Gênesis

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Da cartola vêm os coelhos: exemplo de geração expontânea de vida.

Cquote1.png É 100%? Então, Senta o dedo nessa porra! Cquote2.png
Cap. Nascimento respondendo à Deus sobre Genesis
Cquote1.png É uma banda legal Cquote2.png
Rock Progressivo sobre Gênesis
Cquote1.png Você quis dizer: Mega Drive Cquote2.png
Google sobre Gênesis
Cquote1.png PUFF! Cquote2.png
Evolucionista sobre Gênesis
Cquote1.png Eu não fei de nada! Cquote2.png
Deus (será?) sobre Gênesis
Cquote1.png Só me acorde na segunda-feira... Cquote2.png
Deus sobre cochilo do sábado
Cquote1.png Mas que puto preguiçoso da porra, vai trabalhar, caralho! Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre cochilo de Deus
Cquote1.png Em 2500 a.c os egípcios possuiam um vasto império. Isto foi 500 anos depois da extinção dos dinossauros. Cquote2.png
Professor Criacionista sobre Datação Bíblica da Gênesis
Cquote1.png Kawaii^^!!! :3 Cquote2.png
Otaku sobre Neo Gênesis Evangelion
Cquote1.png if u say GOD created Heavy Metal, then the GIFT was given to Rammnstein... Cquote2.png
Rammstein sobre Genesis do Metal

Gênesis significa "Início" em uma língua que eu esqueci. Como até um jumento com paralisia cerebral poderia pressupor, esta é a parte inicial da Bíblia, 1 2 3 maiores best-sellers de Paulo Coelho (Os outro dois são A Arte da Guerra e Senhor Dos Anéis), que foi traduzido em mais de 87 línguas, incluindo vulcaniano, elfico e draconiano, sem contar os dialetos indigenas e as línguas esquecidas das montanhas do norte chinês, e também a minha própria língua pessoal que eu inventei. Gênesis foi escrito por Paulo Coelho, que baseou-se em hieroglifos do diário de Dercy Gonçalves, que foi testemunha ocular de tal parte da história.

A Criação do Universo Segundo a Bíblia[editar]

I- A Criação do Universo e da Raça Vulcaniana Humana[editar]

Deus usou o Genesis (Mega Drive no novo testamento) para criar o céu e a Terra.

1-No começo, Deus criou o céu e a Terra. Que na verdade são a mesma coisa, pois o céu faz parte da Terra. Mas Deus criou os dois separadamente para não ser chamado de vagabundo comunista.

2-A Terra era um vazio, sem nenhum ser vivente (exeto Dercy Gonçalves. porém os cientistas da época não consideravam espermatozóides seres vivos e eram a favor do aborto.) e estava coberta por um mar profundo. A escuridão cobria o mar, e o espírito de Deus se movia por cima da água. (ou seja, pela escuridão) Os escritores da Bíblia pularam a parte em que Deus criou as águas por motivos de custo editorial.

3-Então Deus disse: "Que haja Luz!"- E a luz começou a existir. Na época o Sol ainda não existia, e nem lâmpadas, portanto Deus teve que espalhar bonequinhos de plástico fluorescentes pelo universo para que houvesse luz.

4-Deus viu que a luz era boa e a separou da escuridão. (Ainda bem, ontem mesmo eu fui atingido na cabeça por uma massa de escuridão, doeu pra caramba, tive até que levar ponto.)

5-Deus pôs na Luz o nome de "Dia" (que em latim significa "Putz, fiz merda") e na escuridão pôs o nome de "noite" (que em aramaico significa "Caramba, já era") A noite passou, então veio a manhã. Este foi o primeiro dia. É claro que não poderia haver noite nem dia, pois não existia Sol, então a teoria mais aceita pelos cientistas atualmente é que na época a Terra girava em torno de um esquilo, que apesar de não ter luz própria, refletia a luz dos bonequinhos de plástico fluorescentes que Deus espalhou pelo universo. Muito perspicaz esse tal de Deus!

6-Então Deus disse: "Que haja no meio da água uma divisão para separá-la em duas partes!" Deus, um cara ecologicamente consciente, já pensava em separar a água potável e poluida, para depois poder jogar a poluída na Africa e depois vender a potável para os EUA quando a água do mesmo acabar.

7-E assim aconteceu. Deus fez uma divisão que separou a água em duas partes: uma parte ficou do lado de baixo da divisão, e a outra ficou do lado de cima. (Jura? Eu cheguei a pensar que a outra parte estava no meu bolso...)

8-Nessa divisão Deus pôs o nome do céu (que ele já tinha criado, mas resolveu criar uma versão 2.0 com direito a update semanal e tudo). A noite passou e veio a manhã. Esse foi o segundo dia. Reparem que Deus confiava muito em seu relógio de pulso, pois como ainda não existia Sol, não havia de fato dia nem noite.

9-Então Deus disse: "Que a água debaixo do céu se ajunte em um só lugar a fim de que apareça terra seca". Foi então que Deus descobriu que a água se espalha igualmente por todo um recipiente, portanto não poderia se "ajuntada" em um mesmo lugar. Deus, um cara muito sagaz, congelou então parte dela para que houvesse espaço para a terra seca. As águas congeladas ficaram em lugares onde chega muito pouca luz, para que ninguém visse a cagada que Deus fez.

10-E assim aconteceu. Deus pôs na parte seca o nome de "terra" (não muito criativo, eu colocaria o nome de "bob", ficaria bem melhor) e nas águas ele pôs o nome de "mares". E Deus viu que o que havia feito era bom. Mas depois, novamente por motivos editoriais, mudou o nome das águas de "mares" para "oceanos".

11-Em seguida, Deus disse: "Que a terra produza todo o tipo de vegetais, isto é (para quem ele estava explicando???), plantas que deem sementes e árvores que deem frutas!". E asim aconteceu. Não por muito tempo é claro, pois como ainda não havia Sol as árvores não puderam fazer fotossíntese e morreram. Foi aí que para não perceberem que ele tinha feito merda, Deus criou a "decomposição" e o "adubo", não nescessariamente nesta ordem.

12-A terra produziu todo tipo de vegetais, plantas que dão sementes e árvores que dão frutas. E Deus viu que era bom. As árvores que não dão frutas foram criadas por Satan, que queria criar árvores que não alimentassem o homem mas ocupassem o espaço que poderia ser ocupado por uma árvore frutífera.

13-A noite passou, e veio a manhã. Esse foi o terceiro dia. (Ah, ser Deus deve ser tão cansativo!)

14-Então Deus disse: "Que haja luzes no céu para separarem o dia da noite e para marcarem os dias, os anos e as estações!" (Incrivel, ele criou os dias no quarto dia! Finalmente percebeu que havia algo de errado...)

15-"Essas luzes brilharão no céu para iluminar a Terra". E assim aconteceu. Depois, Deus criou os lixões, para ter aonde jogar os bonequinhos de plástico fluorescente que usava antes da criação das estrelas.

Origem[editar]

Contudo, a versão que nos é facultada hoje pela bíblia é um ultraje. O texto foi erradamente editado no Concílio de Niceia, de forma a iludir os bons-cristãos, que infelizmente nunca viriam a aparecer.

O que o verdadeiro texto do Génesis mencionava era que apesar de Deus ver ao sétimo dia que tudo o que havia feito era bom, reformulou depois o pensamento, ao domingo à noite, quando ficara sóbrio e viu que na verdade havia estado aquele tempo todo bêbado, mas, não havia nada a fazer para corrigir o seu erro.

O Génesis, livro sobre o início da morte, o momento em que todos os futuros seres-mortos, nasceram pela primeira vez e a forma como essa contagem decrescente começou a ser cronometrada é um marco da sociedade. Muitos acreditam na teoria ipis verbis, e acreditam mesmo que as cobras falam e as mulheres são costelas dos homens. Mas, felizmente, os mais sóbrios sabem que as mulheres não podem ser costelas dos homens, pois elas são más e antas demais para que isso seja verdade.

A origem da vida e da morte no cosmos foi o resultado de um Pic-Nic apressado entre Deus e o Diabo. Algo os obrigaria a saírem do local um pouco antes do previsto, por causa de uma guerra que tiveram que ir combater um contra o outro - A guerra da Luz e das Trevas e então acabaram por deixar a comida entrar em putrefacção. Ora, seria dali que sairiam seres-vivos.

Preto Judeu Nazi

E no início era o advérbio, o advérbio da "Estupidez"[editar]

Os restos de comida, a maior parte do McDonald’s, que permaneceram no planeta, apodreceram, e no meio a decomposição se criaram micro-organismos de inteligência superior, e depois, macro-organismos de inteligência inferior.

Entre esses organismos de inteligência inferior se destacam os peixes, sapos, rãs, burros e finalmente os humanos, progressivamente, cada um regredindo da espécie anterior, numa sucessão de erros genéticos.

Seres humanos e a Terra[editar]

O humano, o ser mais involuído do planeta Terra é o que actualmente mais reina na hierarquia jumental da selva. Uma prova cabal disso é o nome que escolheria para o seu meio-ambiente - o planeta Terra. A Terra, que é chamada assim por ter mais água do que terra, tem contudo, vários outros animais e plantas que são devorados pelo homem, reciclando estupidez ad eternum, no contínuo espacio-temporal.

Planeta dos Macacos

O Fim último[editar]

É por esta função tão importante que o ser humano pode ser tão relevante, para Deus e para o Diabo. É que é ele que procede a limpeza geral do planeta. O ser humano é uma espécie de lixeira do entulho que há na Terra.

Tipologia do Jogral da Selva[editar]

O ser humano, animal de pêlo e inteligência curta, vive toda a vida obececado em não se parecer com os outros animais, e esconde actos e coisas naturais como a defecação, órgãos sexuais, actos sexuais, e até é alimentação. Essa postura provavelmente se dá porque o ser humano, na verdade, não queria ser um animal, mas sim um pinheiro. Contudo é o único ser, com estupidez suficiente para destruir as condições ambientais necessárias, as árvores e logo os pinheiros verdadeiros, indispensáveis para que conseguisse sobreviver.


O Gênesis segundo Windows[editar]

A cobra falante que mandou Eva comer a fruta estragada.

No principio, Deus criou o Bit e o Byte. E deles criou a Palavra. E nada mais existia. E Deus separou o Um do Zero; e viu que era bom. E Deus disse: "Que os dados existam, e vão para os seus lugares devidos", e criou os disquetes, os discos rígidos e os discos compactos.

E Deus disse: "Que apareçam os computadores, e sejam lugar para os disquetes, e para os discos rígidos e para os discos compactos". Então Deus chamou os computadores de "hardware". E não havia ainda software. Mas Deus criou os programas; e disse-lhes: "Vão, multipliquem-se e encham a memória".

E Deus disse: "Vou criar o Programador, e ele irá governar os programas e as informações". E Deus criou o Programador, e colocou-o no CPD; e Deus mostrou a estrutura do UNIX e disse: "Podes usar todos os diretórios e subdiretorios mas NUNCA UTILIZAR O WINDOWS".

E Deus disse: "Não é bom para o Programador estar só". Ele fez a criatura que iria olhar para o Programador e admirá-lo, e amar as coisas que ele faz. E Deus chamou-a "Analista". E foram deixados sob o UNIX e era bom.

Mas BILL era mais esperto que as outras criaturas de Deus. E BILL disse para o Analista: "Foi mesmo assim que Deus disse, que não podias executar nenhum programa? Como podes falar de algo que nunca experimentaste? No preciso momento em que executares o WINDOWS, tornar-te-ás igual a Deus. E poderás criar tudo o que quiseres com um simples toque no mouse".

Então a Analista instalou o WINDOWS, e disse ao Programador que era bom. O Programador começou a procurar novos 'drivers'. E Deus perguntou-lhe: "Que procuras?" E o Programador respondeu: "Estou 'a procura de novos 'drivers' que não encontro no UNIX".

E Deus disse: "Quem disse que precisavas de novos 'drivers'? Executaste o WINDOWS?" E Deus disse ao BILL: "Serás odiado por todas as criaturas. E a Analista estará sempre zangada contigo. E venderás o WINDOWS para todo o sempre, e sempre com problemas". E disse à Analista: "O WINDOWS irá desapontar-te e comer toda a tua memória; e terás que usar programas reles, e irás adormecer em cima dos manuais". E disse ao Programador: "Todos os teus programas terão erros e irás corrigi-los até ao fim dos teus dias".

E Deus expulsou-os do CPD, fechou a porta e colocou uma 'password'

Ver Também[editar]