Futbolayin Akumb Banants

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Futbolayin Akumb Banants
Escudo do Banants.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Futebolis Akuma Banana
Origem Bandeira da Armênia Armênia- Yerevan
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Banana Stadium
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Armênio
Divisão Բարձրագույն Խումբ
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Futbolayin Akumb Banants é um time[carece de fontes] de futebol[carece de fontes] lá da Armênia. Lembra muito esses times-empresa sem tradição do interior paulista, que a cada 2 anos muda de cidade e de nome. A diferença é que na Armênia nenhum time possui torcida, afinal quase ninguém sabe o que é futebol, inclusive 60% dos jogadores do Banants, então os times podem se dar ao luxo de ficarem se mudando sem se preocupar com o que supostos torcedores possam pensar.

História[editar]

Fundação[editar]

Este time inútil foi fundado em 1992 com o nome de Banants Kotayk, por ser sediado na cidadezinha inútil de Kotayk que nem é a capital da província de Kotayk. Mesmo assim, beneficiado pela ruindade de todos seus adversários, logo em seu ano de estreia foi zebra e ganhou a Copa da Armênia de 1992. O nome "Banants" foi adotado, que em idioma armênio significa "Bananas", uma homenagem aos Bananas de Pijamas, inspiradores do uniforme original da equipe.

Crise e fusão[editar]

Em apenas míseros 3 anos de existência, o time do Banants já estava em crise financeira, afinal os armênios tãoa costumados ao sistema soviético, ainda não estavam acostumados a lidar com dinheiro e falência, então em 1995 o clube já estava fodido e acumulando 3 rebaixamentos consecutivos, quando anunciou fusão com o FC Kotayk da cidade de Abovyan, o que sinceramente não quer dizer absolutamente porra nenhuma.

Mudança de cidade[editar]

Após mais alguns anos de derrotas, má gestão e até mesmo a escalação de bonecos feitos de papelão ao invés de seres humanos para o time atingir a cota de 7 jogadores no mínimo no campo, sendo esta a única justificativa plausível para alguém aceitar o fato do time perder tanto na péssima Armênia, no ano de 2001 o clube deixou a cidade de Abovyan e se transferiu para a capital Yerevan, onde havia pelo menos gramado, e passou a se chamar apenas FC Banants.

Banants faz história na Champions de 2014-15, e vence o Santa Coloma de Tuvalu Ulterior só de 3x2, o que conforme as regras rendeu classificação do time adversário, que considerado café-com-leite precisava ser goleado por mais de 4x0.

Em 2003 fez uma fusão com o FC Spartak Yerevan, que estava tão falido que só possuía um time da categoria chupetinhas, então a fusão não acrescentou tanto, mas pelo menos o Banants passou a ser competitivo na categoria sub-12 do campeonato armênio.

Na primeira década do século XX ganhou mais algumas copas da Armênia, sempre nas cagadas e se valendo do fato de sempre só haver meia-dúzia de times, o que facilita bastante se vencer um torneio mata-mata, e se firmou como time secundário de seu país.

Título armênio e estreia na Liga dos Campeões[editar]

Seu primeiro título relevante (para os padrões da equipe) foi o campeonato armênio de 2013-14, conquistado de maneira incontestável, mesmo que tenha perdido em casa para o Gandzasar Kapan, terminou a classificação final 3 pontos a frente do vice Jacques Chirac.

Graças ao título armênio de 2014, ganhou direito de ir jogar a Liga dos Campeões de 2014-15, na qual entrou na fase dos times merda da fase preliminar da fase café-com-leite da fase dos piores times imagináveis. O Banants fez história ao tornar-se o primeiro time de fora da Oceania a perder de uma equipe de Tuvalu Ulterior, ao ser eliminado pelo modesto time tuvaluano do Santa Coloma após empate de 3x3 no placar agregado mas eliminação por ter tomado mais gols em casa.

Títulos[editar]

... só? AH sim!

  • Copa da Armênia: 4 vezes (2003, 2006, 2007, 2010)
  • Ser eliminado por uma time de Andorra numa competição oficial: 1 vez (2014)