Amazônia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Floresta Amazônica)
Ir para: navegação, pesquisa
Animal da amazônia olhando alguma coisa atrás. Talvez um jacaré comendo alguma pessoa, sei lá.


Cquote1.svg Você quis dizer: Terra de Ninguém Cquote2.svg
Google sobre Amazônia
Cquote1.png Experimente também: Grande Sociedade Santo Daimista Tupi Inca Maia Asteca Comunity Sacrade of the Masters Lords of the Psicoative Ayahuasca of Tupã Cquote2.png
Sugestão do Google para Amazônia
Cquote1.png Jungle, welcome to the jungle! Cquote2.png
Guns N' Roses sobre floresta.
Cquote1.png Madeireiro é igual viúva: chora, mas taca fogo Cquote2.png
Marina Selva, ex-ministra sobre Amazônia
Cquote1.png Me comove a preocupação dos eftrangeiros com o bem-eftar de nossos índiof. Cquote2.png
Lula sobre as negociações para a venda da Amazônia
Cquote1.png Eso no eQxiste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre preservação da Amazônia
Cquote1.png Um dia essa floresta será minha! Minha! Minha! hahahaha Cquote2.png
Emmanuel Macron sobre a Amazônia
Cquote1.png A Amazônia é nossa! Cquote2.png
algum estudante estúpido vestido com uma camiseta do Che Guevara sobre Amazônia
Cquote1.png Eu acho importante lutar pela preservação dos pandas da Amazônia. Cquote2.png
Carla Perez sobre preservação da fauna amazônica
Cquote1.png All your base are belong to us Cquote2.png
EUA sobre Amazônia
Cquote1.png Puta que pariu! Que caralho que eu tô fazendo na porra desse lugar?! Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre suas férias na Amazônia
Cquote1.png Se a Amazônia acabar, já era o oxigênio do planeta gente!! Cquote2.png
Ambientalista idiota que não manja nada de Biologia sobre Amazônia.

Amazônia é o 9º estado da região sobrenatural do Brasil. Nessa área ocorre uma guerra de separação diariamente entre o exército brasileiro e grileiros, colombianos e seringueiros que passam o dia inteiro tirando leite do pau. Ela é apenas uma floresta tropical que encontrou no Brasil um lugar abandonado para se espalhar e ocupar um terreno antes útil. A floresta amazônica atualmente pertence aos gringos que tem um pouquinho de dinheiro (três espelhos no mínimo) e compram partes da floresta. ONGs também são proprietárias da floresta, mas essas arrumam uma maneira de conseguir um território sem pagar muito. A capital de tal lugar é Esparta.

Na amazônia há também barracos de boia fria pequenas residências. Isoladas de tudo. Tudo, tudo tudo tudo falta na Amazônia, exceto mercenários. Tem algum manifestante, estudante ou sem terra te incomodando? Que bom morar na Amazônia! Aqui isso não é problema! Basta contratar um tio de espingarda para assassiná-lo resolver seu problema. Há gente sobrando querendo matar seus perturbadores. R$ 100,00 o abate serviço, a não ser que seja alguém famoso (Chico Mendes, Dorothy, repórter do Globo Rural, ambientalista da televisão, Ronaldo, biólogo obsessivo de alguma faculdade federal.. etc), assim os preços podem variar entre R$2000 e R$ 5000.

Talvez Michael Jackson esteja se escondendo aqui

Geografia[editar]

Antigamente a região era um lago mais bonito que a floresta, aonde se podia nadar e ser devorado por um tubarão. Mas um monte de árvores queriam dominar a região, e numa batalha imensa despejaram a água do lago para fora da região. Então as árvores começaram a discriminar e caçar o que restou do lago com a ajuda de Groot. O resto do lago prefere se retirar da Amazônia, formando os rios. As árvores da floresta, por serem muito comilonas, sugaram todos os nutrientes do solo, matando os índios de fome. A amazônia ocupa toda a região norte do Brasil, mais uns pedaços da Colômbia, Peru e Venezuela. Dizem que o Acre está localizado na Amazônia, mas isso não passa de boato, uma vez que ele não existe. Como toda floresta tropical, a amazônica se apodrece, vira bosta e depois alimenta de si mesma (o adubo), num ritual extremamente nojento. As plantas só conseguem fazer isso devido a uma adaptação ao ambiente, permitindo-as não sentir nojo ou enjoo quando se alimentam do cocô apodrecendo no solo. O solo chega a ser meio pastoso e grudento por causa da matéria orgânica.

Fauna e flora[editar]

Fauna e flora da atual Amazonas.

Podendo se alimentar da comida nojenta abundante, as plantas puderam crescer descontroladamente, aumentando a floresta contra a civilização. Na suruba que é uma floresta tropical, na amazônica muitas plantas diferentes existem. Algumas delas possuem utilidades incríveis, como esponja de aço, desinfetante, óleo do motor, fabricação de componentes para hardware e software, remédio contra mau humor, produção de fois elétricos, etc.

Incrivelmente, os animais gostaram de um lugar como esse, e muitos vivem na floresta amazônica. Esses animais conseguem suportar péssimas condições de vida, pois podem morar por lá sem saírem da floresta. Talvez eles não saiam porque se perderam no meio da mata (ou não). Recentemente chegam na Amazônia muitos bois, que aumentam a biodiversidade local.

População[editar]

Alguém realizou o feito de sobreviver na floresta amazônica. Repare a casa.

Antigamente o território era povoado por índios. Hoje em dia ela é povoada por militares, que dizem que só querem proteger a fronteira (mas que querem comer as índias), jagunços que trabalham para madeireiras, traficantes de drogas da Colômbia e da Bolívia, gente da Colômbia e Manaus que ainda falam macaquês (sim, os ditos "civilizados"), garimpeiros que acham que El Dorado tá escondida em algum buraco por lá, e seringueiros que passam o dia inteiro...

Cquote1.png Vocês de novo com essa piadinha que seringueiro tira leite do pau? Cquote2.png
Você sobre Amazônia

Para escapar de impostos e da burocracia, eles deixaram o Brasil como proprietário oficial. A floresta amazõnica tem a aparência de um monte de tinta verde espalhada por zilhões de quilômetros sem algo para dar fim a essa chatisse. E realmente é assim, um monte de árvores se espalhando por um território, e só. Felizmente, algumas cidades maiores no meio dessa floresta oferecem paisagens diferentes, impedindo a mesmice do verde, a cor do võmito (junto com amarelo).

Clima[editar]

Com mais de 100% de umidade relativa do ar, o clima na amazônia é tenso, a região disputa junto com o Rio de janeiro e a Faixa de Gaza qual é a mais violenta. De um lado tem os grileiros fazendeiros que pensam que é São João o ano todo e adoram fazer uma fogueira pra esquentar seus marshmallows e no local criar Churruminhos. Do outro lado tem os madeireiros que derrubam as árvores para vender madeiras exóticas, e, no meio do deus nos acuda, tem os índios que trocaram a floresta por Ipods. Há também as mais de 1000 ONGs que atuam no local, cuja a função é roubar para os gringos proteger a floresta dos otários próprios brasileiros que insistem em dizer que é sua.

Poluição[editar]

O Rio Amazonas nos seus melhores dias.

O Rio Amazonas é límpido, muito limpo, exceto pelo fato de que se compara com o Rio Tienaogostadesujeira, no Estado Cinza. O rio tem compostos tóxicos, que são extremamente tóxicos, e o povo coitado, conhecido como índio, sofre muito. Dizem que o homem-aranha adquiriu seus poderes nadando no Rio Amazonas. A causa disso é a poluição industrial, que há milênios vem colocando droga no rio e deixando assim mesmo. A amazônia está morrendo e, se o ser burrico não parar, o deserto da Amazônia se formará, podendo assim ser formado uma versão 2.0 do Egito Antigo. Como o rio não tem mais condições para vida do ser humano, estão cavando águas, que são extremamente tóxicas, mas menos do que o rio.

Economia[editar]

A economia amazônica é movimentada pela extração de madeira para fabricação de palitos de fósforo, os quais eles usam por lá mesmo, para a fabricação de fogueiras, que são usadas para a fabricação de pastagens, que por sua vez são usadas para a fabricação de carne e leite, que por sua vez são usadas como alimento aos seres "humanos" que lideram toda a produção de drogas, que por sua vez é a base de toda a economia que é movimentada pela extração de madeira para fabricação.... e o resto você já sabe. Outra atividade fundamental é a extração de borracha, realizada por seringueiros que passam o dia inteiro... Já sabe o resto né?

A Amazônia é Amaiorzônia![editar]

Página do livro "Introduction to Geography, de David Norman. Amazônia foi grilada para os fazendeiros da ONU.

A frágil representante dos povos da floresta não aguentou o clima inóspito e selvagem de Brasília. A capital federal é um paraíso ecológico onde cobras venenosas, crocodilos, raposas, hienas, burros, madeireiros e outras bestas feras vivem soltas, em total desarmonia com a natureza. Problema na Amazônia é mato, quer dizer, enquanto o mato não for colocado abaixo pelos madeireiros caras-de-pau e pelo governador do Meto Grosso e caldo de galinha. Vários perigos ameaçam o pulmão do mundo, e o maior deles é a internacionalização da Amazônia.

A internacionalização começou com a nomeação do Roberto Madeireira Unger, o ex-ministro anglo-americano que quando fala precisa de legenda. Madureira Unger era um genial estrategista e, sob os eflúvios do cipó do Santo Daime, teve um delírio geopolítico. Mangabeira Hubert sonhava em dividir a Amazônia em vários pedacinhos, até não passar de história. Os índios gostaram da ideia e resolveram começar justamente por um engenheiro da Eletrobrás. Eu sabia que os índios são inimputáveis, mas não sabia que os engenheiros são amputáveis. Para alguns líderes mundiais, o Brasil não tem mentalidade para cuidar da Amazônia, a nossa Amazônia. Por isso mesmo querem dividir a selva tal e qual uma Berlim pós-guerra: vai ter uma zona russa, uma zona americana, uma zona francesa, uma zona japonesa e a zona franca, onde o jogo e a caça predatória são permitidos. Na zona americana os animais e os índios ameaçados de extinção serão alimentados pelo McDonalds, e quem vai proteger a floresta da devastação é o Bruce Willis.

Mas nem a crise amazônica consegue abalar a popularidade do presidente Bolsonabo. A popularidade dele é tão grande que, se ele jogar uma criança pela janela e depois se trancar num motel com três travestis, é capaz até de subir uns pontos.

Curiosidades[editar]

Você na Selva Amazônica!
  • Apesar dos atuais rumos que tem tomado a guerra, a Amazônia é tida como o padrão de brasileiro para qualquer outra nacionalidade, pois todos sabem que os brasileiros moram na selva, usam cipós como transporte público e tem como animais de estimação, como onças, sucuris, girafas, gorilas das montanhas e dinossauros do Vale Perdido.
  • Alguns informantes tem recebido dados de agências de controle de fofocas internacionais e dizem que a Amazônia na verdade foi vendida a uma holding norte-americana, e que na verdade já existe uma coligação internacional de vários países dos Estados Unidos que irão fraternalmente cuidar da Amazônia, assim como cuidaram do seu meio ambiente (Los Angeles).
  • O exército macaquito tem se esforçado em impedir a invasão de estrangeiros pela Amazônia, porém muito de seu território já foi grilado por colombianos, garimpeiros, guerreiros, feirantes, prostitutas e gogoboys que passam o dia inteiro dando o rabo e costurando!!
  • 10520,009% das pessoas que vão para a Amazônia não voltam. Reza a lenda que um dia uma pessoa voltou metade gnomo metade pessoa pois não entrou inteiramente na Amazônia, que é onde se encontra atualmente o portal místico do Acre.
  • Na Amazônia, as pessoas são que nem animais de estimação.

Cquote1.png E esse governo não faz nada pra impedir esses gringo de ficar vindo aqui fazer essa piadinha, que seringueiro tira leite do pau? O Bolsonaro é uma bosta! Cquote2.png
Você (ou não) sobre Amazônia