Hack

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa



Jogadores brasileiros na visão dos americanos. A realidade é ainda pior.

Cquote1.png Você quis dizer: Disco do Information Society Cquote2.png
Google sobre Hack
Cquote1.png Enquanto você lê, eu te hackei... PUTA QUE PARIU, VOCÊ É SÃO PAULINO? Cquote2.png
Eu sobre Você
Cquote1.png Hack é para os noobs! bora x1 ae viado? Cquote2.png
Nerd Viciado sobre Hack
Cquote1.png eu e tu, tu e eu s2 s2 todos na cama Cquote2.png
emo viadinho sobre sobre hacker

Um hack é um programa utilizado para bagunçar outros programas, em especial jogos online no computador, dando uma vantagem imensa ao hacker em relação aos outros jogadores.

Na maioria do mundo o uso de hacks é proibido, mas se você entrar em qualquer jogo online brasilero e contar para alguém que você não usa hack, os outros te chamam de noob, te chutam da sala, te denunciam e você é banido por algum GM careca e suado e que também te acha noob pra caramba por jogar honestamente.

Utilidade de um hack[editar]

Um hack serve, principalmente, para apoiar a televisão e o vídeo cassete ferrar a vida do jogador alheio. Alguns hacks são idiotas mas inocentes, como aqueles que fazem seu personagem dar respostas automáticas (geralmente retardadas) quando ouvem determinada palavra, mas a maioria serve apenas para o jogador conseguir uma espada bem grande para compensar ter um pênis bem pequeno.

Tipos de hack[editar]

Existem muitos tipos de hack que variam de um jogo para outro, mas os mais comuns são:

Racko exp3rt[editar]

Um Racko exp3rt mestre consegue HACKEAR o CABO DO MODEM para aumentar infinitamente a velocidade da conexão de internet.

Esse tipo é aquele que cria tópicos em sites de relacionamentos, achando que é programador e quando alguém experiente chega, sai pianinho, sai que nem peido.

Exemplo de racko: G3rtrud3s Racko pobre: Hell

Bot[editar]

Esse é de longe o mais comum de todos. Embora não seja exatamente um hack, ele é um programa que faz o seu paladino pobre criado na conta do seu irmão (para que caso dê merda ele seja banido e não você) ande, ataque e pegue itens sozinho, permitindo que você vá a a um jantar romântico com sua namorada enquanto o computador joga por você. Nos MMORPG brasileiros eles são uma grande horda robô. Sua inteligência não diferencia um monstro selvagem de um cogumelo que seu alquimista acabou de cultivar, então use isso ao seu favor para criar uma grande fazenda de bots, criando vários cogumelos que serão idiotamente atacados por todos eles. Quando cansar, chame um GM e veja ele realizar um banimento massivo (em servidores piratas) ou um banimento único, o seu, por ser um dedo duro mão de vaca que só comprou 200 cash a vida toda (servidores pagos).

Aimhack[editar]

Este é praticamente exclusivo do GunBound, do Pangya e de outros jogos com um alvo a ser atingido. responsável por agradáveis partidas em que você erra o alvo por 20 cm e fica feliz com a facilidade que isso proporcionou à seu próximo disparo/tacada, aí chega o turno do oponente e ele, apesar de estar mais longe do que você, acerta o alvo de primeira, e quando você tenta se animar achando que foi técnica ou sorte (típica ilusão dos jogadores honestos novatos) ele acerta de novo e de novo, e para piorar quando você erra ele te chama de noob retardado que não sabe nem encontrar um site de hack no google.

Hack de dinheiro[editar]

Não felizes por aniquilar a chance dos jogadores honestos de ganhar uma partida, alguns hackers, mesmo cientes que não precisavam de equips melhores que os iniciais para ganhar com seus tiros certeiros mísseis teleguiados, resolveram ferrar com a economia do jogo, só para que os novatos achassem estar diante de um cara bem fodão que jogou a vida inteira para conseguir tudo isso (apesar de qualquer jogador ver um cara super bem equipado apenas como um nerd sem vida que mora no porão da casa da mãe). Assim como com todos os outros hacks, no início os GMs dos jogos apontaram e riram, pois afinal dane-se a jogabilidade e o dinheiro de mentrinha do jogo, eles ganhavam dinheiro de verdade através dos itens vendidos por cash. Aí os hackers descobriram como hackear cash. Foi assim que alguns vários servidores brasileiros foram a falência, para a tristeza de todos (até dos caras-de-pau dos hackers). Mas independente disso os usuários injustiçados ainda riem quando imaginam cara dos Game Masters negligentes ao perceberem a merda que tinham deixado acontecer e poderiam ter evitado.

Hacking em servidores estrangeiros[editar]

Por causa da noobice onipresente em 95% dos jogadores brasileiros, que acreditam que um jogo é uma parte incompleta de um quebra cabeça a ser preenchido com todos os hacks que existem, os brasileiros estão banidos de praticamente todos os jogos estrangeiros, e nos poucos servidores que não foram banidos eles são hostilizados e tem que dar a bunda para os game masters carecas e suados locais frequentemente para não serem banidos.

Veja também[editar]