Estado do Triângulo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Pão di Quejo!
Óóóó, Minas Gerais... Aliás, Triângulo!
Uai, sô!
Este artigo foi escrito por um ex-Minerim (agora Triangulino)... E si ele ainda num tá compreto purquê o disgramado deve di tá cumendo um Pão di Quejo ou a Tua Mãe purque ele ainda acha qui é "Mineiro!"!!!

Cquote1.png Você quis dizer: Sertão da Farinha Podre Cquote2.png
Google sobre Estado do Triângulo
Cquote1.png Você quis dizer: Quadrado de Minas Cquote2.png
Google sobre Estado do Triângulo
Cquote1.png Experimente também: Triângulo das Bermudas Cquote2.png
Sugestão do Google para Estado do Triângulo

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Estado do Triângulo.

Cquote1.png Cadê meu nariz? Cquote2.png
Minas Gerais sobre Estado do Triângulo
Cquote1.png Somos o chapéu de São Paulo, o nariz de Minas e a bunda de Goiás Cquote2.png
advogado Guido Bilharinho sobre Estado do Triângulo
Cquote1.png Se separaram ? Tanto faz , passo os fins-de-semana em Ipanema mesmo ... Cquote2.png
Aécio Neves sobre Estado do Triângulo
Cquote1.png Esse pessoal devia fazer terapia. Cquote2.png
Paulista sobre triangulino
Cquote1.png Espero que jamais vire estado Cquote2.png
Belohorizontino sobre Criação do estado do Triângulo

Do nariz de Minas para o Coração do Brasil
Teste
Bandeira versão oficial
"Liberdade ainda que tardia"

Teste
Bandeira versão avacalhada
"Liberdade ainda que à tardinha"
Lema: "Do nariz de Minas para a Bunda de Goiás!"
Hino: Usted se me Llevo La Vida (Alexandre Pires)
Triângulomapa.JPG
Idioma Oficial Mineirês
Capital Uberlândia (Berlândia)
Governador Alexandre Pires
Heróis Históricos Alexandre Pires, o Atropelador, Fernando Vanucci, o Xaropao, Cristhian Pior, o Gay, Zeca Camargo, O homem Dança do Ventre
Principais Cidades Berlândia, Beraba, Bosta do Araguari e Tuitaba


O mais novo estado imaginário brasileiro é conhecido como Estado do Triângulo ou simplesmente Triângulo. Sua localização depende do ponto de vista, por muitos é o nariz de Minas Gerais, para outros o chapéu de São Paulo, e para os mais engraçadinhos a bunda de Goiás. Os Triangulinos são em geral uma mistura de paulistas, goianos e mineiros, um Triângulo amoroso, tendo assim tudo quanto é tipo de mau comportamento e falta de educação.

Triangulinos Famosos[editar]

E só! Vê-se assim, que a região é uma exportadora de talentosos artistas e celebridades.

Vocabulário[editar]

Veja Dialeto Caipira, mesmo após a sangrenta emancipação, os Triangulinos ainda utilizam o Minerês-meio-apaulistado-meio-agoianado-meio-triangulado como principal língua para se comunicarem.

História[editar]

O Triângulo, ou Triângulo Mineiro como era chamado nem sempre pertenceu a Minas Gerais, na verdade já pertenceu a São Paulo, a Goiás e ao Acre.

Um grupo de índios que veio do Ceará trouxe no lombo das mulas farinha, e que com a demora das viagens não resistiam e apodreciam. Por isso essa região, que hoje é o Estado do Triângulo, era conhecida como Sertão da Farinha Podre

Foram as cruzadas que exterminaram os povos primitivos, povos que foram catequisados e mais tarde marginalizados, esses marginais em mil e lá vai fumaça fundaram a cidade de Ituiutaba que desde então preserva esse lado em suas ruas.

Guerra pela Independência[editar]

Cansados de só ouvir promessas dos governadores mineiros, o povo triangulino se rebelou. Liderados por Alexandre Pires, o Atropelador, os triangulinos pegaram as armas e enfrentaram os mineiros numa guerra que durou menos de um dia, e ficou conhecida como A guerra que durou menos de um dia. Os separatistas, movidos pelo ideal de criar um novo estado, livre do pãozim de queijo, e das insuportáveis tardes de domingo, onde eram transmitidos jogos inassistíveis do campeonato rural mineiro de futebol, invadiram Belzonti em uma missão secreta onde renderam o então ditador imperador Aécio Never. Agora, o estado terá o melhor campeonato estadual de futebol do Brasil, já que contará com times da categoria do Uberlândia(quase campeão mineiro da segunda divisão por inúmeras vezes).

Diz a lenda que Alexandre Pires, o Atropelador ameaçou cantar ininterruptamente para o ditador imperador Aécio a mesma música que ele cantou para o Bush, até que ele assinasse a independência do Triangulo. Após resistir heróicamente por cerca de 2 minutos, Aécio Never não suportou a tortura psicológica e assinou a rendição Lei Alexandre Pires, dando a independência ao Triângulo. Mais tarde a Lei Alexandre Pires (O Atropelador) foi ratificada pelo "Tratado do Pão-de-Queijo" assinado em Uberlândia.

Entrando no Estado do Triânugulo


Atualidade[editar]

Depois da fragmentação em um novo Estado, os guerreiros locais, revoltados com eleição de governadores e senadores corruptos das cidades vizinhas, usurpadores de recursos, estão brigando entre si, acelerando o processo de criação de cidades-Estado.

O Triângulo também é conhecido como a região dos três bês: Beraba a terra dos centro de macumbá..., Berlândia mais conhecida antigamente com o curral das éguas e a Bosta do Araguari".

Cultura[editar]

Alexandre Pires, o Grande. Guerreiro e conquistador triangulino do século XXI. Herói na conquista da independência do Triângulo.

O Triângulo exporta para todo o Brasil as porcarias das duplas sertanejas (Vide Bruno e Marrone, Zezé di Camargo e Luciano, Victor e Léo e a mais recente nova dupla aspirante Marco e Mário). Tem também fortes influências de Pena Branca e Xavantinho (que Deus o tenha bem seguro onde estiver), além do Alexandre "Atropelador" Pires com o seu Só Pra Contrariar e o Maurício Ricardo, que faz Charges pra Globo e nas hora vagas inventa de tocar Rock na banda de Usados (Os SemiNovos).

Também é conhecido por suas Exposições Agropecuárias (Expozebu e Camaru), Carnavais onde ninguém é de ninguém (Carnavais de Ituiutaba, Tupaciguara, Centralina, Campina Verde e Prata), a festa que reverencia a criação do estado "Triângulo Music Festival", por seus peões que ouvem música sertaneja na maior altura em Fuscas, Chevetes e carroças e pelas suas biscates que sonham em ganhar um trocado para gastar no Center Shopping em Uberlândia.

Esportes[editar]

No Triângulo está o campeonato estadual de futebol mais disputado do Brasil, onde o favoritíssimo é o time do Ituiutaba que é atualmente o melhorzinho, mais conhecido como "Bôa", cujo estádio chama-se fazendinha (provavelmente por causa do corte da grama que é feito por vacas vindas de Beraba) que tem uma coruja como mascote (os jogadores treinam à noite, pois durante o dia são mecânicos, porteiros, motoboys e engraxates), era o único time do estado que fazia parte da 1ª divisão do campeonato mineiro (ou seja, também é uma bosta), agora também tem o Uberaba e Uberlândia (que logo irão ser rebaixados novamente, pois empre foi assim), isso demonstra um nível bem equilibrado entre os clubes que disputam o 2° lugar, é um pior que o outro, o atual campeão o Fluminense de Araguari venceu o campeonato fora de casa numa final emocionante contra a Associação Desportiva Unit Uberlandense Unitri de Uberlândia, que nas vésperas da final informou que o time seria desfeito e se incorporaria ao ex-rebaixado Uberlândia Esporte Clube, que porcaria heim??.

Outros times do equilibrado campeonato triangulino - porque um time ruim nunca vem sozinho:

Litígio[editar]

Nenhum dos dois estados não conseguiu chegar num acordo de quem ficaria com Araguari: ora os mineiros a ofereciam aos triagulenses, ora o contrário. Cogita-se a criação de uma zona-de-quarentena zona de jurisdição própria para a Bosta.

Mapa da República Interior
Estados e cidades da República do Interior
v d e h

Estados: Estado do Sudoeste-Sudeste | Estado do Triângulo | Estado das Minas | Estado do Oeste

Distrito Federar: Paulínia

Capitais: Paulínia (Capitar Federar) | Lundrina (Capitar do sudoeste-sudeste) | Berlandia (Capitar du Trianglo) | Belzonte (Capitar das Mina) | Gouiana (Capitar du oesti)

Cidades importantis: Bambinas | Riberão, sô! | São Carlos, tech | Rancharia | Campu Grandi | Beraba | Cuia Báh | Vila Véia | Campus dus Goitacais