 70% das mulheres com vida sexual ativa, já tiveram seus seios confundidos com vaginas. Os outros 30% eram das mulheres com seios pequenos.).[1]

A prática ainda é pouco difundida em filmes pornôs, já que os tarados consumidores de pornografias preferem atos mais radicais como o Bukkake e o Sexo Anal.

Tabela de conteúdo

[editar] História

Uma bela Espanhola,(ou não) demostrando como se faz.

Como o nome acertadamente sugere, essa prática nefasta surgiu na Espanha da Idade Média e desde então a prática recebeu aprovação do papa.

Muitos achavam que os seios serviam apenas para apalpar durante o papai mamãe (e amamentar eventuais pirralhos que nascesem dessa putaria), mas descobriu-se que um par de seios podiam ser usados para simular uma punheta com 0% de risco de transmissão do vírus da Peste Negra (hoje conhecida como AIDS) que assolava a Espanha naquela época.

Essa prática é também conhecida como "espanhola" em países como a Itália. Na Espanha, porém, tal prática sexual é denominada "cubana", na República Tcheca como Alemã ou seja sempre se chama o ato pelo naturalidade das mulheres de algum país inimigo, no Brasil o nome foi adotado devido às constantes deportações de imigrantes ilegais turistas brasileiros feitas pelo país ibérico.

[editar] Prática

Participantes do 20º campeonato mundial de espanhola.

Os seios podem ser encontrados em diferentes cores, tamanhos e texturas, para todos os gostos, e geralmente os melhores peitos para a prática da espanhola são encontrados apenas em mulheres.[2]

Estudos realizados, comprovam que para descobrir uma mulher ideal para a prática da espanhola, é necessário apenas um pequeno, simples e rápido teste, que consiste em arremessar a mulher na água, e observar, caso ela boie, seus seios são ideais para a prática da espanhola, mas caso ela afunde prefira o seu cu mesmo quando estiver enjoado da vagina.

Desnecessário dizer que o ato produz muito leite, quando o homem ejacula, o sêmen pode cair nos seios, no rosto, no pescoço ou na boca da mulher; esta forma como o sêmen cai na caixa torácica, no pescoço ou nos ombros da mulher inspirou o outro nome dado a esse tipo de prática sexual - colar de pérolas, por isso muitos maridos sacanas dizem: "Bem hoje vou te dar um colar". Em alguns casos, este ato pode ser combinado com o sexo oral, o que aumenta muito o prazer, a mulher inclina o rosto para frente e estimula o pênis. Trata-se de manobra mais facilmente executável com um pênis mais longo, seios maiores ou com uma parceira com um corpo mais flexível.

Não se pode fazer uma espanhola se:

  1. A mulher tiver seios pequenos.
  2. O homem tiver um pênis pequeno.
  3. O homem for muito gordo (Isso pode ser perigoso para a mulher).
  4. A mulher ser muito gorda (Pode ser bom por ela ter seios grandes, mas dificulta o encaixe).

[editar] Recomendações

Sai ai de cima maluco!
esse adorou a espanhola e gozou

Apesar de não ser a única, a posição ideal para uma espanhola é o homem sentado na barriga da mulher, outras posições podem ser buscadas como sentar na cabeça ou a mulher ajuelhada, mas não recomendamos pois exigem elasticidade e preparo físico.

Para a prática adequada de uma boa espanhola:

  • Recomenda-se o uso de gel lubrificante.
  • Não fazer muita força, os seios são orgãos sensíveis.
  • A espanhola é mais confortável quando a mulher tem seios de mesmo tamanhos.
  • Cuidado, se durante a prática da espanhola você sentir a área entre os seios de sua mulher meio peluda, talvez ela não seja exatamente uma mulher...

[editar] Vantagens e Desvantagens

DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...O ministério da Saude adverte: Cuidado com a espanhola, nem sempre Mais vale um na mão do que dois no sutiã.
Será mesmo que ela não está gostando?

A Espanhola apesar de parecer um ato sexual doentio, onde um homem por algum desvio mental confunde os peitos de uma mulher com uma vagina ou ânus é totalmente aprovado pelo papa [3] pois assim como a tabelinha e a punheta é um meio natural de se fazer sexo sem camisinha ou pílulas e evitar a gravidez. O ministério da sáude também recomenda a espanhola, por que é um meio totalmente eficaz de se evitar dsts.

A espanhola é um ato também muito economico, pois poupa os participantes da compra de camisinhas e pílulas, bem como pode ser feita em qualquer lugar e não nescessáriamente em um motel, prostitutas também comram mais barato que uma foda comum pelo ato.

Uma espanhola oferece muitos poucos perigos para a mulher, o vício nessa prática pode causar a explosão dos seios, e na hora do gozo, se não prestar atenção, pode tomar respingos de esperma nos olhos que podem causar cegueira, ao longo do tempo a prática acentua a queda natural dos seios.

A única desvantagem da espanhola como na maioria das práticas sexuais é a ausência de prazer para a mulher, que sai do ato com fortes dores e possívelmente toda suja.

[editar] Espanhola na cultura

Abaixo temos um poema lírico escrito por uma grande poeta de funk sobre o tema.

Espanhola[4] Tati Quebra Barraco


Tati ensina como é que se faz:


  Vou começar mais ou menos assim ohh..pode soltar dj (3x)
  Um dia na minha casa sentado ouvindo a Tati
  Eu sei q ela esculaxa mas só faltou um detalhe
  A xota ta manjada, e o cuzinho também
  Se liga irmazinha espanhola da também
  Pegue nos meus peitinhos
  No meio vai rola
  (2x)
  Basta uns movimentos que a porra vai na boca
  Se teu peito é pequeno, não teve evolução
  O cara ta bolado vindo com o pau na mão
  Já deu a noite inteira e tá toda ardidinha
  Apela pra punheta antes que ele pede a bundinha
  Pegue nos meus peitinhos
  No meio vai rola 2x
  Basta uns movimentos que a porra vai na boca

[editar] Ver também


Referências

  1. IBGE 2009
  2. Você pode ainda comprar alguns seios no eBay pelo cômodo preço de R$14,99, muito mais em conta que uma vagina.
  3. Segundo Encíclica Papal
  4. http://letras.terra.com.br/tati-quebra-barraco/165153/
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas