Hércules

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Greece-flag copy.jpg
Av-6054.gif

"ΑΝΕΓΚΥΚΛΟΠΑΙΔΕΙΑ Η ΘΑΝΑΤΟΣ!!!"

Re, Este artigo é Grego!! Ele come Churrasco Grego, pratica Beijo Grego, toma Frappé, joga tudo na janela do carro quando acaba e gosta de ganhar de Portugal na Eurocopa!!
Faça sua esposa feliz, dando um presente de grego para a kariola da sua sogra!!

Muscledog.jpg
Hércules usa esteroides anabolizantes!

Isso explica porque tem músculos enormes, um pinto pequeno e nenhum cérebro.

Silviofortao.jpg
Cquote1.png Comi várias na ilha. Cquote2.png
Hércules sobre Sacanagem na gruta em "As bombas de Hérculas"

Cquote1.png Diz-se Héracles Cquote2.png
Nikos sobre Hércules
Cquote1.png Eu sou seu pai! Cquote2.png
Darth Vader sobre Hércules
Cquote1.png Mentira! Eu que sou! Cquote2.png
Zeus sobre Hércules
Cquote1.png Agora, quem será o pai? Vamos pra mais um teste de DNA! Cquote2.png
Ratinho sobre Hércules
Cquote1.png Bom de cama! Cquote2.png
Teseu sobre Hércules
Cquote1.png Quem é ele? Cquote2.png
Kratos sobre Hércules em GOW
Cquote1.png Já comi! Cquote2.png
Mégara sobre Hércules
Cquote1.png Já matei! Cquote2.png
Kratos apos ter dado um especial de porrada em Hércules

Hércules foi um semi-deus pioneiro na Grécia da antiguidade, filho de Zeus com uma Puta. Hércules era o homem mais viril da sua época, mas nem por isso gostava de provocar um abate nas virgens da sociedade. Digamos... Ele foi o ídolo-mor de Alexandre, e não era muito chegado em uma periquita. Conta-se que Artêmis e Atena até metamorfosearam-se de homem para tentar levar Hércules para a cama, mas nem isso adiantou.

Tabela de conteúdo

[editar] A vida de Hércules

Quem diria, Arnold já foi Hércules.

Hércules nasceu de um ovo, sua mãe era Alcmena e seu pai o rei do Olimpo. Foi criado por um Fauno ou Satíro, um cara com pés de bode, e depois foi aprendiz de Sagitário, o Centauro-Arqueiro. Participou da comitiva de Jasão, sendo o mais forte Argonauta até então. Hércules sempre foi Vagabundo, alem de cheirar gatinhos à exemplo de seus conterrâneos Sócrates e Arquimedes que não faziam nada além de nada fazer. Andava de aldeia em aldeia com seus amigos vadios que formavam uma pequena gang-urbana espartana, a saber: Menelau e Iolau filhos de Aquiles, Ícaro filho de Dédalo, Ajax filho de Cassius, Castor e Pólux filhos de Áries, Brutus filho de Júlio César, e Augusto filho de Órion. Os hobbies dessa turma eram bater nas velhinhas da aldeia onde moravam, fisiculturismo, rebolar nas termas coçar o saco, discutir sobre o programa do Chaves, ouvir música emo e mostrar quem tinha a menor tanguinha da cidade .

[editar] Os Trabalhos de Hércules

Hércules, o maior de todos os heróis gregos, era filho de Zeus e Alcmena. Alcmena era a virtuosa esposa de Anfitrião e, para seduzi-la, Zeus assumiu a forma de Anfitrião enquanto este estava ausente de casa. Quando seu marido retornou e descobriu o que tinha acontecido, ficou tão irado que construiu uma grande pira e teria queimado Alcmena viva, se Zeus não tivesse mandado nuvens para apagar o fogo, forçando assim Anfitrião a aceitar a situação. Nascido, o jovem Hércules rapidamente revelou seu potencial heroico. Enquanto ainda no berço, ele segurou duas cobras que a ciumenta Hera, esposa de Zeus, tinha mandado para atacá-lo Enquanto ainda um menino, ele matou um leão selvagem no Monte Citéron com apenas um Especial de Porrada. Na vida adulta, as aventuras de Hércules foram maiores e mais espetaculares do que as de qualquer outro herói. Por toda a antiguidade ele foi muito popular, o assunto de numerosas estórias e incontáveis obras de arte foi publicado pela Veja. Apesar das mais coerentes fontes literárias sobre suas façanhas datarem apenas do século III e lá vai pedrada, citações espalhadas por vários locais e a evidência de fontes artísticas deixam muito claro o fato que a maioria, se não todas, de suas aventuras era bem conhecida em tempos mais antigos por paga-paus. Hércules realizou seus famosos doze trabalhos sob o comando de Euristeu, Rei do Brasil. Existem várias explicações da razão pela qual Hércules se sentiu obrigado a realizar os pedidos cansativos e aparentemente impossíveis de Euristeu. Uma fonte sugere que os trabalhos eram uma penitência imposta ao herói pelo Oráculo de Delfos quando, num acesso de loucura, matou todos os filhos de seu primeiro casamento. Enquanto os seis primeiros trabalhos se passam no Peloponeso, os últimos levaram Hércules a vários lugares na orla do mundo grego e além. Durante os trabalhos, Hércules foi perseguido pelo ódio da deusa Hera (não é mais), que tinha ciúmes dos filhos de Zeus com outras mulheres. A deusa Atena, por outro lado, era uma defensora entusiasta de Hércules; ele também desfrutou da companhia e ajuda ocasional de seu sobrinho, Iolau-lau-lau.

[editar] Primeiro trabalho

O primeiro trabalho de Hércules era cheirar e depois matar o gatinho de Neméia. Como esta enorme fera era invulnerável a qualquer arma, Hércules lutou com ele e acabou estrangulando-o apenas com seus cotovelos. A seguir, ele removeu a pele utilizando uma de suas unhas pintadas, e passou a utilizá-la como um cachecol super fashion, com as patas amarradas ao redor de seu pescoço, as unhas surgindo sobre sua cabeça, e o rabo balançando em seu rabo.

[editar] Primeiro trabalho e meio

Hércules teve um puta de um trabalho para explicar que não era boiola, mas ninguém acreditou nele.

[editar] Segundo Trabalho

O segundo trabalho exigiu a destruição da Hidra de Lerna, uma cobra enorme e grossa (ui!) com várias cabeças que estava flagelando os pântanos perto de Lerna. Sempre que Hércules capava uma cabeça, duas cresciam em seu lugar, e, como se isso não fosse um problema suficiente, Hera enviou um caranguejo gigante para morder o pé de Hércules. Este truque desleal foi demais para o herói, que decidiu pedir ajuda a Iolau; enquanto Hércules cortava as cabeças, Iolau queimava os locais com uma tocha flamejante de chamas pegando fogo, de modo que novas cabeças não pudessem crescer, e finalmente mandando o mosntro para as profundezas dos confins do universo infinitamente que nem Stevie Wonder viu nada igual. A seguir, Hércules embebeu a ponta de suas flechas no sangue ao veneno da Hidra, tornando-as venenosas. Só nerds querem saber disso.naoooo então hercules foi...

[editar] Terceiro Trabalho

No Monte Erimanto, um feroz javali dumau estava se portando inadequadamente e sem valor nutritri... nutitri... nutritir... adequado! e causando prejuízos pois usou o. Euristeu rispidamente ordenou a Hércules que trouxesse este animal vivo à sua presença ou então ocorreria a revolução africana. Quando Hércules trouxe o bicho, Euristeu fugiu feito um Bambi.

[editar] Quarto Trabalho

Hércules levou um Ano para realizar o trabalho a seguir, que era capturar a Corça do Monte Carineu. Este animal parecia ser mais tímido e sensível do que perigoso. Este animal era sagrado para a deusa Ártemis (Deusa do Berimbau metalizado e da caça) e, apesar de ser fêmea, possuía lindos chifres, dados carinhosamente por seu namorado. De acordo com a lenda, Hércules finalmente encoxou a Corça e a estava levando para Euristeu, quando encontrou-se com Ártemis, que estava puta da vida e ameaçou matar Hércules pelo atrevimento em capturar a vice-presidente da República Tcheca; mas quando ficou sabendo sobre os trabalhos, ela concordou em deixar Hércules levar o animal, com a condição que Euristeu o libertasse logo que o tivesse visto.

[editar] Quinto Trabalho

As pombas de Estinfalo eram tão numerosos que estavam destruindo todas as plantações nas vizinhanças do Lago Estinfalo na Arcádia; várias fontes dizem que eles eram comedores de homens , ou pelo menos podiam atirar suas penas como se fossem flechas (já vi isso em algum lugar... ). Não está muito claro como Hércules enfrentou este desafio: uma pintura de um vaso mostra Hércules atacando-os com um tipo de estilingue, dado pelo Pedrinho, mas outras fontes sugerem que ele os abateu com pedrinhas, ou os espantou para longe berrando com sua voz de macho.

[editar] Sexto Trabalho

O último dos seis trabalhos do Peloponeso foi a limpeza dos currais Augianos. O Rei Áugias de Élida possuía grandes rebanhos de Boi, cujos currais nunca tinham sido limpos faziam milênios, assim o estrume tinha vários metros de profundidade e cheirava pior do que qualquer coisa. Euristeu deve ter pensado que a tarefa de limpar os estábulos num único dia seria impossível, mas Hércules uma vez mais conseguiu resolver a situação.

[editar] Sétimo Trabalho

Euristeu pede agora que Hércules capture uma criatura, O Touro de Cara preta um enorma negão que hercules teve que dormar, o primeiro trabalho fora do Pelos por neusos.

[editar] Oitavo Trabalho

A seguir, Euristeu enviou Hércules ao Acre para trazer os mafagafos de Diomedes. Hércules deu Pringles aos Mafagafos e eles morreram, e os trouxe a Euristeu.

[editar] Nono Trabalho

A seguir, ele foi imediatamente mandado, desta vez para as margens do Mar Negro, para buscar o cuecão de couro da rainha das amazonas. Hércules levou um exército junto consigo nesta ocasião, mas nunca precisaria dele se Hera não tivesse criado problemas. Quando chegou à cidade das Amazonas de Temisquira, a rainha das Amazonas estava até feliz que ele levasse sua cinta; Hera, sentindo que estava sendo fácil demais, espalhou um boato que Hércules pretendia comer a própria rainha, iniciando-se um sangrento round. Hércules, é claro, conseguiu escapar com o cinturão de couro, mas após apenas duros combates e muitas mortes.


[editar] Décimo Trabalho (tá terminando! =D)

Para realizar seus três últimos trabalhos, Hércules foi completamente fora das fronteiras do mundo grego. Primeiro foi mandado além da borda do Mar para a distante Eritéia no extremo ocidente, para buscar o Rebanho de Gérião. Gérião era um formidável desafio; não apenas tinha um corpo triplo, mas para ajudá-lo a tomar conta de seu maravilhoso rebanho vermelho também utilizava um feroz pastor chamado Euritão e um cachorro de duas cabeças e rabo de serpente chamado Orto. Orto era o irmão de Cérbero, o cão que guardava a entrada do Lar das coisas boas, e o encontro de Hércules com Gérião é algumas vezes interpretado como seu primeiro encontro com a morte. Apesar de Hércules ter se livrado de Euritão e Orto sem muito dificuldade, Gérião, com seus três pintos pesadamente armados, provou ser um adversário mais formidável, e apenas após uma terrível luta, Hércules conseguiu matá-lo.

[editar] Ónzimo Trabalho

Quando retornou à Grécia, Euristeu enviou para uma jornada ainda mais desesperadora, descer ao Mundo Inferior e trazer Cérebro Cérbero, o próprio cão do Inferno. Guiado pelo deus mensageiro Hermes, Hércules desceu ao lúgubre reino dos mortos, e com o consentimento de Hades (o capeta, não o suco) e Perséfone, tomou emprestado o monstro assustador e de três cabeças para mostrá-lo ao aterrorizado Euristeu; isto feito, devolveu o cachorro a seus donos de direito.

Hércules como Super Saiyajin.

[editar] Dózemo Trabalho

Mesmo assim, Euristeu solicitou um último trabalho: que Hércules lhe trouxesse os Pomos do Ouro de Hespérides. Estes pomos, a fonte da eterna juventude dos deuses, cresciam em um jardim nos confins da terra; foram um presente de casamento de Géia, a Terra, a Zeus e Hera (não é mais). A árvore que dava as frutas douradas era cuidada pelas ninfas chamadas Hespérides e guardada por uma serpente. Os relatos de mentirosos historiadores variam sobre como Hércules resolveu este trabalho final. As fontes que localizam o jardim abaixo das montanhas Atlas, onde o poderoso Atlas sustenta os céus em suas costas, dizem que Hércules convenceu Atlas a pegar as maçãs por ele; enquanto fazia esta jornada, Hércules sustentou, ele mesmo, o céu; quando Atlas retornou, Hércules teve algumas dificuldades em persuadí-lo a reassumir o seu fardo. Outra versão da história sugere que o próprio Hércules foi ao jardim lutando e matando a serpente ou conseguindo convencer as Hespérides a lhe entregar as maças de um jeito peculiar. As maçãs de Hespérides simbolizavam a imortalidade, e este trabalho final significaria que Hércules deveria ascender ao Olimpo, tomando seu lugar entre os deuses.

[editar] Blá, blá, blá

Além dos doze trabalhos, muitos outros feitos heroicos e aventuras foram atribuídos a Hércules. Na sua busca do jardim das Hespérides, teve que lutar com o deus marinho Popeye Nereu para compelir o deus a dar-lhe as informações que necessitava; em outra ocasião enfrentou outra deidade marinha, Tritinho e Tritão. Tradicionalmente foi na Líbia que Hércules encontrou o gigante Anteu: Anteu era filho de Géia, a Terra, com Muammar Khadaffi e ele era invulnerável enquanto mantivesse contato físico com sua mãe. Hércules lutou com ele e ergueu-o do solo; desprovido da ajuda de sua mãe, ficou indefeso e chorão nos braços poderosos do herói (uuuuui!). No Egito, Hércules escapou por pouco de ser sacrificado pelas mãos do Rei Busíris Busários Busérios Basal. Um adivinho tinha dito a Busíris que o sacrifício de estrangeiros era um método infalível de se lidar com as secas. Como o advinho era Cipriota, tornou-se a primeira vítima de seu próprio conselho; quando o método se mostrou efetivo, Busíris ordenou que todo o estrangeiro temerário o suficiente a entrar em seu reino seria sacrificado. Na vez de Hércules, deixou-se ser aprisionado e levado ao local do sacrifício antes de se voltar contra seus agressores e matar uma grande quantidade deles. Hércules não raramente se envolvia em conflito com os deuses. Em uma ocasião, quando não recebeu uma resposta que estava esperando da sacerdotisa do Oráculo de Delfos, tentou fugir com o trípode sagrado, dizendo que iria criar um oráculo melhor por sua própria conta. Quando Apolo tentou detê-lo, ocorreu uma violenta discussão, que foi resolvida apenas quando Zeus arremessou um relâmpago entre eles.

[editar] Hércules era emo

Só não diga isso pra ele que ele dá uma de macho e te enche de porrada!

[editar] Miguxos

Hércules era muito leal aos seus amigos; mais do que uma vez ele arriscou sua vida para ajudá-los, sendo o caso mais espetacular o de Alceste. Admeto, Rei de Feres na Tessália, tinha feito um acordo com Apolo que, quando chegasse a hora de sua morte, poderia continuar a viver se encontrasse alguém que quisesse morrer em seu lugar. Entretanto, quando Admeto estava se aproximando da hora da sua morte, mostrou-se ser mais difícil do que tinha calculado arranjar um substituto; após seus parentes mais velhos terem egoisticamente se recusado ao sacrifício, sua esposa Alceste insistiu para que fosse a sacrificada. Quando Hércules chegou, ela já tinha descido ao Mundo Inferior, indo ele imediatamente atrás dela. Então lutou com a morte e venceu, trazendo-a de volta em triunfo ao mundo dos vivos. Hércules era o super-homem grego, sendo muitas das estórias de seus feitos interessantes contos de realizações sobre-humanas e monstros fabulosos. Ao mesmo tempo Hércules, assim como Ulisses, também atua como se fosse um homem comum, sendo suas aventuras como parábolas exageradas da experiência humana. Irritadiço, não extremamente inteligente, apreciador do vinho e das mulheres (suas aventuras amorosas são muito numerosas), era uma figura super carismática (aaaaai!); e no geral seu exemplo deveria ser seguido, pois destruía o mal e defendia o bem, superando todos os obstáculos que o destino lhe colocou. Além de tudo, ofereceu alguma esperança para a derrota da ameaça última e crucial do homem, a morte.

[editar] A morte dele! MWAHAHAHAHAHA!

O fim de Hércules foi caracteristicamente dramático. Uma vez, quando ele e sua nova noiva Dejanira estavam atravessando um rio, o centauro Firenze ofereceu-se para transportar Dejanira, e no meio da correnteza tentou raptá-la. Hércules matou-o com uma de suas flechas envenenadas, e ao morrer, Firenze, simulando arrependimento, incentivou Dejanira a pegar um pouco de sangue do seu ferimento e guardá-lo; se Hércules algum dia parecesse cansado dela, deveria embeber um traje no sangue e dá-lo para que ele o vestisse; após isso, ele nunca mais olharia para outra mulher. Anos mais tarde Dejanira lembrou-se deste conselho quando Hércules, voltando de uma distante campanha, mandou à frente uma linda princesa aprisionada pela qual estava evidentemente apaixonado. Dejanira mandou a seu marido um robe tingido pelo sangue; ao vestir a roupa, o veneno da Hidra penetrou na sua pele e ele tombou em terrível agonia. Seu filho mais velho, Hilo, levou-o ao Monte Eta e depositou seu corpo, retorcido porém ainda respirando, numa pira funerária, a qual acabou sendo acesa pelo herói Filoctetes. Entretanto, os trabalhos de Hércules asseguraram-lhe a imortalidade, assim ele subiu ao Olimpo e assumiu seu lugar entre os deuses que vivem eternamente para sempre.Ou é mais provavel que ele tenha sido fodido por Kratos no god of war 3 onde sua cabeça vai para coleção de Kratos provando que ele é o mais fodão do universo inteiro.

[editar] Inimigos

Seus principais rivais eram:

  • Medusa, uma moça sexy com serpentes na cabeça.
  • Hera, uma deusa olímpica que dormia com Zeus.
  • Hades, o Senhor dos Infernos, quando Satanás ainda era um bebê.
  • Olifante, um mamute versão obsoleta.
  • Malebólgia, um demônio.
  • Minotauro, um cara que usava anabolizantes e vivia num labirinto em Creta.
  • Midas, Rei de Creta, pai de um vagabundo homossexual chamado Platão.
  • Harpia, uma mulher com asas e cabeça de águia. Recentemente deu o ar da sua graça no YuGiOh! (que interessante) onde estava mais sexy e com um bico que mais parecia o nariz do andrógino Lady KK (quer dizer Gaga). Aparentada com a Mulher-Gavião, é a versão feita da raça thanagariana.
  • Kratos, que mata ele no god of war 3

[editar] Fatos

O herói da mitologia grega era na verdade, uma bicha. Aquela pele de leão? Foi presente do namorado dele, Teseu. Os doze trabalhos? Foi por roubar a sombra de Héres. Os músculos? Bem, eles eram reais, mas era só porque Teseu gostava de homem sarado! Mas a maior prova, é que na verdade todos os gregos eram gays, com raras exceções (Por exemplo, os espartanos eram muito machos). Todos, sem exceção.

Cquote1.png Isto é um pretexto preconceituoso para tentar fazer desmerecer a vitória grega na Eurovisão 2005 porque a cantora tem noivo ou não é mais uma puta que só sabe cantar as mesmas baladecas em francês do tempo da ditadura do Salazar Cquote2.png
Takis Tsoukalas

Porque você acha que os deuses gregos foram banidos pro Olimpo? Porque ficava na Grécia, e eles teriam de aguentar toda a viadagem!

Cquote1.png Isto é um pretexto preconceituoso para tentar fazer desmerecer a vitória grega na Eurovisão 2005 porque a cantora tem noivo ou não é mais uma puta que só sabe cantar as mesmas baladecas em francês do tempo da ditadura do Salazar Cquote2.png
Takis Tsoukalas

Aí, Zeus mandou seu filho, Hércules, para decretar que agora todo mundo iria comer Mulher. Mas Hércules caiu na viadagem, e se engraçou com Teseu, que segundo Orfeu e Romeu informaram posteriormente, era um tesão mesmo. Por causa disso, foi expulso do Olimpo e perdeu a imortalidade, que a propósito nunca teve, pois semi-deuses não são imortais, são humanos.

v d e h
As Forças do Bem

Deus.jpg
Vitral pedofilo.jpg
v d e h
Sonics.gif|||Tabela Periódica dos Bons Elementos||||Sonics.gif

  1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 24 42 51 69
1 D
Ss
Φ Jc Ry
Ns Am Ar Ag Jn Bv
2 Cn G
Mt Lk Sp Sn Sj Aj
e Bu Me Ma H Bm Ul Te Pe Ax Rh Sh S C Nm Jd Jg Fg Ay
3 Kt Ms Bl Jl Jh T Mi Hz Z Ww Bo M Jp Is Ab Po Fa P
π Tu Du Y Ls Ne Op Gd N Cu Ll Jo Za L Ci Fr Jk Sa K
4 At Hp * Ti Mq Oc Ra Le Al El Jb Au As O Da Mg Sg Di
5 Gn Hh ** Be Mv Ja Jy Ji Wi Sl Gv Pr Lu Mr Lk Dl Si Js
Dr Ge *** Ib Hu So Pt Df Pi Pp Ps Si Bn Ca Sb Ap Mn St

* Série dos ONGônios Mf Gp W Cv Ae Aa Ce U Dn I Ia Rt Tt Mo Pa
** Série dos Heronídeos Su B Mm Lv Aq Ha De Se Li Co Ch Cp Rc He F
*** Série das Femininas Hr Cd Sm Mq O Cm Ep Ag Bb Ig Di Mmi Cm Cl Pd


 
v d e h
v d e h

A "Grande" Série Kingdom Hearts
v d e h
Mickeeeey.png Coisas da Disney
Branca de neve e 7 anoes04.jpg


Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas