Fórmula Indy

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


McdonaldsAmerica.jpg
EUA Falencia.jpg

"Made in U$A"

Este artigo é gringo! Ele só usa eletrônicos da Apple, tem um Chrysler poluidor, não joga futebol e acha que é privilegiado. Não tente usar armas químicas de destruição em massa ou jogar aviões contra ele, a não ser que queira ir morar com o Bin Laden...

Ronald McDonald agradece! Alguém quer um Big Mac com Coca Cola?


Olho na Bosta, Olho na Band!

Coisa da Band é sempre mal-feita

Este artigo está relacionado à Band. Talvez você não tenha conhecimento da existencia de Fórmula Indy porque só consegue ver Campeonato Brasileiro com Luciano do Valle e Neto. Também passa na Rede 21.

Conheça mais dessa gentalha aqui.

Chuqui Nóia aprova essa porra!
Se chegar de viadagem  irá matar você!!
Este artigo é algo que Átila, o Huno aprova!

Este é um artigo que pode te levar para o Lado Azul da Força.
Se você for gay ou indeciso, leia-o até o fim, que você passará a gostar de bucetas.

Sonic Maneiro.jpg
Fórmula Indy

fala de algo que usa o correr pra caralho!
Por isso, tome cuidado ao sair, para ele(a) não te atropelar!

Road Runner.jpg
Cquote1.pngVocê quis dizer: Fórmula 1Cquote2.png
Google sobre Fórmula Indy

Cquote1.png Sou mais a NASCAR Cquote2.png
Caipira racista sobre Fórmula Indy
Cquote1.png a CART era a verdadeira Indy, o Tony George fez mó cagada Cquote2.png
um fã tr00 sobre Fórmula Indy
Cquote1.png São tantas emoções, he he he! Cquote2.png
Rei Roberto Carlos sobre Fórmula Indy
Cquote1.png Prefiro a Formula 1,nessa não tem champange! Cquote2.png
Lula sobre Fórmula Indy
Cquote1.png Achei uma Merda. Cquote2.png
Zina sobre Fórmula Indy em São Paulo
Cquote1.png Paaaaaaaaaaassa Tony Kanaan!!! Cquote2.png
Luciano do Valle sobre Tony Kanaan.
Cquote1.png Nãããããão pe... perde! PERDE! PERDE! Passa! Passa Tony! (5 x) NÃO PERDE MAIS TONY KANAAAAAAAN!!!! VEEEEEEENCE TONY KANAAN!! VEEEEEEEEENCE O BRASIL EM MICHIGAAAAAAAAAN!! (32 x) Cquote2.png
Téo José sobre final da US 500 de 1999
Cquote1.png MOOOOOOOOTHEEEEEEEEEEERRRRRRRRRRRRRRRFUUUUUUUUUUUUCKEEEEEEEEEEERRRRRRRRRRR Cquote2.png
Tomas Scheckter sobre Marco Andretti no Texas em 2007
Cquote1.png Sheat Cquote2.png
Tomas Scheckter depois de parar de rodar
Cquote1.png Os únicos que me derrotaram Cquote2.png
Sonic sobre Fórmula Indy
Cquote1.png E a mim também Cquote2.png
Sonic do Futuro sobre Fórmula Indy
Cquote1.png Amei esse filme, adoro o Harrison Ford Cquote2.png
Carla Perez demonstrando todo o seu conhecimento sobre Fórmula Indy
Cquote1.png Oh Céus Cquote2.png
C3PO sobre acidente do Vitor meira na Indy 500 2009
Cquote1.png Cuidado São Paulo, temos a Indy e agora queremos a Formula 1 Cquote2.png
Eduardo Paes antes do Kassab anunciar a corrida em São Paulo
Cquote1.png Para ganhar na Formula Indy, você precisa de três coisas: Ser bom, ter descansado bem e um carro da Chip Ganassi Cquote2.png
Manual de Sobrevivencia escolar do Ned sobre Fórmula Indy
Cquote1.png Você traiu o movimento CART veio Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Fórmula Indy
Cquote1.png Na União Sovietica, o Paul Tracy tira VOCÊ da corrida Cquote2.png
Reversal Russa sobre Paul Tracy
Cquote1.png Na Holanda você se tira sozinho, não precisa do Paul Tracy Cquote2.png
Reversal Holandesa sobre Paul Tracy
Cquote1.png Na Irlanda VOCÊ tira o Paul Tracy Cquote2.png
Fronteversal Irlandesa sobre Paul Tracy

Quando o público já está cansado de ver centenas de voltas em um oval, os pilotos promovem algum show de acrobacias e pirotecnia para dar um pouco de emoção.

A Fórmula Indie Indy é atualmente a irmã da Fórmula Emo (mesmo correndo só em 4 países), e inimiga da Fórmula Caipira.

Seu calendário possui os mais variados tipos de pista, algumas com duas, três e até quatro curvas para um lado só, mas também tem algumas pistas com curvas para os dois lados. Sua principal corrida é a famosa 500 Milhas de Indianápolis.

Apesar de ser uma corrida, na Fórmula Indy não se vence por pontos, mas por dinheiro!

Tabela de conteúdo

[editar] História

Tony George, o homem que destruiu o automobilismo dos Estados Unidos.

[editar] Primórdios

A Indy provavelmente é a categoria mais antiga do automobilismo em atividade, foi criada em Indianápolis em 1911 por Dercy Gonçalves, chamada inicialmente de AAA, durante pelo menos 50 anos atraiu grande público devido as várias mortes a emoção de suas corridas. Até a década de 70, ela era uma categoria americana ditatorial até a década de 70, comandada pelo ditador Tony Hulman, dono do feudo de Speedway.

[editar] Revolução

Quando o velho morreu em 1977, Roger Penske, Dan Gurney, Pat Patrick e Jim Hall aproveitaram a oportunidade e clamaram maiores poderes, mandando um projeto de reforma constitucional, porém foram rejeitados e proclamaram a república, derrubando a ditadura, fazendo um acordo com o enfraquecido feudo de Speedway. Com forte apoio popular, nascia a CART, nome jurídico da nova Indy.

Após um breve período de Guerra Civíl, a Fórmula Indy se estabilizou a partir de 1983 com a república, porém o tratado de paz dava aos descendentes de Hulman a propriedade sobre o feudo de Speedway (agora transformado em cidade-estado).

[editar] O crescimento

Durante 12 anos a F-Indy viveu com prosperidade e seu PIB cresceu, o governo dos republicanos mesmo num período de crise mundial era bastante popular pelo povo da Fórmula Indy. Novas lideranças foram surgindo, como Chip Ganassi, Bobby Rahal, Carl Haas e a família Andretti. A república tinha eleições periódicas para a presidência, com todo o povo fazendo parte da Assembléia Legislativa (Chamada de Congresso Popular).

[editar] 1996, o Retorno do Feudo

Em 1996, os descendentes da família feudal, invejosa com o sucesso da república, resolvem se vingar.

O herdeiro bastardo (e retartado) de Tony Hulman, Tony George, assume a liderança do movimento e declara Guerra Civíl a partir da cidade-estado de Indianápolis, que estava sob seu controle, e dessa vez o conflito seria longo e com muitas baixas. De início, os herdeiros de Hulman não conquistaram muito território, apenas a Disneylândia, Phoenix, Texas, Colorado e Las Vegas, onde só se faz curvas para a esquerda e forma o seu exército armado, o IRL (Indy Racing Lixo), financiado pelo trafico de lixo hospitalar, enquanto os republicanos mantinham a maior parte do território da F-Indy, porém proibida de usar o nome por causa da resolução de paz nº 834569273140-5 da OAU.

[editar] E o que aconteceu com a CART?

A partir de 96, as corridas começaram a ser exibidas pelo Sistema Bolaños de Televisão, mostrando que até mesmo nas melhores repúblicas shit happens, lá pelo ano 2000 Gugu botou a CART disputar audiência com o Curujão, a Globo estranhamente começou a divulgar os resultados da corrida no Fantástico (mas não o final do filme do Corujão) fazendo com que no final a Globo ganhasse a guerra pela audiência.

Porém a partir de 2001 muitos dos antigos líderes republicanos debandaram, e se juntaram aos antigos feudalistas com os bolsos cheios, ludibriados com uma possível reedição da república numa cidade-estado e descontentes com os representantes que eles mesmos votaram. Roger Penske foi o primeiro a deserdar os republicanos, seguido por Chip Ganassi, Michael Andretti, Bobby Rahal e outros. Somente Carl Haas permaneceu no lado republicano fielmente.

Parte do território dos republicanos foi sendo seguidamente conquistado pelos feudalistas, e em um curto período de tempo o lado republicano do conflito estava enfraquecido, acuado, enquanto os feudalistas controlava a maior parte do território. Territórios como Long Beach, Elkart Lake, Cleveland se mantiveram ao lado dos republicanos. Canadá, México e Austrália se mantiveram fieis, criando brigadas internacionais de apoio.

Porém, em séria insolvência financeirs, a República declarou-se finada e falida.

[editar] A CART muda de nome

Tony George crente que tava por cima da cocada preta leva um dos maiores sustos da vida, ao ver que a CART não tinha morrido e que tinha sido ressussitada, mudando o seu nome para Champ Car. O nome foi escolhido pelo fato da categoria ter mantido sua característa cosmopolita, aceitando pilotos que primariamente soubessem virar o volante para dois lados diferentes. Apesar de manter-se o sistema republicano, uma triarquia foi designada pela OAU para supervisionar os destinos da nova república.

[editar] O útlimo traidor

O falso tratado de paz celebrado entre Tony George e Kevin Kalkhoven em 2008.

Os republicanos confiaram no triuvanato, ponteado por Kevin Kalkoven. Mesmo com um povo fiel, um plano econômico elaborado por Zélia Cardoso jogou a república numa crise profunda, e no início de 2008 Kalkoven se revelou um traidor, ao assinar um tratado ilegitimo com o retartado Tony George e pôr fim ao sonho.

[editar] A Nova República

Porém, os resultados da ditadura disfarçada de governo liberal levaram a OAU (diversas violações de direitos humanos, direitos competitivos, liberdade criativa, liberdade de expressão e quebras do regime de bom gosto), por meio dos serviços do interventor Coronel Roberto Nascimento (coroado com a medalha Pica das Galáxias de homem cabra macho), depuseram o herdeiro retartado e silenciaram temporariamente os hulmanistas. Para o lugar dele, foi chamado um empresário de touros do Texas Colorado que resolveu reinstaurar o regime republicano, atendendo ao clamor popular. Apesar de alguns ataques terroristas de antigos partidários da cidade-estado, o presidente Randy Bernard tem contado com o apoio popular e levado a Indy à uma nova experiência republicana.

[editar] Carros

Mais um Acidente com seus carros

Na época da CART Formula Mundial, os carros eram bonitos e poderosos Reynard Lola Swift Galmer Eagle Turbo que derrotavam qualquer um que os desafiasse (até o Sonic do Futuro e o Flash) inclusive batendo o recorde mundial de velocidade com o francês brasileiro Gil de Ferran.

Porém quando Tony George começou a cheirar gatinhos com orégano contrabandeado, pegou o motor do seu Monza e colocou nuns Dallara aspirados (a pó), feios de doer, parecendo verdadeiras tartarugas que sonhavam em voar. Dario Franchitti, Buddy Rice, Ryan Briscoe e Sam Hornish Jr são provas vivas (por pouco) disso.

