Fábrica de Monstros

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: Este artigo é patrocinado pela Integral Médica (ou não).
Caretamonstro.png Este artigo só pode ser coisa de MONSTROS!

Estrague este artigo que eles vão avançar e te comer! Nos dois sentidos!
Para não despertar a fúria deles, melhore este artigo, tá?

AGORA CORRE!!!


Léo Stronda lendo este artigo.
Léo Stronda após tomar elemento X.
Léo Stronda mostrando a mão suja de cocô de criança.

Cquote1.png Você quis dizer: Monstros S.A.? Cquote2.png
Google sobre Fábrica de Monstros
Cquote1.png LÉO STRONDA?! Cquote2.png
Mistério S.A. sobre Fábrica de Monstros.
Cquote1.png Tá começando mais um Fábrica de Monstro! Cquote2.png
Léo Stronda antes de cada vídeo.
Cquote1.png Gos-to-so! Cquote2.png
Putos da comunidade LGBT antes de cada vídeo.
Cquote1.png Gos-to-so! Cquote2.png
Gurias retardadas da comunidade LGBT antes de cada vídeo.
Cquote1.png Só macho que faz isso! Cquote2.png
Jailson Mendes sobre comida proteica.
Cquote1.png Bom garoto! Cquote2.png
Seu Saraiva sobre paciência de Léo Stronda com perguntas idiotas.
Cquote1.png Ele me odeia! Cquote2.png
Louça sobre Léo Stronda.
Cquote1.png Que porra é essa?! Cquote2.png
Mixologista sobre piña colada com whey.
Cquote1.png Que porra é essa?! Cquote2.png
Pâtissier sobre sorvete de whey.
Cquote1.png T_T Cquote2.png
Rôtisseau sobre churrasco de monstro.
Cquote1.png T_T Cquote2.png
Fã de Chaves sobre churros proteico.
{{}} Cquote1.png Persona3 Minato Evoker.png Cquote2.png
Químico sobre açúcar orgânico.
Cquote1.png Já comi. Cquote2.png
Alexandre Frota sobre mingau de whey.
Cquote1.png Foda-se, gema também tem proteína. Cquote2.png
Léo Stronda quando deixa cair a gema.
Cquote1.png Mas o que é isso?! Cquote2.png
Maria do Rosário sobre Fábrica de Monstros.
Cquote1.png Frango e batata-doce. Cquote2.png
Léo Stronda sobre citação acima.
Cquote1.png ASSASSINOS!!! ASSASSINOS!!! Cquote2.png
Mãe do pão integral 7 grãos que Léo Stronda fez desaparecer sobre Fábrica de Monstros.

A Fábrica de Monstros é uma ONG criada por Léo Stronda e pessoas aleatórias para doutrinar pessoas com genes de frango para a musculação, disseminando a expressão "monstro" e incentivando uma alimentação saudável, porém supersaturada de whey protein, foda-se. Semanalmente, Leo apresenta um programa culinário de musculação, onde tira dúvidas dos "teliespecs", ignora a volumetria colocando mais ingredientes que o necessário e destruindo a bancada como se tivesse um botão que ativa o laser da Estrela da Morte. Não obstante, também ensina as pessoas como aproveitar da maneira certa os bilhões de mortos do comunismo dólares gastos em comida proteinizada, dietética e sem gordura, ou seja, ensina a MALHAR, mas ninguém assiste só quando tem mulher.

Programas[editar]

Monstro na Cozinha[editar]

Monstro na cozinha.jpg

É o motivo pelo qual Fábrica de Monstros é popular: ninguém gosta de ver pessoas malhando, a menos sejam gostosas de calça legging ou marmanjos descamisados, ou que elas transem depois, como Eliza Samudio e James Filho de Família; responder perguntas também é chatolino, então só sobra a cozinha. Ao contrário da maioria dos programas culinários, Fábrica de Monstros não é tedioso porque no YouTube dá pra pular as cenas, nem tem imagens de Léo mostrando refeições bonitas, aliás, a comida dele é feia pra caralho, até mesmo o brownie monstro. Pudera, o programa não é grumete, digo, gourmet, é suplementar, ou seja, o objetivo é disfarçar o sabor escroto de whey com receitas simples de refeições... comíveis.


Os alimentos mais encontrados são:

Pode aparecer também, às vezes, o que Léo chama de "outras parada":

Treino de Monstro[editar]

Aqui, Léo levanta peso,para ficar com o bumbum duro e gulosa faz suas séries de Taylor 10, 20, 30, ou seja, põe em prática os exercícios que os putos se esquecem de fazer pra aumentar a massa muscular porque só ligam pras receitas. Um dos vídeos desta categoria é o favorito das feministas, o treino de pernas FEMININO. É esquisito elas não gostarem dele, afinal ele cozinha, mas é só ele bancar o conselheiro do amor que elas mudam de vídeo. Recentemente, a produção, formada pelas pessoas aleatórias, conseguiu arrumar gostosas para o Léo foder até o talo servirem de assistentes de palco nos vídeos da categoria anterior, o que fez o público feminista despencar, ficando apenas as indiferentes, as otimistas, as que querem ficar monstras, e é claro, as lésbicas.

Léo Stronda estuprando o áudio fazendo aquecimento.


Pergunte ao Monstro[editar]

Pergunte ao monstro.jpg

Seção dedicada às duvidas de quem realmente quer ficar monstro e um viadinho que treinou em um só braço. Se o elemento não sabe se pode consumir carne vermelha, glúten ou leite de burra, está com dificuldade em ficar grosso, quer ter certeza se pode consumir a quantidade gigante de proteína que o Léo põe na comida ou tem dúvidas sobre sua sexualidade, esta é a seção. Por exemplo, ser gay ou não ser: se o sujeito acha que é gay porque fica manjando a musculatura alheia, não é sintoma de homossexualismo, digo, sinal de homossexualidade, mas é puramente inveja, porém, ele deve tomar cuidado, pois inveja é coisa de mulher, indicando que há hormônio feminino no organismo, característica de que usa esteroides anabolizantes. Resumindo: para de tomar bomba porque seu sangue não é piña colada pra misturar com dianabol, seu merda!



Desafio Monstro[editar]

O Desafio Monstro é uma epopeia que Léo prepara quando não tem nada melhor pra fazer. Dois maluco já participaram do quadro: Boleta e Cid Não Salvo. O último não convém falar, até porque tem artigo do blog dele, que é o que realmente importa, e o segundo será melhor abordado no parágrafo seguinte.

Uma das pessoas aleatórias que mencionei no início, é um gordo mesmo. Sugeriu algumas receitas, faz gordice por trás das câmeras e por causa das vezes em que Léo o chamou durante o preparo de suas proteicas refeições, virou cobaia de um projeto monitorado por gente da Nasa, da IUPAC e da Anvisa. Como o objetivo desta seção é transformar o roliço comedor de esfirra Paulo Boleta, mais conhecido como boleta, num monstro, já que se fosse fitness ele iria ser zoado, deduz-se que o projeto é a porra de um reality show. Como o projeto não tem graça, esta seção acaba aqui.

Galeria[editar]

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Fábrica de Monstros no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg