Garrincha

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Caninha2.JPG Cquote1.png TOMA CACHAÇA, CARAI!! Cquote2.png

Este artigo tem cheiro de porre! O autor está caído na calçada, gorfando álcool puro. Melhore este artigo e ganhará 6 litros de uísque, mas se vandalizar, será obrigado a tomar uma garrafa de pinherense!

Donamorte1.jpg
Garrincha já morreu!

Peidou pra muzenga!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno


Manoel dos Santos
Nacionalidade Bandeira do Brasil Brasil
Altura 1,69 m
Peso Leve como uma garrafa de cachaça
Clubes Botafogo, Corinthians, Flamengo e outros que ninguém conhece.
Estilo de Jogo Driblador.
Gols Driblando todo mundo


Desentrevistasminibox.PNG
O Desentrevistas
possui uma entrevista com
Garrincha

Cquote1.png Você quis dizer: Aleijadinho Cquote2.png
Google sobre Garrincha
Cquote1.png Esse é dus nosso! Foi u cão qui buto ele pá joga futibol. Cquote2.png
Jeremias sobre Garrincha
Cquote1.png Ele é doidão! O Loco meu! Cquote2.png
Faustão sobre uma Videocassetada com um aspirante a Garrincha
Cquote1.png Nem vi! Cquote2.png
Steve Wonder sobre Garrincha
Cquote1.png Yo, Mané! I'm really happy for you and imma let you finish, but Pelé is the best player of all time Cquote2.png
Kanye West sobre Garrincha
Cquote1.png Garrincha já morreeeu, Garrincha já morreeu! Cquote2.png
Jamanta sobre Garrincha
Cquote1.png Já comi! Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre Garrincha
Cquote1.png Esse filha da puta já me driblou não sei quantas vezes! Cquote2.png
João sobre Garrincha

Zé Mané Sofredor Garrincha das Pingaiadas é (ou era) um jogador brasileiro de Futebol de botão, sendo que num passado mais antigo ele teria jogado na seleção brasileira com o Pelé e com o Edson Arantes do Nascimento ao mesmo tempo, entende.

O fato é que o mesmo hoje estaria vivendo comendo capim pela raiz, enquanto seu rival nas lembranças brazucas continua vivo e rindo da cara de qualquer um que se ache muito esperto (ou não).

Carreirada[editar]

Pelé dando em cima de Garrincha

O início da carreirada de Garrincha, assim como a de muitos outros jogadores de biriba foi bem simples, sendo que ele seria originário de algum cafundá dos judas perdido no Brasil que somente o Milton Neves seria capaz de reconhecer.

Depois de muitas sofridas, ele começa a fazer bicos, no que ele encontra com uma galerinha de um time recem chegado do Botafogo Futebol e Regatas, que vinha com uma boa grana depois da fusão das divisões do Futebol e dos Regateiros, que sem muito pensar, contrataram o mesmo, não sem antes verificar o estranho futebol que o então "garoto" apresentava.

O fato é que depois disso, ele foi escalado para participar da equipe, inicialmente como reserva e depois como principal, uma vez que o futebol daquela época conseguia ser mais lasqueira do que o de hoje, que se teria mais tecnologia e mais condições de se selecionar um profissional qualificado (ou não).

Apesar disso, o mesmo jogou inclusive copas do mundo, ainda que muitos ainda hoje desacreditem do fato.

Segundo informações, ele estaria nas copas vitoriosas de 1958 e 1962, sendo que segundo as informações presentes em documentos da KGB mostram que ele teria poderes de destruição jamais imaginadas que poderiam colocar em risco a paz mundial.

Consta ainda que ele teria sido a estrela solitária a inspirar o brasão do Bostafogo e até hoje se procura um substituto a altura para o mesmo, sem sucesso.

Caracteristicas[editar]

Garrincha pensando que está surfando

A maior característica de Garrincha eram as pernas tortas, que segundo teorias teriam sido entortadas por um monte de peso que ele carregava para tua mãe nos afazeres da roça, no entanto, há quem diga que elas eram tortas pelo fato de que ele tinha sido vítima da cruel Paralisia Infantil, que infestava muito o Brasil naqueles tempos de 1900 e guaraná com rolha.

O fato é que os adversários acabavam por ficar olhando as pernas tortas do miguxo, se esquecendo de prestar atenção na bola, abrindo assim espaço para os "maravilhosos" gols ainda mostrados por saudosistas, tais como o Milton Neves por exemplo.

Depois da carreira[editar]

Garrincha, quando o dono do bar disse: Cquote1.png Acabou a cachaça Cquote2.png

Ao fim da carreira, lá pelos idos de 66 6, Garrincha teria começado a tomar umas com o cão e desencaminhado de tal forma que sua mulher, uma machonilda com um vozeirão de assustar os incautos chamada Elza Soares, teve de cuidar de pagar as contas da casa.

O fato é que depois de tantas, Garrincha acabou por fazer um monte de filhos, sendo que nenhum foi capaz de chegar a conhecer os talentos do pai (ou não).

Segundo informações, a morte do mesmo, já no ano de 1983, teria sido causada por cirrose overdose de cachaça, coisa ainda em vias de ser comprovada.

O caso com Elza Soares[editar]

Acredite... Um dia Elza Soares foi jovem. Nesse dia, ela foi comida por Garrincha... Testemunhas firmaram, à época, se tratar de um erro causado pelo álcool. Porém, amigos do casal afirmam ter sido um caso de amor. Ou seja, além de bebum, tinha mal gosto!

Filhos[editar]

Garrincha, que nasceu em de Pau Grande, sabia usar este instrumento quase tão bem quanto sabia usar a bola. Ele comeu muitas mulheres pelo mundo a fora, e deixou vários filhos e filhas. Vejam alguns exemplos:


Ver também[editar]