O carro mudou a partir de 2012, com a ajuda da Stark Industries, WayneTech e alguns estudantes recrutados da Unicamp, que ficaram felizes em serem remunerados com 5 balas juquinha e um vale-transporte interestadual. O novo carro levou a General Motors de volta, reeditando o confronto de Pearl Harbor com o Japão (representado pela Honda). O tigre asiático Lotus Cars resolveu ingressar, mas a repentina crise na Bolsa de Valores de Patelquepartiu causou uma fuga de dólares, forçando-os a contar com os serviços do mecânico John Judd, que só aceita entrar em roubadas. Graças à isso, vários membros do Congresso cancelaram seus acordos, alegando falsidade ideológica e puta falta de sacanagem.

[editar] Pilotos

[editar] Os que já pararam

Paul Tracy mostrando que é um piloto extremamente calmo e paciente.
  • Nelson Piquet - Deu uma volta e quebrou o pé.
  • Emerson Fittipaldi - O primeiro a pilotar um carro movido a suco de laranja.
  • Nigel Mansell - Velho leão bigodudo que nunca aprendeu a fazer curvas direito.
  • Hiro Matsushita - Discípulo de Satoru Nakajima.
  • Toranosuke Takagi - Japa ex-piloto de F1 que ganhou o quinto lugar.
  • Hideki Mutoh - Outro kamikaze.
  • Rick Mears - Venceu Indianapolis 4 vezes, mas só sabia virar o carro para o lado esquerdo.
  • Danny Sullivan - O Brad Pitt da Fórmula Indy na década de 80
  • Al Unser Jr. - Grande piloto, mas começou a beber depois que parou
  • Gil de Ferran - Francês que se naturalizou brasileiro.
  • Jacques Villeneuve - Sim! o Quatro-Olhos canadense correu na Formula Indy antes da Formula 1
  • Greg Moore - O Gilles Villeneuve da Fórmula Indy. Jovem canadense que morreu quando deu uma porrada contra o muro numa velocidade alta pra cacete! (mais ou menos como aconteceu com o Gilles).
  • Marty Roth - Dentista quarentão metido a playboy.
  • Arie Luyendyk - Ficou conhecido como o Holandes Voador graças as maconhas que fumava antes da corrida.
  • Raul Boesel - Largou a Indy e foi correr de Stock Car.
  • Alessandro Zanardi - Frustrado por nunca conseguir nada na Fórmula 1, resolveu correr na Indy. Foi bicampeão e resolveu voltar pra Fórmula 1, cheio de marra, só pra ser humilhado de novo. Depois ficaria perneta das duas pernas, mas isso é outra história;
  • Vitor Meira - Outro que foi correr de Stock;
  • Raphael Matos - Mineiro, venceu tudo que viu pela frente: Altantic, Indy Lights, F-Madza, corrida do queijo, 500 milhas do pão de queijo, etc.
  • Paul Tracy - O Kajuru da Indy, arranjava briga com todo mundo e era gordo, acabava descontando sua fúria nas corridas jogando o carro em cima dos outros no melhor estilo piloto kamikaze japonês, a diferença é que ele nunca sofria nada enquanto o outro sempre se fudia, único piloto que conseguia acertar milimetricamente o alvo dos carros da Chip Ganassi.
  • Tomas Scheckter - Filho de um piloto sul-africano que foi campeão da Fórmula 1. Inclusão racial? Nem tanto, os dois são judeus e branquelos... na África do Sul!
  • Danica Patrick - Primeira gostosa a ganhar na F-Indy.
  • Sam Hornish Jr. - Piloto muito bom em ovais, mas embora não conseguisse virar o carro para a direita, foi campeão 3 vezes. Saiu porque a Danica Patrick recusou uma noite com ele brigou com todos alguns pilotos da categoria, agora só se fode na Fórmula Caipira.
  • Dan Wheldon - Inglês, em 2005, fez um pacto com Harry Potter para vencer o campeonato. o pacto foi desfeito, mas voltaram em 2011 para vencer em Indianápolis. Foi vítima de uma conspiração feita por Bernie Eclestone disfarçada de acidente;
  • Rubens Barrichello - Depois de ser segundo na F1 e na Indy, decidiu ser segundo também na StockCar Brasil;

[editar] Dinastia Andretti

  • Mario Andretti - O primeiro Andretti da Indy com 500 anos de carreira, um ano para cada milha de Indianápolis, corria no tempo que a Dercy Gonçalves era criança.
  • Aldo Andretti - Irmão gêmeo e lerdo e burro azarado do Mario Andretti. Parou com essa merda de voar nas 4 rodas quando quebrou a cara (literalmente) correndo feito uma mula medrosa, metendo os cornos no muro a mais de 350 km/h. Também tem alguns milênios de carreira (só que ninguém o conhece).
  • Michael Andretti - Filho de Mario, 300 anos de carreira.
  • Jeff Andretti - Piloto frustrado em nunca ter conseguido ganhar as 500 Milhas de Indianapólis (coisa normal pra família dele). Filho mais novo do Mario e tio do Marco.
  • John Andretti - Sobrinho de Mario e primo do Michael e do Jeff e do Marco, só que consegue ser ruim assim mesmo.
  • Adam Andretti - Outro sobrinho do Mario (não, não foi aquele que te comeu atrás do armário, não!) e naturalmente primo do Michael e do Jeff e do Marco. É irmão do John, e é tão ruim quanto este (vai ver que é por isso que serão eternos pilotos de teste).

[editar] Pilotos atuais

Hélio Castroneves sendo ridicularizado por uma mulher.
  • Marco Andretti - Novo membro da família Antretti [s]correndo e uma decepção também[/s];
  • Scott Dixon - Também conhecido como Homem Invisível: ninguém lembra dele, aí ele aparece em primeiro e vence.
  • Hélio Castroneves - Piloto igual a Portuguesa: nada, nada, nada e morre na praia.
  • Tony Kanaan - Carro movido a vatapá.
  • Takuma Sato - Novo kamikaze que veio da F1.
  • Dario Franchitti - Piloto bebedor de uísque que ficou famoso porque comia uma atriz e agora é tetrarquimulticampeão da Indy.
  • Scott Dixon - Piloto que veio das terras de Gondor após Frodo ter destruido o Um Anel.
  • Ryan Briscoe - Australiano, famoso não por ser bom, mas porque era o saco de pancadas de Danica Patrick.
  • E.J. Viso - Foi treinado pelo serviço secreto da Venezuela para ser o espião de Hugo Chávez numa categoria dominada por ianques imperialistas. Às vezes confunde a corrida com o trabalho e acaba com todo mundo.
  • Simona de Silvestro - Novata, talentosa, veloz e gostosa. Pode ameaçar o "reinado" de Danica Patrick como gostosa veloz.
  • Bia Figueiredo - Uma gostosa brasileira que corre (às vezes) na Indy;
  • Will Power - O poderosão do grid e o atual FDP dos circuitos mistos, mas sempre amarela nos ovais e por isso nunca é campeão;
  • Sebastien Bourdais - (ou Bordé por Luciano do Valle) O nerd que trocou o tetracampeonato na ChampCar Formula Mundial por uma vaga na Red Bull e foi pra F1. Saiu de lá porque a FIA, temendo que ele vencesse todas as corridas com cinco corridas (sim, corridas) de vantagem pro resto, forçou ele a correr com um carro projetado pelos alunos da FFLCH da USP. Como eles não conseguiam se concentrar em algo que não fosse cheirar orégano ou reclamar do patriarcado capitalista machista neoliberal fascista opressor (esqueci algum adjetivo dos pastéis de peido?), ele não conseguiu nada. Voltou pra Indy pra ver se deixam ele vencer em paz.
  • Graham Rahal (E não Graham Hill. Aprende Luciano do Valle) - Filho de Bobby Rahal, conseguiu o feito de vencer a primeira corrida que disputou. Só esqueceu de que podia vencer mais corridas.
  • J.R.Hildebrand- Se esse cara fosse brasileiro, seria vascaíno, pois liderou a Indy 500 até a ultima curva e foi para o muro, terminando em segundo.
  • Katherine Legge - Mais outra gostosa na Indy. A categoria está se consolidando como a Fórmula das mulheres gostosas!
  • Ryan Hunter-Reay - (ou Raian Hunter-Rahal segundo Luciano do Valle) Ninguém sabia quem era ele até vencer 3 seguidas e levantar o caneco de 2012. Depois disso, ele levou o troféu num prédio alto pra todo mundo ver;
  • James Hinchcliffe - Pegou o carro da Danica Patrick e agora é o novo queridinho da América... opa, peraí, ele é canadense!;
  • Simon Pagenaud - (ou Pagenô pelo queridíssimo Luciano do Valle) Outro francês da categoria;
  • Tristan Vautier - Mais um francês... (dois já não eram suficientes?)
  • Charlie Kimball - Movido a insulina;
  • Josef Newgarden - Criado cuidadosamente pra trazer os jovens pra Indy. Só esqueceram de dar um carro pra ele.

[editar] Provas Atuais

A Fórmula Indy sempre foi conhceida por ter um dos circuitos mais legais que existiam,como Laguna Seca, Road America e Clevealand. Porém, nos ultimos anos, seguiu a Fórmula 1 e montou algumas das maiores merdas que existem. Pelo menos não são projetados pelo Hermann Tilke

[editar] Mistos

  1. St. Petersburg - Pista de rua, por isso a corrida aqui é sempre chata.
  2. Alabama - Corrida onde o grid de largada é decidido por um concurso de música. Os pilotos pegam um violão e cantam OH SUSANA. Quem cantar melhor larga na frente.
  3. Long Beach - Imitação de Monaco, outra pista de rua chata.
  4. São Paulo - A corrida mais fantástica do calendário, porque é brasileira e porque também é dividida em duas etapas. A etapa seca os pilotos correm em carros,mas quando começa as chover eles passam a usar barcos ao longo do alagamento.
  5. Detroit- Circuito de rua, era da CART, saiu para a alegria dos fãs, mas voltou para a revolta deles.
  6. Toronto - Corrida no Canadá, por isso não se vêem portas trancadas.
  7. Edmonton - Outra no Canadá, fica num aeroporto, é uma imitação mal feita da pista de Cleveland da CART.
  8. Mid-Ohio - Corrida criada para divertir os nerds de Lexington. Tem a façanha de ser um dos únicos circuitos da antiga CART que é odiado pelos fãs, além de Detroit.
  9. China- Cancelaram porque descobriram que a corrida era falsificada.
  10. Sonoma - É SONOMA, criatura, e não SODOMA!!! Aprenda a ler direito, PORRA! Imitação tosca do tosco circuito de Laguna Seca da CART.
  11. Baltimore - Corrida disputada em cima de trilhos de trem. Foi onde Tony Kanaan tentou decapitar Helio Castroneves após voar em cima do carro dele e dizer que não tinha freios (sei...), e também tem um traçado parecido com algumas pistas da CART. Quem fizer merda, tem como punição levar um sack do Ray Lewis.

[editar] Ovais

  1. 500 Milhas de Indianápolis - Principal prova da Fórmula Indy. O vencedor ganha um copo de leite (como um mineiro nunca ganhou?). Também é a corrida em que nunca, jamais, um Andretti irá ganhar. Como todo oval grande que se preze, já matou dezenas de pilotos.
  2. Milwaukee - A pista mais velha da Indy, Dercy Gonçalves inaugurou junto com a Estátua da Liberdade, na época em que foi feita ainda não tinham inventado a inclinação das curvas. Ela sediou a primeira corrida de dinossauros da história.
  3. Texas - Aqui a corrida é noturna e acontece em duelos: um tem que jogar o outro no muro. O último a sobreviver é o vencedor. Especula-se que a próxima emboscada de Bernie Ecclestone será lá. O vencedor ganha 2 revólveres, um chapéu e um barril de petróleo.
  4. Iowa - Corrida no meio dos milharais de Iowa, onde o vencedor ganha um milho verde. O famoso 500 Milhos de Iowa.
  5. Fontana - Circuito chamado de superspeedway, foi onde Greg Moore foi visitar Ayrton Senna, saiu em 2005 e, após várias revoltas, ameaças de bomba e um grupo separatista ameaçando desanexar a Califórnia, a corrida voltou, para a alegria de quem gosta dos grandes ovais que matam pilotos e também para os operários da GM de Michigan, que podem finalmente sonhar em ter uma corrida no oval original.
  6. Pocono - Voltou para a alegria dos fãs, é um Spa-Francochamps com curvas somente para a esquerda, assim como Milwaukee, é um dos ovais que estão ameaçados de irem pro saco.

[editar] Antigas Provas

[editar] Mistos

  • Watkins Glen - Pista que já recebeu a Fórmula 1. Nesta categoria e nesta pista, Emmo Fittipaldi venceu sua primeira prova.
  • Laguna Seca - Circuito misto mais desafiador da Indycar. Conhecida pelo "S" Corkscrew, onde quem errar na freada cai em um abismo. Gonzalo Rodriguez não curtiu isso! E quem sair da pista, tem como prêmio ser sugado pelas areia movediças que cercam a pista.
  • Surfers Paradise - Saiu do campeonato porquê os cangurus estavam invadindo a pista e provocando bandeiras amarelas.

[editar] Ovais

  • Kansas - Aqui o lema era: ou você corre, ou você é sugado pelo tornado e se vai parar em Oz.
  • Chicagolândia - Corrida nos distritos industriais de Chicago à noite, famosa por ter photo-finish com 484584845788 carros
  • Homestead - A exemplo da Fórmula Caipira, essa era a prova que encerrava o campeonato, aqui são dados dados a grana e os prêmios para os pilotos.
  • Atlanta - Não tinha muita coisa, mas em 2001 alguns pilotos deram um show de pirotecnia num acidente e, depois disso saíram de lá...
  • Charlotte - Depois de um acidente que matou uma pessoa na arquibancada em 1999, a Indy não queria ser processada e queimou todas as provas e documentos que falavam desse acidente e mandaram Chuck Norris matar aquele que burlasse as regras, mas como ele não é mandado por ninguém... por isso estou falando desse acidente agora, MWHUAHUAHUAHUAHUA.
  • Las Vegas - Saiu da categoria depois que Dan Wheldon foi contratado para a equipe de Ayrton Senna.
  • Madison - Imitação de Milwaukee.
  • Michigan - Depois que Dario Franchitti deu um mortal backflip duplo com 900º a Indy achou perigosinho e também saiu de lá. Isso enfureceu os fãs que adoravam o circuito por ele ser um oval grande que feito para matar e que exigia algo dos pilotos.
  • Nazareth - O oval mais louco do mundo por que ele tinha subidas e descidas NO MEIO DA RETA, projetado por Hermann Tilke Roger Penske, a Indy saiu depois que o Penske percebeu que mesmo que a pista seja dele, os seus pilotos não ganhavam.
  • Nashville - Corrida onde o vencedor ganhava violão e ia fazer dupla com Hannah Montana.
  • Pikes Peak - Saiu depois que a Indy obrigou os polotos a subirem a montanha do medo.
  • Richmond - O menor oval da categoria, foi criado para que os carros andassem mais coladinhos para acasalarem e fazer com que a Indy se parecesse mais com a Fórmula Caipira, saiu do calendário por causa dos excessivos acidentes.
  • Motegi - Aqui foi onde a Sailor Moon fez o feitiço para acabar com o combustivel de Hélio Castrovenes para Danica Patrick ganhar. Saiu porque os pilotos ficaram com medo do Godzilla aparecer por lá.
  • New Hampshire- Corrida que servia para ver se os pilotos sabem pilotar na chuva em um circuito oval. Resultado: relargada FAIL.
  • Kentucky- Sorrida em Esparta, os pilotos corriam para não serem chutados no poço pelo Rei Leônidas
  • Disneylândia - Conseguiu ser mais louco que Nazareth.
  • Dover - Triturador de pilotos com apenas 1 milha de comprimento, a Indy só passou uma vez por lá, assustou tanto que nunca mais quiseram voltar.
  • Phoenix - Um Nazareth corrigido.

[editar] Futuras Provas

Porto Alegre- Como a corrida de São Paulo foi um sucesso, a Indy quis uma outra corrida em porto ALegre, os gaúchos aceitaram mas depois recusaram pelo fato de Indy ter muita mulher, coisa que gaúcho odeia.

[editar] Circuitos que os fãs exigem que voltem

  • Cleveland- Nível de dificuldade: 8/10. Explicado porque os hulmanistas os odeiam.
  • Road America- Nível de dificuldade: 11/10. Explicado porque os hulmanistas os odeiam. Desde então, tornou-se a pista de testes dos Caveirões.
  • Laguna Seca - Nível de dificuldade: 9/10. Ao sair da pista, o piloto cai em areia movediça.
  • Surfer's Paradise - Nível de dificuldade: 10/10. Se faz sol, o muro te espera a qualquer volta. Se chove...
  • Michigan - Nível de dificuldade: 9/10. Ninguém entende porque tem Fontana (filha de Michigan), mas não tem Michigan.

[editar] Ver também

[editar] Ligações externas


Seu Madruga jogando Rugby
Esportes que NÃO são futebol
v d e h


Amarelinha | Arco e Flecha | Arremesso de aviões em edifícios | Arremesso de Bebês | Atletismo | Badminton | Balonismo | Basquete | Beisebol | Bobsled | Bocha | Boliche | Boxe | Briga de Galo | Campeonato Mundial de Macheza | Campeonato Mundial de Par-ou-Ímpar | Campeonato Mundial de Poker | Canoagem | Carnaval | Ciclismo | Combinado nórdico | Corrida em Cadeira de Rodas | Cricket | Curling | Cuspe à Distância | Cyber atletismo | Dança no gelo | Decatlo Moderno Sobre-Humano | Death Rally | Dominó | Esgrima | Espancamento de mesas | Esqui | Explosão de caixa eletrônico | Frescobol | Fofoca | Fórmula 1 | Fórmula Indy | Futebol | Futebol americano | Futebol australiano | Futebol de botão | Futebol de salão | Futebol de botão de areia | Futebol de várzea | Futebol gaélico | Futebol marcial | Ginástica | Golfe | Halterocopismo | Halterofilismo | Handebol | Hipismo | Hot Wheels | Hóquei | Hóquei no gelo | Jogo do Pau | Jo-Ken-Po | Judô | Labareda | Lançamento de calcinha | Ludopédio | Luta Greco-Romana | Luta Livre | Maratona | Maratona Aquática | Natação | NASCAR | Novo Basquete Brasil | Pain Olympics | Patinação de velocidade | Pega-varetas | Pentatlo | Ping Pong | Pogobol | Pólo Aquático | Punheta | Rally | Remo | Roleta russa | Rugby | Salto com vara | Salto na vara | Shaolin Soccer | Siririca | Snowboard | Softbol | Stock Car | Sumô | Sumô artístico | Surfe | Surf de pobre | Tênis | Torneio Internacional dos Péla-saco | Tae Kwon Do | Tiro ao alvo | Triatlo | Truco | Truco valido o toba | Vela | Vôlei | Xadrez |

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas