Gurinhatã

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Gnome-searchtool blue.png Gurinhatã é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
O índice de desemprego lá é 290%.

Sciences de la terre.svg.png


Gurinhatã Cidade do Pássaro Azul
160px-Guanacaste flag.gif
Bandeira
Muuuuuuuuuu!!!
Hino "Bem vindo a Gurinhatã - Atrase seu relógio"
Local link={{{3}}} Minas Gerais Socada bem fundo no interior de Minas Gerais
Idioma Dialetos primitivos e mugidos
Geografia
Clima Quente para caralho no inverno e Calor Infernal no verão
Locais de Referencia Currais e butecos
Economia bovinos e equinos
Produtos Exportados Leite, Queijo, Requeijão e Dôsssss di Leite
Política
Governo
Nuvola apps core.png
PQP
Atual Prefeito
Nuvola apps core.png
Sei que tem, mais nunca vi PR
Vice-Prefeito
Nuvola apps core.png
Zé Lelé PT
Mídia
Cidadãos Ilustres
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Vaca
Esporte Símbolo Truco
Santo Local Jesus Negão

Cquote1.png Você quis dizer: Atraso de vida Cquote2.png
Google sobre Gurinhatã
Cquote1.png Você quis dizer: Cidade do pássaro azul (que nome ridículo!) Cquote2.png
Google sobre Gurinhatã
Cquote1.png Encontre Gurinhatã e muitos outros produtos com ótimos preços. Parcele suas compras em até 6x com total segurança no MercadoLivre.com Cquote2.png
Mercado Livre sobre Gurinhatã
Cquote1.png Desculpe, mas o Google Maps não localizou o destino Cquote2.png
Google sobre Gurinhatã
Cquote1.png Ainda não percebeu que essa porra não existe??? Cquote2.png
Google sobre Gurinhatã
Cquote1.png Cê vai na cidade? Cquote2.png
Nativo Gurinhatenho sobre Ituiutaba
Cquote1.png Cê vai descê? Cquote2.png
Nativo Gurinhatenho sobre Gurinhatã
Cquote1.png Cê vai naquela merda? Cquote2.png
Qualquer pessoa inteligente sobre Gurinhatã

História, Geografia e outras matérias que você não viu na escola

Chegar em Gurinhatã é fácil e as estradas são excelentes
Em muitos lugares, os meninos perdem o cabaço a virginidade na zona, aqui o jeito é no mato mesmo.
O Bem Ruim, maior supermercado de Gurinhatã. O segundo é o Super TopTop
Ainda bem que existe oficina para trator, o veículo motorizado mais popular em Gurinhatã
Moderno veículo de Gurinhatã. Agora você sabe porque tem tanto boi na cidade: estepe!
Futval, o maior evento turístico de Gurinhatã, jogadores de alto nível disputam essa pelada campeonato
Típico cidão gurinhataíno após a calalgada.

Gurinhatã é uma cidade enfiada no longínquo Estado do Triângulo, conhecida somente pela sua própria população e pelos candidatos a deputado de 4 em 4 anos. De acordo com a única escola da cidade (que só vai até a quarta série), o nome Gurinhatã significa "Pequeno pássaro azul que come seus olhos se você não fizer o dever de casa, muleque", mas a versão oficial é que vem do grego Gurinhatainhus, mensagem que marcava o início do Horário de Verão na Grécia antiga: "Atrase seu relógio".

Antigamente, o então povoado era conhecido como Patrimônio de São Jerônimo, até que o Jeromim, muito amigo do Tiozinho do Truco depois de tomar umas cachaças perdeu tudo na mesa de Truco para o Rambo (inclusive o Toba)e a vila foi incorporada à Vila do Públio Chaves, com todos os seus habitantes (na época dois bois, uma vaca, seis cavalos e dezoito galinhas). O município foi emancipado há uns 50 anos, mas não atingiu o nível de desenvolvimento mínimo para tal, já que todos os habitantes de Gurinhatã nascidos a partir de 1980 foram paridos nas cidades vizinhas, porque a única opção de parto na cidade são as parteiras. Até a prefeita (sim, prefeita, assim como a Dilma presidenta) fugiu deste fim de mundo mora em Ituiutaba, não vai na cidade nem pra receber o salário, já que a cidade não tem Banco do Brasil. Aliás, a área do município é de cerca de 600.000 alqueires, mas a área urbana não chega a 2 kilômetros quadrados. Outra curiosidade é que não existe adjetivo para quem nasce aqui, sendo assim, os nativos são simplesmente "du Gurinhatã".

População

O CENSO não é feito em Gurinhatã desde 1964, pos a partir daquele ano passou a ser exigido Ensino Fundamental Completo para ser rescenceador. Como não há na cidade pessoas com essa extraordinária qualificação profissional, a população da cidade passou a ser estimada em:

  • População urbana: 943
  • População rural: 5.324
  • População do distrito de Flor de Minas: 85
  • Populaçao de cachaceiros analfabetos: a soma das três populações acima
  • População equina: 35.412
  • População bovina: 14.659.208

A densidade populacional de Gurinhatã encontra-se em queda livre, previsões afirmam que até [2020] a cidade passe a "povoado". (Qualquer progressão aritmética chega à mesma conclusão.)

Por ser uma cidade de população muito pequena (e cada vez menor), é notório o costume de falar mal da vida alheia e dar conta de quem fulano come ou deixa de comer. E por ser uma cidade de pessoas com nível intelectual muito abaixo da média, ninguém até o momento teve capacidade de estragar alterar este artigo para torná-lo mais idiota engraçado.

Economia

Gurinhatã tem uma economia tão boa, mas tão boa, que se um sem-terra habitante pegar seu Fiat Uno, viajar 80 km para ir em Ituiutaba (o ponto de civilização mais próximo) fizer uma compra de R$ 200,00 em qualquer mercearia e viajar 80 km para voltar, você terá garantido uma economia de 50%, já descontado o combustível (apesar do Estado do Triângulo ser cercado de usinas, olitro do álcool custa sempr mais de R$2,00)! Isso acontece porque não há concorrência no ramo de supermercados (neste caso o super nao existe) e um quilo de mussarela pode custar mais de R$20.00, apesar da cidade produzir 1 trilhão de litros de leite por mês. Não existe nem Banco nesta cidade, exceto o Irritaú, que funciona apenas na hora do almoço, com apenas um funcionário (é isso mesmo, só um funcionário, que é ao mesmo tempo gerente, operador de caixa, pai-de-santo, vigilante e faxineiro). A cidade ainda conta com o péssimo atendimento do Banco do Correio, que na verdade nem banco é, e nem Correio, já que não existe carteiro na cidade. E tem também uma cooperativa que na falta do que chamar de banco, os gurinhatanhenses chamam de "banquim". Na verdade, a economia deste vilarejo gira em torno de bois e vacas. Compra gado, vende gado, e depois o fazendeiro enche a boca e fala "tôca gado"! Aliás, fazendeiro é o que não falta neste fim de mundo. Até porque, qualquer um que tenha dois palmos de chão se intitula fazendeiro. E o carro preferido desse seleto grupo é o famoso Fiat Uno (já que trator e cavalo não conta).Acredita-se que para cada Corcel II existente na cidade existam cinco Fuscas e dezenove Fiats Uno. É de se admirar que a Fiat não tenha uma concessionária nesta birosca, só pode ser por falta de incentivo da administração pública municipal (qual?).

Lazer

Para esta sábia população, lazer é aquela luzinha que se usa para fazer cirurgia de catarata na megalópole Berlândia. mas a cidade é dotada de um imenso parque de Exposições com quase 500 metros quadrados, o equivalente a 50% da área total asfaltada da cidade, onde a população se diverte com leilão de gado de corte e leilão de gado de leite. Outra diversão muito popular nesta currutela são os butecos, que apesar de muitos, estão sempre cheios, para atender (muito mal) esta população sedenta por álcool e espetinhos de gato. Mas atenção, a carne utilizada nos espetinhos é apenas de gatos atropelados. Gatos mortos por doenças são utilizados apenas na massa do kibe. No mais, há uma Lan House muito frequentada por gays, lésbicas, putas, traficantes e eventualmente pelo . Até porque, se não fosse frequentada por estes tipos, haveria de ter muita gente de fora...

Turismo

A menos que você seja um sem-terra, goste de ver cara de boi, pescar em córregos cheios de bosta ou tenha parentes nesse lugarzinho infame, não existe turismo pra você em Gurinhatã (a não ser as milhares de igrejas evangélicas). Além do mais, os nativos desta cidade sempre agraciam atormentam os estrangeiros (porque quem vive fora daqui é praticamente um ALIEN) com perguntas imbecis do tipo "Você é filho de quem aqui?" Até porque sabem que ninguém em seu juízo perfeito viria para uma merda dessas a não ser para visitar a mãe. Ainda assim, fazem festas nesta cidade, como se morar e Gurinhatã fosse motivo pra fazer festa.

A Cavalgada

Mais conhecida como Cavalada pela população, reúne todo ano mais de 40 mil cavalos (e burros, aqueles que vão em cima dos cavalos), para vagabundarem fazerem um passeio ecológico pelas estradas de terra do município. Durante o passeio, é comum pessoas entrarem em coma devido ao hábito de dar o toba ingerir grande quantidade de bebida alcóolica sobre os cavalos. Alguns cavalos também entram na onda de seus bebem até o cu fazer bico não aguentar mais.

O FUTVAL

E no mês de maio há um torneio/festa mundialmente conhecido em todo o Estado do Triângulo chamado Futval (cujo nome foi descaradamente plagiado inspirado na música da Claudia Leitte Carnaval, Futebol), notem que Gurinhatã é tão atrasado que até o Carnaval só chega em maio. A principal diversão neste projeto de festa é:

Flor De Minas

E claro, não podemos falar de Gurinhatã sem falar na famigerada Flor de Minassss. Como qualquer burro você pode notar, as inicias FDM já dizem tudo: Flor de Minas é o Fim Do Mundo. Se você precisar de comprar pilhas Rayovac para o seu radinho de 7 faixas, tem que ir até alguma cidade próxima. Mas a Flor de Minas tem crescido, já tem até bairro, a tal Lagoa Escondida, que por razões óbvias, até hoje ninguém achou. Dizem que ela faz parte do território do Acre, e assim como o Acre, não existe.

Considerações finais

Este artigo (assim como todo o site Desciclopédia) tem um teor puramente humorístico, então, antes que qualquer babaca vandalize este artigo, saiba que a intenção do autor (que graças a Deus não mora neste cidade) não é ofender ninguém. Mas se você ficou ofendida, AI AI AI UI UI!!!...

264939.jpg
ATENÇÃO:
Simplesmente estamos cagando e andando para quem não gostar do conteúdo deste artigo e, por conseguinte, das opiniões e sugestões dos mesmos. We just couldn't care less.