Football Club København

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Football Club København
Escudo do København.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial F*CK
Origem Bandeira da Dinamarca Dinamarca- Copenhague
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Mal de Parkinson
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Dinamarquês
Divisão Superligaen
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Football Club København é um time absurdamente inútil da Europa que possui um relativo domínio do campeonato dinamarquês mas que não passa disso e só se fode bonito na Liga dos Campeões no qual é eterno coadjuvante.

História[editar]

Fundação[editar]

O time foi fundado recentemente, em 1992, após a fusão dos rivais Kjøbenhavns Blowjob e Boketeclub 1903. A fusão se deu quando a,bos KB e B1903 perceberam que a concorrência no maior esporte da Dinamarca e do desporto nacional, o curling, era muito grande, então eles decidiram jogar futebol em vez disso para terem sucesso, pois só enfrentariam porcarias.

Primeiros anos[editar]

A fusão foi imediatamente um grande sucesso de maneira que é melhor ilustrado através de sua altamente respeitável derrota por 0-6 para o AC Milan em casa em 1993. Eles provaram ser a única equipe dinamarquesa que podem ser bons figurantes na Liga dos Campeões, afinal o time do FC Copenhague é perito em perder entre 0-4 até 0-999. Como é um time feito para ser derrotado, os jogadores podem sair de campo de cabeça erguida ano após ano após cada eliminação nova, enviados sempre para torneios europeus secundários com times da Estônia, da Hungria e outras merdas.

Anos 2000, os fiascos europeus[editar]

O København é aquele time que tem como sonho de consumo uma Liga dos Campeões, mas é sempre eliminado pelos times mais diferentes imagináveis, conquistando desclassificações em todas diversas fases preliminares existentes e perdendo para times dos países mais tradicionais até os mais desconhecidos.

A trajetória de insucessos do clube no nível internacional começa pela Liga dos Campeões de 2004–05, e logo na fase preliminar da fase preliminar, aquela que só os times mais ruins jogam, o FC København foi eliminado pelo Nogometno Društvo Gorica da Eslovênia. Talvez digam que zebras acontecem, mas a derrota foi de 5x0.

Na Liga dos Campeões de 2007–08 precisou da prorrogação para eliminar o Beitar Jerusalem FC na fase preliminar dos times bostas, só para chegar na fase seguinte e apanhar direto os dois jogos para o SL Benfica.

Pela Liga dos Campeões de 2009–10 goleou o FK Mogren duas vezes por 6x0, tornando-se o time de fora de Montenegro que venceu o Mogren pela menor quantidade de gols na história. Na fase seguinte eliminou o Stabæk Fotball da Noruega, outra merda. E na terceira fase de qualificação dos times merdas foi eliminado para o inexpressivo APOEL, porque o København queria a marca de primeiro time do mundo a ser eliminado por um time do Chipre, o FC København está sempre querendo estes recordes infames.

Liga dos Campeões da UEFA de 2010–11[editar]

Em sua melhor participação de todos os tempos numa Liga dos Campeões, por algum motivo a UEFA deu a vaga de bandeja direto nos grupos para o København depois de tantos anos da equipe dinamarquesa provando seu valor como bom figurante. E não decepcionou, chegou a empatar com o FC Barcelona e se classificar num grupo com mais FC Rubin Kazan e Panathinaikos.

Nas oitavas-de-final animou-se após um empate de 0x0 em casa (o máximo que o time pode fazer numa boa fase), mas logo perderam de 2x0 para o Chelsea FC.

Anos 2010, mais tentativas[editar]

A partir de 2010 lá estava o København de novo, agora na Liga dos Campeões de 2011-12, quando eliminou o Shamrock Rovers da Irlanda. Não deu conta nem do Viktoria Plzeň da República Tcheca.

Na Liga dos Campeões de 2012-13 foi a puta até de time francês, e o Lille se classificou eliminando o København.

Pela Liga dos Campeões de 2013-14 lá estava mais uma vez direto numa fase de grupos com o objetivo de ser apenas um a mais coadjuvante. Tomou goleadas, perdeu tudo, e ficou em último atrás do Real Madrid, Galatasaray e Juventus FC.

Na Liga dos Campeões de 2014-15 de novo não passou do primeiro jogo, ao ser goleado pelo Bayer Leverkusen por 6x0, porque foi confundido com o Bayern de Munique.

Torcida[editar]

Torcida do København prova que sabe soletrar o nome do time a que torcem.

A torcida do København é conhecida por ser a mais numerosa da Dinamarca, que coitados não tem muitas opções. Os seus torcedores são conhecidos pelo amplo espectro de cantos como:

"Åhåhhhåh"
"Åååååhå"
"Åhhhåååhåhåhå"
"FCK FCK FCK"

Quando marca um gol no PARK (estádio do FCK) há sempre 30 segundos de silêncio, onde os torcedores ficam se perguntando tentando descobrir qual equipe que teve a bola na rede.

Títulos[editar]

  • Campeonato dinamarquês: 10 vezes (1992-93, 2000-01, 2002-03, 2003-04, 2005-06, 2006-07, 2008-09, 2009-10, 2010-11, 2012-13)
  • Melhor último colocado na fase de grupos de Champions League: 1 vez (2006-07)

Torneios europeus inventados, porque jamais ganhará uma Copa UEFA, muito menos Champions: