Estocolmo (condado)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Condado de Estocolmo, espécie de Distrito Federal da Suécia, é um quadrado que engloba a capital mundial das loiras e uma periferia formada por ursos polares.

História[editar]

Duas loiras suecas ninfomaníacas bissexuais aplicando a tática de combate: "Enrabada Dupla" em uma norueguesa.

Durante a antiguidade foi ponto de passagem de estradas e portos vikings por ser uma região repleta de desfiladeiros e cenário ideal para lutas épicas de espada. Foi no condado de Estocolmo que foi inventado os elmos com chifres e barcos com caras de dragão. Possui também a edificação viking mais antiga conhecida datada de 1.230 a.C., a conhecida pedreira de Skåäng, um monumento ao deus das barbas e bigodes do panteão de Odin.

Quando a cidade de Estocolmo foi considerada capital do lesbianismo mundial (capital da Suécia) o governo se viu na obrigação de criar um condado especial para englobar a cidade. Roubou uns pedaços de províncias em extinção como Södermanland e Uppland e criou-se o condado de Estocolmo.

O Rei Magnus Ladulås, residente local, maior amante de loiras da história formou um harem de 3.421 concumbinas suecas tornando Estocolmo famosa pela cor amarela.

O Condado de Estocolmo oferece então benefício de 1.000 dólares para mulheres loiras e distribuição gratuita de tinta loira para cabelo, como forma de incentivar a prática da cultura local.

Geografia[editar]

Quase não possui terra firme, apenas mar congelado e uma geografia imapeável.

Símbolos[editar]

O Condado de Estocolmo é representado por uma loira, uma cruz mesclada a uma espada afiada e uma águia da boca torta.