Phocidae

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Foca)
Ir para: navegação, pesquisa
Fofoca
Foca no vestibular
Foca no vestibular
Classificação científica
Reino: Animal
Filo: Acordados
Classe: Mamadores
Subclasse: Theria
Infraclasse: Placentários
Ordem: Comedores de carne
Família: Fofocas

Cquote1.png Foca em mim! Cquote2.png
Marcelo Rezende sobre a família das focídeas
Cquote1.png Ur Ur Ur Ur Ur Ur Cquote2.png
Luccas Neto numa banheira de Nutella

Phocidae é uma família de pequenos mamífero que vivem na água, comumente chamados de focas, são habitualmente os animais de estimação das sereias, comumente surgindo em documentários charlatões sobre sereias. As focas são comumente mal concebidas por serem bonitas e inocentes, no entanto estes animais são de fato muito ferozes e malignos. Muitas equipes de repórteres voyeurs zoófilos que se masturbam vendo animais cruzando desejaram flagrar a reprodução de focar mas foram mortos por essas criaturas ferozes que se esgueiram atrás de suas presas antes repentinamente executarem um impressionante salto de fúria em suas vítimas geralmente sempre arrancando a cabeça de suas presas que podem ser pinguins ou humanos, antes de devorá-los completamente, inclusive os ossos. As focas em seguida também comem o coração de sua vítima, devorando assim a sua alma, impedindo-as de ir para o Céu ou Inferno, aprisionando-os em seu estômago. Esta ameaça se espalhou e reproduziu rapidamente levando o terror aos países nórdicos que mais sofrem com a presença das focas, levando assim ao desenvolvimento do esporte de Marretar a Cabeça de Focas, em que homens e mulheres corajosos usam grandes objetos metálicos contundentes a fim de controlar a população de focas assassinando estes animais brutalmente. Os atuais campeões de Marretar a Cabeça de Focas são o Greenpeace, uma organização que trabalha incansavelmente para marretar quantas focas forem possíveis diariamente com postos avançados criados em todo o mundo. Eles, então, doam as peles de foca para designers de moda para criar várias formas de maiôs e sungas.

Anatomia[editar]

A foca é um animal marinho que vive em terra (sim, é um animal paradoxal) e reconhecido por possuir um dedo do meio avantajado altamente desenvolvido para ser capaz de se mover facilmente na água e executar gestos obscenos para seus inimigos.

Apesar de seu formato de peixe, ou seja, com nadadeiras e escamas ao invés de pele e membros, as focas são mamíferas, só que exímias nadadoras. São recobertas de uma gosma chamada de óleo de merda, que consiste na excreção de seus ânus que envolvem todos seus corpos tornando-as escorregadias e nojentas. Esse óleo, aliás, é a matéria prima e princípio ativo tanto do Lico de Cair Pinto quanto do Biotônico Fontoura, dois dos produtos mais consumidos pela humanidade, o que torna a caça das focas extremamente essencial

Habitantes do mar do Norte são conhecidos por deterem um sistema digestivo poderoso, sendo estes animais capazes de ingerir algas poluídas que geram efeito colateral nas focas de pela manhã e cuspirem sangue coagulado (o que nunca é muito agradável ...). Depois de alguns anos de vício por esta alimentação, as focas se tornam seres noiados capazes de tocar buzinas com seus focinhos.

Comportamento[editar]

Uma espécie perigosíssima de foca da qual especialistas recomendam fortemente se manter a distância devido ao seu comportamento imprevisível por busca selvagem de views.

Estas criaturas pequenas podem causar estragos em uma fazenda de peixes em 20 segundos, usando metralhadoras Uzi para metralhar o salmão. É por isso que o governo norueguês aprovou um projeto de lei para que estas bestas sejam caçados e sua população ser controlada. Embora em seu habitat natural sejam animais dóceis e comportados, caso sejam colocados numa banheira de Nutella rapidamente tornam-se bichos extremamente idiotizados que só servem para causar vergonha alheia.

Habitat[editar]

Focas são responsáveis pelo aumento de estupros em pinguins.

As focas são, conforme a Pokédex, o Pokemon # 578, do tipo de água/gelo e pode ser capturado em todo o mundo, mas o principal lugar que focas são encontradas é geralmente entre as mandíbulas de um grande tubarão-branco.

Em 2017 uma espécie anteriormente nunca catalogada foi descoberta no Youtube brasileiro, de nome científico imbecilis retardadus, um tipo extremamente imbecil de animal facilmente reconhecido por sua ausência de massa encefálica, e que ao contrário das demais focas só pode ser encontrada em banheiras de Nutella.

Gêneros[editar]