Grand Theft Auto (jogo)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Grand Theft Auto (jogo) se trata de um jogo virtual (game)

Enquanto você lê, The Guy morreu pra mais uma armadilha injusta

Quem diria, esse jogozinho se tornaria uma lenda. Ah sim, mal entrou no artigo, você já foi BUSTED!

GTA 1, o primeirão, o first, é um jogo de bang-bang que deu origem a tudo em GTA. Mas... como basicamente toda grande série, logo quando começou era... UMA BOSTA!

Na época em que criaram, em 1997, a Rockstar Games provavelmente não tinha grana pra fazer um jogo em 3D (detalhe: a ID Software, com menos grana que eles, lançaram anos antes Wolfenstein 3D e Doom/Doom II). Daí, por anos, lançaram dois jogos e duas expansões bem meia-bocas em 2D, parecia Take No Prisoners, só que mais feioso que o jogo citado ai.

Recebeu dois pacotes de expansão: Grand Theft Auto: London 1969, que faz uma volta à Londres no tempo dos Beatles, e Grand Theft Auto: London 1961, que volta à Londres nos tempos do... do... do... esqueça, não tinha ninguém famoso por lá nessa época. Bem, o fato é que as expansões, tirando a história, são tão feiosas quanto. Enfim, parece mentira que a partir da terceira versão do jogo ele iria se tornar uma revolução, quando vemos essa porrinha que ele era.

Conhecendo as paradas[editar]

No jogo, você percorre 3 paradas, 3 cidades no total, dividas cada uma em 2 pedaços. Uma é Liberty City, a outra é Vice City e a do meio é San Andreas. Sim, essas cidades futuramente ganharão importância em jogos solo, expansões e similares, mas no momento elas são microcidades num micro mapa.

Liberty City é dividida em Gangsta Bang, o ponto de partida, dominado pela Sonetti Gang, e Heist Almighty, onde você mata o chefão da Sonetti Gang. San Andreas, próxima parte que você vai, é dividida em Mandarin Mayhem, dominada por uma gangue da máfia chinesa, e Tequila Slammer, dominada por algum mexicano bebum. Por fim, Vice City é dividida em Bent Cop Blues, um lugar onde uma milícia chefiada por um policial corrupto chamado Samuel Deever comanda essa área, e Rasta Blasta, região de jamaicanos maconheiros comandados pelo Brother Marcus, um cantor de reggae. Ou seja, BEEEEEEEM diferente daquelas cidades que ficaram famosas em outros jogos da série...

Anti-heróis[editar]

Nos primeiros da série, você escolhia um protagonista. Bom, em GTA V isso vai voltar, mas em alto estilo, claro.

  • Bubba: Um gordo fumante, provavelmente cubano.
  • Divine: Uma nega gostosona.
  • Katie: Uma espanhola (sem duplo sentido) que TALVEZ pudesse fazer uma espanhola. Agora sim, muito duplo sentido!
  • Kivlov: Com uma porra de nome desses, visivelmente é um russo.
  • Mikki: Japinha bem gostosinha.
  • Travis: Não é o Travis de Taxi Driver, tá?
  • Troy: Primo do Carl Johnson.
  • Ulrika: Aparentemente, uma sueca muito gata, mas provavelmente lésbica.
  • Kelly: Apesar do nome, é um homem, mas não sabemos quem é ou de onde veio, pois no Game Boy Advanced, único lugar que ele aparece, ele NÃO aparece. Vou explicar: o gráfico é tão miúdo que não teria como ver o rosto dele. Ou dela, sei lá.
v d e h
Gta LOGO.png