Geografia da Indonésia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Indonésia é um país composta por 17 milhões de ilhas, das quais apenas quatorze são habitáveis. Mais de 270 milhões de pessoas da Indonésia vivem em apenas duas das catorze ilhas habitáveis porque temem todo o ouro e petróleo de fácil acesso nas outras ilhas. Geograficamente a Indonésia é todo aquele amontoado de ilhas ainda inexploradas entre a Austrália e a China, fazendo fronteira marítima com Tailândia, Singapura, Filipinas, Ilhas Cook, e de alguma forma Israel independente. Como a Indonésia tenta frequentemente ocupar Bornéu e Papua, possui metade destas duas ilhas onde possui fronteiras terrestres com Malásia e Papua-Nova Guiné. Apesar de ser uma das ilhas não habitáveis, a ilha de Timor não foi concebida independência como seus náufragos portugueses locais assim desejavam, mas sim só metade dela para a criação do Timor-Leste, constatando que os indonésio por precariedade de fronteiras terrestres fizeram questão de ter mais uma agora com Timor-Leste.

Relevo[editar]

A Indonésia é um país ilhoso mas montanhoso, até nas ilhas mais planas como Java a ação do homem se encarregou em amontoar toneladas de quilômetros de lixo em formato de prédios. Nas demais ilhas semi-habitadas as montanhas são de verdade, mas diferentes de países em desenvolvimento como o Brasil, que na falsa esperança de causar uma boa impressão constroem casas de alvenaria e madeira nas encostas que são destruídas a cada temporada de chuvas, na Indonésia isso não existe, eles vivem em tocas. O ponto culminante é a Pirâmide Carstensz lá em Papua, um lugar excêntrico, distante, e único local de toda Oceania onde tem neve, porque lá nem geladeira e freezer existe para isto.

É o país com maior número de vulcões do mundo, há 1 vulcão para cada 2 habitantes, e tratando-se da população da Indonésia, é muita coisa. Não há perigo, não ocorrem muitas erupções porque as tribos canibais não irritam o Deus dos Vulcões, sempre sacrificando virgens loiras todo mês na cratera de um vulcão. As erupções vulcânicas e terremotos acontecem quando os canibais sacrificam por engano loiras oxigenadas.

Hidrografia[editar]

Um maravilhoso rio da Indonésia. Turistas do mundo inteiro se reúnem para ver essas maravilhas do homem moderno.

A Indonésia não possui um rio sequer que pode ser visto do espaço, portanto sua diversidade de água potável natural é desprezível, aliás a Indonésia não tem rios que podem ser vistos há 3 metros de distância e alguns podem ser detectados apenas em microscópios algum traço de molécula de água nos ex-rios do país que hoje não passam de pilhas enormes de lixo.

A bacia de Kalimantan é talvez a mais diversa em água doce por estar numa região inexplorada e cheia de plantas fechadas que dificultam acesso.

Clima[editar]

Apesar da Indonésia ter um clima desértico, não possui nenhum deserto mas só calor puro que faz qualquer um suar bicas onde quer que esteja no arquipélago.

Vegetação[editar]

A vegetação da Indonésia é predominantemente formada por uma vasta densa floresta equatorial, especialmente as plantas em formato de Victreebel.

Flag map of Indonesia.png Indonésia
HistóriaPolíticaSubdivisõesGeografiaEconomiaCulturaTurismo